Home Aviação Civil Bolívia contrata maior avião tanque do mundo para apagar incêndios florestais

Bolívia contrata maior avião tanque do mundo para apagar incêndios florestais

5550
122
Global SuperTanker, a modified Boeing 747-400

O presidente da Bolívia, Evo Morales, anunciou que o 747 SuperTanker, o maior avião tanque do mundo, já está a caminho do país para atuar no combate a incêndios florestais. A aeronave, que tinha sua chegada inicialmente prevista para esta quinta (22), deve chegar sexta-feira, de acordo com o chefe da Defesa Nacional da Bolívia, Javier Zabaleta.

A aeronave “começará a operar nas (cidades de) Charagua e Puerto Busch. São cerca de 40 km² onde o fogo está queimando incontrolavelmente, acreditamos que com o avião poderemos extinguir essas fontes de calor”, afirmou Zabaleta, segundo a agência France Presse.

De acordo com a empresa dona da aeronave, a Global SuperTanker, sediada nos EUA, o avião tanque pode despejar líquidos retardantes, gel, espuma e água, ou a combinação de quaisquer dois desses agentes, e pousar e decolar para novas descargas em intervalos de aproximadamente 30 a 35 minutos.

O governador de Santa Cruz, Rubén Costas, depositou suas esperanças no trabalho do avião tanque e dos socorristas, bombeiros, policiais, militares e civis voluntários que trabalham na zona.

“Não há previsão de chuva nos próximos dias, o que faz com que tenhamos mais responsabilidade”, disse ele.

Os incêndios foram causados na Bolívia pela queima de campos cultivados, uma prática ancestral chamada “chaqueo”, segundo a qual a cinza melhora a qualidade da terra para o plantio.

Paraguai

Bolívia e Paraguai concordaram em unir esforços para combater os gigantescos incêndios florestais que atingem os dois territórios e atacam a flora e a fauna, informou nesta quinta-feira o ministro do Meio Ambiente e da Água da Bolívia, Carlos Ortuño.

A área afetada por incêndios no departamento boliviano de Santa Cruz (leste) atinge 654 mil hectares, enquanto no Paraguai os focos, na fronteira entre as duas nações, ainda não foram quantificados.

“Estamos em contato com nossos pares na República do Paraguai, temos o compromisso de trabalhar juntos em ambos os países, tanto no território boliviano como no território paraguaio”, disse Ortuño em coletiva de imprensa em Santa Cruz.

O funcionário acrescentou que no momento as autoridades dos dois países estão “em plena implementação de medidas de contingência”, que ele não citou.

FONTE: G1

Subscribe
Notify of
guest
122 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Eduardo Ramos
Eduardo Ramos
10 meses atrás

A Embraer poderia fazer um avião assim utilizando os EMB-190 ?

Guilherme
Guilherme
Reply to  Eduardo Ramos
10 meses atrás

O KC-390 já pode fazer esse tipo de trabalho. Tem uma configuração dele para isso. Então, pelo fato de o KC-390 já ter essa possibilidade, acho que não é interessante ($$$) para a Embraer pensar nisso para o EMB-190.

nonato
nonato
Reply to  Guilherme
10 meses atrás

Deveria pegar o avião que vai entregar dia 4/9, logo segunda-feira já com a configuração de combate a incêndio.
Urgente!!!

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Guilherme
10 meses atrás

O Brasil só tem um equipamento de combate a incendios e temos o quê, 20 hercules e no futuro 30 kc 390? Tinhamo que ter no minimo 6 equipamentos

Jadson Cabral
Jadson Cabral
10 meses atrás

Coisa que o governo brasileiro, se fosse inteligente, já estaria fazendo há alguns dias. Não precisava ser necessariamente essa aeronave, mas alguns Hércules nessa configuração já ajudaria bastante, sobretudo com a nossa imagem internacional. Só ontem é que o presidente convocou reunião de emergência, mas até agora não conhecemos nenhuma medida efetiva. Eu sei que estão exagerando e que os motivos dos holofotes do mundo esrarem apontados para cá são meramente político-econômicos, mas o governo, de braços cruzados, só fortalece a narrativa. Já se esperava isso quando resolvemos fazer o acordo UE-Mercosul e fazer uma limpa na ONG’s que atuam… Read more »

Marcio Cosentino
Marcio Cosentino
Reply to  Jadson Cabral
10 meses atrás

Pois é, todos sabem do interesse internacional na Amazônia, todos sabem que cada país defende sua economia no comércio mundial, era óbvio que isso iria acontecer, e só aconteceu pois o nosso governo está agindo de maneira patética, baseado em ideologia extrema e de forma lenta e desajeitada.

gordo
gordo
Reply to  Marcio Cosentino
10 meses atrás

Pois é Marcio Cosentino, impressionante o desconhecimento desse governo sobre o capital politico que a Amazônia(em pé) tem, todo esse acesso que temos aos mercados se deu pela garantia de preservação. Macron é oportunista, com certeza o é como qualquer politico e viu uma brecha para aliviar a barra lá na França a partir das manifestações que pipocaram nas redes sociais, e Ele (Macron) agradece o destempero de Bolsonaro com suas declarações absurdas. Poucos parecem se recordar do encontro dele com lideres Europeus, dele mandando a Alemanha se reflorestar ou agredindo a Noruega. Bolsonaro queimou décadas de acordos que favoreceram… Read more »

