quinta-feira, abril 15, 2021

Gripen para o Brasil

Jato Phenom 300 tornará Embraer gigante, diz ‘FT’

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Phenom_100_and_300

Em caderno sobre a aviação executiva, o jornal britânico Financial Times testa o Phenom 300, da Embraer, e diz que o jato pode ajudar a transformar a fabricante em grande concorrente no setor.

Segundo a reportagem, desde que começou a produzir o Phenom 100, no fim de 2008, a Embraer elevou sua participação no mercado de jatos executivos para 14% (2009). Em 2008, quando competia basicamente com o Legacy, a fatia era de 3,3%.

FONTE: Folha de São Paulo, via NOTIMP

- Advertisement -

18 Comments

Subscribe
Notify of
guest
18 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
RenanZ

Pois é

Avião bom é assim mesmo, vende a rodo….

E tenham certeza, vendem mesmo !!!!!!!!!!!!!!!!

HARPIA

Ótima notícia para a EMBRAER e para o Brasil.
Parabéns.

Rogério Plina

Parabéns, essa EMBRAER é mesmo um PHENOM!!!!

PilotRocker

Parabéns aos Engenheiros que fizeram esse avião!

Caius

Maravilha ! A segunda maravilha será quando Brasil possuir instalada em seu território uma ou mais indústrias dessas turbinas genuínamente nacional.

Aí, sim, teremos virado a última página dessa epopéia.

Parabéns EMBRAER parabéns BRASIL !!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Caius.

Toyo

Parabéns à Embraer e ao Brasil.

Sugiro que o blog publique matérias como esta: http://www.fab.mil.br/portal/capa/index.php?mostra=5184

Abs

Ricardo_Recife

É por estas que existem fabricantes europeus morrendo de medo da EMBRAER e do parque tecnológico aeronáutico nacional, fazendo de tudo para que as empresas brasileiras não recebam tecnologia militar (via FX-2) que possa ser utilizada no desenvolvimento de novos jatos executivos. Se a EMBRAER hoje já esta comendo pelas beiradas o mercado de muita, gente imagina com acesso a tecnologia militar de ponta?

czarccc

Como sempre a inteligência de mercado da EMBARER não falha. Pra quê peitar Boeing e Airbus se há boas alternativas de mercado? Pois ela foi lá, estudou as características, requisitos e potencial desse mercado e aí está uma excelente linha de produtos na área de jatos executivos, cobrindo o mercado de ponta a ponta. A concorrência com a Bombardier agora é total! 🙂
Se brincar daqui uns tempos a EMBRAER estará fazendo trens! 🙂

Nick

Parabéns Embraer, comendo pelas beiradas vai crescendo….

Próximo alvo: o nicho defendido pelos Falcon…..

[]’s

GSV

Parabéns à Embraer!!!

Que o KC-390 sejá um sucesso tão grande qto o Phenon! Mas que bela aeronave heim!!!

Abraço.

Cmte.Felix

Senhores,

Tive o grande privilégio de estar na planta Faria Lima em SJC. Onde são fabricados os E-Jets, Legacy e a família Phenom. Portanto tenho material e opinião suficiente para discordar do titulo da matéria.

A EMBRAER já é uma gigante. É a 3º maior fabricantes de aviões do mundo e vai crescer muito. Aguardem. A EMBRAER tem só 40 anos.

Todo brasileiro deveria conhecer alguma planta da EMBRAER. Principalmente do jatos comerciais.

Abraços

Edu Nicácio

Voa Embraer! Voa Brasil!

BRASIL POTÊNCIA!

Alex Nogueira

Bem que a EMBRAER poderia ter um fim de semana para visitações de algumas de suas instalações, ao menos de pequenos grupos; para que cidadãos comuns possam ver e entender o porque devemos ter orgulho e acreditar no potêncial nacional.

Parabéns EMBRAER que voe cada vez mais alto e longe!

czarccc

Já tive o grande privilégio de visitar as instalações da EMBRAER em SJC, no CTA. Tudo muito organizado e moderno. O que mais me chamou à atenção à época foi um avião na linha, já pintado nas cores da Air Canada. Lembrei-me da ferrenha concorrência entre EMBRAER e Bombardier, o que muito almentou meu orgulho. Uma empresa canadense preferiu nosso produto. Só pode ser um produto excelente!

Dario Avalos Filho

Próxima conquista: super tucanos para a US Navy!!

Mauricio R.

Se não resolverem as pendências apontadas pela FAA, gigante será o tombo.

Mauricio R.

Próxima conquista: super tucanos para a US Navy!!

Desculpe ser chato mas já sendo, não há concorrência da US Navy p/ essa classe de aeronaves; a concorrência existente é a da USAF.

Fabio Mayer

A EMBRAER tem se notabilizado por encontrar alternativas para os problemas mercadologicos que a afligem.

Agora, às portas de ter japoneses e russos, além dos canadenses e americanos disputando o mercado dos seus produtos, busca uma alternativa e aparentemente consegue sucesso.

Isso é empreendedorismo.

Combates Aéreos

Combate aéreo Índia-Paquistão: um relato minuto a minuto da batalha aérea de Abhinandan

As evoluções da manhã de 27 de fevereiro duraram 16 minutos, desde o momento em que os jatos paquistaneses...
- Advertisement -
- Advertisement -