Home Tecnologia Japão quer acelerar a aquisição de um novo caça

Japão quer acelerar a aquisição de um novo caça

890
51

O Japão pretende acelerar a renovação de seus caças, depois que Washington bloqueou a venda do mais avançado caça americano, o F-22 Raptor. A JASDF (Japan Air Self-Defense Force) também tem planos para reduzir as horas de vôo, para retardar o envelhecimento da sua frota de caças F-4 Phantom, que tinham sua substituição programada, mas que ainda vão ter que esperar.
O ministério da defesa do Japão solicitou mais 94,7 bilhões de ienes (US$ 865 milhões) para atualizar seus caças F-15, que foram quase todos construídos sob licença pela Mitsubishi Heavy Industries Ltd.

A JASDF tem 22 F-15s equipados com avançados sistemas de radar e mísseis e quer comprar equipamentos para a renovação de mais 38 aviões. No ano passado, o ministério solicitou também mais dinheiro para o desenvolvimento do seu próprio caça, mas não fez qualquer menção a essa possibilidade neste ano.
O caça europeu Eurofighter Typhoon está sendo considerado como provável substituto para o F-4 na JASDF.

Os Phantom japoneses foram modernizados no final da década de 80 e início de 90 para o padrão Kai, que significa “extra” ou “ampliado”. Os aviões receberam um novo radar AN/APG-66J, novo HUD, sistema IFF AN/APZ-79 e uma plataforma de navegação inercial Litton LN-39.
Um novo sistema RWR J/APR-6 também foi instalado e os aviões podem levar um pod ECM Westinghouse AN/ALQ-131.

Para missões ar-ar os Phantom F-4EJ Kai são equipados com mísseis AIM-7E/F Sparrow e AIM-9L/P Sidewinder. Para missões antinavio levam o míssil japonês Mitsubishi ASM-1.

Dos 110 caças F-4 originais, foram modernizados 96 F-4 e 17 foram convertidos para a versão de reconhecimento RF-4EJ Kai, da foto abaixo.

Subscribe
Notify of
guest
51 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
André
André
12 anos atrás

Para mim esse é um dos aviões mais bonitos até hoje fabricados.

RL
RL
12 anos atrás

Seria uma tremenda “Insanidade” dizer que o Japão poderia entrar no desenvolvimento do projeto PAK-FA da Rússia, uma vez que o Tio Sam não liberou a venda do mesmo para a JAF?

Rússia, Índia, Brasil e Japão fabricando esses caças.

Loucura, loucura, loucura..rssrsrs

pablo
pablo
12 anos atrás

acho que o PAK50 deveria equipar somente o BRIC’s…
de fato mesmo e que a Embraer voltara a fabricar os turbo helices Brasilias…

dumont
dumont
12 anos atrás
konner
konner
12 anos atrás

Imagino ser pouco provável Sr. ‘RL’. A Mitsubishi está desenvolvendo um caça de 5ª geração, o “Mitsubishi ATD-X Shinshin“. A sigla “ATD-X” significa “Advanced Technology Demonstrator – X” e pretende testar se existe na indústria japonesa as tecnologias suficientes para constuir um caça de 5ª geração. Não se trata de um puro projeto para um caça, mas para a construção de vários protótipos de “demonstradores tecnológicos” e que deverão começar a voar a partir de 2014. Este desenvolvimento surje justamente no contexto da recusa dos EUA em vender ao seu mais fiel aliado no Oriente o seu F-22. Em resposta… Read more »

konner
konner
12 anos atrás

Imagino ser pouco provável Sr. ‘RL’. A Mitsubishi está desenvolvendo um caça de 5ª geração, o “Mitsubishi ATD-X Shinshin“. A sigla “ATD-X” significa “Advanced Technology Demonstrator – X” e pretende testar se existe na indústria japonesa as tecnologias suficientes para constuir um caça de 5ª geração. Não se trata de um puro projeto para um caça, mas para a construção de vários protótipos de “demonstradores tecnológicos” e que deverão começar a voar a partir de 2014. Este desenvolvimento surje justamente no contexto da recusa dos EUA em vender ao seu mais fiel aliado no Oriente o seu F-22. Em resposta… Read more »

pablo
pablo
12 anos atrás

caramba, esse site e muito bom…
muito interessante ver os japas projetando esses equipamentos tops…
cada modelo stealh(aviao, navios…)
quanto ao programa do aviao de carga, acho que o C390 cairia como uma luva…

thiago
12 anos atrás

A MARINHA PODIA COMPRAR PELO MENOS 20

Tiago Jeronimo
Tiago Jeronimo
12 anos atrás

Ta aê a solução pra o FX-2, é só comprar os Phantom do japão 😀

Brincadeiras a parte o F-4 é um dos aviões mais bonitos produzidos só perde pro F-14, Fw-190, F-22 e P-51 na minha lista.

