domingo, junho 26, 2022

Gripen para o Brasil

Foguete comercial CERES-1 Y2 da China lança cinco satélites

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

Jiuquan, 7 dez (Xinhua) – A China lançou nesta terça-feira seu foguete transportador CERES-1 Y2 do Centro de Lançamento de Satélites de Jiuquan, no noroeste da China.

O foguete decolou às 12h12 (horário de Beijing) do local de lançamento, enviando cinco pequenos satélites para a órbita planejada.

Esta foi a segunda missão de voo da série de foguetes CERES-1.

- Advertisement -

41 Comments

Subscribe
Notify of
guest
41 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Matheus S

Esse foguete foi desenvolvido pela empresa “privada” Galactic Energy, empresa aeroespacial sediada em Pequim, o foguete é um veículo de lançamento de quatro estágios que fornece serviços de lançamento personalizados para pequenos satélites comerciais. A Galactic Energy(GE) assim como todas as empresas “privadas” de segmento aeroespacial estão acelerando ainda mais o desenvolvimento de foguetes reutilizáveis, a GE está desenvolvendo seu foguete reutilizável de dois estágios, conhecido como PALLAS-1. Desde 2014, a Xi Jinping autorizou a entrada de empresas “privadas” no segmento aeroespacial. Hoje, a China tem as seguintes empresas e todas envolvidas em desenvolvimento no segmento VTVL: Deep Blue Aerospace,… Read more »

Matheus S

ambos também planejam desenvolver lançadores a combustível líquidos reutilizáveis“…

Imagens de alta resolução:
comment imagecomment imagecomment imagecomment imagecomment imagecomment image

João da Lua

Impressionante.

carcara_br

O mais interessante é que o lançamento foi realizado por uma empresa privada chinesa chamada Galactic Energy. O primeiro estágio do foguete, segundo fontes na internet é o mesmo do míssil Df-26 (bela quantidade de energia não é mesmo?).
Temos aqui então um ótimo trabalho entre o setor público e privado e o aproveitamento econômico de um motor de foguete de uso dual.
Vamos tentar fazer o mesmo?

Last edited 6 meses atrás by carcara_br
Wellington Kramer

Acidentes acontecem com todos. O importante é aprender com os erros e seguir adiante.

Leandro Costa

Infelizmente isso é mais raro de acontecer por aqui. Principalmente se depende da esfera política para continuar em frente.

Bosco

Leandro, Não precisamos imitar tudo que se faz no exterior. A China (Estado) tem demanda para um foguete orbital, o que não acontece com o Brasil. O Brasil só teria como desenvolver um foguete se partisse da iniciativa privada para colocar cargas em órbita para outros países e empresas, mas há muito tempo o BNDES financiou frigoríficos, construtoras e empresas de exploração de petróleo mas infelizmente não tinha nenhuma amigo de rei querendo chegar em Marte. A maioria dos engenheiros brasileiros migra para o serviço público (para a parte burocrática) e outra parte que segue na iniciativa privada coloca uma… Read more »

carcara_br

Historicamente, a demanda criou o foguete ou o foguete criou a demanda?

Bosco

Sobre o acidente de Alcântara vale salientar que há vantagens e desvantagens (como tudo na vida) em se ter motores de combustível sólido.
Uma das desvantagens em relação aos líquidos é que ele já é transportado carregado, enquanto os de combustível líquido são transportados e instalados na “torre” vazios e só então quando não tem ninguém mais perto é que são abastecidos. Se explodir ou se ignitar fora de hora não haverá vítimas.

Allan Lemos

Já ouviu falar no Challenger e no Columbia? Acidentes acontecem, quantos acidentes houve antes do homem criar a primeira máquina voadora?

Ou você cria coragem para superar as adversidades e continuar trabalhando em prol de um objetivo maior, ou você fica na sua zona de conforto e não evolui. Infelizmente, desde 2003 o nosso país preferiu a segunda opção. É por isso que enquanto países como Índia, China e Israel começam a conquistar o espaço, nós ficamos aqui parados, só assistindo e babando.

Carlos Campos

sim, mas a empresa vai ser comandada por qual partido? Quanto vai ser a comissão dos burocratas por estágio de desenvolvimento? Posso indicar a empresa da minha família para ser subcontratada?

fewoz

Não aguento mais ver notícias sobre a China por aqui! Não falo porque os editores colocam muitos artigos sobre aquele país, mas porque os chineses não param de nos impressionar! Um dia é rover em Marte, outro é sobre algum projeto na Lua, depois é lançamento de míssil hipersônico, outra vez é sobre atividade de estaleiros enormes, às vezes é sobre caças de quinta geração… Todo dia é alguma novidade vinda de lá. Como eu gostaria de ver tantas notícias boas sobre o Brasil.