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  gordo
10 meses atrás

E parece que já começou:

‘No comando da U.E., Finlândia propõe proibir carne brasileira.’

https://www.valor.com.br/internacional/6405459/no-comando-da-ue-finlandia-propoe-proibir-carne-brasileira

francisco F.
francisco F.
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

E eles vão comer o que? calango ou lagartixas? isso é só pressão, eles não produzem o que comem e são obrigados a comprar dos países da América do Sul.
O Brasil é quem deveria pressionar ameaçando suspender a venda para esses paisecos da UE.

Renato de Mello Machado
Renato de Mello Machado
Reply to  gordo
10 meses atrás

Ué destemperamento? Se te acusarem de algo injusto você fica quieto? Ainda mais de potências que destroem o meio ambiente todo dia.Ou peita os caras mostrando que temos Presidente de fato ou continuava da mesma forma de antes.

Junior
Junior
Reply to  Marcio Cosentino
10 meses atrás

Que essa gritaria, especialmente do Macron, tem a ver com o acordo UE/Mercosul, que não foi bem recebido pelos produtores europeus, especialmente os franceses todo mundo sabe. O Macron estava sobre pressão, esse incêndio na Amazônia veio a calhar para ele, uma ótima desculpa para dizer que vai vetar o acordo. Mais temos que ter auto critica, o nosso governo deu uma senhora mão para ele, o governo passou uma imagem que estava fazendo pouco caso do assunto, esses incêndios começaram a se espalhar de forma mais séria há três semanas atrás, ali o governo federal já tinha que entrar… Read more »

Ironcop
Ironcop
Reply to  Jadson Cabral
10 meses atrás

De fato, se essas medidas tivessem sido tomadas no início dos focos de incêndio, além do combate ao fogo ser mais efetivo, o governo evitaria qualquer falácia estrangeira encima da amazônia. Todavia, Bolsonaro pensa ou pensava pelo menos, que se combater as queimadas estaria traindo seu ideal de ‘fazendas aqui, florestas lá’ o que é um completo engano, afinal, são as fazendas que estão queimando (também) aqui no Mato Grosso (que abrange o bioma amazônico).

francisco F.
francisco F.
Reply to  Ironcop
10 meses atrás

Há incêndios em outros paises (Bolivia, Venezuela), mas é passado para o mundo que o incêndio é só na Amazônia brasileira. E os bestas daqui do Brasil pegando corda fazem o jogo dos franceses. Esses babacas que estão protestando aqui no Brasil estão dando um tiro no próprio pé. E o PT aproveita para desviar a atenção da delação do Palocci.

Cristiano
Cristiano
Reply to  Jadson Cabral
10 meses atrás

Boa narrativa o problema foi q os antigos governos se apoiaram tanto nas ong’s, que agora tá difícil pro governo quebrar esse ciclo .
Na minha opinião seria um trabalho de alguns anos pra se livrar dessas ong’s
Mas principalmente tem que haver um investimento nessa área

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Cristiano
10 meses atrás

Se o governo agisse mais não teria necessidade de ONGs ou elas não teriam força. E o mesmo que comunista pregar a revolução popular contra a exploração das elites corruptas e pela melhoria da vida do povo na Dinamarca. Viram piada.

teropode
Reply to  Jadson Cabral
10 meses atrás

Há tempos que muitos aqui há defendiam a compra dos vetores da Beriv , mas isso certamente iria desagradar os ruralistas e os grilheiros , o negócio é deixar queimar e culpar as ONGs.

Munhoz
Munhoz
Reply to  Jadson Cabral
10 meses atrás

Precisava ter kits pra equipar pelo menos uma dúzia de C 130 !

Mas e aquela velha palhaçada de sempre, reuniões, falando bobageira, aviões VIP, tem que fazer uma licitação para comprar os kits, aprovação do congresso etc etc

A única coisa que dá pra fazer naquela região e com os C 130 e alguns helicópteros, mas temos que esperar, esperar e assim por diante!

O da Bolívia é mais esperto !

A verdade dói mas fazer o que!

J L
J L
Reply to  Jadson Cabral
10 meses atrás

Jadson falou tudo. É exatamente isso.

J L
J L
Reply to  Jadson Cabral
10 meses atrás

Evidentemente tem também nessa guerra de informações global, ações de política nacional tentando minar e criar o caos diante da população em um governo que nem um ano ainda tem. Não estou dizendo que sou de acordo com tudo que PR fala ou falam por ele, mas a guerra de informações para difamação tá a todo vapor com auxilio de traidores nacionais na política e na mídia, não compreendem que isso é um efeito bumerangue vai e depois volta para atingir à todos nós.

nonato
nonato
Reply to  J L
10 meses atrás

Deveriam invocar a lei de segurança nacional e punir com rigor quem planta fake news (aumento de 82% – distorção dos números, pois fora 2018, está dentro da normalidade) inclusive com a perda de concessões.
E só tem gente defendendo Bolsonaro (Rodrigo Maia, por exemplo) porque o agronegócio e empresarios devem ter se queixado.
Rodrigo Maia e outros só ouvem o establishment.
De bancos, empresarios, agronegócio ele tem medo.

