Home Aviação de Caça Mais imagens do primeiro caça Gripen da FAB

Mais imagens do primeiro caça Gripen da FAB

29880
109

O voo inaugural do primeiro caça Saab JAS 39E Gripen da Força Aérea Brasileira ocorreu ontem (26.08) em Linköping, na Suécia, e durou 65 minutos.

Este é o primeiro Gripen brasileiro produzido e será utilizado como aeronave de testes no programa de ensaios em voo, juntamente com as outras três aeronaves Gripen E 39-8, 39-9 e 39-10.

A principal diferença em comparação com as aeronaves de teste anteriores é que o 39-6001 dispõe de um cockpit com layout totalmente novo, com a tela panorâmica, chamada Wide Area Display (WAD), dois pequenos Head Down Displays (sHDD) e um novo Head Up Display (HUD).

Outra relevante diferença é um moderno sistema de controle de voo (do inglês Flight Control System – FCS) com atualizadas leis de controle para o Gripen E.

Ele também inclui pequenas modificações no hardware e no software.

O voo ocorreu depois de quase cinco anos da assinatura do contrato da compra do caças suecos Gripen NG de nova geração que farão parte da frota da Força Aérea Brasileira (FAB).

O pacote de 36 jatos (28 monopostos e 8 bipostos) custou 39,3 bilhões de coroas suecas – equivalente hoje a US$ 4,1 bilhões (R$ 15,5 bilhões).

As entregas efetivas das aeronaves operacionais para a FAB se iniciam a partir de 2021 e serão operadas por unidades aéreas a partir da Ala 2, em Anápolis (GO).

No total, cerca de 350 profissionais brasileiros participam dos projetos de transferência de tecnologia por meio de treinamentos na Suécia. A maior parte deles trabalha no Centro de Projetos e Desenvolvimento do Gripen (GDDN), localizado na Embraer Defesa, em Gavião Peixoto (SP), inaugurado em 2016.

Em 2018 a Saab apresentou a fábrica de aeroestruturas da Saab em São Bernardo do Campo – a Saab Aeronáutica Montagens (SAM), que terá um papel fundamental no Programa Gripen brasileiro.

A SAM vai produzir o cone de cauda, os freios aerodinâmicos, o caixão das asas, a fuselagem traseira e a fuselagem dianteira para a versão monoposto (um assento) e a versão biposto (dois assentos).

O processo de transferência de tecnologia do Programa Gripen envolve 62 projetos, incluindo pesquisas do Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) em áreas relevantes para a concepção da próxima geração de aeronaves de caça, tais como análise operacional de caças, projeto e análise conceitual da aeronave, testes de motores a jato, projeto de entradas de ar com baixa observabilidade radar (desenvolvimento de tecnologia stealth), sistemas avançados de monitoramento de frota, eletrônica e processamento para aplicações intensivas em tempo real.

O voo inaugural do primeiro caça Gripen da FAB foi conduzido pelo piloto de testes da Saab, Richard Ljungberg.

109
Deixe um comentário

avatar
34 Comment threads
75 Thread replies
2 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
73 Comment authors
ValgoZenio SilvaRommelqeMeirelesRenato de Mello Machado Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Matheus
Visitante
Matheus

Pelo que parece a “camuflagem” dos Gripen da FAB será padrão digital?

Minuteman
Visitante
Minuteman

Provavelmente, talvez as cores sejam cinzas menos escuros. Mas vai ficar show!

PRAEFECTUS
Visitante
PRAEFECTUS

Gostaria de fazer uma observação neste momento em que há uma celeuma internacional grave capitaneada pelo Estado francês na pessoa do seu presidente Emmanuel Macron aludindo à internacionalização da amazônia com todos os pingos nos “ís”. E, porque levanto essa questão aqui, porque atualmente as maiores parcerias dos militares brasileiros são com os franceses. Só pra se ter uma ideia as aeronaves francesas “HOJE” são as mais novas, sobretudo os helicópteros no inventário das Forças Armadas. E, só pra lembrar, na Marinha o seu mais novo meio naval de ataque o submarino Riachuelo S-40 de um total de 4 subs… Read more »

ELIU MOTA
Visitante
ELIU MOTA

Parabéns, esta análise foi um resumo em alto estilo de uma aula da Escola Superior de Guerra.

