Home Aviação de Ataque Lockheed Martin entrega o 400º F-35 e frota supera 200 mil horas...

Lockheed Martin entrega o 400º F-35 e frota supera 200 mil horas de voo

3769
51
Lockheed Martin F-35A

FORT WORTH, Texas – A frota do caça F-35 atingiu 200.000 horas de voo em operações globais, um marco significativo que demonstra o progresso do programa e a maturidade crescente. Na mesma semana, o Escritório do Programa Conjunto (JPO) F-35 e a Lockheed Martin também entregaram o 400º F-35 de produção.

“O sistema aéreo F-35 é um facilitador chave da nossa Estratégia de Defesa Nacional e oferece as capacidades avançadas e comprovadas de combate que nossos combatentes e parceiros precisam para cumprir os requisitos da missão”, disse o vice-almirante Mat Winter, diretor executivo do Escritório do Programa F-35. “Esta 400ª entrega é um marco significativo para o Programa F-35 que continua a crescer e expandir em todo o mundo. Os esforços de colaboração em todo o JPO, serviços dos EUA, parceiros e indústria permanecem focados em reduzir custos, qualidade e entrega mais rápida cronogramas em todas as nossas linhas de desenvolvimento, produção e manutenção.”

A 400ª aeronave de produção é um F-35A da Força Aérea dos EUA, a ser entregue à Base Aérea de Hill, Utah. O total de produção é composto por entregas de 283 F-35A, 87 F-35B e 30 F-35C. As 200.000 horas de voo incluem todos os F-35s da frota composta por jatos de teste de desenvolvimento, treinamento, aeronaves operacionais e internacionais. Entre as três variantes, aproximadamente 125.850 horas foram voadas pelo F-35A, 52.410 horas pelo F-35B e 22.630 pelo F-35C.

“Esses marcos são um testemunho das equipes conjuntas governamentais, militares e industriais projetando, construindo, sustentando, mantendo, operando e pilotando os F-35s em todo o mundo”, disse Greg Ulmer, Vice-Presidente da Lockheed Martin e Gerente Geral do Programa F-35. “O F-35 está oferecendo recursos de transformação para o combatente e, a cada entrega e em cada hora de voo, o programa fica mais inteligente, madura e mais eficiente”

Até o momento, 400 caças F-35 foram entregues e agora estão operando a partir de 17 bases em todo o mundo. Mais de 780 pilotos e mais de 7.500 mantenedores são treinados. Dez nações estão pilotando o F-35, oito países têm F-35 operando a partir de uma base em sua terra natal, sete serviços declararam a capacidade operacional inicial e três serviços anunciaram que seus F-35s foram usados ​​em operações de combate.

FONTE: Lockheed Martin

51
Deixe um comentário

avatar
8 Comment threads
43 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
28 Comment authors
paddy mayneCoutinhoEdison Castro DurvalMarcosAlison Lene Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
sergio
Visitante
sergio

400 ABACAXIS entregues……….

Thiago Telles
Visitante
Thiago Telles

Kkkkkkk

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

A Revista Business Insider fez uma enquete que apontou o F-35 como um dos cinco maiores fracassos da indústria militar atual.
Junto dele estava o navio da Classe Zumwalt e o alegado canhão eletromagnetico.
O que esses três têm em comum? Caríssimos e ineficientes.

Gabriel Galdino
Visitante

“Enquete”.

Marcos
Visitante
Marcos

Bem, se o F-35 é um fracasso com 400 aviões produzidos e centenas de encomendas, o que dizer do SU-57?

Leitor Sincero
Visitante

Fatality

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Como dizem por aí: ‘A única coisa invisível no F-35 é a etiqueta de preço’.