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  J L
10 meses atrás

O efeito de uma pedra jogada no meu telhado e proporcional a qualidade do meu telhado. Se lá já estivesse um C-130 jogando água e mil soldados batendo folha, poderiamos falar que não estamos de braços cruzados, más….

Antoniokings
Antoniokings
10 meses atrás

E aqui o desmatamento é incentivado.
Lamentável.

Thomas
Thomas
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Na Bolívia também. Só para você saber.

Renato B.
Renato B.
Reply to  Thomas
10 meses atrás

Mas os bolivianos foram mais espertos que o governo de plantão brasileiro e fazem medidas como essa. Enquanto desse lado da fronteira o nosso governo dá um tiro no pé, inventa idéias malucas e cria uma crise diplomática de graça.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Thomas
10 meses atrás

Esqueceu o Paraguay

Cristiano de Aquino Campos
Cristiano de Aquino Campos
Reply to  Thomas
10 meses atrás

Más la o cara e mais esperto. Alugou um avião gigante e fez propaganda que esta agindo. Já aqui alem de criticas e desdem, só agora que vamos começar a agir. O presidente esta mal acessorado nessa area.

patriotaRBC
patriotaRBC
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

?

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Bicho o que tem de iluminatti com teoria da Amazônia BR ser ocupada pelos globalista, é importante saber disso.

Alessandro
Alessandro
Reply to  Nilton L Junior
10 meses atrás

é que tem LIVROS e artigos em jornais deixados por eles falando sobre seus planos, pena que provavelmente vc não deve ler, e viver na ignorância achando que é teoria da conspiração.

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Alessandro
10 meses atrás

Realmente conteúdo como esse só favorece a ignorância.

Alessandro
Alessandro
Reply to  Nilton L Junior
10 meses atrás

bom para vcs história deve ser conto de fadas pelo jeito rsrs..

Brunow Basillio
Reply to  Alessandro
10 meses atrás

Com fogo ou sem fogo as Multinacionais Européias estão levando os recursos do subsolo Amazônico….

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  Brunow Basillio
10 meses atrás

Se estão pagando, pois que levem tudo. Ruim era se levassem e não pagassem.

Renato B.
Renato B.
Reply to  Alessandro
10 meses atrás

Os livros e artigos são boatos desmentidos anos atrás, tem um muito engraçada que envolve até a banda norueguesa A-ha. tente o boatos.org.

Alessandro
Alessandro
Reply to  Renato B.
10 meses atrás

Mas que livros foram desmentidos se eu não citei o nome de nenhum até agora?

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Renato B.
10 meses atrás

Lembro-me de um engraçadíssimo acerca de livros escolares nos EUA mostrando a Amazônia como área internacional. Alguns inclusive com péssimas montagens de mapas de livros escolares hehehehe

teropode
Reply to  Alessandro
10 meses atrás

poste links ou fotos com a capa destes livros e deixa de papo.

Alessandro
Alessandro
Reply to  teropode
10 meses atrás

Eu citei 11 livros mas a moderação não sei pq reprovou meu comentário, portanto vou citar apenas um o resto vc que procure.

Psicose ambientalista (bastidores do ecoterrorismo para implantar uma religião ecológica, igualitária e anticristã) – Dom Bertrand

boa leitura, coisa que eu duvido que vai fazer.

Camargoer
Camargoer
Reply to  Alessandro
10 meses atrás

Olá Alessandro. Encontrei apenas para venda (R$ 35,oo). Você tira alguma sugestão que desse acesso pela internet? Estou estudando dois relatórios do BNDES sobre emissão de CO2 acessíveis pela internet. Talvez você também tenha interesse “As florestas e o painel de mudanças climáticas da ONU” e “AQUECIMENTO GLOBAL: ACORDOS INTERNACIONAIS, EMISSÕES DE CO2 E O SURGIMENTO DOS MERCADOS DE CARBONO NO MUNDO”

Alessandro
Alessandro
Reply to  Camargoer
10 meses atrás

Carmagoer, não me leve a mal, mais eu não acredito em aquecimento global, aliás é até interessante vc tocar nesse assunto, pois tem uma matéria ótima do the Guardian de um autor PRÓ-aquecimento global na qual ele mesmo RECOMENDA para não falar mais assim, agora eles estão pedindo para dizer que é uma CRISE ou COLAPSO climático rsrs… é incrível!! Desculpa se eu não colei o link, mas dá uma procurada lá vc vai se surpreender com a matéria.

