Home Noticiário Internacional Yak-130 para a FAB?

Yak-130 para a FAB?

710
12

Yak-130

A Gazeta Russa informou que além de negociar a venda de mísseis antiaéreos ao Brasil, a Rússia estaria também oferecendo o treinador a jato Yak-130. A ideia seria fornecer 18 jatos para equipar o  2º/5º GAv.

O LIFT (Lead-In Fighter Trainer) Yakovlev Yak-130 é resultado do trabalho conjunto realizado pela Aermacchi e pela Yakovlev. Em 1993, as duas empresas assinaram um acordo de parceira para um novo treinador que a Yakovlev estava desenvolvendo para a Força Aérea da Rússia. A primeira aeronave resultante voou em 1996.

Naquela altura, o jato era comercializado como Yak/AEM-130, mas no ano 2000, as diferenças de prioridades entre as duas empresas trouxe um fim à parceria, e cada uma seguiu um desenvolvimento  independente da aeronave, mantendo a Aermacchi a comercialização mundial, exceto para a Rússia e as outras nações da CEI.

SAIBA MAIS:

12
Deixe um comentário

avatar
12 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
9 Comment authors
Aldo Ghisolfiwwolf22BlackhawkIväny Juniorjairo boppre sobrinho Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Nick
Visitante
Nick

Se for o caso, que venha o M-346. 🙂

[]’s

Bogaz
Visitante
Bogaz

Também sou mais o M-346.

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

Não chega nem a ser notícia, mas me dá um sono…

Mauricio Silva
Visitante
Mauricio Silva

“a Rússia estaria também oferecendo o treinador a jato Yak-130”

“Oferecer”, eles podem oferecer qualquer coisa…
SDS.

jairo boppre sobrinho
Visitante
jairo boppre sobrinho

É como o Mauricio disse, oferecer eles podem efervescer qq coisa, já o Brasil comprar…

Iväny Junior
Visitante

Um ótimo LIFT, pra mim o segundo melhor do mundo, só atrás mesmo do seu primo próximo M-346.

jairo boppre sobrinho
Visitante
jairo boppre sobrinho

efervescer=oferecer

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

Que Novaer que nada, que se prove antes no mercado civil, mania que esse povo tem de se encostar nas forças armadas.
Sou pelo “feijão_com_arroz”, a fase primária no Grob 120TP seguindo depois p/ o Hawk.
Como alternativa ao Hawk, se os custos impactarem, então poderia se pensar no M-345; o “irmão” menor do Master.

Blackhawk
Visitante
Blackhawk

Considerando que ambos “descendem” do mesmo projeto, os entendedores poderiam detalhar as diferenças entre os dois modelos e iluminar uma mente leiga?
Ou a preferência se dá apenas por um ser da Rússia e o outro de qualquer outro país?
abraço

wwolf22
Visitante
wwolf22

mas esses YAK nao viriam com um radar nacional ?? (acho eu que da Mectron)

Aldo Ghisolfi
Visitante
Aldo Ghisolfi

M-346!

Iväny Junior
Visitante

Blackhawk

Os dois tem praticamente o mesmo desenho e dimensões, sendo o italiano (M-346) com uma motorização mais interessante e muito mais desempenho (chega a Mach 1.2 e não possui pós-combustor) além da fama russa em má logistica de manutenção.