Victor Filipe
Visitante
Victor Filipe

Não respondeu…

AMV2013
Visitante
AMV2013

Todas as nações que o escolheram são idiotas, espertos são uns e outros que provavelmente nem pilotos devem ser e se julgam profundos conhecedores!!! Problemas existem? Com certeza, porém qual sistema revolucionário é simples ou barato? Não adianta ficar na torcida contra, já é um sucesso e veio pra ficar.

paddy mayne
Visitante
paddy mayne

Difícil acreditar que nações sérias e com grande respeito à grana do contribuinte comprariam o avião somente para agradar os EUA. Se quisessem realmente agradar ao tio Sam, cumpririam a meta de orçamento em defesa estipulada pela OTAN. Acho que, apesar dos pepinos, realmente acreditam na capacidade da aeronave. Até a Polônia cogita a compra do F-35. Aliás, acho que hoje a Polonia é o maior obstáculo a qualquer aventura russa na europa central, muito mais que a assustada Alemanha.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Quantidade de vendas não exime de erros, talvez insanáveis, no projeto. Vide o F-104.
Ademais, quase todas as vendas são para os próprios americanos.
Melhor abafar o caso.

Pampapoker
Visitante
Pampapoker

Exemplo mig21. Vendeu pra chuchu, mas foi derrubado aos montes.

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

O F-4 era também considerado um bom avião, mas foi abatido às pencas. Inclusive por aviões menos capazes que o Mig-21.
O que importa é que o sexagenário Mig-21, nos estertores de sua gloriosa existência, colocou um F-16 na sua extensa lista de abates.
Isso é realmente muito interessante.

Pampapoker
Visitante
Pampapoker

Interessante e a foto do F16 abatido.

paddy mayne
Visitante
paddy mayne

A maior glória do MiG-21: O alvo aéreo produzido em maior número na história.

Victor Filipe
Visitante
Victor Filipe

MiG-21 entra com mérito no quadro de uma das piores aeronaves da historia.

Evgeniy (RF).
Visitante
Evgeniy (RF).

Marcos Com o SU-57 está tudo bem, ele está se preparando para a produção em série. Em princípio, há oito anos, o número aproximado de necessidade era então chamado de Força Aérea Russa, em uma aeronave desse tipo, a saber, 450 unidades. Quanto às comparações quantitativas do lançamento do F-35 e do SU-57, essa é a conversa habitual, que nada tem a ver com a realidade. Os Estados Unidos, ao contrário da Rússia, nunca em toda a sua história, experimentaram uma crise como a crise do colapso da URSS. Essa crise é muito mais profunda que a grande depressão. Se… Read more »

Alison Lene
Visitante
Alison Lene

vdd pura e quem negativou é desprovido de mais simples bom senso e raciocinio

Marcos
Visitante
Marcos

A crise da URSS se deu pelo simples fato de ter um sistema político utópico, tal como cuba, venezuela, coréia do norte( em crise eterna, idem cuba) , e a china nesta década abandona de vez a obrigatoriedade de ter uma empresa multinacional com sócio chines, devido a ineficiência das empresas públicas( isso dito pela cúpula do partido popular da china) . No mias é pesquisa, investimento e fazer a coisa bem feita. O resultado aparece. O resto é blá, blá, blá.

Evgeniy (RF).
Visitante
Evgeniy (RF).

Eu disse sobre a URSS, não sobre seu sistema político, que na realidade diferia do cubano e especialmente do venezuelano. E o contexto do fato de que após o colapso da URSS foi seguido por uma grande crise econômica, que terminou apenas em 2004 aproximadamente. Consequentemente, um golpe foi atingido no complexo industrial de defesa da Rússia. Incluindo a aviação. Naturalmente, a Rússia não teve tal oportunidade a tempo de responder a novas aeronaves americanas. Naquela época, não havia aviões.

paddy mayne
Visitante
paddy mayne

E o colapso da URSS foi culpa de quem? Não vá fazer como os vermelhinhos brasileiros que sempre arrumam uma desculpa para justificar seus fracassos.

