Home Aviação de Caça Terceira interceptação insegura de aeronave dos EUA pela Rússia em dois meses

Terceira interceptação insegura de aeronave dos EUA pela Rússia em dois meses

3186
36

MAR MEDITERRÂNEO — Pela terceira vez em dois meses, os pilotos russos voaram de maneira insegura e não profissional enquanto interceptavam uma aeronave de patrulha e reconhecimento marítimo P-8A da Marinha dos EUA na Sexta Frota dos EUA em 26 de maio de 2020.

Em 26 de maio de 2020, uma aeronave P-8A da Marinha dos EUA estava voando no Mediterrâneo Oriental sobre águas internacionais e foi interceptada por duas aeronaves russas Su-35 por um período de 65 minutos. A interceptação foi determinada como insegura e não profissional devido aos pilotos russos que estavam próximos a cada asa do P-8A simultaneamente, restringindo a capacidade do P-8A de manobrar com segurança.

As ações desnecessárias dos pilotos russos do Su-35 foram inconsistentes com a boa navegação e as regras internacionais de voo, e comprometeram a segurança do voo de ambas as aeronaves.

Enquanto as aeronaves russas operavam no espaço aéreo internacional, essa interação foi irresponsável. Esperamos que eles operem dentro dos padrões internacionais estabelecidos para garantir a segurança e evitar incidentes, incluindo o Acordo de 1972 para a Prevenção de Incidentes no Alto Mar (INCSEA). Ações como essas aumentam o potencial de colisões no ar.

Este incidente segue duas interações inseguras em abril, sobre as mesmas águas.

Em todos os casos, as aeronaves dos EUA estavam operando no espaço aéreo internacional, de acordo com o direito internacional, respeitando a segurança do voo e não provocaram essa atividade russa.

FONTE: Marinha dos EUA

Subscribe
Notify of
guest
36 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
V12 aero
V12 aero
1 mês atrás

O 64 está quase sentado no colo do piloto do p8. Hehe…

Lucianno
Lucianno
1 mês atrás

Interessante que o 21 e o 64 estão com configurações diferentes de mísseis.

MestreD'Avis
MestreD'Avis
1 mês atrás

2 pontos importantes.

1 – Intercepção e acompanhamento é normal. Mas esta distância vai contra todas as regras de segurança. Em termos de tamanho e agilidade, é o mesmo que 2 motos potentes de cada lado de um caminhão de transporte. Qualquer deslize e há um choque e depois quem se responsabiliza?

2-Os caças russos vão bem armados. Farto de ver caças europeus em missão de policiamento aéreo com apenas 4 misseis (2 radar e 2 IR). Mas porquê 3 tipos de misseis nos Su 35?

Victor Filipe
Victor Filipe
Reply to  MestreD'Avis
1 mês atrás

Sobre os caças europeus levarem apenas 4 misseis: Misseis tem tempo de via útil em horas de voo assim como um avião eles também sofrem com força G e demais desgastes durante o voo. e um gasto muito grande voar com o avião totalmente armado principalmente quando você não tem nenhuma vontade de usar esse armamento, então não vale a pena voar com as aeronaves assim, os Russos também raramente decolam com os caças “Cheios” em outra matéria aqui você pode ver a foto de um Gripen e um Su-30 onde o Su-30 tem apenas misseis de curto alcance R-73

Victor Filipe
Victor Filipe
Reply to  Victor Filipe
1 mês atrás

Onde se lê via quer dizer Vida.

Fila
Fila
Reply to  MestreD'Avis
1 mês atrás

Duvido que todos os mísseis russos sejam reais. Isso fica caro demais e não tem a menor necessidade.

Rui Chapéu
Rui Chapéu
1 mês atrás

Que bom que agora a USNAVY tem os P-8.

As fotos das interceptações são coloridas e com ótima qualidade!