Johan
Johan
Reply to  Alessandro
10 meses atrás

Eu tinha uma “revista” da escola superior de guerra que tratava justamente desse assunto e que mostrava claramente que é real. Tenho uma revista também que mostra falas de chefes de estado da Europa desde a década de 80 que colabora com a ideia de intervenção na Amazônia

teropode
Reply to  Nilton L Junior
10 meses atrás

Os caras se alimentam de alucinações, deve ser por isso que praticam a agricultura da terra arrasada, metem fogo , tiram as madeiras e depois semeiam braquiaria , não importando com a perda do médio -clima causado pela respiração florestal , .

Observador.
Observador.
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Estamos enfiados até o pescoço numa crise muito seria. As potencias já ameaçam deixar de comprar vegetais e carne de origem brasileira, além de outros embargos. Há o risco ainda de uma intervenção militar.
Não é só culpa da falta cuidado, com que o nosso presidente se expressa, que é inegável.
É nossa responsabilidade também como brasileiros, prestar a atenção nas coisas que postamos, propagamos e disseminamos em redes sociais, conversas etc. Temos que ter cuidado para não passar uma impressão de que a coisa está pior do que a realidade, falando de coisas que não temos conhecimento suficiente.

Sagaz
Sagaz
Reply to  Observador.
10 meses atrás

Intervenção militar? Eu acho que tem mais coisa queimado nessa vegetação além de árvores…

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Sagaz
10 meses atrás

Dizem que folha de goiaba ou de laranja é boa para chá, por isso a importância de se combater o incêndio, sobre a intervenção militar realmente a forçação dos fatos.

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Nilton L Junior
10 meses atrás

Sabe-se lá?!?!?!
Vai que a ONU determine que se envie observadores científicos para cá e com proteção militar internacional.
O descalabro está tão fora de controle que isso é possível.
Até o Boris Johnson se manifestou contra a devastação.

Observador.
Observador.
Reply to  Sagaz
10 meses atrás

Sugiro assistirem esse vídeo de duas semanas atrás para entender a real natureza da situação. Se quiserem eu tenho mais fontes…
https://youtu.be/Odg8BQfR_9U

Observador.
Observador.
Reply to  Observador.
10 meses atrás

Professor de Harvard considera cenário polêmico: ‘Quem vai invadir o Brasil para salvar a Amazônia?’
https://www.bbc.com/portuguese/geral-49253621

Clésio Luiz
Clésio Luiz
Reply to  Observador.
10 meses atrás

Muito interessante o link. Professor universitário, gente com educação defendendo a ideia. Imagine o ignorante típico frequentador de redes sociais. Para abraçar a causa é facinho.

É como dizem, países não tem amigos, tem interesses.

Observador.
Observador.
Reply to  Clésio Luiz
10 meses atrás

Justamente caro Clésio, a questão é mais seria dessa vez.
Não sou profeta do Apocalipse, não quero causar polemica nem terror, mas é hora de juntar esforços em prol do “PAÍS”, esquecer de favoritismo politico etc.
Há “interesses”, se esforçando em dividir para conquistar.
No mínimo quem é mais cético, deve concordar que barrar exportações agrícolas e de carnes brasileiras, vai ser muito interessante financeiramente, para outros exportadores concorrentes.
Abram os olhos moçada…

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Observador.
10 meses atrás

Tempestade em copo d’água, sinceramente. Não é a primeira e nem será a última vez que a comunidade internacional faz coro em relação à proteção da Floresta Tempestade em copo d’água, sinceramente. Não é a primeira e nem será a última vez que a comunidade internacional faz coro em relação à proteção da Floresta Amazônica. E discordo bastante do canal A Arte da Guerra, principalmente quando compara a situação de Iraque e Brasil, já que os dois países não tem absolutamente NADA a ver um com o outro. Ainda mais no que se refere à ‘Guerra pelo Petróleo’ que é… Read more »

Camargoer
Camargoer
Reply to  Leandro Costa
10 meses atrás

Caro Leandro. Tempestade não… fogueira…

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Camargoer
10 meses atrás

Hahahahaha perfeito!

Camargoer
Camargoer
Reply to  Leandro Costa
10 meses atrás

Caro Leandro. Dói menos quando a gente dá risada.

Observador.
Observador.
Reply to  Leandro Costa
10 meses atrás

Concordo que não se deve fazer um escarcéu Leandro. Para um curto prazo eu também acredito, que o Brasil não sofrerá nada, que não sejam prejuízos financeiros. O que já é por si só bem grave. É por esses prejuízos que eu teci os comentários anteriores. Como você mesmo disse e eu também concordo, a questão diplomática, não deveria ser negligenciada. Tudo depende da imagem e do “sentimento” que é passado lá para fora. Isso influencia nos desdobramento da situação, do soft power para a calmaria. Ou para o hard power. (Eu nem vou entrar no assunto do cuidado com… Read more »

J L
J L
Reply to  Observador.
10 meses atrás

Muito bem colocado. Faço minha suas palavras. Moderação no momento é importante para abaixar o fogo da guerra de informações que estamos sofrendo.

