quarta-feira, outubro 20, 2021

Gripen para o Brasil

Array

Incidente com Sukhoi T-50: atualização

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

T-50 fire - 1

As fotos mostram como ficou o Sukhoi T-50 depois do incêndio na tomada de ar direita hoje pela manhã. Segundo informações divulgadas na Internet, a aeronave estava fazendo um voo de demonstração para uma delegação indiana, quando o sistema de comunicação de bordo parou de funcionar. Em seguida, soou um alarme no painel indicando ao piloto que havia problemas com o motor direito da aeronave. O piloto desligou o motor e passou baixo balançando as asas para avisar à torre de controle que havia problemas na aeronave e que ele iria pousar.

Após o pouso, o piloto optou pela pista de táxi mais próxima e desligou o motor esquerdo, quando a torre avisou que ele deveria sair da aeronave imediatamente. O piloto então percebeu que havia intensa fumaça preta saindo da entrada de ar direita. Sem esperar pela escada de descida, o piloto abriu o canopy, saltou e saiu correndo uns 100 metros, depois de ver uma poça de combustível debaixo do avião pegando fogo.

T-50 fire 2

FOTOS: dementievskiy.livejournal.com

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

28 Comments

Subscribe
Notify of
guest
28 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Guizmo

Muito curiosa a divulgação da notícia e das fotos….e aparentemente o preparo do piloto é melhor que do avião 🙂

Oganza

Isso se chama osmar… osmarcontato.

Normal acontece nas melhores famílias, rsrsrs quem lembra do F-22 fazendo um voo de demonstração para a impresa, quando teve um problema no FBW e teve que pousar de barriga?

O pior que essas coisas acontecem justo quando vc tem visita…. kkkkk.

Sds.

Marcelo Pamplona

Boa tarde a todos!

Continuo com a “pulga atrás da orelha” quanto ao T-50 (PAK-FA)… já vi postagens de colegas mostrando montagens da aeronave levando mísseis numa “baia central”…

Entretanto, até hoje, de todas as fotos reais que vi, não me recordo de nenhuma que comprovasse a sua existência, afinal de contas, até mesmo os chineses já fizerem isso*:

http://www.aereo.jor.br/2013/07/16/a-baia-de-armas-do-caca-stealth-chines-j-20/

Então, fica a pergunta: “o russo tem ou não tem esse trem”?

Quem puder ajudar com algum link e/ou foto, eu agradeceria!

Sds.

* Sim, eu sei, ser operacional são outros 500…

Vader

Soltou pecinha, rsrsrsrs… 🙂

juarezmartinez

Pode ter sido um vazamento de combustível junto a bomba de pressurização dos sistema de alimentação de combustível.

Grande abraço

Baschera

Estão mudando… décadas atrás jamais saberíamos deste fato… deste incidente,

Sds.

Baschera

O piloto é gaúcho e esqueceu das brasas do carvão na churrasqueira interna…. como se usa a turbina para “iniciar o fogo”…deu nisto… rsssss !!

Sds.

Nick

Uma foto dessas mais o relato nunca veríamos alguns anos atrás.

No mais, o piloto mostrou sangue frio ou total ignorancia do que estava acontecendo com o caça. 🙂

[]’s

Clésio Luiz

@Baschera

É verdade. Quando comecei esse hobby a maioria das fotos dos caças soviéticos modernos era em preto e branco…

Hoje você vê fotos em alta definição até desse tipo de coisa. E viva os franceses pela internet 🙂

Mauricio Silva

Olá.
Na dúvida, o piloto “simandovisk” do aparelho.
Será que um dos motores soltou uma das pás?
SDS.

Marcelo

Acho uma pena. Justo no protótipo mais novo, que aparenta ter os sistemas de sensores e radar instalados.

Reinaldo Deprera

T-50 (Neo Su-27) “Fake Stealth”

Save Ferris!

Рустамом Bogaudinov

Key problems at this stage I do not see is the test samples, so for this and tested, and it is possible that it will still burn and fall (without sacrifice of course) the same SU-35 as well during the tests completely burned, but these tests are necessary to bring the technique to the ideal and in serial samples for the army was not so situations. ______ Os principais problemas nesta fase eu não vejo é as amostras de teste, por este e testado, e é possível que ele ainda vai queimar e cair (sem sacrifício, é claro) o mesmo… Read more »

Iväny Junior

A internet quem criou foi Tim Barnes Lee dentro do CERN na Suíça, Clésio.

Iväny Junior

Sir Tim Berners Lee* KBE é britanico.

