Mapple-Flag-manutencao-Rafale-foto-2-Forca-Aerea-Francesa

Mecânicos que normalmente atendem apenas um tipo de aeronave estão trabalhando juntos nos dois modelos de caça, durante o exercício realizado no Canadá

Na quarta-feira, 22 de junho, a Força Aérea Francesa divulgou belas imagens, além de algumas informações pontuais, sobre o trabalho de manutenção e remuniciamento realizado em oito caças Rafale e Mirage 2000-5 que participam do exercício Mapple Flag, no Canadá.

Desde o início do exercício, que ocorre na Base Aérea de Cold Lake, cerca de 100 mecânicos (homens e mulheres) trabalham nos oito caças, sendo quatro aeronaves Rafale do Esquadrão “Gascogne” e quatro Mirage 2000-5 do “Cigognes”. O planejamento é para duas saídas diárias das aeronaves, mas com frequência ocorre uma terceira saída, a chamada “Extra Wave”, o que aumenta a carga de trabalho do pessoal e a necessidade de rapidez. Os voos são realizados durante o dia, e com a terceira saída, o tempo para realizar toda a manutenção necessária entre as surtidas é restrito a duas horas.

Mapple Flag - manutencao Rafale- foto Forca Aerea Francesa

Apesar de normalmente trabalharem num único tipo de aeronave, neste exercício os mecânicos trabalham misturados na manutenção e remuniciamento dos dois modelos de caça, que têm toda uma geração de diferença quanto à manutenção. No ano passado, essa doutrina de misturar os mecânicos foi treinada com desdobramentos entre as bases de Luxeuil e Saint-Dizier (respectivamente, onde estão abrigados os esquadrões de Mirage 2000-5 e de Rafale que participam do exercício no Canadá).

Mapple-Flag-manutencao-Rafale-e-M2000-5-foto-Forca-Aerea-Francesa

Nas imagens, pode-se ver a instalação nos caças Rafale de bombas de exercício combinadas a sistemas de guiagem por laser, para os lançamentos na área de tiro. Entre as missões, os caças também são remuniciados com despistadores de mísseis (chaff e flare).

Mapple-Flag-remuniciamento-Rafale-foto-2-Forca-Aerea-Francesa

VEJA TAMBÉM:

15
Deixe um comentário

avatar
15 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
10 Comment authors
Reinaldo DepreraRicardoJustin CaseFernando "Nunão" De MartiniFresney Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Jakson de Almeida
Visitante
Jakson de Almeida

Mas que grande cagad@ a Dasault fez em encerrar a produção do M-2000.

Oganza
Visitante
Oganza

A CFB Cold Lake é uma coisa gigante para os padrões Brasileiros, além de abrigar um aeroporto regional, ser o Centro de Treinamento de Verão para os Cadetes e abrigar o Cold Lake Air Force Museum que eu conheci em julho de 2004 durante o Cold Lake Airshow. Durante esses eventos maiores é liberado por uma semana uma área de camping no setor nordeste da base… uma maravilha… sem falar que a área dos restaurantes da base são ampliadas (alugadas) para o pessoal de fora para comercializar os seus produtos, e vc fica lá comendo com os pilotos, mecânicos, a… Read more »

Oganza
Visitante
Oganza

As operações civis em Cold Lake tem aumentado significativamente nos últimos 10 anos e tende a aumentar ainda mais pelo crescimento da indústria de exploração de areias betuminosas (petróleo espremido da areia).
Grande Abraço.