 

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Rui Chapéu
1 mês atrás

Boa Rui

Manock
Manock
1 mês atrás

Até sabermos qual é a versão dos russos para o episódio e aí pudermos comparar as duas versões e formar opinião, isso daí é apenas a versão da marinha yanke.

Rival Sensor
Rival Sensor
Reply to  Manock
1 mês atrás

Manock, isso q vc falou é sempre o mais sensato a fazer, a gente não pode julgar somente olhando um instantâneo, vc tem toda razão, mas nesse caso específico, independente dos motivos, mesmo que o piloto russo tenha sido xingado, ou os americanos mostraram o dedo médio pra ele, a aproximação foi absurda, todos estavam correndo risco de colisão e morte nessa velocidade, se o Poseidon bate as asas os dois já eram, não tem justificativa pra isso só provocação besta, podiam todos terem morridos. NMHO.

Manock
Manock
Reply to  Rival Sensor
1 mês atrás

Sugiro cautela na interpretação de fotos. Elas podem ser sido trabalhadas… Mas entendi seu ponto.

Fabio Araujo
Fabio Araujo
1 mês atrás

As imagens são belas, mas realmente os SU-35 se aproximaram muito sem dar espaço para manobra ao P-8!

GUILHERME NASCIMENTO
GUILHERME NASCIMENTO
1 mês atrás

Meu sonho era ver chegar dois F-22 na cena e colar atrás dos russos. Só para ver a reação deles. kkkkk

Yuri Dogkove
Yuri Dogkove
Reply to  GUILHERME NASCIMENTO
1 mês atrás

Esse cenário já aconteceu na Síria e o F-22 passou vergonha…

Kemen
Kemen
Reply to  Yuri Dogkove
1 mês atrás

Não entendi por que passou vergonha? Ter por ordem evitar o confronto, e obedecer não é vergonha, é disciplina.

Na minha opinião o F-22, é o melhor avião de combate da atualidade.

Last edited 1 mês atrás by Kemen
GUILHERME NASCIMENTO
GUILHERME NASCIMENTO
1 mês atrás

Uma coisa é certa: Putin está jogando WAR. Ele já conquistou a Síria. Agora se ele lograr conquistar a Líbia e colocar bases (aéreas e marítimas) naquela região do Mediterrâneo, ele adquirirá uma vantagem estratégica enorme.

GuiBeck
GuiBeck
Reply to  GUILHERME NASCIMENTO
1 mês atrás

Sem esquecer da Criméia, também na mão grande. Ab.

Kemen
Kemen
Reply to  GUILHERME NASCIMENTO
1 mês atrás

Se quisesem os russos já tem a Argelia para montar suas bases, por que seria melhor na Libia? Não entendi.

Agnelo
Agnelo
Reply to  GUILHERME NASCIMENTO
1 mês atrás

Prezado
Os EUA/ OTAN tem bases e praticamente todos os países entorno da Rússia, principalmente na Rússia europeia.
Acho q a Rússia tá “meio” atrasada nesse War…

Leo Neves
Leo Neves
1 mês atrás

Interessante que os russos ultimamente estão dando mais preferência ao R-27 Com IR do que o de radar semi ativo. Provavelmente deve ser melhor , mais resistente a contra medidas e melhor para engajar alvos stealth.

Junior galvao
1 mês atrás

Se eu fosse o piloto do P-8 dava uma jogadinha pra cima do caça rs so pra mostrar igualdade

Brunow
1 mês atrás

Os Russos provavelmente ficaram meio aborrecidos, já faz umas três semanas que este P-8 esta voando próximo a Síria, só que desta vez ele deu umas três voltas bem em frente a base de Tartus, já no limite do mar territorial Sírio..
Os Su-35S armado com R-27ET 120km de alcance maximo, RVV-SD com 110km e curto R-73. Interessante o fato de quase nunca ver os caças Russos com um míssil de longo alcance (exceto MiG-31), é provável que o R-37M já esteja integrados ao Su-35 ou até mesmo usar o R-27EM com 170Km.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
1 mês atrás

Transcrição do áudios

Pilotos da RF : Aeronave USA localizada se aproximando para escolta segura e posterior abandono.

