Legacy_500_FlexJet_LondonCityAirport-6_2100x1400_300_RGB

Londres, Inglaterra, 20 de maio de 2016 – A Embraer Aviação Executiva e Flexjet demonstraram hoje a capacidade de aproximação íngreme do jato executivo Legacy 500 para operação no aeroporto de London City (LCY), na capital da Inglaterra. A recente aprovação da aeronave para essa operação seguiu uma extensa campanha de testes em voo que incluiu decolagens e pouso em aproximação íngreme para atender os estritos padrões técnicos e ambientais do aeroporto.

O Legacy 500 que desempenhou a demonstração é a aeronave que celebra o milésimo jato executivo produzido pela Embraer e recentemente entregue para a Flexjet. Este é o quarto Legacy 500 a compor a frota da Flexjet e faz parte de um contrato firme que inclui ainda o Legacy 450.

“O Legacy 500 já provou seu desempenho excepcional e agora também conquista a autorização para voar a partir do aeroporto de London City, podendo alcançar destinos tão distantes quanto a Arábia Saudita ou Canadá,” disse Marco Tulio Pellegrini, Presidente da Embraer Aviação Executiva. “Essa nova capacidade de operação no coração financeiro de Londres, um dos mais movimentados centros de aviação executiva da Europa, oferecerá aos clientes uma flexibilidade adicional no melhor jato da categoria. Parabenizo aqui a Flexjet por ser o primeiro operador de Legacy 500 em London City.”

O aeroporto de London City tem funcionado nos mais exigentes padrões de gerenciamento de ruídos de qualquer aeroporto do Reino Unido desde a sua inauguração em 1987. Sua pista curta, aproximação íngreme e ângulo de decolagem, além de controles adicionais de operação, o diferencia de muitos outros aeroportos, requerendo uma certificação especial para cada aeronave que voe para o local.

“O aeroporto de London City, com o seu fácil acesso ao distrito financeiro da cidade, é um importante destino para os clientes da Flexjet que está fazendo crescer nossa oferta de serviços internacionalmente”, disse o CEO da Flexjet, Michael Silvestro. “O Legacy 500 é uma aeronave extraordinária com capacidade para missões específicas, o que a faz ideal para o aeroporto de London City.”

“Nós da Flexjet estamos comprometidos em assegurar que nossas aeronaves causem o mínimo impacto ambiental ou às comunidades que servimos,” disse o Diretor Internacional da Flexjet, com base em Londres, Raymond Jones. “O Legacy 500, com seu baixo nível de emissões e alta capacidade para atender rigorosos limites de ruídos, é a aeronave perfeita para servir London City.”

Sobre o Legacy 500

O Legacy 500 tem a melhor cabine de passageiros da sua categoria, com 1,83m de altura, que é similar às de algumas aeronaves na categoria super midsize. Oito poltronas podem ser convertidas em quatro leitos para repouso completo em uma altitude equivalente de cabine de 6.000 pés. O sistema de entretenimento a bordo inclui vídeo de alta definição, som surround, várias opções de entrada de áudio e vídeo, sistema de gerenciamento de cabine e três opções de comunicação e transmissão de dados, permitindo inclusive acesso à internet.

O Legacy 500 é o primeiro jato midsize totalmente equipado com sistema de comandos de voo digital, baseado na tecnologia fly-by-wire, com manche lateral de controle (sidestick) e a suíte de aviônicos Rockwell Collins Pro Line Fusion em quatro telas planas LCD de alta resolução, de 15 polegadas, completamente digital, com planejamento gráfico de voo, além de opções como autobrakes, e o E2VS (Embraer Enhanced Vision System), o qual combina o Head Up Display (HUD) e o Enhanced Vision System (EVS).

O Legacy 500 é capaz de voar a 45.000 pés (13.716 m) de altitude e é equipado com dois motores Honeywell HTF7500E, os mais ecológicos de sua classe. Decolando de uma pista tão curta quanto 4.084 pés (1.245 m), o Legacy 500 tem um alcance de 3.125 milhas náuticas (5.788 quilômetros), com quatro passageiros a bordo, nas condições NBAA IFR.

DIVULGAÇÃO: Embraer

31
Deixe um comentário

avatar
30 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
15 Comment authors
JT8DFernando "Nunão" De MartiniRinaldo NeryMarceloMauricio Veiga Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Maria do Carmo Lacoste
Visitante
Maria do Carmo Lacoste

“Só” monta.