Renato de Mello Machado
Renato de Mello Machado
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Duas guerras mundiais causadas pelos europeus, devastaram a Europa e o meio ambiente a escombros,muito pior.Você sabe disso porque não é burro.apenas agita para voltar a velha ordem.

francisco F.
francisco F.
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Se o problema é o desmatamento, então a solução é simples: basta os outros países combinarem e juntos replantarem , em seus territórios, o mesmo numero de árvores que está sendo derrubado na Amazônia.
Porque o Brasil sozinho é que tem a responsabilidade de manter a floresta para o bem do mundo? Ora cada qual que plante a sua própria floresta e deixe de reclamar do desmatamento no Brasil.

Ramon
Ramon
10 meses atrás

Bolívia e Paraguai pelo menos foram inteligentes, simplesmente podem estar fazendo um teatrinho para inglês ver de que se preocupam com o meio ambiente e tirar o deles da reta, mas o Brasil quer ficar peitando europeu chato em um dos piores momentos da nossa história no ponto de vista econômico, infelizmente não podemos ficar colocando preciosos acordos econômicos em risco e provocando atritos desnecessários pois no pior dos cenários só com um milagre iríamos conseguir defender o país com os atuais equipamentos de defesa.

MATHIAS
MATHIAS
10 meses atrás

olha a Bolívia dando o exemplo aqui somos governados por uma trupe de celerados

C. César
C. César
Reply to  MATHIAS
10 meses atrás

Verdade objetiva é que a Secretaria de Assuntos Estratégicos do Governo Jair Bolsonaro lançou no início do ano o Programa Barão do Rio Branco, para tornar a Amazônia o que ela nunca foi: uma prioridade do Estado Brasileiro, conservando-a e explorando-a de maneira sustentável, respeitando padrões ecológicos civilizados. O Presidente Bolsonaro bateu de frente contra a Alemanha, Noruega e França na polêmica de uma picaretagem transnacional chamada “Fundo Amazônia.
Adivinha quem foi contra? As ONGs!

Observador.
Observador.
10 meses atrás

“Os incêndios foram causados na Bolívia pela queima de campos cultivados, uma prática ancestral chamada “chaqueo”, segundo a qual a cinza melhora a qualidade da terra para o plantio.” Assistido a documentários, eu já ouvi varias vezes que incêndios em florestas precedem um período de grande fertilidade do solo, porque as cinzas adubam o solo. Mas é um perigo colocar fogo assim próximo a florestas assim. O vento pode mudar de direção, espalhar fagulhas pelo ar e causar um incêndio descontrolado. Ainda mais nesse tempo de seca. Esses focos lá na Bolívia não são tão recentes, eles não tomaram a… Read more »

Observador.
Observador.
Reply to  Observador.
10 meses atrás

KKKKK, vocês são muito engraçados. Negativaram o comentário que eu fiz sobre o que está escrito na matéria. Não fui eu quem afirmei que eles causaram o incêndio deles. Eu só complementei a matéria.

teropode
10 meses atrás

Bravo , mostrem aos vizinhos do leste como se faz diante de problemas reais , atitudes resolvem problemas , falácias de boquirroto multiplicam os incêndios. Aguardo uma posição mais assertiva do G7 para dar um basta na orgia dos ruralistas gananciosos.

RENAN
RENAN
10 meses atrás

Parabéns a Bolívia
Sem alarde e servindo de exemplo.
Que tapa na cara do gigante

Alessandro
Alessandro
10 meses atrás

Alguém em são consciência acredita mesmo que se o governo Bolsonaro fizesse o mesmo, a mídia internacional e brasileira junto com esses governos europeus iriam parar de atacar? Claro que não, vão sempre encontrar um outra maneira para criticar, e o problema desses apátridas que temos aqui nunca foi com o meio ambiente, e sim com o B O L S O N A R O (soletrando) leiam os comentários, estão ADORANDO ver toda essa situação. Já os governos francês, irlandês, alemão entre outros, estão usando essa histeria aqui interna causada por nossa mídia CAPACHO dos gringos, para tirar o… Read more »

Marcelo Danton
Marcelo Danton
10 meses atrás

Vixii! É impressão minha ou esta tendo uma ataque coordenado de petralhas por aqui?! Será que bolso tem razão e estão repetindo o surrado método de terrorismo agro-ecológico como no caso da vassoura de bruxa na Bahia?!

cerberosph
cerberosph
Reply to  Marcelo Danton
10 meses atrás

se informe, essa da vassoura de bruxa foi uma fake new da veja desmentida depois, segundo o cientista da unicamp, a denuncia é é insustentável do ponto de vista científico.

http://observatoriodaimprensa.com.br/codigo-aberto/raridade-na-midia-jornal-desmente-revista/

Caio
Caio
Reply to  Marcelo Danton
10 meses atrás

Ou talvez a política patética dele está levando até mesmo quem votou nele a se opor. E de quebra está fazendo o Brasil virar um pária internacional, é só ver o que os representantes de outras nações estão dizendo. Diferente da Bolívia temos aviões com capacidade de combater incêndio, mas simplesmente não estão sendo usados. Se o tal terrorismo agro-ecológico existisse mesmo, porque ele não está fazendo nada a respeito, além de falar abobrinha na TV?