Tripulação do P-8A: mimimimi mimimimi mimimimi

Flanker
Flanker
Reply to  Nilton L Junior
1 mês atrás

Escolta segura? Se fosse o contrário, você diria que seria mimimi dos russos?

Rprosa
Rprosa
1 mês atrás

Estranho e que os EUA sempre estão em mar internacional, so que não explicam que estavam proximos a Siria e que os sensores do P-8 estavam espionando as bases russas de Tartus e de Hmeimim. Da mesma forma voceê não vê comentário dos EUA sobre o voo dos Lancers no Mar de Okhotsk, sempre os EUA são os mocinhos e a Rússia os vilões. E muito mimimi para pouca coisa, vai chorar na cama que é lugar quente..

Flanker
Flanker
Reply to  Rprosa
1 mês atrás

E as 300 interceptações de aviões russos, por parte da OTAN? O que os russos estavam fazendo? Se fosse o contrário você diria a mesma coisa?

Christyano
Christyano
1 mês atrás

Só faltou o comandante da formação falar; “Fumaça já!!!”

Fighting_Falcon
Fighting_Falcon
Reply to  Christyano
1 mês atrás

kkkkkkkkk

Boa

OSEIAS
OSEIAS
1 mês atrás

Os aviões aguentaram bem a turbulência do P-8, deve ser um soco no estomago voar atrás de turbinas tão perto.

Yuri Dogkove
Yuri Dogkove
1 mês atrás

Só pra lembrar: Na Síria um SU-35 chegou no “cangote” de um F-22 e o piloto nem viu…

Flanker
Flanker
Reply to  Yuri Dogkove
1 mês atrás

Essa é a sua versão…..mas, nem vale a pena discutir……toca o barco…….

MestreD'Avis
MestreD'Avis
Reply to  Yuri Dogkove
1 mês atrás

Nem sabia disso e fui pesquisar! Você tem razão, o piloto Russo publicou a foto no Insta. Se vê bem o perfil do F-22 sendo enquadrado e ele afirma que derrotou no dogfight. Que vergonha para o super caça… O Su-35 aproximou no visual sem ser detectado

Sérgio Luís
Sérgio Luís
1 mês atrás

Quase abalrou!

Luiz Trindade
Luiz Trindade
1 mês atrás

Eu vejo como jogo de marketing essa reclamação. Desde que Rússia é Rússia eles sempre interceptam dessa maneira. Agora se a Marinha dos EUA não querem mais ser intimidados botem caças do lado do P-8 ora essa!!!

Mayuan
Mayuan
1 mês atrás

Algumas pessoas que comentam aqui parecem que tem 12 anos…

O caso foi em águas internacionais. Dentro das regras internacionais, voa ou intercepta ali quem quiser.

Não é ilegal os americanos voarem ali e coletarem informações. Não é ilegal que os russos interceptem e acompanharem.

Já colocar a vida de todos em risco voando dessa forma é desnecessário e ridículo. Passaram vergonha mais uma vez.

Me lembrou vira-lata perseguindo moto. Correram atrás, mostraram os dentes, fizeram sua firula e o P8 prosseguiu fazendo exatamente o que estava fazendo.

Luiz Trindade
Luiz Trindade
Reply to  Mayuan
1 mês atrás

Sério Mayuan?!? Passaram vergonha mais uma vez?!? Quem?!? Os russos?!? Eles quase derrubam um P-8 por voarem perto demais e isso lembra o vira-lata que corre atrás de uma moto?!? Até aonde vc explicou o caso das águas internacionais vc estava impecável. Ae botou tudo à perder depois. Volto a dizer… Se a Marinha dos EUA não querem correr esse risco voem com caças escoltando que vc vai ver que a ação dos caças russos vai ser mais cuidadosa!