Vader

Há muitas controvérsias nisso aí Ivany…

Oganza

Digam o que vc’s quiserem, mas nunca esqueçam: 1 – Conceito teórico de conexão global ou “Aldeia global” – Marshall McLuhan – 1951 2 – 1958 – 1961, a ARPA começa a implantação do seria a ARPANET 3 – 1962, Discurssões para aplicação prática para a troca de informação por “todos” – J.C.R. Licklider do MIT, com sua Intergalactic Computer Network, rsrsrs 4 – 1969, transmissão do que é considerado o primeiro e-mail da história entre a UCLA e Stanford, mas problemas em Stanford só permitiu a chegada da letra “O” kkkk. 5 – Década de 70, as universidades querem… Read more »

Renato.B

Alguém de TI pode explicar isso melhor mas creio que está ocorrendo uma confusão de conjuntos. A World Wide Web (WWW) do Tim Berners-Lee é parte da Internet, parte importante diga-se de passagem, mas a Internet em si remonta aos anos da Guerra Fria. Ela começou nos EUA

Reinaldo Deprera

Burns Lee não criou a internet. – A internet, na teoria, é coisa dos anos 30 – Na prática, quem criou a internet foi a DARPA. Foi extensamente usada lá e, logo depois, universidades americanas começaram a fazer uso dessa tecnologia para difundir conhecimento. Nesse momento, a internet se tornou pública, aberta a todos. – Burns Lee apenas criou a formatação hypertexto, conhecido como HTML. O que permitiu renderizar a informação em elementos tipográficos e estéticos através de outros programas (navegadores). Por causa disso, a internet ficou acessível para o usuário comum e deu um salto de popularidade. Burns lee… Read more »

Marcelo Pamplona

Bom dia a todos! Antes de louvar – com certa razão – a atitude dos russos em divulgar tal acidente com o programa do T-50, é importante nos atentarmos ao seguinte trecho da matéria: “…a aeronave estava fazendo um voo de demonstração para uma delegação indiana,…” Penso que os russos optaram por divulgar o ocorrido por meio da própria mídia, vez que seria pior a mídia indiana divulgar tal fato e aproveitar-se disso para criticar a parceria com a Rússia. “Eles estão tendo problemas com a aeronave e não divulgam”, etc… Se tal incidente tivesse ocorrido fora da percepção de… Read more »

Joner

Incrível ter havido tempo para o pouso!!!
Alguns segundos a mais e já era o jato, se é vai realmente voltar a voar….

Uma pena, é um atraso ao projeto, sem duvída alguma…

Clésio Luiz

Quando eu disse “obrigado aos franceses pela internet” eu estava brincando com o fato de eles terem contribuído com boa parte da arquitetura da internet como conhecemos hoje. Esqueçam essa história de que tal pessoa é a responsável (pai) por isso ou aquilo. Como toda tecnologia complexa, a internet tem muitos “pais” e não se pode atribuir a indivíduos ou a organizações únicas a sua criação. É como dizer que Santos/Dummond criou o avião sozinho ou Carl Benz criou o automóvel unicamente da sua cabeça. Por exemplo, a base da internet como conhecemos hoje é o protocolo TCP/IP e este… Read more »

Clésio Luiz

Já foi sugerido que essa aeronave pode ter sido comprometida para o voo e eu acho que é uma grande possibilidade que isso ocorra. Metais leves e compósitos não são muito chegados ao fogo e é possível que a estrutura da aeronave tenha realmente sido comprometida. Vale lembrar que esse T-50 “Blue 055” é o quinto protótipo e aparentemente era o mas completo do programa. Vamos ver como a Sukhoi vai fazer para evitar grandes atrasos no programa que, para os padrões atuais, estava andando rápido. Interessante como até o começo da década de 1970, 5 anos era o máximo… Read more »

Marcelo

Clesio,
Na década de 70 não se havia necessidade de codificação de centenas de milhares de linhas de software e a verificação disso tudo.Tambem não havia o fly by wire ( que estava chegando com o F-16) controlando mais de uma dezena de superfícies móveis como nesse caça, mais os bocais vetorados dos motores! Mas você sabe disso…
Abraços
Marcelo

Clésio Luiz

Naquela época você fazia circuitos com transistores para executar funções que hoje é feito via software. Então fácil não era. Fora os cálculos estruturais complexos com muito menos recursos. E desde sempre, os subsistemas das aeronaves nunca são desenvolvidos pelo fabricante da aeronave. Então todo o trabalho é feito paralelamente. Ninguém fica com excesso de trabalho. Na minha opinião as empresas de defesa estão apenas se adaptando aos novos tempos de vacas magras e programas com 30 anos de diferença entre eles, contra 5/10 da época da guerra fria. Um jeito de gerar lucro é alongar ao máximo possível o… Read more »

Mauricio R.

Olha ele explode e pega fogo!!!
T-50, estou mto desapontado, isso é coisa de F-35.

“Tambem não havia o fly by wire…”

Mas tinha-se o head up display do A-5, os tanques de de combustivel vazando do SR-71 e a geometria variável do TFX.
Cada época com seus problemas.

Rafael M. F.

Mauricio R. 12 de junho de 2014 at 11:17

“…os tanques de de combustivel vazando do SR-71…”

Me lembro de um filme onde eles botavam várias bacias embaixo da fuselagem do Blackbird quando o mesmo estava hangarado.

O bicho vazava mais do que os arquivos da NSA…

Tadeu Mendes

Amigos,

A Internete foi criada nos EUA. Foi um projeto da DARPA,

A resposta e simples….e direta

Últimas Notícias

Acompanhe a estreia do 1º episódio da websérie Colaboração Real 4 no YouTube

Em 21 de outubro, às 11h, estreia o primeiro episódio da quarta temporada da websérie Colaboração Real no canal...
- Advertisement -
- Advertisement -