quinta-feira, setembro 23, 2021

Gripen para o Brasil

Com a chegada do novo caça F-39 Gripen se aproximando, Comando de Preparo visita a Ala 2

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

Visitaram a Ala 2 militares do Comando de Preparo, da Comissão Coordenadora do Programa Aeronave de Combate e do Grupo de Trabalho Fox

Com a chegada do novo caça F-39 Gripen se aproximando, autoridades do Comando de Preparo (COMPREP), da Comissão Coordenadora do Programa Aeronave de Combate (COPAC) e membros do Grupo de Trabalho Fox se reuniram, no dia 22 de julho, com futuros pilotos da aeronave e com Oficiais da Guarnição de Aeronáutica de Anápolis (GUARNAE-AN) responsáveis pela preparação e suporte à operação do avião.

A comitiva, liderada pelo Comandante de Preparo, Tenente-Brigadeiro do Ar Sergio Roberto de Almeida, foi recebida pelo Comandante da Ala 2, Coronel Aviador Gustavo Pestana Garcez. Também estiveram presentes o Chefe da Subchefia de Planejamento, Orçamento e Gestão Institucionais do COMPREP, Brigadeiro do Ar André da Silva Ferreira, e o Chefe Interino da Subchefia de Avaliação e Doutrina, Coronel Aviador Alessandro Cramer.

O Tenente-Brigadeiro Almeida destacou a importância do preparo da Força para o recebimento da aeronave. “Os pilotos foram previamente selecionados e preparados para este momento. Será um marco importante não apenas para a Força Aérea Brasileira, mas para o nosso País. Parabenizo a todos que trabalharam e ainda trabalham na capacitação de nossos profissionais e na implementação da infraestrutura necessária para o recebimento do F-39 Gripen”, disse.

Os militares conheceram os aspectos relacionados ao curso realizado, na Suécia, pelos cinco pilotos do Primeiro Grupo de Defesa Aérea (1º GDA) – Esquadrão Jaguar para operar a aeronave F-39 Gripen e, ainda, inspecionaram a preparação que está sendo realizada, com o objetivo de aperfeiçoar as ações e orientar os trabalhos. “Receber o Comandante de Preparo e comitiva é uma excelente oportunidade para mostrar toda a preparação da Ala 2 a fim de implantar projetos importantes para a Força Aérea Brasileira (FAB), bem como colher as orientações do COMPREP para melhoria contínua dos processos”, comentou o Coronel Pestana.

FONTE: Força Aérea Brasileira

- Advertisement -

85 Comments

Subscribe
Notify of
guest
85 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Renato

Quando os GRIPEN chegarem, vão direto para a ALA2 ou passarão por baterias de testes na EMBRAER?

Camargoer

Olá Renato. Acho que a SAAB só vai liberar depois de testa-los na Suécia. Ao contrário do primeiro aviso que serve de plataforma de testes, estes quatro caças serao operacionais.

Marcos Cooper

Saudações Camargoer! Existe alguma imagem desses caças na linha de montagem?

Camargoer

Olá Marcos. Acho que tem várias disponíveis no google. Tem que fazer uma busca.

Flanker

Eu acho que, desees 4 exemplares do Brasil, não tem nenhuma foto divulgada.

Camargoer

Olá Flanker. Você tem razão.

Solskhaer

A pista também com certeza foi avaliada!

Luis

Como Anápolis já recebeu aeronaves maiores e mais pesadas, acredito que não haverá problema quanto a pista e pátio! Há de se verificar algumas situações específicas para o Gripen como a que tivemos na implantação do A-1 em SM: Hangar de armamento, implantação de hangaretes de linha de voo e área para simuladores!

Pablo

Se nao me engano, a base de Anápolis recebeu obras de melhoramento para receber os gripens.

Camargoer

Ola Pablo. Anápolis recebeu melhorias para receber o F39 e o KC390.

Camargoer

Olá Luis. Anápolis já operou Mirage III, Miragem 2000, Xavante, F5, F5M e já recebeu caças chilens, dos EUA, europeus e de um monte de lugar para as Cruzex. A pista é excelente;

Tutu

Já recebeu até Su-37.

