segunda-feira, agosto 2, 2021

Gripen para o Brasil

Ministérios da Defesa do Brasil e da Suécia aprimoram cooperação bilateral

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Reunião bilaterl MD Brasil e Suécia - foto Ministério da Defesa

Brasília, 05/08/2014 – Representantes dos ministérios da Defesa do Brasil e da Suécia iniciaram a I Reunião de Incremento de Cooperação de Defesa entre os dois países. O encontro, que acontece no auditório da Administração Central, tem como objetivo estabelecer pontos focais para fortalecer a cooperação entre Brasil e Suécia.

De acordo com o gerente da Seção de Cooperação Internacional, coronel Werner Wilhelm Bonnet, durante a reunião tem identificar possíveis áreas de cooperação bilateral, tais como: Defesa Cibernética, Espacial, e Produtos de Defesa. Estão programadas apresentações sobre as estruturas das pastas e das respectivas Forças Armadas, além dos principais projetos de Defesa conduzidos pelos países .

A troca de experiência também é um ponto que tanto o Brasil quanto a Suécia desejam explorar até esta quarta-feira (06). Um exemplo é atuação das Forças Armadas brasileiras em missões de paz e a experiência da Suécia com programas de educação e treinamento na área de Defesa.

O Brasil coopera com vários países, entre eles a África do Sul, Moçambique e a República Democrática do Congo. As contrapartidas brasileiras vão desde a produção de equipamentos de Defesa à capacitação por meio de cursos.

Na próxima terça-feira (12), a ministra da Defesa da Suécia, Karin Enströn, se reunirá com o ministro Celso Amorim para efetivar as parcerias entre os dois países.

FONTE / FOTO (J Cardoso): Ministério da Defesa

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

4 Comments

Subscribe
Notify of
guest
4 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Rinaldo Nery

Concordando com os amigos a respeito do que pode acontecer ano que vem, dependendo do resultado das eleições de outubro, a parceria Brasil/Suécia tem se fortalecido bastante, por conta do GRIPEN.
Não vai ser tão simples pro Aécio cancelar tudo.
Curiosidade: o Bonnet (ex PAMPA) é da turma do Crepaldi.

Guilherme Poggio

Nesta futura parceria eu torço para que o prometido seja entregue. Infelizmente com a Marinha a coisa não foi boa e ainda ficou marcado naquela força a má impressão do acordo do Torpedo 2000.

eduardo pereira

Quisera eu que se assinasse o contrato de compra dos Grifos de uma vez !!!!!
Sonhar não custa nada!!

Sds.

Carlos Alberto Soares

Poderiam dar aulas de ética para civis da cúpula em nosso poder central.

Normal, parceria bem vinda.

E o “bunfá” dos quadrilheiros como é que fica ?

Suecos não pagam.

Aguardem novas parcerias e compras de material bélico.

Rússia.

GF, MAG, FM, JD, e por ai vai….

As FA’s que engulam e ponto.

Últimas Notícias

Pilotos russos usaram receptores GPS feitos nos EUA durante missões de combate na Síria

Pilotos militares russos usaram receptores comerciais GPS de navegação por satélite durante suas operações de combate na Síria, de...
- Advertisement -
- Advertisement -