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Agora bota aí todas as vezes em que Brasil e França cooperaram. Só para tornar o debate mais justo…

Darwin
Visitante
Darwin

Desde quando os franceses invadiram Portugal é claro que esses colonialistas nao são confiáveis ! A Guiana é Colônia francesa bem ali, na Amazônia !!!

Dante vecchi
Visitante
Dante vecchi

Muito bem colocado suas palavras…… E pelo que eu me lembro o Brasil não se deu muito bem com o porta-aviões São Paulo que foi comprado da França e já chegou ao Brasil com problemas.

Zenio Silva
Visitante
Zenio Silva

O governo FHC comprou um bonde!
O NA São Paulo era uma sucata…

NoMeansNo
Visitante
NoMeansNo

Meu Deus…

Meteor
Visitante
Meteor

Você está certíssimo amigo, olhe o passado, quando os Franceses negaram a entrega dos mísseis Exocet a Argentina, no auge da guerra das Malvinas, eles já largaram muita gente na mão, que sirva de lição!

Francisco
Visitante
Francisco

na verdade qualquer pais nao respeita o Brasil porque nao temos um poderio militar de verdade. acho que o Brasil deveria desenvolver armamento nuclear bomba nuclear para impor respeito…pq ninguem mexe com Paquistão e Israel, india, paises esses ate mesmo mais pobre que Brasil…

Francisco AMX
Visitante
Francisco AMX

Como eu já falei..a muito tempo, é uma pena a Dassault ser francesa… 🙂 mas mesmo assim, Rafale não é caça para Brasil, assim como Gripen… nosso avião deveria ser o F-16…a pelo menos 20 anos atrás… escala, bom produto e sem estas “incalculáveis” ToTs… que no final só somam contra nossa defesa… Sobre o Texto, muito bom!!!

Atirador 33
Visitante
Atirador 33

Essa pintura ficou legal, mas confio nos fabianos para escolher a pintura mais eficiente para esses aviões, a Saab poderia ter postado foto do painel da aeronave, estou ansioso para ver como ficou a única tela…

Abs

Joelson
Visitante
Joelson

A satisfação do piloto e principalmente do oficial da nossa Força Aérea não tem preço. O agradecimento ao piloto sueco por parte do nosso militar, o sentimento de que aquele “brinquedo” foi bem cuidado, também não tem preço! Thank you Lord!

Ferreras
Visitante
Ferreras

Nesse momento o avião mais moderno produzido na Suécia não pertence a ela e sim a Brasil 🙂

Ironcop
Visitante
Ironcop

O projeto sueco já existia antes do Brasil assinar os papéis. Eu sei que o momento é de felicidade, mas não saia dizendo bobagens.

Jorge Augusto
Visitante
Jorge Augusto

Ele está falando do WAD, que faz da versão brasileira do Gripen mais moderna que os protótipos da força aérea sueca. Que também escolheu o WAD pros próximos Gripen deles.

Então sim, até o protótipo WAD sueco voar, o avião mais moderno produzido na Suécia atualmente pertence ao Brasil.

pampapoker
Visitante
pampapoker

Iron ele está certo entre os protótipos, ele e mais moderno, conforme o texto,

francisco F.
Visitante
francisco F.

A Suécia adquiriu 60 e vai receber primeiro do que o Brasil.

Observador.
Visitante
Observador.

