Home Noticiário Internacional Ingleses ainda têm esperança de vender o Typhoon aos Emirados

Ingleses ainda têm esperança de vender o Typhoon aos Emirados

215
27

Porém, as notícias recentes são de que o país árabe está perto de fechar contrato com os franceses

Segundo reportagem da Reuters de terça-feira, 20 de março, o grupo de defesa europeu Eurofighter ainda está na disputa para assinar um contrato multibilionário para caças a jato com os Emirados Árabes Unidos (EAU). Ao menos é o que ministros britânicos disseram nesta terça, após receberem notícias de que a França está prestes a fechar o contrato.

Era esperado que o país árabe do Golfo finalizasse um acordo de 10 bilhões de dólares com a francesa Dassault no ano passado, mas as negociações emperraram após os EAU chamarem as condições da proposta de “não competitivas” e “impraticáveis”. Mas um jornal francês noticiou em fevereiro que o acordo com a Dassault estava de volta à pauta, com os Emirados prontos para comprar 60 caças Rafale em março ou abril.

Este seria um novo impulso para a empresa francesa após a Índia lhe conferir a posição de ofertante preferencial para o contrato do caça.

Porém, dois ministros britânicos disseram que ainda esperavam ser capazes de persuadir Abu Dhabi a escolher o Eurofighter Typhoon, que é construído por um consórcio de quatro países, Inglaterra, Itália, Alemanha e Espanha – respectivamente, pela . BAE Systems, Finmeccanica e pelas instalações do grupo aeroespacial europeu EADS nesses dois últimos.

Perguntado se haveria ainda alguma chance para um acordo, o ministro de Comércio e Investimento Stephen Green disse à Reuters: “Eu certamente penso que há uma real possibilidade, (apesar) de haver um competidor importante, como todos sabemos. Tem havido bastante engajamento ministerial.” A declaração foi dada num intervalo de um encontro de líderes de negócios que têm, como meta, ampliar as ligações comerciais com os EAU em setores que vão de defesa e infraestrutura a saúde e teconologia.

O ministro para a Estratégia de Segurança Internacional, Gerald Howarth, disse que o Governo do Reino Unido continua a apoiar a campanha do consórcio Eurofighter nos Emirados, um aliado dos Estados Unidos e um dos maiores exportadores de petróleo do mundo. Ele disse que “há uma real expectativa para parcerias substanciais caso os EAU selecionem o Typhoon. Isso agora é uma real possibilidade, graças tanto à intervenção do primeiro ministro e, obviamente, as respostas por parte dos EAU.”

O Primeiro Ministro Britânico David Cameron visitou os Emirados logo após assumir, em 2010. A Grã-Bretanha espera que a indústria e as exportações possam ajudar na retomada de sua economia, que anda devagar, além de melhorar a balança comercial e aliviar o aperto de cinto nos gastos.

O consórcio Eurofighter encara uma disputa dura por contratos com a Dassault, assim como contra o caça F-35 da Lockheed e o F/A-18 Super Hornet da Boeing. Enquanto os orçamentos ocidentais encontram-se em declínio, as empresas têm se tornado mais dependentes de encomendas da Ásia e do Oriente Médio.

A BAE Systems disse que a Inglaterra e os EAU têm a melhor oportunidade de uma geração para chegar a um acordo que poderia ajudar ambos os países. Alan Garwood, diretor de desenvolvimento de negócios do grupo, disse na reunião: “Nós vemos o Typhoon como um potencial catalizador não só da relação de defesa, mas também industrial.”

FONTE: Reuters (tradução, adaptação e edição: Poder Aéreo)

FOTO: Eurofighter (K. Tokunaga)

VEJA TAMBÉM:

27
Deixe um comentário

avatar
25 Comment threads
2 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
12 Comment authors
LuppusFuriusMagaluitinaxavierIvanDrCockroach Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
edcreek
Visitante
Member
edcreek

OLá,

Nada como um dia após o outro, cada vez mais o Rafale fica mais perto dos EAU e do Brasil, o tal problema de numero de unidades, cada vez mais não existe…

Abraços,

Marcelo
Visitante
Member
Marcelo

hehehe…pois é edcreek, que jaca mais docinha essa!!!

edcreek
Visitante
Member
edcreek

Olá,

Esqueci de comentar a imagem(que é repetida, mas não posso deixar passar em branco)…Essa primeira com a cidade ao mais ao longe ta fantastica, demais mesmo, ainda mais com o Thypoon “embicado” para cima por causa da baixa velocidade….

Tá um mel, para desespero da concorrencia, Gripada, kkkkkk….

