Eurofighter Typhoon para o Kuwait - imagem 2 via Eurofighter

Contrato foi assinado entre o Ministério da Defesa do Kuwait e o grupo italiano Finmeccanica, representante do consórcio Eurofighter para o negócio

O consórcio Eurofighter divulgou nota nesta terça-feira, 5 de abril, informando sobre a assinatura de contrato pelo Governo do Kuwait para 28 jatos Eurofighter Typhoon, 22 do tipo monoposto e 6 do tipo biposto.

Segundo a nota, a assinatura se dá após o anúncio de um acordo entre os governos do Kuwait e da Itália, feita em 11 de setembro de 2015, para a encomenda das aeronaves.

Os 28 caças serão do padrão “Tranche 3”, equipados com radares E-Scan, de varredura eletrônica ativa, que é um produto do consórcio europeu Euroradar, liderado pelo grupo Finmeccanica.

Eurofighter Typhoon para o Kuwait - imagem via Finmeccanica

470 caças já entregues – Com a assinatura do contrato, o Kuwait se torna o oitavo cliente do programa Eurofighter e o terceiro da região do Golfo Pérsico, seguindo-se à Arábia Saudita e ao Sultanato de Oman, este último com 12 caças contratados em dezembro de 2012.

Ainda segundo a nota do consórcio, desde a entrada em serviço do primeiro Eurofighter Typhoon, no final de 2003, mais de 470 exemplares já foram entregues a seis nações: Alemanha, Reino Unido, Itália, Espanha (os quatro parceiros originais do programa), Áustria e Arábia Saudita.

O Typhoon serve atualmente em 22 unidades operacionais e, até o momento, a frota completou mais de 330.000 horas de voo no mundo.

Eurofighter Typhoon- imagem via Finmeccanica

Logística, apoio, treinamentoO grupo italiano Finmeccanica, responsável no âmbito do consórcio pela campanha comercial junto ao Kuwait, também divulgou nota sobre o negócio, trazendo mais alguns detalhes. Apesar das notas tanto do grupo italiano quanto do consórcio europeu não informarem o valor do negócio, foi informado que se trata do maior contrato já firmado pelo grupo Finmeccanica, e o pacote inclui serviços de logística, apoio operacional e treinamento tanto de pilotos quanto das equipes de terra. O treinamento terá colaboração da Força Aérea Italiana.

O contrato, cuja assinatura contou com a presença da ministra da Defesa da Itália, Roberta Pinotti, e do ministro da Defesa do Kuwait, general Ahaled Al Jarrah Al Sabah, também inclui a atualização da infraestrutura necessária para a operação dos jatos.

Eurofighter Typhoon para o Kuwait - imagem via Eurofighter

IMAGENS: Finmeccanica e Eurofighter

VEJA TAMBÉM:

37
Deixe um comentário

avatar
36 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
17 Comment authors
Fernando "Nunão" De MartiniAéreoFernandoEng.LeonardoMauricio R. Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
EParro
Visitante
EParro

Rafale pro Qatar, Typhoon para Kuwait! Os brimos estão renovando suas forças aéreas.
E faz uns 50 anos que o petróleo vai acabar.

Antunes
Visitante
Antunes

O 3d da primeira imagem ta de parabéns. Quase me enganou. Especular ali do armamento triplo (não sei que arma é essa) entregou.

Bosco
Visitante

Antunes,
São 4 Meteors, 2 Iris-T, 6 Brimstones, 4 Paveway e um pod Sniper.

kfir
Visitante
kfir

OFF Sukhoi’s da Venezuela fazem voos na fronteira. FAB tem F-5 em Anápolis 6 Leandro Mazzini 05/04/2016 11:30 http://colunaesplanada.blogosfera.uol.com.br/2016/04/05/sukhoi-da-venezuela-fazem-voos-na-fronteira-fab-tem-f-5-em-anapolis/ Nos últimos dias a Força Aérea da Venezuela tem feito sobrevoos com seus potentes caças na região amazônica na fronteira com o Brasil, conta fonte da Coluna. Pode ser só um exercício aéreo – raro para aquela região – ou pode ser outro devaneio do presidente aloprado Nicolás Maduro. A Força Aérea Brasileira tem apenas dois caças F-5, com alcance menor que os aposentados Mirage, na base de Anápolis (GO), a 100 km da capital Brasília. Maduro, que afundou a Venezuela… Read more »

Ocidental Sincero
Visitante
Ocidental Sincero

País do tamanho da região metropolitana de São Paulo dando um banho em se tratando de defesa aérea. Região sempre instável merece um vetor capaz de dar conta do recado. Typhoon impõe respeito. Aiatolás, Terroristas e Russos metidos a besta que se cuidem.
.