Eu tenho uma duvida. Sabemos que o Brasil pagou mais caro pela transferência de tecnologia. Porém algumas partes que eu considero bastante criticas, foram transferidas como diz a própria matéria, para a Saab Aeronáutica Montagens (SAM). “A SAM vai produzir o cone de cauda, os freios aerodinâmicos, o caixão das asas, a fuselagem traseira e a fuselagem dianteira para a versão monoposto (um assento) e a versão biposto (dois assentos).” Este pessoal não pode voltar para a Suécia, levando de volta todo o conhecimento “comprado” nesta área, assim que terminarem de produzir as aeronaves? Alguém sabe dizer o que efetivamente… Read more »

Joelson
Visitante
Joelson

Aqui onde trabalho, se o colaborador é treinado custeado pela empresa, ele assina um termo/contrato de trabalhar na empresa por “x” período, se sair antes paga o valor do curso e se não me engano até uma multa. Creio que os engenheiros envolvidos, independente do Brasil ou Suécia, devem ter assinado algo semelhante.

Observador.
Visitante
Observador.

Desculpe a minha ignorância.
Mas então a tecnologia adquirida seria, o conhecimento obtido por engenheiros brasileiros, que absorvem o conhecimento de produção?
Não envolveria por exemplo o compartilhamento com a FAB, governo, etc, de esquema de montagens contendo medidas, listagem dos materiais necessários, método de produção etc, etc?

Eduardo
Visitante
Eduardo

Gabaritos de montagem, manual de processos industriais e etc… sem uma cabeça pensante e experiente por trás não servem para muita coisa.

É por isso que as empresas e até os governos tem regras como a que o Joelson falou, se seu aprendizado foi bancado pela empresa/governo vc é obrigado a ficar nela por um período de X anos, sob pena de pagar o valor do curso e até uma multa pesada.

Nesse meio tempo ele treina e passa seus conhecimento para outras cabeças.

Observador.
Visitante
Observador.

Entendo, acabei de ler também no artigo anterior a este que houve uma troca de ações entre a Akaer e a SAM, isso também pode ajudar. Bom o negocio já está feito. Agora é torcer para realmente ser proveitosa para o Brasil essa transferência de tecnologia.

Marcilio lemos de araujo
Visitante
Marcilio lemos de araujo

Caro Observador, com os meus simplórios conhecimentos que são parcos nesta seara nós temos tecnologia para produzir aviões o que nos falta é a tecnologia dos tais códigos fontes da aeronave o que nos permite ter o controle efetivo sobre a mesma, desta sorte estamos adquirido exclusivamente essa tecnologia. Prova disso fabricamos o KC 390.

Clésio Luiz
Visitante
Clésio Luiz

Isso é algo que me incomoda muito. O que a SAM faz que a Embraer em SJC não faria também? Depois que as aeronaves forem completadas essa empresa vai fechar, já que ela não tem razão de existir além dos Gripen da FAB.

Aparentemente a montagem final será na Embraer, mas fica a impressão de que algo saiu errado nessa transferência de tecnologia. Seria reflexo da venda da Embraer para a Boeing?

Camargoer
Visitante
Camargoer

Caro Clésio. Essa venda da Embraer para a Boeing será um dos argumentos fundamentais para avaliar futuras decisões no MinDef sobre segurança tecnológica.

Observador.
Visitante
Observador.

Clésio, eu pensei o contrário. A possibilidade de a Saab reter, conhecimentos que a Embraer por exemplo não possui. Acredito que a Embraer seja bem capaz de criar fuselagens, porém o Gripen possui uma assinatura de radar significativamente baixa, se comparada até mesmo com qualquer outro caça da mesma geração. Devem usar materiais compósitos e técnicas de produção bem especificas para se chegar a este fim. No fim da matéria acima, diz que eles compartilharam tecnologia de desenvolvimento de tecnologia stealth, mas minha duvida é, com quem? Seria com a SAM ou seja eles mesmos???