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Marcelo Danton
10 meses atrás

Não é impressão, não.
É que os minions estão entrando em processo de extinção.
E em processo mais acelerado que a devastação da Amazônia.

Caio
Caio
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Antônio, ainda bem que pelo menos eles (ou parte deles) tem vergonha na cara. Diferente de quem pede soltura de criminoso.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Caio
10 meses atrás

Bem colocado, Caio hehehehe

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás
JPC3
JPC3
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Pela quantidade de dislikes do Antniokings deve ter uns 4 bilhões minios no mundo.

Arariboia
Arariboia
10 meses atrás

Se o governo fosse um pouco mais inteligente pediria apoio aos russos ou americanos para enviar seus aviões tanques. Os Russos tem o Be 200 que caberia perfeitamente para o TO da Amazônia

Jadson Cabral
Jadson Cabral
Reply to  Arariboia
10 meses atrás

Pensei a mesma coisa. Aproveitava o bom relacionamento com os EUA e pedia vários aviões-tanques.

Adriano Madureira
Adriano Madureira
Reply to  Jadson Cabral
10 meses atrás

Até chegarem aqui, iria demorar um tempinho bom, pois não são aeronaves movidas a turbina…

Tomcat4.0
Tomcat4.0
Reply to  Arariboia
10 meses atrás

Exatamente, o Be-200 serviria bacana no TO amazônico, tomara que tenhamos boas notícias nos dias vindouros.

Kemen
Kemen
10 meses atrás

Parabens à Bolivia, pais pobre mas da importancia as catástrofes da natureza, tem uma grande população indigena que da importancia à natureza, exemplo a ser seguido pelos paises do mundo. Tendo em vista os incendios que ocorrem nessa época, deveriamos pensar em adquirir aviões cisterna para apagar incêndios, com a possibilidade de aluga-los ocasionalmente.

Jota Ká
Jota Ká
Reply to  Kemen
10 meses atrás

O índio cocalero está provando que é muito melhor gestor que o capitão pqd. 🙂

Marcos10
Marcos10
Reply to  Jota Ká
10 meses atrás

O índio tá pensando em salvar as plantações de coca. Só isso!!

DomSaf
DomSaf
Reply to  Marcos10
10 meses atrás

Ah bom Marcos, então está tudo bem, não é ? Amazônia vai virar pasto …

Nilton L Junior
Nilton L Junior
Reply to  Marcos10
10 meses atrás

Bem alguém tem que garantir a farinha em pó que é consumida né

Antoniokings
Antoniokings
Reply to  Jota Ká
10 meses atrás

E o Capitão com oito meses de (des)Governo já levou o primeiro panelaço.
kkkkkkkk
Logo , logo vai dançar.

Carlos Ravara
Carlos Ravara
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

O que está ocorrendo é um divórcio entre bolsominions e morominions.

C. César
C. César
Reply to  Antoniokings
10 meses atrás

Para a sua tristeza é o Macron que esta ficando sozinho nesta e que vai dançar:

https://oglobo.globo.com/sociedade/trump-levara-posicao-brasileira-ao-g7-23900742

Beto Santos
Beto Santos
10 meses atrás

Assim como os americanos e europeus fazem nós também poderíamos fazer por exemplo uma compra conjunta de uns 10 KC390 exclusivamente para atender a desastres naturais na América Latina e não precisaria ser com todos os países, poderia ser com o Chile, Peru e outros que fossem confiáveis para as compras das aeronaves e então quando tivesse problemas como este os países que fazem parte da compra pagaria somente os custos já os outros pagariam os custos e algum lucro a mais para atualização e manutenção do sistema, o que vocês acham não seria uma boa pra todos nós?

MATHIAS
MATHIAS
Reply to  Beto Santos
10 meses atrás

uma empresa do Chile já fez pedido para 2 Beriev B-200 com opção de mais 3

Adriano Madureira
Adriano Madureira
Reply to  MATHIAS
10 meses atrás

Chile não é burro…

MATHIAS
MATHIAS
Reply to  Beto Santos
10 meses atrás
Rommelqe
Rommelqe
10 meses atrás

Falando do avião: notar que na foto da matéria há uma região próxima da fuselagem em que parte do fluido dispersado “retorna para cima”. Isso se deve à baixa pressão que qualquer avião induz nesta região e mostra como é importante certificar a aeronave para cada uso que se pretenda dar à mesma. Em incêndios florestais, além de efeitos deste tipo (não que na foto o avião esteja efetivamente numa região de incêndio…) o proprio ar onde a aeronave está voando fica, logicamente, com uma densidade menor – o que pode causar perda de sustentação – , são geradas correntes… Read more »

Welt
Welt
Reply to  Rommelqe
10 meses atrás

EU gostaria de ver um estudo de projeto voltado 100% para esse uso.
Como você explicou, é um dos padrões de vôos mais perigosos que existem.