Abraços,

Giordani RS
Visitante
Member

Definitivamente, se fosse por beleza, o Tufão não entraria no céu…

Grifo
Visitante
Grifo

Senhores, toda vez que eu vejo uma notícia dizendo que a Dassault está perto de ser vendido para os EAU, eu me lembro daquele filme Feitiço do Tempo (“Groundhog Day”), com o Bill Murray, em que o tempo não passa e ele vê as mesmas notícias se repetindo todos os dias nos jornais…

Todo mundo sabe que o Sarkozy quer fechar este negócio de qualquer jeito antes das eleições francesas, não duvido que os franceses acabem pagando para os Emirados para levar o Rafale como tiveram que fazer com o blindado Leclerc.

Marcos
Visitante
Member
Marcos

India x EAU x Typhoon x Rafale A situação da India e dos EAU são completamente diferentes. Os primeiros estão endividados até o pescoço, com dívida que beira os 120% do PIB, uma verdadeira Grécia. O negócio terá de ser financiado. Desconfio que quem “ganhar”, deverá na verdade perder, sujeito inclusive a tomar calote. Enquanto os EAU tem dinheiro em caixa para, inclusive, comprar à vista. Em contrapartida vão exigir tudo e mais um pouco, vão chupar até o caroço. Sujeito aqui também de quem “ganhar”, perde. E a situação das aeronaves também caminha no mesmo sentido. Enquanto o Typhoon… Read more »

Giordani RS
Visitante
Member

Hahahahaaahaa…o Sarkozy acorda toda manhã, com o radinho tocando: …”I got you babe…I got you babe”…olha pela janela em direçãoao mediterrâneo…heheheehehe…

edcreek
Visitante
Member
edcreek

Olá,

Nunão, desculpe mesmo, mas não resisti a piada, já que torço para a “jaca”, creio que podemos zuar os “Gripados”, heheheh…

Não creio que vão responder a Gripe ta diminundo de intensidade por esses meses…..Mais provocação? só para descontrair afinal os politicos só pensam em seguir o proprio rabo igual aos cães e estão se lixando para as FAA Brasileiras, eles pegando sua parte o resto não importa…

Abraços,

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

Segundo consta, no mundo real há pelo menos 2 Gripens, 3 Typhoons e 6 SH, p/ cada Le Jaca fabricada.
E tb não temos visto ninguém além da mídia francesa, comentar qnto a algum acordo nos UAE ou no Brasil.
O restante é papagaio de pirata.

DrCockroach
Visitante
DrCockroach

Acho que o Rafale ainda tem chances; Esta semana o leon Panetta passou por Abu Dhabi p/ ter uma conversa com o Principe, qual caca ele tentou vender?

Prezado Nunao,

A musica do FX-2 eh um pouco mais recente, eh “Not Falling”:

http://www.youtube.com/watch?v=uhqRMzoyV4g

[]s!

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Monsieur Edcreek, O Gripen NG não tem nada a ver com os Emirados Árabes Unidos por vários motivos, tanto é que não há esforço para vender por lá. Politicamente Abu Dhabi precisa de aliados que esteja dispostos a lutar no Golfo Pérsico ao seu lado, como os Estados Unidos da América, França e Reino Unido. Não há a menor possibilidade da Suécia entrar nessa, tanto por sua posição política de neutralidade como por sua falta de pretensões de projeção de poder, passando pela sua pequena população. Tecnicamente a Força Aérea dos Emirados Árabes Unidos já possuem um moderno caça monomotor… Read more »

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Grifo,

Excelente filme.
Uma comédia para fazer pensar.

Sds,

DrCockroach
Visitante
DrCockroach

Prezado Ivan,

Quanto ao Gripen, realmente nao tem chance.

Mas jah que vc mencionou o polo dos EAU, o Brasil ateh que poderia participar em algo (embora disto nao saiba de algo). O que tem de momento eh uma parceria de uma empresa dos EAU com a Denel (Sul Africana) p/ fabricacao de um novo missele. Como a Denel tb participa com o Brasil do A-Darter… Mas como disse, nao sei sobre isto, eh soh especulacao.

[]s!
P.S.: hora de ir…

edcreek
Visitante
Member
edcreek

OLá,

Ivan o terrivel,

Brilhante analize sobre os aspectos dos projetos irmãos Ingles e Frances separados no nascimento…

Mas eu somente quiz dizer que realmente o Typhoon ficou mais bonito embicado, sem maiores pretenções, foi por belesa mesmo…

Por fim onde existe risco real de conflito realmente o Gripen não tem chance…

Abraços,

Giordani RS
Visitante
Member

edcreek disse:
21 de março de 2012 às 15:45
“…Por fim onde existe risco real de conflito realmente o Gripen não tem chance…”

Apesar do pleonasmo, Matou a charada!!!