Carlos Crispim
Visitante
Carlos Crispim

Bonitão o bicho, se tivesse bala comprava…

Edcarlos
Visitante
Edcarlos
Farroupilha
Visitante
Farroupilha

Edcarlos 20:54, Ótimo vídeo para se ver a qualidade interna do Legacy 500. Espaço é o que não falta, até na cabine de comando.

Aqui em São Paulo os aviões voando são quase sempre da Boeing, Airbus ou Embraer, nem se precisa dizer quais os mais bonitos.
A elegância e beleza dos aviões Embraer cortando o céu paulistano é sempre um privilégio e prazer de serem vistas.
Sendo que a qualidade e confiabilidade deles é um sonho de consumo de muitos.
Um dia a gente chega lá. Eita!!

EParro
Visitante
EParro

Alivia a alma quando coisas boas dão certo! É pouco mas, hoje em dia, parece tanto.

Mauricio R.
Visitante

Para quem tiver a curiosidade em consultar a página em inglês, do London City Airport na Wikipédia: “Mid-range airliners seen at London City include the ATR 42 (both −300 and −500 variants), ATR 72, Airbus A318, Bombardier Q400, BAe 146/Avro RJ, Dornier 328, Embraer ERJ 135, Embraer 170, Embraer 190 and Fokker 50. On 30 January 2009, trials were completed successfully with the ATR 72–500, leading to its approval for use at the airport. The Embraer 190SR underwent trials from 28 March 2009, and thereafter gained approval. The Fokker F70, BAe Jetstream 41, Saab 340 and Saab 2000 also have… Read more »

Maria do Carmo Lacoste
Visitante
Maria do Carmo Lacoste

Across do México anuncia a compra de 23 jatos executivos da Embraer, incluindo 8 Legacy 500, 8 Phenom 300 e sete Phenom 100.

Luiz Fernando
Visitante
Luiz Fernando

Uma conquista… quem é do ramo sabe que esta certificação de operação em London City é importante e não pode ser dada a qualquer aeronave. Algumas precisam de alterações e outras nem são aptas.

Ele não é o único, mas ser aprovado é uma conquista sim.

Aliás, o primeiro 190E2 está, neste momento… realizando seu primeiro vôo.

Mauricio R.
Visitante

“…quem é do ramo sabe que esta certificação de operação em London City é importante e não pode ser dada a qualquer aeronave.”
.
Somente no extrato da Wikipedia aparecem ao menos 20 aeronaves diferentes, homologadas a operar em LCY, o que desmente a pseudo exclusividade que se pretende atribuir a esta certificação.
Quem é do ramo, sabe disso.

Luiz Fernando
Visitante
Luiz Fernando

Ele está certificado para operar London City… isso é ótimo… um bom selling point. Que venham muitas vendas. A linha de montagem tá bombando!!! O que me interessa são as conquistas… mais uma… aliás hoje tivemos várias. Vendas da aviação executiva, certificação London City para o Legacy 500, e um excepcional primeiro vôo do 190E2. Um dia para se comemorar… Pena que alguns não irão compartilhar dessa alegria. Muita gente trabalhou duro, muito duro para tudo isso acontecer. É uma longa jornada, que ainda está longe de terminar. Mas essas realizações mostram a enorme competência da equipe. Equipe formada por… Read more »

Marcos
Visitante
Marcos

Parabéns à Embraer por mais a essa conquista!!!

Marcos
Visitante
Marcos

Sim, várias aeronaves pousam em London City. A Embraer aproveitou o feito para promover sua aeronave.

Gustavo
Visitante
Gustavo

Agora pensa. Se a Embraer pode fazer uma belezinha dessas entao pode fazer uma bela ave de rapina tambem!

Mauricio Veiga
Visitante

Gustavo, poder ela até pode, mas o problema seria o “recheio” da tal ave, aeronave militar é outra coisa, lembre-se do “Osorio” da Engesa …

Abraço.

Mauricio R.
Visitante

“Se a Embraer pode fazer uma belezinha dessas entao pode fazer uma bela ave de rapina tambem!”
.
Não há competência, sequer p/ emular o conceito do “Airland Scorpion”.

