segunda-feira, maio 17, 2021

F-X

Caça F-X: Oito empresas japonesas participam do programa de desenvolvimento

O Nikkei revelou que oito empresas japonesas estão participando do desenvolvimento do caça F-X. A contratada principal será a Mitsubishi Heavy Industries (MHI). A IHI Corporation desenvolverá o motor, a Subaru e a Kawasaki Heavy Industries construirão a fuselagem, a Mitsubishi...

Japão amplia acesso estrangeiro ao projeto do caça F-X

  O Ministério da Defesa do Japão (MoD) publicou um aviso convidando empresas estrangeiras a se engajarem em seu projeto de desenvolvimento de aeronaves de caça de próxima geração. O edital – emitido em 25 de agosto – convida as empresas...

Japão favorece projeto nacional de caça após rejeitar projetos estrangeiros

TÓQUIO – O Japão quer desenvolver um caça furtivo localmente, rejeitando os projetos da Lockheed Martin Corp e da Boeing Co. nos Estados Unidos e da britânico BAE Systems PLC, disseram à Reuters três fontes com conhecimento do programa. Isso...

Coreia do Sul aprova encomenda de 40 caças F-35A

País finalizou sua seleção formal do caça F-35A Lightning II e anunciou intenção de assinar carta de oferta e aceitação para 40 exemplares - Segundo nota divulgada pela Lockheed Martin na quarta-feira, 24 de setembro, a República da Coreia (Coreia do...

Kfir C10: o tampão que não veio (parte III)

O texto abaixo foi publicado no ano de 2002 no site Defesanet. Na época (infelizmente) o blog do Poder Aéreo ainda não exista, mas nossa preocupação com o programa de renovação da frota de caças já era recorrente. LEASING DE...

Kfir C10: o tampão que não veio (parte II)

Ontem publicanos um post com o tílulo "Kfir C10: o tampão que não veio". O texto mostra as vantagens que o Brasil teria com a aquisição de  caças israelenses IAI Kfir usados. Hoje replicamos um artigo publicado pelo jornal...

Kfir C10: o tampão que não veio

Os trechos transcritos abaixo pertencem ao artigo "Projeto KFIR-C10: uma história jamais contada", cujo autor é o tenente-brigadeiro-do-ar Lauro Ney Menezes. O artigo foi publicado na revista do Incaer "Ideias em destaque" nº 30 de 2009. Para ter acesso...

Se arrependimento matasse…

No início de 2002 a governo dos Estados Unidos ofereceu à FAB uma opção de caças usados em lugar do programa F-X. A oferta era composta por 12 caças F-16A e sete F-16B que pertenciam à Real Força Aérea...

Entrevista com o ex-ministro da Aeronáutica, tenente-brigadeiro do ar Mauro José Miranda Gandra

Durante a cerimônia de inauguração da Academia de Ciências Aeronáuticas do Centro Tecnológico Positivo, na última quarta-feira (24) em Curitiba, a equipe da revista Forças de Defesa entrevistou um dos palestrantes convidados, o ex-ministro da Aeronáutica e atual presidente...

No Livro Branco de Defesa Nacional aparecem dois programas de caças: F-X2 e F-XBR

No Livro Branco de Defesa, no Quadro das Prioridades da Força Aérea nas páginas 202 a 204, na parte 4, da Capacitação Operacional da FAB, o texto diz assim: F-X2: Aquisição de 36 caças multimissão para substituir os Mirage 2000....
- Advertisement -spot_img

Latest News

Fábrica de aeroestruturas da Saab no Brasil otimiza processos para o Gripen com uso de tecnologia digital

Muito se fala em digitalização das atividades industriais para melhorar os processos e aumentar a produtividade. Na fábrica de...
- Advertisement -spot_img