Lewandowski
Visitante
Lewandowski

Melhor caça interceptador de 4G da atualidade. Tem o Su-35, mas ainda duvido das capacidades do Super Flanker.
.
Mas US$ 9 bilhões por 28 aeronaves… Hooo, Manuel, pega a calculadora aí!
.
Absolutamente, o caça 4G mais caro do mundo. Mas quem pode, pode…
.
Sds.

Bardini
Visitante

O Qatar pagou U$ 7,5 bi por 24 Rafale, mas tinha muita coisa envolvida no negócio, como o que esta contido no contrato dos 28 Typhoon não foi informado não acho que seja muito justo pedir pro seu Manuel dividir U$ 9 bi por 28.

Carlos Campos
Visitante
Carlos Campos

Eu acho o F18SP o melhor da sua geração mas o Typhoon não é pouca coisa, é um super caça, vai levar o país a ser respeitado por qualquer um

_RJ_
Visitante

Respeito muito esse caça de bigode aí na foto!

Lewandowski
Visitante
Lewandowski

Bardini,
.
Concordo. Só postei porque já vi foristas afirmarem que o Rafale era o caça mais caro do mundo. Parece que não.
.
Sds.

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

Não existe caça de 4a geração barato, ou caro, existe caça de 4a geração mais caro, ou menos caro. Mas o que existe mesmo é caça com relação custo-benefício mais, ou menos favorável, de acordo com a necessidade do cliente, com a disponibilidade e vontade deste de pagar o preço que achar necessário.

No mais, é mais um contrato assinado por um eurocanard e mais um biturbina.

Até mais!!! 😉

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Grana gasta a toa. Nem precisava, os Âmis estão no falso país com quatro unidades militares fixas.
Avião de combate para quê ?
Fora o que os Âmis mantem na região etc etc etc
Com essa posição de fim de funil no golfo, só rindo.
Mais quando o SH invadiu eles estavam armados, o que fizeram ? Correram para SA.
_____________________________

Quem deve estar feliz pra carvalho é o Ivany Junior, outro que sumiu !
Ele é Tufão roxo. (rs).

Iväny Junior
Visitante
Member

Oi Carlos Alberto

Essa bola já tinha sido cantada faz tempo, haha. E apesar da minha antipatia com a direção da dassault, também fiquei feliz com o salvamento do rafale.
Acredito que o Typhoon é o caça mais capaz do mundo atualmente (não só eu), mas como já conversamos outras vezes, nenhum caça está em uma vantagem de 10×1 em paridade de gerações. Nas contas de padaria, são 322 milhões por caça, daria pra comprar 12 F-16 block 50/52.
Mas quem pode, pode.

Saudações a todos 😀

Mauricio R.
Visitante

Quanto há de “logistics and operational support” e “Ground-based infrastructure required for the Typhoon”, no valor deste contrato????
.
“The contract also covers logistics and operational support, plus training of Kuwaiti air force flight and ground crews in conjunction with the Italian air force, which also operates the type. Ground-based infrastructure required for the Typhoon will also be installed in Kuwait.”
.
(https://www.flightglobal.com/news/articles/kuwait-places-order-for-28-typhoons-423884/)

Eng.Leonardo
Visitante

pqp, quase o mesmo preço do caça mais cara do mundo o F-22.

kfir
Visitante
kfir

Acredito piamente que a A Embraer, poderia pelo menos desenvolver a célula de um caça para o Brasil, talvez até poderíamos fabricar as turbinas e o software de gestão da aeronave.
A vantagem é que se pode pagar com Reais e não se precisaria de dólares para estas partes.

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

Carlos, estes aviões não são para, tão somente, fazer frente aos Aiátolas (para esperar a ajuda dos Âmis), mas ter capacidade crível de fazer frente (pelo menos por um tempo) aos sauditas. Eles estão se estranhando nestes últimos meses/anos.
Até mais!!! 😉

EParro
Visitante
EParro

kfir 5 de abril de 2016 at 21:02

Tomara que viessem logo todos os 23! Queria ver eles voltando para suas bases.

Fernando
Visitante
Fernando

Está ai um caça que não acho tão bonito assim. E olha que está ganhando do Rafale em vendas; produção: Thyphoon (444 unidades) Rafale (133 unidades)

EParro
Visitante
EParro

Mauricio R. 6 de abril de 2016 at 2:44

Mas Maurício R., eles não têm problemas com grana! A Finmeccanica, ao que parece, é que vai ajeitar o caixa!

Fernando
Visitante
Fernando

Esta correto essa informação? Custo unitário Typhoon € 90 milhões \ Rafale Rafale B: €74 milhões \ Rafale C: €68,8 milhões \ Rafale M: €79 milhões
Para mim o Rafale era bem mais caro.