Delmo Almeida
Visitante
Delmo Almeida

Lindo!!! A operacionalidade da Força Aérea Francesa é impressionante!!! Considerando o orçamento, idade dos meios (Rafale ok, mas Mirage e os F1 que saíram de operação tem uns 2 anos ainda estavam sendo bem usados) e a quantidade de desdobramentos que eles fazem…

Oganza
Visitante
Oganza

Delmo Almeida, que operacionalidade que nada… só estão lá pq o Canadá está querendo colocar o F-35 no telhado… tão é fazendo propaganda… mas quando tem os exercícios “mais sérios” na CFB Goose Bay por exemplo, que na verdade é uma instalação mantida praticamente pela OTAN, veja quantas vezes os franceses estão lá… a média é de 1/5 e quase sempre com 2 aeronaves. – Não estou dizendo que eles estejam errados (no MKT), mas não é essa Coca toda ai não. Como por exemplo quando foram para a Red Flag e fugiram do script das operações para ficarem escutando… Read more »

Roberto F Santana
Visitante
Roberto F Santana

Prezado Oganza,

Fiquei lhe devendo uma resposta mais precisa sobre o BLC.
Veja o caso do ShinMaywa US-2, a aeronave usa uma pequena turbina para o BLC, na verdade um motor que alguns helicópteros usam. Note também que o avião tem todas as superfícies de controles com BLC, até mesmo o leme!
Por favor, não fique na obrigação de comentar sobre esse assunto, mesmo porque esse assunto já é um off-topic.
Em sua atenção passo um link com mais informações:

http://www.shinmaywa.co.jp/aircraft/english/us2/us2_capability.html

Oganza
Visitante
Oganza

Obrigado Roberto,
vou salvar aki e ler depois… estou viajando e só estou postando quando vejo alguns “disparates” do meu ponto de vista pelo menos… ai eu não resisto 🙂
Grande Abraço.

vicente de paulo
Visitante

força operecional mista! uso correto.

Delmo Almeida
Visitante
Delmo Almeida

Oganza, eu concordo com tudo que você disse dessa questão do MKT e tal ser o único motivo pra esse deslocamento. Meu comentário foi mais genérico e menos quanto à notícia propriamente dita. Digo comparando com o que ta acontecendo na Alemanha e alguns sinais no RU (caso bem equilibrado, mas não acho que estão superando tão bem o corte orçamentário). . Eles estão com 6 Rafales operando de Al Dhafra pra bombardear o EI, 6 Mirage 2000D na Jordânia com o mesmo objetivo e serão substituídos por 6 Rafales mais as aeronaves de apoio (REVO, Atlantique 2 e tal),… Read more »

Fresney
Visitante
Fresney

Posso estar enganado, mas com 8 GRIPEN talvez esses 100 mecânicos cairia para 50 ou menos. Comentários????

Justin Case
Visitante
Justin Case

Olá, Fresney. Acho que a comparação direta que você sugeriu não é adequada. Embora o número total de aviões deslocados possa ser igual, Mirage e Rafale são aviões de concepção e gerações diversas, que exigem recursos humanos com diferente treinamento. Carregar o mesmo armamento em aeronaves diferentes pode ser feito pelas mesmas equipes, mas esse conceito não pode ser estendido diretamente para todas as outras áreas de apoio. . Sobre a redução do rastro logístico (equipamentos de apoio no solo, pessoal de manutenção, espaço ocupado pelas atividades de apoio, peso de material deslocado) as maiores restrições existentes estão na operação… Read more »

Ricardo
Visitante
Ricardo

Ainda acho que descontinuar a produção do Mirage 2000 foi uma imensa burrada.

Oganza
Visitante
Oganza

O verdadeiro erro dos croissant não foi ter descontinuado o M-2000, isso foi um “erro”digamos: menor Seu erro foi na verdade não ter uma melhor boa vontade política em construir/desenvolver um verdadeiro AC Europeu junto com seus vizinhos… se isso tivesse ocorrido os Britânicos provavelmente não estariam enrolados no F-35 e provavelmente teríamos, com boa vontade política, uma Classe de Porta Aviões CATOBAR Europeu hj e até uma classe de LHDs e AOA tb Europeus… O projeto da Fortaleza Europa é uma barca furada corrupta e falida na base do discurso para a torcida mas internamente acaba sendo cada um… Read more »

Reinaldo Deprera
Visitante
Member
Reinaldo Deprera

A liberdade é azul para Juliette Binoche e Brexit para o povo.
Au revoir UE.

Save Ferris!