rommelqe
rommelqe
Reply to  Welt
10 meses atrás

Vejo no KC390 um vetor extraordinário para essa função. Se comprarmos uma versão exclusiva e dedicada a só essa função (veja aquelas opções anfíbias que só servem para isso) ficaria mais caro e menos flexivel em termos operacionais, pois teremos até 28 unidades de KC390, em tese, disponíveis. A minha sugestão é que a FAB adquira uns seis kits embarcáveis do sistema de combate a incêndio (veja no video da materia que o 747 leva uma porrada destes kits, sendo alguns vasos destinados a água e outros a elemento dispersante), o que já nos deixaria com uma frota de “bombeiros”… Read more »

PauloR
PauloR
10 meses atrás

Curioso ver direitista preocupado com uma invasão estrangeira a amazônia pelas grandes potências. Até o ano passado, isso era assunto de esquerdista esquizofrênico. Ate sobre colonialismo estão falando agora. Parece que o jogo virou não é mesmo… kakaka

Thiago Aiani
Thiago Aiani
Reply to  PauloR
10 meses atrás

Quando apontavo Guiana Francesa como uma situação nada agradável; quando apontavo para a presença da OTAN ou do RU na região as respostas eram sempre as mesmas: isso ” é coisa de esquerdistas que adoram o terceiro mundo” . Rsrsrsrs
A brasileira É uma direita sui generis

Defensor da liberdade
Defensor da liberdade
Reply to  PauloR
10 meses atrás

Isso que eu estou percebendo, direitistas são hipócritas como seus contrários esquerdistas, deveriam casar cada direitista com um esquerdista.

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  PauloR
10 meses atrás

Na verdade, PauloR, o alarma sobre a importância da Amazônia e da cobiça mundial acerca dela já é falada e debatida entre militares e setores da sociedade civil desde a década de 1980 ou até antes.

Farroupilha
Farroupilha
10 meses atrás

Mesmo que não fosse o ideal, seria importante no quesito marketing político internacional, termos aviões jogando água na floresta. A imprensa mundial deveria receber a notícia que implantamos ao menos uma Base Operacional Contra Incêndios Amazônicos, dotada de alguns aviões dedicados. 2 ou 3 Canadair Scooper recolhendo e despejando água produziriam imagens contundentes. O mundo hoje vive muito mais de imagens que palavras.
ACORDA! General Heleno.

Fábio
Fábio
Reply to  Farroupilha
10 meses atrás

Acho q tá na hora do General aposentar, não consegue acompanhar o ritmo dos acontecimentos

SmokingSnake 🐍
SmokingSnake 🐍
Reply to  Farroupilha
10 meses atrás

Eles simplesmente iriam ignorar.

Adriano Madureira
Adriano Madureira
10 meses atrás

Incêndios florestais são um fenômeno que ocorrem todos os anos no Brasil, seja por meio intencional ou não. Todos têm deveres e atribuições para lutar contra isso sejam os Estados do norte e do cerrado ou a União. O quê falta também é cooperação entre Estados e seus governadores para combater algo que deveriam anualmente estar esperando, quanto custaria para um grupo de estados adquirir no mínimo duas aeronaves com capacidade anti-incendio para serem usadas mutuamente🤔⁉️ Quanto custaria adquirir uns dois C-130 Hércules, sejam estes seminovos ou novos🤔❓ O cargueiro varia de preço, entre USD 11-30MI,seria certamente um bom investimento… Read more »

rommelqe
rommelqe
Reply to  Adriano Madureira
10 meses atrás

Caro Adriano , pelo menos um C130 da FAB neste momento ja esta sendo mobilizado com seu kit anti-incendio instalado. Esta aeronave, inclusive, ja foi ajudar a combater incendios florestais em outros paises (por exemplo no Chile). Colo a seguir meu comentário anterior a respeito: Vejo no KC390 um vetor extraordinário para essa função. Se comprarmos uma versão exclusiva e dedicada a só essa função (veja aquelas opções anfíbias que só servem para isso) ficaria mais caro e menos flexivel em termos operacionais, pois teremos até 28 unidades de KC390, em tese, disponíveis. A minha sugestão é que a FAB… Read more »

Marcos R.
Marcos R.
Reply to  rommelqe
10 meses atrás
Diego
Diego
10 meses atrás

Não acho que um desse seja efetivo pra toda cobertura de queimadas na Bolívia. No mais boa propaganda esse avião,

nonato
nonato
10 meses atrás

Deveria a Embraer, urgente, inaugurar o KC 390 da FAB nesta configuração imediatamente.
Começar com chave de ouro
Fazer do limão uma limonada.

Carlos Eduardo Broglio Gasperin
Carlos Eduardo Broglio Gasperin
10 meses atrás

A verdade é que existe a possibilidade de estarmos sendo atacados de uma maneira diferente, de dentro ou de fora. O governo demorou para aumentar o nível de alerta.

ghutoz
ghutoz
10 meses atrás

porque no mundo inteiro se chama incêndio florestal e aqui no Brasil se chama queimada?

