Home Noticiário Nacional Amorim: F-X2 ‘será concluído em breve’ e há interesse em ‘quinta geração...

Amorim: F-X2 ‘será concluído em breve’ e há interesse em ‘quinta geração de aviões de combate’

219
12

NOVO - Protesto pró - F-X2

País quer aprofundar parceria com a Rússia, diz Amorim

ClippingNEWS-PAO ministro da Defesa, Celso Amorim, disse que o Brasil está interessado em aprofundar uma parceria militar estratégica com a Rússia que poderá incluir a cooperação na área cibernética e, no futuro, a possibilidade de o País comprar aviões de combate russos. Ele fez essa afirmação depois de reunir-se em Brasília com o ministro da Defesa da Rússia, Sergei Shoigu.

Segundo Amorim, o Brasil e a Rússia concordaram em estabelecer um grupo de trabalho sobre defesa cibernética. O País passou a ver maior necessidade de melhorar seus sistemas de defesa cibernética depois da revelação de que a Agência de Segurança Nacional dos EUA (NSA) espionou vários “alvos” brasileiros, entre eles a presidente Dilma Rousseff e dirigentes da Petrobras.

De acordo com o Ministério da Defesa, o Brasil deverá receber no primeiro trimestre de 2014 os últimos três helicópteros militares russos MI-35M, de um total de 12 adquiridos. O Brasil também espera concluir um acordo para comprar cerca de US$ 1 bilhão em equipamento de defesa antiaérea russo em meados do próximo ano.

Amorim também disse que o processo de seleção da quarta geração de aviões de combate para a Força Aérea Brasileira (FAB) “será concluído em breve” e que o Brasil também está interessado em discutir a possibilidade de comprar caças da Rússia no futuro. “Estamos muito interessados em ouvir sobre e em discutir uma quinta geração de aviões de combate com nossos parceiros”, acrescentou o ministro.

Em um processo iniciado ainda durante o governo de Fernando Henrique Cardoso, o Brasil está selecionando o fornecedor de 36 novos aviões de combate, em um contrato que poderá chegar a US$ 5 bilhões. Os três finalistas são o Rafale, produzido pela francesa Dassault Aviation, o F/A 18E/F Super Hornet, da norte-americana Boeing, e o Gripen, da sueca Saab.

FONTE: Agência Estado, via Território Eldorado (com informações do Dow Jones Newswires)

NOTA DO EDITOR: os destaques em negrito são nossos, assim como o título. A chamada original é o atual subtítulo.

VEJA TAMBÉM:

Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Augusto
Augusto
6 anos atrás

Eu estou ouvindo que esse FX-2 “será concluído em breve” há pelo menos uns 4 anos.

eduardo pereira
eduardo pereira
6 anos atrás

Eta nóis !! O papo foi bâo mesmo cumpadi to começando a achar que os vidros em Brasilia serao quebrados ao som de big motores de Sukhoy’s num futuro nao tao distante !!rs

Nick
Nick
6 anos atrás

Esse “em breve” do MD Cone não quer dizer nada. Mas nada mesmo. Nadica de nada. Nothing. NAADAAAAAAA!

Resumo da história: muito blá-blá-blá e nada de concreto nem mesmo as baterias anti-áereas russas.

A pérola do dia foi:”Brasil também está interessado em discutir a possibilidade de comprar caças da Rússia no futuro”

INTERESSADO em DISCUTIR no FUTURO : Ou seja vamos falar disso mais pra frente, quem sabe tenhamos algum presidente com capacidade de decidir alguma coisa. Hoje só temos uma presidente que não quer NADA com NADA, a não ser é claro se reeleger.

[]’s

Baschera
Baschera
6 anos atrás

Nada de novo… o Brasil é o eterno país do “futuro”. Que não chega nunca…. Os editores e muitos colegas aqui sabem que este processo, inicialmente chamado de Projeto Fênix, iniciou seus estudos preliminares em 1991, ainda no âmbito interno da FAB, e, em 1996, passou a ser conhecido como “FX”… e se arrasta como um zumbí até os dias de hoje….e não foi decidido ainda. Então, se um processo iniciado a mais de vinte anos ainda não foi concluído… este tal “futuro” dito pelo MD será quando o “messias” voltar…. Recomenda-se ao russos, portanto, uma certa dose de paciência… Read more »

Bogaz
Bogaz
6 anos atrás

Traduzindo o texto conforme a nocão de tempo do governo:

“Muito em breve” = pelo menos 17 anos.

“Futuro” = com certeza não vamos estar vivos para ver isso.

E so uma questão de interpretacão.

glaison
glaison
6 anos atrás

Eu gosto do assunto aviação.
Mas quando tem essas noticias aqui no PA, eu sinto uma tristeza. Não teremos caças, a não ser que quem for vender seja associada a uma empreiteira, e nós sabemos disso.
Só vende quem patrocina o governo, e ainda assim, em uma condição económica favorável. Não é o caso.
Falam do PT, mas FHC também não resolveu. Não há diferença entre governos, assim, como não existe diferença entre o resultado.
Nenhum.

thomas_dw
thomas_dw
6 anos atrás

não sabia que o Amorim contava piadas tao boas.

DrCockroach
DrCockroach
6 anos atrás

Depois que o Nunao disse que o Galante se recusa a comentar sobre o FX-2, adotei a mesma politica. Mas, em contraste, minha promessa fica valendo ateh a proxima vez que o DrCockroach volte a falar do FX-2 🙂 O que nao entendo sobre o CA eh que ele fica dando prazos, dando promessas, e nao cumprindo, sem nenhuma vergonha. Este homem eh um pecador, o que ele vai fazer agora, correr p/ se esconder atras de uma pedra? O momento musical continua com a fantastica Nina Simone (“Sinnerman”): http://youtu.be/0hcEiEyylEA Oh Sinnerman, where you gonna run to? Sinnerman, where you… Read more »

Edgar
Admin
Reply to  DrCockroach
6 anos atrás

Realmente, o FX-2 será concluído em breve

Marcos
Marcos
6 anos atrás

O Brasil não é o país do futuro. É o país do passado, que já foi e nunca será alcançado.

Oganza
Oganza
6 anos atrás

Esse Sr. Ministro é uma pústula no corpo da raça humana, mas a minha briga é com a imprensa, que hj no Brasil é uma porcaria de papagaio que só repete o que os outros falam, ninguém questiona, ninguém da opinião…. hj eu não assino mais nada, revista, tv, rádio… está tudo na núvem… mas eu sou uma minoria que tem acesso a isso e o mínimo de disposição de buscar publicações que estão sendo oferecidas como assinaturas. Na boa, esses grupos de comuicação não merecem um centavo meu… não enrriqueçam mais esses sangue-sugas. Fica aqui o meu apelo por… Read more »