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Observador, a Saab já compartilha tecnologia com a Akaer, por exemplo, desde antes da assinatura do contrato.

Tem um monte de matérias aqui no site sobre o programa de transferência de tecnologia.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Clésio, a criação de uma empresa fabricante de componentes foi estabelecida no contrato, assinado em 2014 e efetivado com o contrato de financiamento em 2015, que vem desde muito antes da joint venture da Embraer com a Boeing para aeronaves comerciais. Em 2016, em visita às instalações da Saab na Suécia, eu já perguntava ao pessoal da Saab sobre quando a fábrica seria instalada, entre outros detalhes. E desde antes do contrato já se faziam os lobbies políticos para que fosse estabelecida em São Bernardo do Campo, onde enfim foi estabelecida. A montagem final será na Embraer. A transferência de… Read more »

Clésio Luiz
Visitante
Clésio Luiz

Obrigado pelos esclarecimentos Nunão.

Salim
Visitante
Salim

A fabricação destes componentes demandam mao de obra qualificado e maquinário sofisticado e caro. Acredito que Saab ira utilizar sam em SBc como sua sub fornecedora pois o uso de mao de obra e alto e os custos Brasil são bem inferiores que na Suécia.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Sim, Salim. Pelo menos foi esta a intenção divulgada quando da apresentação da fábrica no ano passado, matéria que eu cobri para o Poder Aéreo no ano passado (em caráter excepcional, pois desde 2016 não escrevo mais, de forma constante, para a Trilogia).

A ideia é que a SAM forneça componentes para caças Gripen montados na Suécia e que conquiste outros clientes na área aeronáutica.

https://www.aereo.jor.br/2018/05/10/alem-do-gripen-saab-apresenta-fabrica-de-aeroestruturas-do-caca-no-brasil-de-olho-no-mercado-mundial/

nonato
Visitante
nonato

Nada a ver.
A venda da Embraer é bem recente.
Quanto a transferência de tecnologia, treinamento de funcionários, multas, etc, entendo que as explicações dadas se aplicariam mais ao caso de o funcionário querer sair logo após ou pouco tempo depois do treinamento, o que não é o caso.
O que foi questionado é depois de concluída a entrega, a empresa, que sequer é brasileira, pode fechar as portas e não haver tecnologia nenhuma numa empresa nacional.
Podem sobrar alguns engenheiros e técnicos, mas isso é muito solto, diferente de uma empresa.

Salim
Visitante
Salim

Os dados projeto e especificações estão com Embraer em gavião Peixoto . a versão biposto sera projetada pela Embraer e só sera fabricada aqui ( Suécia vai usar treinamento na versão D existentes ). A versão naval também seria feita aqui.Os sub fornecedores como a SAM, fazem detalhamento das peças para producão, que voltam para fabricante validar. A Embraer tem conhecimento tecnico solido de projeto e produção destes componentes. O tot , neste caso, serve para queimar etapas aproveitando experiência da Saab em caças alto desempenho e a redução de custos que seria projetar/fabricar caças de quarta geração partindo da… Read more »

Rommelqe
Visitante
Rommelqe

Prezado Salim, sõ uma correÇâo o primeiro Gripen F sera montado integralmente na Suecia.

Reginaldo Abelar
Visitante
Reginaldo Abelar

Depois dos testes,o piloto da Saab será homenageado e condecorado pela Fab.

Nilo Rodarte
Visitante
Nilo Rodarte

E será bastante justo. Muito melhor que alguns “condecorados” do passado recente.

Arariboia
Visitante
Arariboia

Muito Bom! Mas uma preocupação. Não vi nenhum sistema de aviso LWR/MAWS optico na bando UV com os em uso nos F-22/F35/Su-35S/SU-57/Rafale. Se alguem puder me mostrar ou apontar a presença desses sistemas fico grato.