Ivan
Visitante
Member
Ivan

Monsieur Edcreek, O Gripen realmente lhe incomoda, pois vc sempre chama este assunto, mesmo quando não faz parte do contexto, como vc fez duas vezes nesta matéria sobre Typhoons e Rafales. O JAS-39 Gripen foi criado por um país que participou de várias guerras regionais na sua formação e buscou a neutralidade armada como forma de se relacionar com vizinhos tão poderosos. Como vc sabe melhor que eu, a Suécia fica ‘alí’ na saída do Mar Báltico, encravada entre os dois grandes opostos da Guerra Fria, a OTAN e o Pacto de Varsóvia. Qualquer movimento entre estes vizinhos raspava (quando… Read more »

uitinaxavier
Visitante
uitinaxavier

edcreek disse: 21 de março de 2012 às 15:45 Falou e disse kkkkkkkkk bem lembrado. No resto o que der nos EAU vai fazer pouca diferença pra gente aqui da bananalandia. Bem dito também o FX anda tão morto que as brincadeiras já até foram esquecidas, ainda aparece aquela Turminha Dolorida pra jogar M!!!! no ventilador de vez em quando, mas tão sumindo. Como no brasil Defesa não é prioridade, então coloquei as barbas de molho se o mundo não acabar esse ano temos ainda mais alguns pela frente, prioridade no brasil e encher os bolsos com dinheiro alheio, dar… Read more »

Magal
Visitante
Magal

Concordo, por enquanto só nos resta especular sobre gente que vai lá e decide o que é melhor para o seu País. A África do Sul pensou uma coisa, a Suiça outra, a Austrália outra coisa e a Índia outra coisa (para citar alguns exemplos). Enquanto isso estamos desde o fim da década de 90 nessa enrolação, e até a Venezuela escolheu os seus caças (por mais que critiquem a operacionalidade ou a capacidade dos venezuelanos, eles tem os bichos ao lado dos F-16), e daqui a pouco o Chile vai escolher o seu substituito do F-5 e vai ser… Read more »

Giordani RS
Visitante
Member

Nunão,

“…a África do Sul tem histórico de combates aéreos com vizinhos e deseja se fortalecer como um poder regional…”

Realmente, a força aérea de Zamunda é capaz de ameaçar a SAAF…

LuppusFurius
Visitante
LuppusFurius

Ivan, O Gripeiro..

Já pensou em ser Ministro de Defesa ou Presidente ?
Votos não faltarão……..!!!!!!

LuppusFurius, O Exagerado, quer Gripen e Super Hornet.

P.S.: Nunão rir ainda não para imposto e faz bem a saúde.

Giordani RS
Visitante
Member

Pô Nunão! Zamunda tem caças Tie ou esqueceu quem é o Rei daquelas terras? James…Earl…Jones…a SAAF precisaria ter X-Wings e não os F-20s…

Grifo
Visitante
Grifo

Senhores, Zamunda é aquele lugar onde os Rafale bravamente adentraram em uma área sem defesa anti-aérea antes dos Tomahawk, e depois tiveram a sua primeira vitória aérea “abatendo” um Xavantão que estava parado no pátio da base? Opa, desculpe – esta era a Líbia. Quanto a SAAF, nos anos 80 ela enfrentou os Mig 23 da Força Aérea Angolana (powered by Cuba), naquilo que provavelmente foi a mais intensa guerra aérea daquela década. A “Zamunda” tinha só uns 80 Mig 23 e mais um tanto de Mig 21s e Su-20s, um bom desafio para os Mirage F-1 sul-africanos. Procurando aqui… Read more »

edcreek
Visitante
Member
edcreek

Olá, Ivan o terrivel gripeiro, Inicialmente acho que não é possivel tirar o Jas-39 seja ele C/D ou E/F do contexto estamos no Brasil e todas noticias que envovem vendas dele ou do Rafale ao meu ver estão diretamente ligadas ao blog e ao Brasil já que nenhum dos caças é um sucesso mundial, nesse ponto acho que vc está um pouco equivocado, sempre que houver uma noticia de um caça(Rafale ou Jas-39) estará no contexto até o final do Fx-2 que espero não seja fatidico….Acho que o Vespão já foge dessa necessidade Francesa ou Sueco/Britanica de venda já que… Read more »