PRAEFECTUS

Meus caros, em linha com os mais recentes desdobramentos geopolitícos e avanços tecnológicos, aliados com as novas estratégias da guerra aérea, é crucial que a Força Aérea Brasileira deva ser capaz de se defender contra adversários e antecipar o papel crescente das armas cibernéticas e espaciais.  Reconhecendo que décadas de operações aéreas sem oposição podem ser uma coisa do passado, a prudência avisou que a defesa aérea moderna, a guerra cibernética e a guerra eletrônica poderia ter um impacto dramático em futuras operações aéreas da FAB em caso de algum conflito. Abro aqui um parêntese, e digo que percebi nos… Read more »

Flanker

É a pista mais longa da FAB. A 06L/24R tem 3300 metros de comprimento. Heranca do tempo dos Mirage III, que exigiam pistas longas para operar com segurança.

Cristiano GR

Será que vêm voando ou transportados?

Leandro Costa

Da última vez eu apostei que viria voando e perdi. Dessa vez eu acho que virão de navio hehehehe

Joao Motta

Como disse o Camargoer, a Saab so vai liberar esses cacas depois de testa-los , ou seja, estarao operacionais entao talvez poderao vir voando.
Estao abertas as apostas ; rsrsrs

Renato

Duvido que eles venham voando.
E o custo e os riscos de um vôo intercontinental desses?
Quem assumiria os riscos de alguma pane com os caças.
O mais seguro såo os bons e velhos navios.

Marcos Cooper

Serão aeronaves de produção,então é ´possível sim virem voando.Mas,sabe com é,do brasil vc pode esperar tudo…

Leandro Costa

O que me conforta é que a SAAB vai querer garantir que a entrega seja bem sucedida heheheheh

Mas sim, realmente as apostas estão abertas 😛

Dilbert_SC

Melhor virem voando. Se for despachado pode acabar na Receita federal em Curitiba e demorar meses pra liberar.

Welington S.

Vai ficar parado em Curitiba, aí vai ficar complicado.

Camargoer

Olá Welington. Acredito que os aviões virão de navio, e serão transportados por terra do porto até o aeroporto. E dai vai ter gente reclamando que isso é improvisação.

Andre

Improvisação seria se eles precisassem passar em algum camelô para comprar um gps e achar a base…hahhahaha

Welington S.

Penso da mesma forma, Camargoer. E, em relação a ter gente reclamando, eu vi de monte, quando o primeiro caça chegou. Era cada uma hahaha.

2hard4U

Quando chegou o primeiro foi um show de besteirol com relação a isso.

Michel C

Se eu fosse o dono da FAB ;-), eu mandaria 2 KC390 acompanhar a entrega e fazer revo pra chegar mais depressa.

El Asan

E quem iria acompanhar os KC-390…🤣😂🤣🇧🇷

Welington S.

Eu acredito que virá da mesma forma que o primeiro caça veio, ou seja, de navio, com toda a segurança embarcada.

tsung

melhor assim, e ainda chega com tanque cheio de cortesia! haha zuera never end

Jodreski

E faz muito mais sentido vir assim, para que arriscar um voo desse? Apenas para deixar meia dúzia de entusiasta alegre? Fora que o custo do frete marítimo é muito mais barato!
Os aviões são novos, mas tem todo um Atlântico para atravessar vai que né… melhor evitar! Fora o risco para aeronave há um risco altíssimo para o piloto que faz essa travessia, imagina se ele precisar pousar no mar, dependendo da localidade iria demorar muito tempo para o resgate chegar colocando a vida do piloto em risco.

Marcos Cooper

Quanta baboseira! Os Super Tucanos saem do Brasil voando pra entrega em qualquer lugar do mundo. Aí vem um monte de web-aviation-expert dar seu pitaco.
Os aviões são da fab,e ela decide como será seu traslado.

Marcelo Baptista

Eu acho que pela segurança (danos) devem vir de navio.

Rommelqe

Prezados: há alguma notícia a respeito do progresso no desenvolvimento do Gripen F39 F Biplace?Há alguma atividade fabril ja em avanço?
E os monoplace F39E a serem fabricados aqui? Não deveria ja terem sido iniciados para atender ao cronograma? Abs

Rommelqe

Voltando ao F39F: pelo que foi noticiado o primeiro exemplar/protótipo ja deve estar em montagem na Suécia, certo?

Jadson Cabral

A fábrica daqui já está a pela produção e enviando peças para a Suécia há meses. Não vai demorar pra começar a montagem aqui. Talvez no próximo ano.