Flanker
Visitante
Flanker

Arariboia, as antenas do sistema MAWS eu acredito que sejam aquelas instaladas na entradas de ar, junto à raíz do bordo de ataque dos canards.

Arariboia
Visitante
Arariboia

Pode ser. Mas esta mais com cara de ser o RWR. A cor opaco.
*Só uma correção. O Rafale é banda IR e F-35 IR/UV

Flanker
Visitante
Flanker

O RWR fica nos pods de pontas de asas e no estabilizador. Pelo formato dos sensores que estamos falando (próximo aos canards), se assemelham aos MAWS dos A-1M. E por desenhos em corte e infográficos vistas na web, também há sensores MAWS na parte inferior traseira da fuselagem.
Enfim, a aeronave virá com uma suíte completa de fuerra eletrônica, onde irão estar o RWR, MAWS, etc…

DSC
Visitante
DSC

Arariboia LWR não sei se tem/terá. Mas sistema/sensores MAWS terá sim, segundo o site da Saab: https://saab.com/air/gripen-fighter-system/gripen/gripen-ef/ “Gripen E/F is built for high survivability in a combat environment. Gripen tactics are based on smart use of a variety of electronic warfare capabilities. The RWR (Radar Warning Receiver) is the source for an accurate sensor for detecting emitting threats such as radar. And the Missile Approach Warning (MAW) system can detect and track incoming missiles of all types.” Aqui fala das especificações do caça e mostra a localização de alguns componentes na fuselagem mas não tem nada sobre os sensores MAWS:… Read more »

Mateus Lobo
Visitante
Mateus Lobo

A fuselagem poderia seguir a padrão das asas, ficaria bem mais agradável aos olhos do a mistura de padrões. Essa camuflagem digital ficaria sensacional

Cinturão de Orion
Visitante
Cinturão de Orion

Compartilho do mesmo desejo, caro Lobo. A fuselagem inteira no padrão CAMO Digital das asas ficaria muito bonita.

Kemen
Visitante
Kemen

O nosso Gripen tem um dos melhores fatores de carga dentre os caças atuais.

Paulo
Visitante
Paulo

Bah! Que desempenho nossa!

MMerlin
Visitante
MMerlin

Como comentado pelo piloto-chefe Richard Ljungberg, as manobras foram ensaiadas anteriormente nos simuladores. A meu ver, o uso destes tornou-se indispensável no cenário atual.
Redução de custo, diminuição do desgastes das células, simulação de cenários e situações impraticáveis no dia-a-dia. As aplicações são imensas.
Espero que posteriormente a FAB venha adquirir uma estrutura similar ao existente em Estocolmo na Suécia.

Flanker
Visitante
Flanker

Salvo engano, no pacote de aquisição, está incluído ao menos 1 simulador.

MMerlin
Visitante
MMerlin

No artigo escrito pelo Yuri Vasconcelos da Pesquisa FAPESP (reproduzido aqui no Aereo), o mesmos relata um ToT na Suécia com funcionários da Atech referente aos simuladores de voo.
Não duvido da capacidade de desenvolvimento de um produto nacional. Mas espero que o mesmo esteja pronto junto com a entrega do primeiro Gripen.
Também torço para que tenha o mesmo nível de capacidades técnicas (treinamento e preparo de missões) bem como o alto grau de imersão disponibilizado pelos simuladores suecos, e não a soma de um “cockpit” e uma TV.

IgFere
Visitante
IgFere

Ei moço, cuide bem do 001 da FAB !

Corcel
Visitante

Essa primeira foto no momento da decolagem é espetacular.
Bem vindo F-39 Gripen.

Yluss
Visitante
Yluss

Que emoção! Aquele grito contido de PQP, finalmente saiu da garganta! BRASIL!

Alfredo RCS
Visitante
Alfredo RCS

Ufa!!! Ainda bem que não compramos os Rafale…kkkkkk

Eduardo
Visitante
Eduardo

Corre até lágrimas ver isso viu. Sem palavras.