EParro
Visitante
EParro

Carlos Alberto Soares 6 de abril de 2016 at 1:41

Não só o Iväny Junior, a Finmeccanica deve estar rindo à toa!

Bardini
Visitante

Finmeccanica mais adiante ao que parece mudará de nome, adotará Leonardo, em referência ao grande gênio italiano.

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Iväny Junior 6 de abril de 2016 at 2:07 _______________________________ Caro Amigo, bom “vê-lo” aqui, fico feliz por você estar feliz, mais Tufão no golfo. _______________________________ Mas reitero para quê ? _______________________________ Wellington Góes 6 de abril de 2016 at 12:11 Arabia Saudita ? Ambos são sunitas, na 1ª guerra do golfo os caras correram para a SA, a SA bancou parte da reconstrução. “Se estranhando” ? Tens um link confiável ? Mais um WG, mais um ….. Italianos, Alemães, GB e Españois felizes, ……………. ah o Iväny Junior também. ________________________________ WG, conheces as três FA’s da SA ? ________________________________… Read more »

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

“WG, conheces as três FA’s da SA ?”
a FA da SA ?
Melhor.

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes
Antunes
Visitante
Antunes

Bosco,

São os 6 Brimstones então. A reflexão da cabeça do armamento tem shade bastante default de 3d.

Bosco
Visitante

Antunes,
Pela “janela” transparente deve ser o Brimstone Dual Mode, com orientação dupla, por radar de onda milimétrica e laser semi-ativo.

Carlos Alberto Soares
Visitante
Carlos Alberto Soares

Wellington Góes 6 de abril de 2016 at 15:27
WG
O assunto surgiu em 2014 por causa de poluição.
Não conheço o site,
quanto ao sitio, como vc bem diz, replicado.
Não tenho por hábito acompanhar os nacionais,
acompanho alguns poucos internacionais.
Mas posso te afirmar:
Como a SA vai invadir o K com bases americanas lá e a
família Saudi tendo os USA como seu maior aliado ?
Mais, reiterando que as famílias no comando andam de mãos dadas.
________________________________
Esse site é confiável ?

://www.almasdarnews.com/article/strategic-town-al-eis-recaptured-night-raid-led-iranian-troops-map-update/

Bosco
Visitante

Já a segunda “foto” mostra os mísseis Brinstone originais, com um radomo opaco.

Wellington Góes
Visitante
Wellington Góes

Olá Carlos,
Não sei te afirmar se é ou não confiável, eu apenas repliquei o link que tu tinhas me pedido. O que sei (se você clicar na homepage da Al Masdar News – AMN) é que eles abrangem assuntos de interesses da região, especificamente assuntos militares.
Até mais!!! 😉

Iväny Junior
Visitante
Member

Carlos

Eu acredito que numa região instável como aquela, quem tem grana pra investir tem que gastar em defesa. Veja que o próprio Kwait já foi invadido pelo Iraque de Saddam. Coloque no mapa a AL-QAEDA, ISIS, Boko-Haram e demais grupos que se formam todos os dias. Também é importante notar que a despeito do tamanho, os kwaitianos são super produtores de petróleo. Recursos valiosos.

Saudações.

Bardini
Visitante

Se só a presença dos EUA na região fosse garantia de alguma coisa, os Sauditas não teriam o que tem em suas forças.

Mauricio R.
Visitante

OFF TOPIC…, mas nem tanto!!!!
.
O “Typhoon” aguarda a nova versão equipada c/ radar AESA e confirma o Kuwait como seu lançador no mercado:

“Finmeccanica says the Typhoons that will be delivered to Kuwait will be the most advanced configuration of the type, and will include the company’s Praetorian defensive aids suite and Pirate infrared search and track system.”
.
“Separately, it is also pursuing the possibility of integrating its Vixen 1000E electronically-scanned fire control radar on South Korea’s developmental KFX fighter.”
.
(https://www.flightglobal.com/news/articles/typhoon-captor-e-awaits-flight-testing-as-kuwait-con-423938/)

Aéreo
Visitante
Aéreo

Nos últimos anos, no oriente médio: Kuwait, Omã, Arábia Saudita compraram Eurofighter Typhoon o Egito e Qatar compraram o Rafale.

Estamos falando de 5 países que comparam caças europeus. Norte americanos também venderam por lá na ultima década vários caças

Porem estranhamente o Gripem (muito bem falando por estas bandas) nunca vendeu nenhum caça em uma região do planeta que costuma comprar – e utilizar em combate – caças com frequência.

Alguma explicação?

Aéreo
Visitante
Aéreo

ERRATA: Gripen e não “Gripem”, erro de digitação