Rommelqe

Prezado Jadson: a qual das fabricas vc esta se referindo não fica claro. Não estava falando da AKAER nem da SAAB-BR mas da linha da EMBRAER Gavião Peixoto. Há diferenças….

SmokingSnake 🐍

Achei pequeno demais… o forevis ainda é maior e tem dois motores.

Leandro Costa

Salve a miniaturização de componentes e o avanço tecnológico.

Marcos Cooper

Pela sua lógica o B-52 é o suprassumo da aviação: maior que um 737 e com 8 MOTORES!!!!!

Phenix

Na categoria bombardeiro o B52 é imbatível… tanto que voa a 70 anos.

SmokingSnake 🐍

Não é a toa que está em operação até hoje e vai estar por muito tempo ainda.

AK-130

Pera aí, deixa eu ver se entendi: Velharia americana é símbolo de qualidade e poder, mas velharia russa, chinesa, brasileira ou de qualquer outro país é “sucata”? Eu queria ver você dizendo que o monitor Parnaíba é imbatível assim, ou melhor, já que estamos falando de aviões eu queria ver vocês falando que o A4 e o F5 são imbatíveis também, já que estão voando até hoje.

Teropode

Foi pensada para a Suécia , vôos curtinhos , pistas improvisadas , manutenção fácil e rápida e ” muitos dentes modernos para abater Sukhois ” , então ele é um espinho prá garganta de SU35 , Su30 e SU 57 .

Jadson Cabral

Dois motores com a metade da potência do motor do Gripen kkkkkkk

Flanker

Cada um dos 2 GE J85-21 do F-5EM/FM desenvolve 2270 kgf de empuxo em PC, o que dá 4540 kgf ao caça dos EUA. O Gripen E/F tem um GE F414-GE-39E, com 9800 kN de empuxo em PC, o que equivale a 9990 kgf…….mais que o dobro do icônico caça da Northrop.

737-800RJ

Eu sei que você tá sendo irônico, mas a bem da verdade o Gripen E é ligeiramente mais comprido do que o F-5. Enquanto o bicudo tem 14.6 metros, o Gripen E, que foi alongado em relação à versão D para caber mais combustível, possui 15.2 metros. E é bom salientar que na segunda foto o F-5 é o de dois assentos…

images (18).jpeg
Neto

Na verdade, talvez o F5-FM seja um pouco maior, sendo um biplace. Os aviões não estão alinhados, com o F5 estando a frente um pouco.

Last edited 1 mês atrás by Neto
Bruno Vinícius

OFF-TOPIC – vazaram imagens de caças russos utilizando aparelhos de localização via GPS Garmin em combate na Síria para duplicar os sistemas de navegação da aeronave que, segundo relatos (fonte sendo um político russo), costuma falhar em situações de combate.

https://defence-blog.com/russian-pilots-use-us-made-gps-receives-during-combat-missions-in-syria/

Last edited 1 mês atrás by Bruno Vinícius
Leandro Costa

Tinha visto isso mais cedo. É interessante vindo de Político Nacionalista Russo e ex-piloto de caça.

Bruno Vinícius

Também achei curioso a informação ter vindo de alguém com o perfil dele (nacionalista e veterano).

Last edited 1 mês atrás by Bruno Vinícius
Marcelo Baptista

Leandro, provavelmente por ser ex-piloto, avisando que o Glonass ainda não é 100% confiavel, e precisa ser melhorado, para garantir os interesses Russos.

pgusmao

“A comitiva, liderada pelo Comandante de Preparo, Tenente-Brigadeiro do Ar Sergio Roberto de Almeida, foi recebida pelo Comandante da Ala 2, Coronel Aviador Gustavo Pestana Garcez. Também estiveram presentes o Chefe da Subchefia de Planejamento, Orçamento e Gestão Institucionais do COMPREP, Brigadeiro do Ar André da Silva Ferreira, e o Chefe Interino da Subchefia de Avaliação e Doutrina, Coronel Aviador Alessandro Cramer”, o que sempre me chama a atenção é a quantidade de pessoas envolvidas nessas reuniões, mas o mais interessante são o “Chefe da subchefia de Planejamento” e o “Chefe interino da Subchefia de Avaliação”. É a burocracia no… Read more »

Marcelo Baptista

pgusmao, lembra um pais da America do Sul, que fala portugues e que começa com Bra e termina com sil. kkkkk (raios por que eu to rindo, eu moro nele!)