Fernando Vieira
Visitante

Sei não, mas muita empresa aí, principalmente as aeroespaciais gostariam muito de fracassarem com 400 unidades entregues e um monte de outras encomendadas

Pampapoker
Visitante
Pampapoker

Eu e quem estiver no seu caminho,com certeza não quer ser alvo dessa ineficiência.

carvalho2008
Visitante
carvalho2008

Pode ser um fracasso para os americanos, mas apenas em termos de expectativa de projeto. como arma, ainda não tem equivalentes como quantidade produzida, tambem terá uma quantidade bem razoavel. para cliente externo, pode ser um sucesso, pois comprará um produto top sem ter de necessariamente ter investido no projeto. poderá ficar listado na lista dos projetos problematicos, mas não do fracasso. querendo ou não, somente o F-22 é superior….então, dependendo de como seja adquirido e usado pelos demais clientes, nada, absolutamente nada dos problemas de projeto impactam nesta categoria de clientes….o unico problema de fato residual, será a persistencia… Read more »

Jagderband#44
Visitante
Jagderband#44

Só fala a palavra “fracasso” quem não tem a mínima noção de mercado ou como funciona o comércio, no caso, de armas, mais especificamente aviões de combate. Se tem a mínima noção, então é mal resolvido com suas convicções ideológicas ou ainda pior, mau-caráter.

Bosco
Visitante
Bosco

Antonio, Sinônimo de sucesso pra você é o S400 que nunca abateu nem urubu mas você o julga o mais fodástico sistema de defesa antiaérea e antimíssil do mundo. O F-35 é um exemplo de sucesso e será construindo aos milhares e atuará até 2060 pelo menos. A classe Zumwalt é um fracasso do ponto de vista da sua implantação em larga escala já que se previam 24 e apenas 3 foram construídas, mas representam o mais avançado sistema de guerra naval já implantado com capacidade de geração de energia elétrica 10 x maior que a de um Arleigh Burke.… Read more »

Evgeniy (RF).
Visitante
Evgeniy (RF).

Que tipo de adversário formidável derrotou o F-35, ao contrário do s-400? Sbroisl em alguém uma bomba e no Afeganistão, no inimigo que não pode responder. Como não é um sucesso particularmente impressionante. Ou do mar caiu sdb na posição da Síria? Além disso, para dizer o mínimo, o sucesso não é impressionante.

Munhoz
Visitante
Munhoz

Quando vejo este tipo de discussão, sendo que vc Bosco é um verdadeiro mestre no entendimento e já aprendi muito com vc, fico pensando 🤔 que parece mais uma torcida de futebol ⚽️ com corintiano de um lado e palmeiras de outro! Pensem bem vcs acham que o pessoal da LM são tolos, acham que todos os recursos investidos foram à toa ? Com o F 16 foi até pior, chamaram de Mig 21 turbinado etc Acham também que a Rússia 🇷🇺 é um país com menos capacidade que Israel ? Mesmo sendo o segundo país com mais capacidade técnica… Read more »

Pedro
Visitante
Pedro

Seria impressionante e prova do sucesso do programa SE não houve mais de 2k ou 3k itens problemáticos ou que necessitem de solução por aeronave!! Ou seja, se foram entregues 400, ha nada mais do que 1.200.000 itens a serem reparados e/ou resolvidos. Aja tempo e $$ para tudo isso…..

Leitor Sincero
Visitante

Por gentileza, você pode nos brindar com a fonte dessa informação?

Antoniokings
Visitante
Antoniokings
Leitor Sincero
Visitante

2.769 RELATÓRIOS de deficiência.
Não sabia que deficiência era sinônimo de problema.
Mas para refutar argumentos qualquer coisa vale..

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Sinônimos de deficiência:

Carência:
1 escassez, curteza, carência, privação, falta, lacuna, míngua.

Insuficiência física ou intelectual:
2 défice, déficit, incapacidade, insuficiência.

Imperfeição:
3 defeito, deformação, deformidade, disformidade, falha, imperfeição, má-formação, malformação.

Leitor Sincero
Visitante

Não nesse contexto.
Basta avaliar o relatório completo.