Tiago Jeronimo
Tiago Jeronimo
12 anos atrás

Esse “Mitsubishi ATD-X Shinshin” parece uma mistura de F-15 com F-22 mas parece ser ainda mais bonito do que o F-22.

Paulo Costa
Paulo Costa
12 anos atrás

Os operadores de F-4,Japão,Alemanha,Turquia,Irã,ainda continuam
a fazer upgrades nestes aviões,apesar da idade.
Os modelos mais avançados do F-4 tinham um computador de missão,
em que o piloto fazia um plano de voo no chão,inseria os dados
da missão,e o piloto so tinha que levantar voo e pousar,o resto
o computador fazia tudo,menos dogfight claro.

Henrique Bernardes
Henrique Bernardes
12 anos atrás

Bem no meu ponto de vista o que seria ideal para o governo japonês seria participar no PAK FA Russo, sei que alguns vão achar loucura mas se a tecnologia russa de aviação fosse fabricada com a qualidade da industria japonesa garanto que esse projeto seria um grande sucesso e poderia até superar o F 22 Raptor, se não for possível é melhor eles se virarem e desenvolverem o seu próprio vetor, bem feito quem mandou depender do Tio Sam!!!!

CorsarioDF
CorsarioDF
12 anos atrás

Esse projeto japonês é muito interessante, quem sabe como alternativa aos Russos, nós poderíamos participar desse projeto com eles, o maior problema será de alcance, já que o japão só pensa na China, Russia e na Coréia do Norte, que são bem próximos do seu pequeno território. Mas o caça é muito bonito mesmo, só irá faltar os armamentos. Sds.

Nelson Lima
Nelson Lima
12 anos atrás

O venerável phantom nipônico tem tem que enfrentar com mísseis sparrow caças chineses e russos de última geração. Os F15 são poucos.Estão preocupados com toda a razão.

Jonas Rafael
Jonas Rafael
12 anos atrás

Acho que eles vão acabar indo mesmo de Eurofighter, já que isso simplifica a cadeia logística. Ele foi projetado para poder usar o armamento padrão americano (Sidewinder, AMRAAM)

Claudio Grulla
Claudio Grulla
12 anos atrás

Israel desativou os seus Phantons?

thiago
12 anos atrás

O SAO PAULO COM F-4/RAFALE/EC-02

Mauricio R.
Mauricio R.
12 anos atrás

“Porém, sabe-se que em 2005, a Mitsubishi enviou para França um modelo do avião ATD-X para que este fosse testado e isso pode implicar que haverá uma coparticipação francesa, já que não há vontade política de ver americanos no projecto, depois do fiasco que foi a recusa de compra de F-22.” Pouco, aliás minimamentwe provável, pois não há o nível de afinidades entre o parque industrial japones e sua contra parte européia que há em relação ao parque industrial americano, o que atrapalha tb a simples adoção pela JSAF de Thypoon e/ou Rafale. O ac de carga C-X japones, carrega… Read more »

Vassily Zaitsev
Vassily Zaitsev
12 anos atrás

Acho o F-4 feio. E como sofreu no Vietnã. o Mig-17 manobrava que ele nem via. Parecia que tava preso a uma âncora.

