domingo, maio 16, 2021

Gripen para o Brasil

Aeroportos militares a serviço dos torcedores

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Governo cogita usar equipamentos das Forças Armadas para suprir demandas de turistas na Copa

Diante da falta de hotéis e dos atrasos nas obras de infraestrutura, o governo admite que deverá usar aeroportos militares pelo País para garantir que torcedores sejam levados aos jogos durante a Copa. O ministro do Esporte, Aldo Rebelo, confirmou que isso está sendo avaliado e que apenas depende de uma liberação do Ministério da Defesa. A Fifa também admite que conta com essa opção para dar uma solução ao transporte de milhões de pessoas pelo Brasil.

A Fifa e o Brasil decidiram que as seleções não terão sede fixa e que terão de percorrer o País inteiro. Em média, quem chegar à final no Maracanã terá percorrido quase 9 mil quilômetros e o desafio é o de fazer os torcedores acompanharem o périplo.

O assunto foi alvo de mais de cinco horas de reuniões ontem em Zurique entre a Fifa, governo e COL. “Vimos todas as soluções possíveis para a Copa. O uso de aeroportos militares está considerado. Mas o ministro da Defesa terá que analisar o assunto”, explicou Rebelo. No momento, não existe um estudo formal na Defesa sobre o uso das bases aéreas como alternativa durante a Copa. Mas se houver um pedido, o caso certamente será analisado, levando-se em conta até que ponto este uso pode deixar vulnerável a defesa do País.

Luis Fernandes, secretário-executivo do Ministério do Esporte, indicou ao Estado que essa opção está sendo apresentada como solução para escoar passageiros. Já Valcke deixou claro que a questão da mobilidade é algo que preocupa a Fifa e que, por falta de hotéis, torcedores poderão ser levados à cidade de um jogo apenas no dia da partida e retornar logo depois.

Dentro do governo, um comitê ainda será estabelecido para acompanhar justamente esse processo. Mas Rebelo alerta que outra preocupação do setor privado é de construir hotéis em cidades que, após o Mundial, ficarão vazios. “Hotel não é carro alegórico que se usa e depois guarda em um galpão. Ninguém fará um hotel para apenas um mês de uso”, disse.

A decisão da Fifa de fazer o governo parte da estrutura da Copa não significou que as cobranças não foram feitas. “Do lado da Fifa, temos que nos assegurar de que tudo esteja bem nas cidades-sede em termos de infraestrutura”, disse Valcke.

Rebelo admitiu que os problemas existem. Um deles seria a interpretação do acordo entre o Brasil e a Fifa sobre a banda larga e celular 4G. O governo estima que não cabe a ele pagar pelo serviço. Já a Fifa quer mandar a conta para Brasília. “Se há problemas em um casamento de 50 anos, como é que não vai haver na organização de uma Copa”, admitiu Rebelo.

FONTE: Estadão

NOTA DO EDITOR: será que veremos o famoso “Hangar do Zeppelin” da Base Aérea de Santa Cruz (RJ) se tornar um terminal de passageiros durante a Copa, com direito a tendas armadas em seu interior como nestas fotos de um evento de “Portões Abertos” de 2003?

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

13 Comments

Subscribe
Notify of
guest
13 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Marcos

Algumas bases aéreas operam juntamente com aeroportos civis, outros ainda estão longe demais apara servirem para alguma coisa. Usariam a BA de Caximbo por exemplo? Muito que servirá as instalações militares, quando úteis, será de pátio de estacionamento de aeronaves.

Também faltarão hotéis para a Copa. O Governo Federal pretende oferecer as barracas do Exército para acomodar os turistas?

Outra dia, na aeronave que estava, a mesma teve de aguardar na pista de taxi até que alguma aeronave deixasse o pátio de manobras para que se pudesse estacionar.

Antonio M

Esse é o Brasil do improviso institucionalizado, do temporário permanente.

Planejamento decente para quê ?!?!??! Temos o “jeitinho” …..