Edcarlos Prudente
Visitante
Edcarlos Prudente

Vejam, que a deriva e o leme tem pintura em forma de pixel, acredito que terão a pintura em tons de azul em pixel também. Ou seja, serão as superfícies de sustentação e controle nesse padrão de pintura.

Cristiano Salles (Taubaté-SP)
Visitante
Cristiano Salles (Taubaté-SP)

Não sei se é falta de acostumar com essa pintura…, más de imediato eu não gostei… Más creio que vou acostumar…, rsss Más às 3 pinturas que acho bem bonitas são: 1) A pixelizada do SU-57 2) A dos antigos F-14 Tomcat…., corpo cinza do avião e a região do leme traseiro, toda preta, com o símbolo do Joly Rogers…, muito bacana…( como referência) 3) Preto inteiro, como os F-5, no filme Top Gun, sendo MIGs…, pois com os radares atuais e mísseis de longo alcance…, a camuflagem acho que nem influi muito…, só se estiver no chão, escondido… Às… Read more »

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Cristiano, eu gosto de esquemas de pintura totalmente em preto também, mas geralmente são para aeronaves ou comemorativas, de teste ou de instrução. No filme, TOP GUN, eles pintaram os F-5E/F de preto para ser inconteste para o espectador de que eram aeronaves dos vilões. Os Short Tucano e Hawks da RAF também eram pintados de preto, sendo aeronaves de instrução. E se você procurar na internet, em busca de imagens, tente colocar ‘VX-9 F-14D’ que terá uma bela surpresa hehehehe De qualquer maneira, também gosto muito dos padrões de pintura de alta visibilidade da USN de meados da década… Read more »

Leo
Visitante
Leo

Ola boa tarde, fui pesquisar a imagem do F14 e nossa que pintura linda, nunca imaginei que existisse algum com esta pintura. Vlw pelo post agregou muito.

Zeca
Visitante
Zeca

Numa modelo tão bonita quanto aquela, qualquer roupa fica bem.

Cristiano Salles (Taubaté-SP)
Visitante
Cristiano Salles (Taubaté-SP)

Valeu Léo…》》》

Cristiano Salles (Taubaté-SP)
Visitante
Cristiano Salles (Taubaté-SP)

Valeu Leandro…, tamujunto….》》》

Torama
Visitante
Torama

Tome aqui o meu joinha pela dica sobre o VX-9 F-14D. Mandou bem!

Space Jockey
Visitante
Space Jockey

Gosto das de superioridade aérea azul clara e branco dos SU-27 e alguns Mig-29.

Cristiano Salles (Taubaté-SP)
Visitante
Cristiano Salles (Taubaté-SP)

Acho legal também…, a dos MIG 29…, Space…

Por esses dias, bem cedo…, umas 07h da manhã…, tinha um caça fazendo manobras por aqui…, só não sei dizer se era AMX ou A-4…, a barriga…, parte de baixo inteira era cinza…, o céu estava bem azul…, destacou bastante a aeronave no céu…

Abraço a todos…, fiquem com DEUS…》》》

Cristiano Salles (Taubaté-SP)
Visitante
Cristiano Salles (Taubaté-SP)

comment image

Cristiano Salles (Taubaté-SP)
Visitante
Cristiano Salles (Taubaté-SP)

comment image

Cristiano Salles (Taubaté-SP)
Visitante
Cristiano Salles (Taubaté-SP)

comment image

horatio nelson
Visitante
horatio nelson

mig-28!

Wellington
Visitante
Wellington

A melhor é do F16i Sufa. Linda, eficiente e respeitosa.