CorsarioDF
CorsarioDF
12 anos atrás

Tiago, NaeSP com F-4 e Rafale? Pra quê? Ou um ou outro, o F-4 foi um ótimo avião, mas assim como o Fw-190, o Me-262, o Il-2 também foram ótimos aviões, mas o seu tempo assim como o do Mirage III, A-4 e F-5 passou, do que adianta ter uma mulher de 18 anos na mão se você tem 90 anos? Só viagra não ajuda!!! Chega uma hora que as coisas acabam, e o F-4, Mirage III, F-5 e A-4 já chegou e são excelentes peças de museu, como recentemente o Musal recebeu o Mirage III e o F-104 Starfigther.… Read more »

thiago
12 anos atrás

errata é o f-3(rafale)

Beto
Beto
11 anos atrás

Corsario
Vc sabe me dizer se o F-4 ele teria condições de operar no Opalão??

trackback
11 anos atrás

[…] 1990, que dotou os aviões de radares APG-65 e mísseis AIM-120 AMRAAM, entre outras melhorias. Ver aqui também outro grande usuário do […]

trackback
11 anos atrás

[…] um Phantom F-4EJ Kai da Japanese Air Self-Defense Force, pintado de preto, despede-se de 2008. O Japão ainda usa esse clássico jato, que permanece impondo respeito, depois de todos esses […]

trackback
11 anos atrás

[…] antes de selecionar o novo caça que deverá substituir aeronaves mais antigas, notadamente os F-4EJ. A lista completa de postulantes à vaga, além do F-22, incluiria (segundo o Jane’s)  […]

André
André
12 anos atrás

Para mim esse é um dos aviões mais bonitos até hoje fabricados.

RL
RL
12 anos atrás

Seria uma tremenda “Insanidade” dizer que o Japão poderia entrar no desenvolvimento do projeto PAK-FA da Rússia, uma vez que o Tio Sam não liberou a venda do mesmo para a JAF?

Rússia, Índia, Brasil e Japão fabricando esses caças.

Loucura, loucura, loucura..rssrsrs

pablo
pablo
12 anos atrás

acho que o PAK50 deveria equipar somente o BRIC’s…
de fato mesmo e que a Embraer voltara a fabricar os turbo helices Brasilias…

dumont
dumont
12 anos atrás
konner
konner
12 anos atrás

Imagino ser pouco provável Sr. ‘RL’. A Mitsubishi está desenvolvendo um caça de 5ª geração, o “Mitsubishi ATD-X Shinshin“. A sigla “ATD-X” significa “Advanced Technology Demonstrator – X” e pretende testar se existe na indústria japonesa as tecnologias suficientes para constuir um caça de 5ª geração. Não se trata de um puro projeto para um caça, mas para a construção de vários protótipos de “demonstradores tecnológicos” e que deverão começar a voar a partir de 2014. Este desenvolvimento surje justamente no contexto da recusa dos EUA em vender ao seu mais fiel aliado no Oriente o seu F-22. Em resposta… Read more »

konner
konner
12 anos atrás

Imagino ser pouco provável Sr. ‘RL’. A Mitsubishi está desenvolvendo um caça de 5ª geração, o “Mitsubishi ATD-X Shinshin“. A sigla “ATD-X” significa “Advanced Technology Demonstrator – X” e pretende testar se existe na indústria japonesa as tecnologias suficientes para constuir um caça de 5ª geração. Não se trata de um puro projeto para um caça, mas para a construção de vários protótipos de “demonstradores tecnológicos” e que deverão começar a voar a partir de 2014. Este desenvolvimento surje justamente no contexto da recusa dos EUA em vender ao seu mais fiel aliado no Oriente o seu F-22. Em resposta… Read more »

pablo
pablo
12 anos atrás

caramba, esse site e muito bom…
muito interessante ver os japas projetando esses equipamentos tops…
cada modelo stealh(aviao, navios…)
quanto ao programa do aviao de carga, acho que o C390 cairia como uma luva…

thiago
12 anos atrás

A MARINHA PODIA COMPRAR PELO MENOS 20

Tiago Jeronimo
Tiago Jeronimo
12 anos atrás

Ta aê a solução pra o FX-2, é só comprar os Phantom do japão 😀

Brincadeiras a parte o F-4 é um dos aviões mais bonitos produzidos só perde pro F-14, Fw-190, F-22 e P-51 na minha lista.

Tiago Jeronimo
Tiago Jeronimo
12 anos atrás

Esse “Mitsubishi ATD-X Shinshin” parece uma mistura de F-15 com F-22 mas parece ser ainda mais bonito do que o F-22.

Paulo Costa
Paulo Costa
12 anos atrás

Os operadores de F-4,Japão,Alemanha,Turquia,Irã,ainda continuam
a fazer upgrades nestes aviões,apesar da idade.
Os modelos mais avançados do F-4 tinham um computador de missão,
em que o piloto fazia um plano de voo no chão,inseria os dados
da missão,e o piloto so tinha que levantar voo e pousar,o resto
o computador fazia tudo,menos dogfight claro.