Guilherme Poggio

Ah sim! Aeroportos militares. Eles acham que a qui é como a USAF. Teria um em cada esquina. Os ditos “aeroportos militares” na verdade são bases aéreas que NÃO compartilham a pista com terminais de passageiros civis. Fico imaginando os torcedores desembarcando na Base Aérea do Cachimbo ou em Pirassununga, locais muito próximos dos jogos. Ou mesmo em Santa Cruz e enfrentando duas horas de trânsito (isso sendo otimista) até chegar ao estádio mais próximo. Pergunta: se ocorrer um sinistro com um avião civil na pista da BASC, como é que os caças irão decolar para garantir a segurança dos… Read more »

HRotor

Mais um triste exemplo da absoluta incompetência e falta de responsabilidade da classe política brasileira. E nem podemos reclamar, já que nós mesmos os elegemos. E ainda vão pagar todas as contas com os impostos que recolhemos.

Marcos

Iremos lançar o programa Pró-Barraca e Pró-Bandeirante, os quais serão usados para acomodação e transporte de turistas.

Giordani RS

Mas isto era óbvio que iria e vai acontecer! Tempos atrás um vereador(zinho) aqui de Porto Alegre falou abertamente: Usaremos a base aérea de Canoas…e assim vamos, de jeitinho em jeitinho…outra coisa que vai acontecer, anotem: A tal mobilidade social. Nos dias de jogos, fecharão as principais vias de acesso das cidades, deixando o cidadão, à mercê da sorte! Tudo pela copa! Aqui em Porto Alegre quem morar no centro e quiser ir para a zona norte, terá de fazer um desvio de 20km, até a zona sul, para poder tentar chegar…mas o pior ainda está por vir…vai ser depois… Read more »

Hamadjr

ja que vai ter tenda dentro do hangar então os bivaques podem ser motados junto a lateral da pista

alphasr71a

Quero só ver o caos total que vai ser essa copa/olimpíada aqui… Só o que vai faltar, ou não, vai ser um ataque terrorista, de resto…

Optimus

“Teremos a melhor copa de todos os tempos, quer apostar?” By Dilma! Aham, Claudia… senta lá… 😛 Mas fiquem tranquilos: Como disse antes… as desculpas já tão todas prontas: é as ezliti, uzamericanu, o PIG, o imperialismo da Fifa, etc… 😉 É assim que os políticos míopes veêm as FAA’s: nada além de uma Guarda Nacional pra tapar buraco de sua incompetência: São as “Forças desarmadas da cidadania e pela vida” – Porque imaginar que as Forças Armadas Brasileiras deveriam ser uma Poderosa Máquina Militar de Destruição de qualquer Agressor Externo (quem nem pensavam Rui Barbosa, Rio Branco, etc.) é… Read more »

Vader

Sem comentários…

Observador

Senhores:

Acho ótimo!

Eu espero que as coisas saiam BEM ERRADO na Copa do Mundo, com bastante tumulto, muito choro e ranger de dentes. Que seja o inferno na Terra.

Quanto pior, melhor! Torço para que todo brasileiro tenha sua cota de incômodo com o evento.

Não esqueçam que será ano de eleição presidencial e o VEXAME da Copa poderá ser bem explorado para apear a petralha do Poder.

Daglian

Bem posto Observador.

Será um desastre para a visão do exterior sobre o Brasil, porém que ao menos ajude o brasileiro a ver os políticos que colocou no poder.

alexandre

O improviso para eventos dessa magnitude é temerário. Vai ser o caos, tanto na copa quanto na olimpíada. O pior disso tudo, é o pessoal que vem para cá sair falando mal do povo e depois, ainda termos de pagar a conta. Brasil, um país de tolos! Por mim essa copa e essa olimpiada não aconteceriam aqui. De resto, é torcer para que o povo abra os olhos quando estiver sofrendo na carne o despreparo para os eventos, conforme bem comentou nosso colega Observador.

Reportagens especiais

Show de Warbirds no Cavanaugh Flight Museum

O Cavanaugh Flight Museum, que fica em Dallas no Texas, volta e meia realiza eventos especiais com Warbirds, para fotografias...
- Advertisement -
- Advertisement -