Rinaldo Nery

São dois oficiais generais: um trata de dinheiro e outro de doutrina. Não entendo a crítica… Temas que TÊM que ser tratados na fase de implantação. ¨Vambora marretar!¨ Numa visita de inspeção o chefe traz quem ele acha que deve trazer. Fui chefe do André Luiz no 2°/3°.

Renato

Rinaldo,
Quantos pilotos são necessärios para cada GRIPEN que o Brasil adquirir?
Se no futuro a FAB encomendar mais 30, serão quantos pilotos a mais para atender a demanda?
Ou parte desses caças estarão de reserva para alguma eventualidade?

Rinaldo Nery

O cálculo não é esse. Quantas horas cada Gripen vai voar? Daí você define uma quantidade de pilotos para que cada um não voe menos de 150:00h por ano. E cada Unidade Aérea tem uma TLP (Tabela de Lotação de Pessoal). Todo piloto é chefe ou trabalha numa seção administrativa, nas várias áreas: pessoal, operações, inteligência e logística. A Unidade tem que funcionar. Não é só voar o dia todo. Isso é pra piloto de empresa aérea, como eu.

Renato

Entendi.
Associei o número de pilotos com o número de caças numa matéria em que um oficial da FAB afirmou que já estavam aptos 10 pilotos na chegada dos 4 GRIPEN que irão se somar ao 5º que está em testes na EMBRAER.
Rinaldo,
Essas 150hs/vôo por ano dos pilotos dá em média quantas vezes ao mês?
É muito ou pouco de treinamento?

Last edited 1 mês atrás by Renato
Teropode

Será que vão vir com a camuflagem padrão da FAB ou uma semelhante a Sueca ?

Rinaldo Nery

Rosa Marikay.

FFerreira

Que dia chegarão os primeiros aviões?

Camargoer

Olá Ferreira. Ainda não sabemos a data exata, mas o “Aéreo” vai informar com certeza. Eles devem chegar ainda em 2021.

Emerson Santana de Almeida

Bom Dia. Jamais Entendi após uma delonga política insuportável e o nosso Brasil com um monte de sucata nas 3 armas,com tanta defesa a ser feita,optar por esse Teco Teco,que sequer dispõem de empuxo vetorado, tendo tido oportunidade de ofertas excelentes por parte da Sukoi,inclusive de serem fabricados no Brasil, e podermos ter o super caça SU 35,e aí sim estarmos armados até os dentes,com super Aviões pro que der e vier,e por intromissões políticas,ficar com esse aviãozinho,que sempre existiu em projeto. Quem manda nessa área? São os militares,ou essa carniça chamada políticos? No.minimo o Rafaele Francês, ou o F… Read more »

Tomcat4,2

Rapaz, vc leu/pensou sobre o que escreveu ??? Super Trunfo com fanboyzismo russo puro, credo!!!
“… super caça SU 35…”aqui vc se superou !!!hauhauhauhauhau

camargoer

Caro ESA. Os russos pediram e a FAB incluiu o Sukhoi no FX2 após o encerrado o prazo para apresentar propostas. O ministro da defesa na época também visitou a fábrica da Sukhoi, assim como visitou a SAAB, Lockheed, Dassault e Boeing. Portanto, o modelo russo (que todos concordam é sensacional) teve todas as oportunidades. Contudo, a licitação tinha uma série de requisitos que precisavam ser atendidos. Pelo que lembro, eram mais de 200 requisitos que precisavam ser avaliados. Nesta etapa, foram selecionados o F18, o F39 e o Rafale. Teríamos que buscar os requisitos colocados pela FAB para entender… Read more »

Rinaldo Nery

O SU-35 foi cortado porque os russos nem quiseram conversar sobre ToT. Eu estava na COPAC,

Flanker

Meu caro, isso que vc escreveu é apenas torcida sua. Sua opinião, respeito, mas é apenas torcida.

AK-130

Quer falar mal do Gripen mas sugeriu F-16 kkkkkkkkkkkkkkk nem nessa sua lógica de supertrunfo isso faz sentido.