Allan Lemos

Como eu gostaria de ver tantas notícias boas sobre o Brasil.

Que nada. Por aqui é um 7×1 diário. Já me acostumei.

Heli

Um país no qual tem a sua elite politica e econômica que ignora ciência e tecnologia esta fadado a ser o roçado do mundo. Eterno exportador de minério de ferro, soja, suco de laranja, café e alcool.

Bosco

Um país em que o auge da vida de um cidadão é virar “servidor” público pra ter estabilidade, ficar 30 anos encostado na repartição “datilografando” alguma coisa (independente de ter se formado em engenharia nuclear numa Universidade pública), ter inúmeras vantagens que um cidadão comum não tem, ter alto poder de lobby, pra depois ficar reclamando da iniciativa privada e dá única parte do Brasil que é de fato competitiva e de primeiro mundo (agronegócio) vai ser mesmo eternamente um porcaria que realmente faz por merecer a população que tem.

Antonio Palhares

Bosco.
Concordo em gênero, numero e grau.
Infelizmente é assim mesmo.
A cúpula do funcionalismo público brasileiro vive no céu. Uma casta de privilegiados. E ninguem é doido de tentar mexer nisso. Estes caras jamais saberão o que é iniciativa privada. Prestar um serviço para receber o salário.

fewoz

E como vamos culpá-los, Bosco? O funcionalismo público é a única coisa estável no Brasil. E mesmo assim, nem sempre.

Hellen

Vai se acostumando com a noticias da China,o desenvolvimento tecnológico do século 21 em grande parte vai vim da China,a China ja é o futuro e quem não enxergar isso esta fadado ao fracasso !!!!

fewoz

Melhor já começarmos a estudar mandarim, Hellen haha. Gostemos ou não, os chineses é que vão ditar o que fazer no mundo. Será no mínimo interessante ver um mundo largamente influenciado pela China. Xi Jinping disse que até 2050, aquele país será a maior potência econômica, militar e cultural do planeta. As duas primeiras já estão praticamente alcançadas (E acho que serão plenamente concluídas muito antes de 2050). Minha única questão será na parte cultural. Acho muito difícil que todos tenham disposição/tempo/paciência para aprender mandarim. O idioma é parte essencial da projeção cultural. Se adotassem em larga escala o uso… Read more »

Last edited 6 meses atrás by fewoz
Bosco

Um país que há 60 anos já tinha tecnologia pra fazer bomba atômica e colocar cargas em órbita tava passando da hora de virar alguma coisa , né? Estava em passo de tartaruga e de uns 20 anos pra cá deu uma reagida…

Slow

Volta a falar de mísseis pqp ..
em 1990 PIB da China era igual o nosso “ deu uma reagida “ kkkk deram um salto absurdo hoje domina tudo em praticamente todas as áreas e você vai ter que engolir gostando ou não ..

Bosco

O problema é separar o joio do trigo e saber o que é relevante do que é arroz de festa. Com tantas notícias alvissareiras (para eles) sobre a China a gente perde a noção do que é relevante e do que é só mais do mesmo. Sem falar que em não havendo noticiais de outros países passa-se a impressão errônea que o mundo todo tá parado e só a China é que tá se mexendo e evoluindo. rssss Eu não acredito nisso! O mundo todo está passando por uma revolução tecnológica e em muitos setores a China só assiste, mas… Read more »

WSilva

Pra que adotar esses avanços tecnológicos, demora muito e custa caro, além disso nós podemos bater no peito e dizer que temos uma democracia, respeitamos o meio ambiente, valores ocidentais e direitos humanos, isso basta. rs

fewoz

Caro Bosco, é interessante o que você menciona, mas… 1. Quantos países têm projetos de caças de quinta geração nacionais? 2. Quantos países têm estações espaciais próprias? 3. Quantos países têm uma indústria (militar e civil) tão diversificada? 4. Quantos países têm uma marinha daquele tamanho? 5. Quantos países têm projetos próprios de exploração da Lua? 6. Quantos países têm projetos próprios de exploração de Marte? 7. Quantos países têm mais de 37 mil kilômetros de ferrovias de alta velocidade? 8. Quantos países têm projetos de fusão nuclear próprios? 9. Quantos países formam mais de 600 mil engenheiros por ano?… Read more »

