domingo, outubro 2, 2022

Gripen para o Brasil

Caças F-16 da Guarda Aérea Nacional da Carolina do Sul participam do exercício Relampago VII na Colômbia

Destaques

Redação Forças de Defesa
Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

Seis caças F-16 da 169ª Ala de Caça da Guarda Aérea Nacional da Carolina do Sul estão na Colômbia para o exercício Relampago VII.

EUA e Colômbia participam do exercício Relampago VII em Barranquilla.

O objetivo do exercício é fornecer à Força Aérea Colombiana o treinamento de interoperabilidade realista solicitado como países aliados, sob os padrões da OTAN.

Os EUA enviaram oito F-16s e dois aviões-tanque KC-135 para apoiar este treinamento. A Carolina do Sul é o Estado Parceiro da Colômbia no Programa de Parceria do Estado.

A Força Aérea Colombiana participou com caças Kfir e aviões de ataque leve A-29 Super Tucano.

O F-16 é um dos candidatos para substituir os velhos Kfir da Colômbia, juntamente com o Saab Gripen E, Eurofighter Typhoon e Kfir Next-Generation (NG) atualizado da IAI.

- Advertisement -

35 Comments

Subscribe
Notify of
guest

35 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Funcionário da Petrobras

Falar em Gripen E, cadê os nossos?

Last edited 21 dias atrás by Funcionário da Petrobras
Adriano Madureira

São gripens-E amigo,não são toyotas Corolla…

irão chegar mais dois no fim do ano…

A capacidade de produção aumenta continuamente e está aumentando para a taxa de produção total em Linköping durante o próximo ano.
 A produção de cerca de 30 aeronaves Gripen E está em andamento, o que significa que a Saab iniciou a fabricação de cerca de um terço dos caças atualmente na carteira de pedidos.

Last edited 21 dias atrás by Adriano Madureira
Marcos Silva

Creio que não era essa a questão levantada. Mas onde estão os dois que já chegaram e os outros dois que foram entregues lá na Suécia.

Joanderson

Qual a capacidade da Suécia em fabricar os gripen ?

Marcos Silva

Isso é uma pergunta séria?

Adriano Madureira

Há um tempo atrás, o ex-CEO da Saab,se não me engano ainda era oHåkan Buskhe, disse que a planta de Linkoping era capaz de fabricar dez Gripen-E por ano, mas certamente foi ampliada como tem em meu comentário acima.

Matheus

Quase 10 anos após a compra, 10 ANOS, e temos 2 caças apenas, pior, ninguém sabe onde estão.

Sensato

Da assinatura do contrato para entrar no projeto e posteriormente comprar e participar da produção você quer dizer.

Já chegaram 3 e não 2 como disse.

Quanto a localização, aí depende de qual unidade fala. Gavião Peixoto, Anápolis ou Linkoping.

Marcelo

Certamente você não considerou em sua matemática que o primeiro vôo do Gripen E foi em 2017 e, de lá para cá, vem ocorrendo o desenvolvimento da aeronave, inclusive com os testes para a integração e adoção do WAD e outras particularidades do novo avião. Então, pesquisar antes de criticar por criticar é beeeem saudável.

Rafael

Como é avião novo, só deixa de ser caza experimental quando comprova o full capabiliti. Os cinco que já chegaram estão em São José dos Campos para esta certificação. o sexto chega esse ano.
O mais diferencial em capacidade comprovada é o míssil Meteor, já homologado no avião. Com o Gripen temos um Eurofighter pela metade do custo de ciclo de vida útil e entramos no rol de países com capacidade moderna e efetiva em poder aéreo.

Marcos Silva

CINCO?????

Gabriel

Não conseguiu “ver” ainda?

Excelente, os sistemas de guerra eletrônica do Gripen E estão aprovados.

Gabriel

Pelas fotos, pelo menos 4 Kfir estão disponíveis.

E devagarinho a Diplomacia americana vai vendendo alguma versão do F-16 para a Colômbia substituir justamente os “cansaditos” Kfir.

Me parece que só uma grande reviravolta diplomática para o Gripen E ser o escolhido (na minha opinião o melhor substituto).

Rogério Loureiro Dhierio

Falou tudo.

Concordo plenamente.

Marcelo

“Pelas fotos, pelo menos 4 Kfir estão disponíveis”…
Caro Gabriel, na primeira foto vi, pelo menos, 5 Kfir.

GRAXAIN

GRIPEN Es serão exclusivos da Suécia e do Brasil… vai custar muuuuiitooo caro!