DSC
Visitante
DSC

Os meus gostos artísticos são mais aborrecidos que os vossos kkk
Eu prefiro camuflagens e pinturas mais discretas, suaves e simples como por exemplo: comment imagecomment imagecomment imagecomment imagecomment image

Carvalho
Visitante
Carvalho

Imagina eles na FIDAE???
Ou fazendo um desfile aéreo em Bueno Aires no dia 25 de maio !!!
😁

Rodrigo M
Visitante
Rodrigo M

Desfile em Buenos Aires??
Amigo, sempre fui ensinado que a gente tem que procurar andar é com gente melhor do que a gente..

Legionnaire
Visitante
Legionnaire

Acho que o desfile em Buenos Aires seria só pra espezinhar, mesmo…

Minuteman
Visitante
Minuteman

Prefiro um desfile em Washington.

Douglas Rodrigues
Visitante
Douglas Rodrigues

Pra quê na Argentina também?
Basta fazerem voos por Brasília em pleno Dia da Independência para criar inveja para muitos hermanos… Ah, também pode quebrar umas vidraças do STF em voo supersônico, não me importo! rsrsrs

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Pô cara, seria chutar cachorro morto. F-5, A-1, A-29, E-99 e KC-390 já colocam MUITA inveja nos hermanos.

Jhon
Visitante
Jhon

Não vejo a hora de ver um duelo do Gripem brasileiro com F16 chileno em treinamento ! Gostaria de ver o resultado prático

LBacelar
Visitante
LBacelar

ou contra os Aggressors na Red Flag

Hawk
Visitante
Hawk

Finally! Some action!

Zeca
Visitante
Zeca

Gosto é gosto, mas eu achei essa mistura de camuflagens bem estranha, tá parecendo um “Frankensplane” construído à partir de peças de vários outros aviões. Eu espero que essa não seja a pintura definitiva.

Minuteman
Visitante
Minuteman

Essa é apenas uma mostra de como ficará. A pintura digital vai cobrir todo o avião.

Luiz
Visitante
Luiz

Lindo avião.
Que sirva bem ao nosso país.

Uma pergunta de leigo: no futuro Gripen F, como será a tela do co-piloto? Uma WAD ou algo mais simplificado?

Fabio Araujo
Visitante
Fabio Araujo

Agora sim um vídeo mais longo que deu para dar água na boca! Espero que chegue logo para os testes aqui no Brasil!

Thomas
Visitante
Thomas

“Que lindo cara!”.
Muito lindo esse nosso caça.
Quando ele estava manobrando;
Cuidado! hahahahahaha

Douglas Rodrigues
Visitante
Douglas Rodrigues

Para um primeiro voo, ele recolher trem de pouso e fazer manobras ousadas, tá ótimo! Poderiam adiantar a entrega que os FABianos podem testando por aqui tb… rs

Marquês de São Vicente
Visitante
Marquês de São Vicente

Foi confirmado pela SAAb que este vôo foi alcançada a maior velocidade de uma unidade Gripen E.

http://lentoposti.fi/uutiset/ensimm_inen_brasiliaan_toimitettava_saab_39_e_gripen_valmistui_ensilento_l_hestyy

José Carlos
Visitante
José Carlos

Brasil tem uma aeronave moderna, porém espero nunca precisarmos usar!

XicoNetto
Visitante
XicoNetto

Show show show!!! Orgulho é mato!!!

Saldanha da Gama
Visitante
Saldanha da Gama

Acho que ficou perfeito, mas tenho uma curiosidade mórbida para saber quem é o autor dos deslikes. A única certeza que tenho é que é fã incondicional do sputinik

Leandro Costa
Visitante
Leandro Costa

Eu ia dar um dislike só para te deixar encucado, mas desisti hehehehe

Camargoer
Visitante
Camargoer

Oi Leandro. Eu lembrei do ACM violando a lista de votos do painel eletrônico do Senado para chao ntagear os senadores depois. Fico imaginando o que certas mentes perversas fariam caso tivessem acesso à identificação do IP dos negativadores.