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  ghutoz
10 meses atrás

Incêndio Florestal leva à entender que foram acidentais e que se alastraram. Isso acontece aqui também, assim como em todo o Mundo. Queimada é quando o incêndio é proposital, normalmente para preparar a terra para cultivo/pasto.

rommelqe
rommelqe
Reply to  Leandro Costa
10 meses atrás

É meu caro, quando ocorre em Portugal ou na California ou na Bolivia o macarrão francófono não fala nada né?

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  rommelqe
10 meses atrás

Claro. Se usa o que estiver à mão para lançar polêmica à ponto de se atingir algum objetivo político. Mas parece que a munição do Macron está se esgotando rápido. Pode ser muito bem que ele mande mais algumas pérolas para esse lado do Atlântico para ver se ganha tração novamente. O governo tem que ficar ligado nisso e responder à altura dessa vez.

SmokingSnake 🐍
SmokingSnake 🐍
10 meses atrás

Onde está tendo o maior incêndio da história do país é na Bolívia, boa parte da fumaça deve ter vindo para cá (como em SP) e falam que era tudo do Brasil. O relatório da NASA diz que a queimada está dentro da média e que em 2010 foi pior, agora onde estava a mídia em 2010???

Carlos Eduardo Broglio Gasperin
Carlos Eduardo Broglio Gasperin
Reply to  SmokingSnake 🐍
10 meses atrás

A mídia estava ganhando muuuuito din din… Nós merecemos estar sempre no 3 mundo pois nós mesmos nos sabotamos.

Azor Barros
Azor Barros
10 meses atrás

Sairam na nossa frente !!

Jhon
Jhon
10 meses atrás

Hércules no Brasil tem o equipamento de combate a incêndio, inclusive já foi enviado ao Chile como ajuda internacional! Não sei por que não usa o mesmo em casa? Política não dá para entender, resolve o problema em casa primeiro depois ajuda os demais.

ecosta
ecosta
10 meses atrás

Podemos explorar ouro, diamante, petróleo, etc.. da Amazônia de forma sustentável.
O que não podemos é transformar a floresta em pasto.
Temos que cobrar do nosso presidente mais responsabilidade no que fala, caso contrário poderemos ter problemas. Talvez até irreversíveis.

Bille
Bille
10 meses atrás

Eu vejo umas paradas que me “revira as tripas”. Mas fazer o quê. Vamos lá. 1- as Forças armadas não precisam desse tipo de equipamento. Quem precisa é a defesa civil. A atribuição de monitorar isso é do meio ambiente/desenvolvimento social. Eles deveriam propor uma parceria com às FA para aquisição e manutenção de 6 sistemas desses, e os custos da operação. Uma mão lava a outra. 2- a guerra da desinformação é a principal a ser travada. O mundo e boa parte da mídia tradicional soltou um monte de fake news… e agora tão correndo atrás por conta da… Read more »

Leandro Costa
Leandro Costa
Reply to  Bille
10 meses atrás

Concordo totalmente.

rommelqe
rommelqe
Reply to  Bille
10 meses atrás

Caro Bilie, não só concordo com as suas colocações como também comentei acima que deveríamos ter uns seis kits anti-incêndio disponíveis…agora, acho a sua idéia quanto a serem arcados pela defesa civil muito boa! Melhor ainda, que tal a França, guardiã das selvas inóspitas, nos doarem?

Pgusmao
Pgusmao
10 meses atrás

O que me irrita demais no Brasil é o amadorismo, tudo precisa acontecer primeiro para resolverem tomar alguma atitude, essa situação de apoio aéreo ao combate a queimadas devia ser rotina da FAB, mas sempre precisa de reuniões, grupo de trabalho, comissão de estudos, viagem para conhecer o sistema X ou Y, quando devia apenas manter 05 aviões equipados, será que é tão difícil???

Welt
Welt
Reply to  Pgusmao
10 meses atrás

Mermão.
Isso se chama país subdesenvolvido.

Renato de Mello Machado
Renato de Mello Machado
Reply to  Welt
10 meses atrás

Então Rússia,EUA,China e Europa por exemplo seguindo sua ótica também são.Pois muitas enchentes,terremotos ou incêndios também acontecem nesses países,e eles demoram a reagir ao ocorrido.Fora acidentes nucleares.

LUIZ C M BRANDAO JR
LUIZ C M BRANDAO JR
10 meses atrás

Ué pelo que foi divulgado pela imprensa brasileira, Inclusive este blog, esses incêndios eram só na Amazônia brasileira ! O problema das queimadas na Amazônia ou em qualquer bioma brasileiro é sério, de difícil abordagem e multidisciplinar. Envolve áreas de difícil acesso e a extensão dos danos ambientais é fruto de décadas de políticas públicas ineficientes. O nosso Banhado do Taim ardeu em chamas no ano de 2013, perdeu quase 6000 hectares e tudo isso aconteceu “mais perto das capitais” e ao lado de um enorme corpo de água. Como se não bastasse, estamos vivendo uma época de crise, com… Read more »