Madmax

Podiam rebatizar eles de AMX II

Marcos Silva

Justamente. O F-39 é o “Novo F-32” da fab…. Fazer o quê? Não poderíamos esperar nada diferente do brasil,sil,sil,sil……

Rafael

Até a década de 30 vão apelidar de F-70.

Henrique

Sim. Um Gripen é tão caro quanto um F-35A e é consideravelmente mais caro que um F-16 usado ou um T-50, difícil ter comprador. Acho que só a FAB com a questão de ToT aceitaria um contrato assim.

Last edited 18 dias atrás by Henrique
Jonathan Pôrto

Posso estar enganado mas pesquisei e constatei que os kfir Nunca participaram da CRUZEX, mas quando é para os EUA foi pra ontem e quase metade da frota operacional !! O Brasil tem que parar de fazer esse papel ridículo de “grande irmão” que tolera essas desfeitas pois sempre disponibilizamos o melhor disponível na CRUZEX !! Não devemos esperar menos dos demais participantes!!

Ivo

Isso é sério? Quer comparar dispor os poucos aviões que tem para um exercício em casa com levar os caças para o outro lado do continente e deixar o país sem defesa?

Marcos Silva

Defesa contra qual ameaça? Os russos não tem condições de atacar ou apoiar qualquer um contra um país sul americano. A China é uma incógnita, até que ponto eles estão se preparando pra uma guerra de dominação ao estilo nipônico dos anos 30/40. E mais, quais as reais capacidades dos equipamentos chineses?
E qualquer vizinho pobre que tente algo,vai logo ser parado pela ONU e possíveis sanções contra sua economia.

Ivo

Os vizinhos amam esse “antro de americanos capitalistas” na Colômbia. Não precisa de muita coisa não para arrumar uma confusão.

Rinaldo Nery

Você quer dizer que a FAB deve ter o poder de DETERMINAR o tipo de aeronave que cada País deveria trazer? É isso mesmo que eu li? Se não for atendida senta no meio fio e chora? Envia uma nota de protesto?

Anthony

A FAB, assim como a USAF, não vendem aviões….. Mas seus Países sim!

Creio q o Br deveria sim exercer seu poder de persuasão e vender seus produtos bélicos para os países vizinhos, como os EUA fazem.

De uma forma “chula”, se m permite: acho sim “desaforo”, estarmos a ajudar e sobretudo doar material as FA de Países vizinhos e não haver “um retorno”.

Santo Deus!!! Não há mais Estadistas como o Barão do Rio Branco!!! Lixo de Itamaraty!!!

Rinaldo Nery

O seu comentário não tem NADA a ver com o comentário do Jonathan, ao qual respondi.

Marcos Silva

“Creio q o Br deveria sim exercer seu poder de persuasão e vender seus produtos bélicos para os países vizinhos…”
kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk……..
Que poder?????

Luiz Trindade

Kfir Next-Generation (NG) atualizado da IAI. Qual é a diferença para o atual? Só eletrônica?!?

Antonio Cançado

Guarda Aérea Nacional não, Guarda Nacional Aérea (ou do Ar)…
O nome é Air National Guard (ANG), então o correto é o segundo.

BLUE SKY

Não tenho duvidas que o F16 será o próximo caça Colombiano!

Theo Gatos

Meio off topic, mas ainda falando de F16, a Grécia recebeu hoje seu primeiro F16V, mais são esperados ainda esse ano.. Busquei um artigo jornalístico em inglês…
.

https://greekreporter.com/2022/09/12/first-upgraded-f-16-jets-arrive-greece/

.
Sds

Gustavo

Existe a possibilidade, considerando a troca de governo por lá, que eles sejam mais avessos aos F-16 e favoráveis aos Gripen? Eu ainda acho que vão ao saldão do deserto e mandar ver em MLU nos 16 por lá.

Marcos Silva

Gripen??? Qual a vantagem escolher uma aeronave que terá pouca escala de produção? E que talvez sejam somente meia-dúzia de caças,então vai de F-16,é o certo.

Henrique

Um Gripen E/F deve ser consideravelmente mais caro que um F-16 usado, talvez mais caro que um F-16 novo.

Últimas Notícias

Maioria dos C-130H da USAF está ‘groundeada’ por problemas nas hélices

A Força Aérea dos Estados Unidos (USAF) "groundeou" (proibiu o voo) a maioria de seus aviões C-130H Hercules (e...
Parceiro

LAAD 2023

- Advertisement -
- Advertisement -