Tornados modernizados na Itália poderão empregar AARGM e SDB

Tornados ECR e IDS - foto Força Aérea Italiana

A Alenia Aermacchi informou, em nota divulgada nesta segunda-feira, 11 de março, que a Panavia Aircraft GmbH assinou um grande contrato com a NETMA (NATO Eurofighter and Tornado Management Agency) para modernizar jatos de ataque Tornado na Itália. O contrato “MET 27” foi assinado entre a NETMA e a Panavia em 21 de fevereiro, e o acordo demonstra, segundo a nota, o comprometimento de todos os envolvidos em conquistar eficências contúnias com o programa, além de apoio de longo prazo para a manutenção e de modernização da plataforma.

O objetivo do contrato é a integração de duas novas armas, o avançado míssil guiado antirradiação AARGM (Advanced – Anti Radiation-Guided- Missile) e as bombas de pequeno diâmetro SDB (Small-Diameter-Bombs) nos jatos Tornado das configurações RET 7 e RET 8. Os trabalhos de implementação e de testes de voo deverão ocorrer ao longo de três anos, e envolve todas as empresas parceiras da Panavia, especialmente a Alenia Aermacchi e a CASSIDIAN, assim como fornecedores como BOING e ATK.

FONTE: Alenia Aermacchi (tradução e edição do Poder Aéreo a partir de original em inglês)

FOTO: Força Aérea Italiana

VEJA TAMBÉM:

Subscribe
Notify of
guest

1 Comentário
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
joseboscojr

Vale salientar que o AARGM não é só um míssil antirradiação, ele é na verdade o estado da arte em míssil sup-ar tático podendo ser usado contra praticamente qualquer alvo no campo de batalha. E não duvido que seja eficaz até contra MBTs tendo em vista a ogiva maciça de quase 70 kg, que embora não seja de “carga oca” pode destruir por concussão pura e simples. Com alcance máximo de 150 km e Mach 3 é eficiente contra alvos de tempo crítico, além de prover a um moderno caça capacidade de atacar alvos táticos no limite do alcance do… Read more »