Henrique Bernardes
Henrique Bernardes
12 anos atrás

Bem no meu ponto de vista o que seria ideal para o governo japonês seria participar no PAK FA Russo, sei que alguns vão achar loucura mas se a tecnologia russa de aviação fosse fabricada com a qualidade da industria japonesa garanto que esse projeto seria um grande sucesso e poderia até superar o F 22 Raptor, se não for possível é melhor eles se virarem e desenvolverem o seu próprio vetor, bem feito quem mandou depender do Tio Sam!!!!

CorsarioDF
CorsarioDF
12 anos atrás

Esse projeto japonês é muito interessante, quem sabe como alternativa aos Russos, nós poderíamos participar desse projeto com eles, o maior problema será de alcance, já que o japão só pensa na China, Russia e na Coréia do Norte, que são bem próximos do seu pequeno território. Mas o caça é muito bonito mesmo, só irá faltar os armamentos. Sds.

Nelson Lima
Nelson Lima
12 anos atrás

O venerável phantom nipônico tem tem que enfrentar com mísseis sparrow caças chineses e russos de última geração. Os F15 são poucos.Estão preocupados com toda a razão.

Jonas Rafael
Jonas Rafael
12 anos atrás

Acho que eles vão acabar indo mesmo de Eurofighter, já que isso simplifica a cadeia logística. Ele foi projetado para poder usar o armamento padrão americano (Sidewinder, AMRAAM)

Claudio Grulla
Claudio Grulla
12 anos atrás

Israel desativou os seus Phantons?

thiago
12 anos atrás

O SAO PAULO COM F-4/RAFALE/EC-02

Mauricio R.
Mauricio R.
12 anos atrás

“Porém, sabe-se que em 2005, a Mitsubishi enviou para França um modelo do avião ATD-X para que este fosse testado e isso pode implicar que haverá uma coparticipação francesa, já que não há vontade política de ver americanos no projecto, depois do fiasco que foi a recusa de compra de F-22.” Pouco, aliás minimamentwe provável, pois não há o nível de afinidades entre o parque industrial japones e sua contra parte européia que há em relação ao parque industrial americano, o que atrapalha tb a simples adoção pela JSAF de Thypoon e/ou Rafale. O ac de carga C-X japones, carrega… Read more »

Vassily Zaitsev
Vassily Zaitsev
12 anos atrás

Acho o F-4 feio. E como sofreu no Vietnã. o Mig-17 manobrava que ele nem via. Parecia que tava preso a uma âncora.

CorsarioDF
CorsarioDF
12 anos atrás

Tiago, NaeSP com F-4 e Rafale? Pra quê? Ou um ou outro, o F-4 foi um ótimo avião, mas assim como o Fw-190, o Me-262, o Il-2 também foram ótimos aviões, mas o seu tempo assim como o do Mirage III, A-4 e F-5 passou, do que adianta ter uma mulher de 18 anos na mão se você tem 90 anos? Só viagra não ajuda!!! Chega uma hora que as coisas acabam, e o F-4, Mirage III, F-5 e A-4 já chegou e são excelentes peças de museu, como recentemente o Musal recebeu o Mirage III e o F-104 Starfigther.… Read more »

thiago
12 anos atrás

errata é o f-3(rafale)

Beto
Beto
11 anos atrás

Corsario
Vc sabe me dizer se o F-4 ele teria condições de operar no Opalão??

trackback
11 anos atrás

[…] 1990, que dotou os aviões de radares APG-65 e mísseis AIM-120 AMRAAM, entre outras melhorias. Ver aqui também outro grande usuário do […]

trackback
11 anos atrás

[…] um Phantom F-4EJ Kai da Japanese Air Self-Defense Force, pintado de preto, despede-se de 2008. O Japão ainda usa esse clássico jato, que permanece impondo respeito, depois de todos esses […]

trackback
11 anos atrás

[…] antes de selecionar o novo caça que deverá substituir aeronaves mais antigas, notadamente os F-4EJ. A lista completa de postulantes à vaga, além do F-22, incluiria (segundo o Jane’s)  […]