Marcelo
Visitante

quem eh do ramo sabe que nao eh qualquer aeronave que opera em London City ao contrario do que o Embraer hater quer propagar.

Mauricio R.
Visitante

Quem é do ramo sabe que há no mercado 20 ou mias modelos distintos de aeronaves, que são homologadas para operar em LCY, ao contrário do suposto ineditismo que a Embraer pretende dar a certificação de sua aeronave.
O Legacy 500 operando em LCY, é somente “+ um” a faze-lo, não há nada de inédito nisto.

Marcelo
Visitante

eu tive a paciência de ler o texto novamente para procurar onde ou quem d Embraer disse que era um fato inedito a operação em London City. Realmente é muita implicância. Sem condições….

Luiz Fernando
Visitante
Luiz Fernando

Marcelo… releve… é trolagem pura.

Mauricio R.
Visitante

Igual a você.

Luiz Fernando
Visitante
Luiz Fernando

Uia… estressou perdeu!!!! Continue aí buscando notícias negativas da Embraer ou positivas de seus concorrentes. O que eu acho legal ė que a pessoa aqui que mais torce pelo sucesso empresa ė você… pois sem ela voce perde sua razão de viver…

Rinaldo Nery
Visitante
Rinaldo Nery

Expert de Wikipedia, o nosso amigo. Não é você, Luiz.

Mauricio R.
Visitante

Dependendo da platéia, a Wikipédia é mais do que suficiente.

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Maurício R, Rinaldo Nery, Marcelo e Luiz Fernando, dá pra voltar a debater civilizadamente? É tão difícil assim? . E um recado especificamente ao Maurício: a sua postura de jogar provocações no ar só para depois sofrer os ataques e retrucar já esgotou a paciência de todos, e está prejudicando o debate cada vez mais. Há anos isso vem acontecendo, e sua postura só tem piorado, eclipsando as boas contribuições que você faz eventualmente, quando foca no debate dos temas ao invés das provocações bobas. . Pedimos que reveja esta sua postura, que só vem gerando bolas de neve de… Read more »

Mauricio R.
Visitante

Não joguei provocação alguma, mas tão somente mostrei que a operação em LCY não é assim tão especial, quanto o press release pretendia fazer crer.
Ato contínuo, fui execrado pela claque de baba-ovos e o seu proselitismo descarado.
Se vocês os administradores do blog desejam o debate, cobrem da claque de baba-ovos o mesmo.

JT8D
Visitante
JT8D

Mauricio R. 25 de maio de 2016 at 14:28
Ao ofender os que discordam de você chamando-os de “claque de baba-ovos”, você mostra o quanto está interessado no debate

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
Famed Member

Maurício, você é um cara inteligente, então não subestime a inteligência dos editores do blog. . Não vemos apenas um caso específico como este do que escreveu ou não sobre a operação no aeroporto em questão, mas o conjunto da sua obra por aqui, assim como comentários recentes em outras matérias. Há anos você tem a postura de lançar provocações aqui e ali, só esperando para ser respondido e virar vítima, e aí ofender aos demais, como acabou de fazer agora. . Por conta disso, outros até antecipam o que você vai dizer, provocando também, o que gera uma bola… Read more »

Mauricio R.
Visitante

JT8D 25 de maio de 2016 at 14:33
.
E você, está participando deste debate????

Mauricio R.
Visitante

OFF TOPIC…, mas nem tanto!!!!
.
Aprovação para aproximação íngreme, do “Superjet” prevista para 2017:
.
“Sukhoi foresees the Superjet 100 being certificated for steep landing approaches at London City airport in 2017.”
.
“The Russian manufacturer’s civil aircraft divisional president Ilya Tarasenko confirms this target, noting the regional airliner will require modifications – including installation of winglets and software changes – for operations from the UK capital’s downtown gateway.”
.
“Hardware design has been completed, he says, and existing aircraft can be retrofitted with the additional equipment.”
.
(https://www.flightglobal.com/news/articles/superjet-steep-approach-approval-targeted-for-2017-425730/)

JT8D
Visitante
JT8D

JT8D 25 de maio de 2016 at 14:33
.
E você, está participando deste debate????
————————————————————–

Você me permite?

Mauricio R.
Visitante

Não sou dono do blog, veja c/ os administradores.