Guilherme Poggio
Editor
Famed Member

Camargoer, o seu comentário não tem relação com o tema do post, além de incentivar discussões acaloradas sobre temas que fogem do propósito do blog.

Camargoer
Visitante
Camargoer

Olá Poggio. Peço desculpas e obrigado pelo alerta. Evitarei comentários sobre “positivações” e “negativações”. Valeu.

MMerlin
Visitante
MMerlin

Relaxe Leandro.
Repare que sempre, todas as mensagens, tem ao menos um deslike.
Seu sentido se perdeu com o tempo.
Agora é utilizado apenas como forma de fomentar a discussão.

Reginaldo Santana
Visitante
Reginaldo Santana

Creio que alguns deslikes são acidentais, por causa da posição do toque para rolagem da tela no celular. Eu mesmo já dei deslikes sem querer.

Camargoer
Visitante
Camargoer

Caro Reginaldo. Quando há um erro ficando vermelho ao invés de verde, dá para corrigir enquanto está colorido….

Jonathan Pôrto
Visitante
Jonathan Pôrto

Muito alarde para umavião que ainda não passou da fase de protótipo!!

MMerlin
Visitante
MMerlin

O Gripen E/F (NG) está mostrando que existe uma linha bem tênue entre o protótipo e a linha de produção.
O 39-11 (4o protótipo) será utilizado para integrações específicas solicitadas pelo Brasil.
O restante do caça já é a versão final da linha de produção.

Flanker
Visitante
Flanker

Mas, as integrações específicas para o Brasil serão feitas pelo 39-6001 (4100)…ou, resumindo, esse Gripen aí da matéria, que é o primeiro para o Brasil. Existirá um 39-11? Eu creio que sim….mas, pelo que doi cisto, não será esse 1° do Brasil.

MMerlin
Visitante
MMerlin

Flanker, o Gripen 39-11 é o 39-6001.

Flanker
Visitante
Flanker

Pode ser, mas o 4100, tecnicamente, não é um protótipo. Tecnicamente, ele é a primeira aeronave de série para a FAB.

Antunes 1980
Visitante
Antunes 1980

Bacana demais ! Agora só falta integrar armamentos de última geração!
Orgulho de ser brasileiro!

Renato de Mello Machado
Visitante
Renato de Mello Machado

Queria que fosse adotado o esquema de cores, usado no primeiro lote de F-5E.”Estilo Vietnam”.Ou que mantivessem o atual.Acho ambos muitos estilosos,principalmente o “estilo Vietnam”,que dá muita moral ao caça.

Meireles
Visitante
Meireles

Eu li agora pouco que no cronograma o Brasil recebe três Gripens NG ainda esse ano, e a Embraer que iria finalizar os resto das certificações no Brasil, alguém aqui pode dizer se essa informação é verdadeira, e que no ano que vem chega mais 6 Gripens NG ao Brasil? Será que vai ter Gripen no desfile de 7 de Setembro?

Flanker
Visitante
Flanker

Onde você leu? Em qual cronograma? O primeiro Gripen será entregue à FAB, NO Brasil, em 2021. No link abaixo, o cronograma oficial do Gripen da FAB:

https://www.aereo.jor.br/2017/10/03/cronograma-detalhado-do-caca-gripen-da-fab-na-campanha-institucional-dimensao-22/

Esquece isso de Gripen no 07 de Setembro (isso só vai ocorrer daqui alguns anos)! Esquece isso de mais Gripen nesse ano de 2019!
Não estou te criticando, mas isso já foi falado um milhão de vezes, mas mesmo assim, essa pergunta sempre retorna!

Flanker
Visitante
Flanker

Esquece também isso de 6 Gripen no ano que vem! Esquece isso de certificação no Brasil. Isso será feito, com essa aeronave entregue agora, pela SAAB, na Suécia!

Valgo
Visitante
Valgo

Nunca ouvi sobre o Gripen envolvidos em combate,aliaz, aviões suecos!!!!