Home Aviação de Patrulha O patrulheiro e caçador que queria chegar em alto estilo

O patrulheiro e caçador que queria chegar em alto estilo

413
15

História escrita e enviada para o Poder Aéreo por Franco Ferreira

Antes de 1999, eu atuava com ultraleves na empresa existente no hangar 850, no Campo de Marte. Certo dia, a secretária Graça me deu um recadinho manuscrito onde se podia ler: Cmte. Alberto Torres/ 260 6332/Cel Franco. O Cmte. Alberto Torres, que se encontrava no telefone 260-6332, havia me procurado… Mas por que me procurava Alberto Torres”?

Alberto Martins Torres, aviador com 163 missões na 2ª Guerra Mundial (64 na patrulha e 99 na caça), autor do disparo que afundou o U-199 ao Sul da Baia de Guanabara e do lançamento da bóia que salvou os sobreviventes; depois, empresário bem-sucedido. Autor de Overnight Tapachula.

O que queria, o insigne aviador? Pouco, muito pouco: só o canto do cisne! Ele era o convidado especial, na data das festividades da Aviação de Patrulha, em Salvador. Queria chegar em alto estilo, desembarcando de um avião anfíbio, no pátio, nos instantes anteriores à solenidade. Mas como?

Eu trabalhava na venda de ultraleves da EDRA. Com um deles (U-3164) já tinha rompido um efêmero recorde mundial (ver recorte de jornal abaixo) E, com outro, o primeiro exemplar importado da França  –  U-4056,  havia feito um ensaio em voo capaz de vender 300 unidades ao governo do Canadá.

E Alberto Martins Torres sentou-se no banquinho da minha sala para conversar sobre ultraleves anfíbios!

Recorte de jornal (via Franco Ferreira) sobre o voo recorde em Ubatuba, de 29 de julho de 1991.

 Fotógrafo: Arnaldo Oliveira

Foto (via Franco Ferreira) do U-4056, tirada durante uma reforma conduzida em Ubatuba. Na lateral direita aparece a ponta-de-asa de um MX1, o primeiro feito pela Microleve. Ambas as aeronaves são do 850 Aviation Clube e estão apreendidas pela INFRAERO junto com o primeiro Flyer GT.

Sugeri assim: Ele faria o exame médico em um médico credenciado. Depois, nós dois treinaríamos uns toques e arremetidas em Ubatuba. Opôs-se o insigne aviador. Falaria com o Comandante do COMAR e faria o exame médico no HASP (Hospital de Aeronáutica de São Paulo). Eu tentei demovê-lo da ideia, sem sucesso.

Alguns dias depois, um abatido Torres encontrou-se comigo, de novo, na minha sala. Trazia às mãos um exemplar do seu livro que guardo com respeito e admiração. Uma das honrarias que recebi foi ser tratado de companheiro por Alberto Martins Torres!

TEXTO: Franco Ferreira (tenente-coronel da reserva da FAB)

VEJA TAMBÉM:

Subscribe
Notify of
guest
15 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Invincible
Invincible
9 anos atrás

Não sei se é impressão minha, mas parece que faltou um pedaço do texto.

Leandro
Leandro
9 anos atrás

Ué…cadê o final da história?!?!

souzat19
souzat19
9 anos atrás

não entendi nada desta materia!!

Drcockroach
Drcockroach
9 anos atrás

Conclui que ele nao tivesse passado no exame medico.

Li a biografia e me chamou atencao que ele ficou arrepiado quando o final da guerra foi anunciado. Como escutei uma vez de um veterano, guerra nao eh gloria, nobreza, glamour, eh sim horror; herois sabem disto.

Curiosidade: Por que os ultras da foto foram apreendidos pela infraero?

[]s!

W@sh
W@sh
9 anos atrás

Nooossa !!! Quantas dúvidas ficaram . . .
Ele foi fazer um exame no HASP. Quem no HASP poderia impedí-lo de fazer o vôo ao qual intensionava?
Então o que teria havido? Foi reprovado no exame médico?
Também queria saber o motivo da apreensão dos ultraleves.

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
9 anos atrás

Caro Alexandre Galante,

Eu criei meu Avatar la no site da empresa que fornece essa Application.

Como tenho que proscender para “colar” a foto do Avatar no seu blog?

Alguem poderia me ajudar?

Obrigado.

Robson
Robson
9 anos atrás

Eu num intidi!!

Vader
9 anos atrás

Tadeu Mendes disse:
20 de setembro de 2010 às 15:23

Tadeu, dê uma olhada nesse post e veja se ajuda.

http://www.aereo.jor.br/2010/05/19/quem-quer-ficar-bonito-na-foto/

Abs.

Raptor
Raptor
9 anos atrás

Eu acho que o desgosto do Coronel e com a absoluta falta de atenção e incentivo, e o excesso de burocracia com a aviação leve e desportiva. Com o preço da AVGAS maior do que a melhor gasolina automotiva aditivada que se possa encontrar, aeroclubes, pequenos empresários, etc… que se utilizam deste meio, não aguentam. E depois reclamam por falta de pilotos qualificados. Quem aguenta pagar hora de vôo na casa da morte… Eu que o diga… A aviação brasileira sofrerá um grande aumento e se nada for feito em prol da aviação geral, local tradicional da formação de pilotos… Read more »

Raptor
Raptor
9 anos atrás

E quanto custaria o desenvolvimento de uma maravilha desta….

Mais barato que manter 1 deputado nos quatro anos de seu mandato…

É ou não é um motivo para se ficar magoado, no mínimo..

Ahhhh….

Raptor
Raptor
9 anos atrás

Pensando bem, não passa do preço de 1 ___________

E rir para não chorar…

COMENTÁRIO EDITADO

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
9 anos atrás

Vader, Obrigado pela dica. Mas eu ja fiz o Upload da “foto”. mas nao sei como baixar essa foto para o site Poder Aereo. Voco poderia me dizer como fazer essa operacao? Como colar essa foto ao lado dos meus comentarios? Obrigado. NOTA DOS EDITORES: TADEU MENDES, NORMALMENTE, SE VOCÊ JÁ SUBIU A IMAGEM NO GRAVATAR E A SELECIONOU PARA SER O SEU AVATAR, ELA VAI APARECER AUTOMATICAMENTE AQUI TAMBÉM, DESDE QUE O SEU E-MAIL CADASTRADO AQUI NO BLOG SEJA O MESMO QUE VOCÊ CADASTROU NO GRAVATAR. ÀS VEZES ISSO DEMORA UM POUCO PARA APARECER, DEVIDO À MEMÓRIA CACHE DOS… Read more »

Jim Bubble
Jim Bubble
9 anos atrás

Esse hangar de Ubatuba (Abul)Abul foi e eh praticamente mninha casa.

Saudades do Sr. Feijao.

Tadeu Mendes
Tadeu Mendes
9 anos atrás

Obrigado. Ja vi a pequena imagen do meu Avatar.
Que pena que sao tao pequenos, mas e melhor do que nada.