Adriano Madureira

“Jamais Entendi após uma delonga política insuportável e o nosso Brasil com um monte de sucata nas 3 armas, com tanta defesa a ser feita, optar por esse Teco Teco, que sequer dispõem de empuxo vetorado”. É amigo, dá para ver que você, apesar de a tempos fazer parte da trilogia, não aprendeu nada com ela… Procure se informar, leia em outros sites de notícias militares, vídeos do You tube ou em revistas especializadas… Dizer que o Gripen é um “teco-teco”, demonstra sua deficiência informativa. O Gripen não deve nada a aeronaves como o legendário monomotor F-16 ou para o… Read more »

Marcelo Baptista

Emerson, o FX2 apesar de tambem achar que houve demora na definição, foi um dos mais bem elaborados trabalhos de avaliação. Deve ser usado como case de sucesso junto as outras Forças.

Rinaldo Nery

Respondendo o que você postou, o SU-35 saiu da lista porque os russos ¨nem quiseram conversar sobre ToT¨. Eu estava na COPAC e sei.

Jorge Olivio Sartori

Gostaria se saber se a base aeria de Santa Maria RS ,vai receber algumas unidades, porque ver aviões caça levantar voou com motor fumando ou um motor só e triste sucateamento , eu assisti de perto isto acontecer

pampapoker

O amx nao e um caça, e um bombardeio e avião de reconhecimento.

Flanker

Motor fumando? O que o Spey fuma, Marlboro, Dunhill, Camel? Meu caro, o Spey é antigo, mas fazer fumaça é característica dele, não é sinal de desgaste. Quanto à ter um só motor, se vc quer o Gripen operando aqui de SM, vai se decepcionar, pq o caça sueco tb tem 1 só motor.
A Ala 4/BASM talvez tenha suas Unidades Aéreas reequipadas com o Gripen, mas isso vai demorar, pois os A-1M ainda estão sendo entregues (exemplares modernizados) e irão operar por um bom tempo ainda.

Arckthur

Só desejo salientar como oficial aviador reformado da FAB, que á aquisição dos caças suecos foi a melhor e mais analisada das compras de caças pelo Brasil. Perdemos no passado chance de termos caças melhores por motivos políticos. Quem for mais veterano vai se lembrar do ruído e quase inutilidade dos Gloster Meteor, Fulgamagister”jatinho Paris”, e das chances de ter um caça melhor (F-16), com o que foi gasto com os gloriosos F-5 e os Mirage-2000. Agora, finalmente temos a chance de produzir no país o mesmo modelo que vai ser usado por um país do 1° mundo.

Flanker

Fouga Magister CM 170…..T-24 na FAB e Morane Saulnier MS 760 Paris…..C-41 na FAB.

Adriano Madureira

Mas pelo que sei,os Gloster Meteor não eram ruins, a FAB cometeu o erro de pegar uma aeronave e usá-la em uma função totalmente diferente da qual era usada, isso acarretou em fadiga nas asas… Os Meteor foram retirados de serviço quando, dada a mudança em seu emprego, de caça de defesa aérea para aeronave de emprego aerotático, mais esforço foi imposto à sua estrutura, pela necessidade de se voar a baixas altitudes. a Hawker Aviation Ltd., companhia que havia absorvido a Gloster, comunicou uma série de restrições ao uso dos Meteor: proibição de manobras em configuração limpa que excedessem… Read more »

Rinaldo Nery

O M2000 foi o melhor avião de combate que a FAB possuiu, até a definição de compra do F-39. Servi 7 anos em Anápolis, e acompanhei de perto a operação dos M2000. Sou JH126.

Sincero Brasileiro da Silva

Obrigado Suécia!

Yuri Dogkove

Quando será encomendado o segundo lote?

Camargoer

Olá Yuri. Pelo que lembro, os últimos F39 do primeiro lote serão entregues em 2028. Como são necessários 2 anos para fabricar um avião, a FAB tem até 2025 para assinar o contrato do segundo lote mantendo a candência de produção.

Yuri Dogkove

O Gripen pegaria o chute do De Bruyne?

Funcionário da Petrobras

O chute dos 2 x 1 da Copa?

Não entendi.

Elden

Alguém sabe quando chegam? Tem data marcada?

Funcionário da Petrobras

Será que deixarão algum exemplar, talvez o próprio 4100, para apresentação ao público nos portões abertos do ano que vem?

Últimas Notícias

Eve, da Embraer, e Bristow firmam parceria para desenvolver operações de UAM com pedido de até 100 eVTOLs

Melbourne, Flórida, 23 de setembro de 2021 – A Eve Urban Air Mobility, uma empresa da Embraer, e a...
- Advertisement -
- Advertisement -