Bosco

Fewoz, Eu gosto da China tanto quanto gosto do Butão ou da Finlândia. Pra mim não fede nem cheira. O PIB dela não vai me fazer melhor ou pior. Só não sou torcedor fanático para que ela mande no mundo e desbanque quem quer que seja. Sou passivo nessa história. Mas, se “pouco se me dá que claudique a onagra,,,” em relação à China , não posso dizer o mesmo da sua elite ( PCC). Vale salientar que ter esses 10 itens que você mencionou (e mais o restante da lista que você não colocou) não parece ter sido suficiente… Read more »

fewoz

Mas uma coisa não tem nada a ver com a outra, meu caro. Reconhecer os colossais avanços chineses não tem nada a ver com ser pró-China. Tem a ver com simplesmente reconhecer a realidade que está na cara de todos. Eu também evito comprar produtos chineses (mais para valorizar e diversificar a indústria e menos por ideologia), mas não deixo de reconhecer os enormes avanços que conseguiram e que você tenta minimizar.

E onde estão estes sinófilos brasileiros vivem de narrativas?

sub urbano

05 das 10 ultimas missões cientificas da NASA foram enviadas para asteroides. O potencial comercial é enorme. O mundo espera o “pico do fosfato” similar ao “pico do petróleo” mas em relação ao fosfato usado na agricultura, acontecerá em 35 anos e vai faltar comida e morrer gente. Pode ser que a humanidade precise recorrer à mineração de asteroides para suprir a demanda. Já existem algumas startups de “asteroid mining”, na maioria embusteiros kkk

Guardião Tricolor

O problema são as barragens por enquanto, não a mineração em si.

Guardião Tricolor

Eu mandaria bactérias marinhas para o espaço! Para pesquisa E substituiria o biocombustível por usinas nucleares, usando o fosfato na alimentação e não na cana de açúcar.

Bosco

Sub,
Deixa o fosfato acabar. Os brasileiros “patriotas” odeiam o fato do Brasil ser exportador de alimentos.

fewoz

É verdade que é um grande exportador, mas está muito longe de “alimentar o mundo”. Vivo há 3 anos em Portugal e, com raras exceções, nunca vi produtos brasileiros nos mercados.

fewoz

Haha, é engraçado ver o pessoal negativando fatos. Meu deus do céu.

Matheus S

Relaxa ai. kkk

Jacinto

Um jeito muito mais econômico de evitar fome é reduzir os desperdícios na cadeia produtiva que chegam a patamares bizarros. Só a Europa desperdiça 220 milhões de toneladas de alimentos por ano; a Índia perde 20 milhões de toneladas de trigo por ano em decorrência da deficiência estrutural.
Aqui mesmo no Brasil há problemas de armazenamento de grãos em silos e quando vc vai procurar um especialista em silos existem pouquíssimos engenheiros agrônomos atuando na área. Acho que tem apenas 7 grupos de estudos acadêmicos sobre silos aqui.

Bosco

Sinceramente não entendo a fascinação que a China exerce.
Se for pra noticiar lançamentos orbitais deveriam ter noticiado o lançamento há 8 dias de um Falcon 9 que colocou 50 satélites em órbita e ainda recuperou 80% do foguete para reutilização.

Antonio Palhares

Os cães ladrando e a caravana Chinesa passando.
Em todas as áreas do conhecimento.

fewoz

Antonio, é sempre assim. Enquanto alguns brasileiros “comem mortadela e arrotam caviar”, outros países mais realistas admitem seus problemas e tentam corrigi-los.

fewoz

E onde está aquele pessoal que vivia dizendo coisas como “solta pecinha” ou “só fazem cópia”? O tempo é o senhor da razão.

Bosco

“E onde está aquele pessoal que vivia dizendo coisas como “solta pecinha” ou “só fazem cópia”?”
Devem ter morrido por conta do Covid e dos respiradores chineses que não funcionam.

fewoz

Bosco, você é igual ao “TonhoKings”, mas ao avesso. Mesmo que a China colonize Marte ou chegue em Proxima Centauri, você ainda estará menosprezando os feitos deles. Já diz o velho ditado: quem desdenha, quer comprar 🙂

Últimas Notícias

VÍDEO: Colaboração Real 4 – Episódio 15 – O Comando de Preparo

A implementação de um sistema como o Gripen Brasileiro, gera um grande desafio para os profissionais que conduzem esse...
- Advertisement -
- Advertisement -