Jagderband#44
Visitante
Jagderband#44

mau-caráter

Victor Filipe
Visitante
Victor Filipe

Essa matéria que você postou é de 2018 essa aqui é de maio desse ano. eles já tinham resolvido mais de 800 problemas (a maioria são com o software da aeronave e estão sendo resolvidos.)

Os 900 problemas são entre as 3 versões da aeronave ou seja. um problema pode estar no C e B e não estar no A e estar no A e C e não estar no B e por ai vai.

Se vai usar algo para criticar use algo mais recente e seja mais crível.

https://www.aereo.jor.br/2019/05/09/f-35-gao-informa-novos-problemas-e-custos-continuam-a-crescer/

Leitor Sincero
Visitante

Sputnik?

Augusto L
Visitante
Augusto L

Os maiores problemas do desenvolvimento problematico do F-35 já foram sanados, os problemas de agora, são comuns mais comuns de um avião que acabou de sair de fábrica, todos novos projetos de aviões passam por isso sem exceções.
Se pegar a historia da serie Teen por exemplo, verá o mesmo.

Salim
Visitante
Salim

Com 400 entregas, pedidos as centenas e 80 milhões USS preço, já esta garantido sucesso comercial. Tecnicamente ( no papel ) só tem F22 como superior. Vamos acompanhar operação do mesmo para ver se entrega tudo que prometeram.

Carlos Gallani
Visitante
Carlos Gallani

Superior em superioridade aérea diga-se de passagem, as duas aeronaves não atuam exclusivamente no mesmo nicho!

Gabriel
Visitante
Gabriel

Quanto tá custando o pacote completo do f-35?

Antoniokings
Visitante
Antoniokings

Caro. Caríssimo.
E não fazem devolução de dinheiro em caso de insatisfação do cliente com o produto.

Jagderband#44
Visitante
Jagderband#44

Bom mesmo é o pacote do SU-57, ops, não existe disponível kkk.

Victor Filipe
Visitante
Victor Filipe

A Aeronave modelo A ta na casa dos 90 Milhões. o “pacote” completo vai variar dependendo do que você quer nesse pacote. e ai pode ficar beeeem caro mesmo.

Washington Menezes
Visitante
Washington Menezes

Se considerarmos o tempo de desenvolvimento e extrapolarmos um período igual para o nosso Gripen, não poderemos achar nada demais estarmos lá por 2030 ainda em desenvolvimento.

Antunes 1980
Visitante
Antunes 1980

O sucesso deste vetor é inevitável. O que disse anteriormente, com absoluta certeza, hoje em Nova Iorque e Los Angeles tem mais comunistas/socialistas do que em Moscou ou em São Petersburgo. A turminha da foice e do martelo, da sua arquibancada vermelha, como sempre atuando na lógica do quanto pior melhor, não se cansa de criticar diariamente o F-35. Mas isso não adianta, o sucesso já é garantido. Israel tem utilizado amplamente, e seus pilotos são só elogios. Serão mais de 4.000 unidades entregues no projeto todo. Quem tiver um pingo de bom senso, notará que 90% das notícias negativas… Read more »

Lucianno
Visitante
Lucianno

Concordo!

Carlos Gallani
Visitante
Carlos Gallani

Não coloco uma vírgula no seu comentário e reforço, 4000 mil unidades, chega dar dó “daqueles” críticos!

Marcos
Visitante
Marcos

No último redflag o F-35 esmagou a concorrência, no mesmo nível do F-16 fez quando estreou. taxa de 20 contra 1. Simplesmente um problema…. para a concorrência.

Edison Castro Durval
Visitante
Edison Castro Durval

Minha curiosidade é como que ele foi derrubado, afinal ele não deveria ter um placar de 20 x 0????
O Deus sangrou e se sangrou pode ser derrotado!

Coutinho
Visitante
Coutinho

Não existe avião de combate no mundo que seja invencível. Vide o F-117 que passou ileso pelas defesas do Iraque e sabe onde mais. E somente 1 foi derrubado. O placar de 20 x 1 é uma surpresa porque somente 1 F-35 foi abatido, o que por sí só já é uma tremenda vitória.