domingo, novembro 28, 2021

Gripen para o Brasil

LAS: depois do GAO agora Beechcraft abre processo no Tribunal de Demandas Federais

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

AT-6 LAAR - foto Hawker Beechcraft via Lockheed Martin

vinheta-clipping-aereo A indústria aeronáutica norte-americana Beechcraft anunciou que abriu um processo no Tribunal de Demandas Federais dos Estados Unidos para contestar a concessão de um contrato de US$ 427,5 milhões entre a Força Aérea do país e o consórcio formado pela Embraer e pela Sierra Nevada Corp., informa o jornal Wichita Eagle, de Wichita (Kansas), onde a Beechcraft tem sede. A companhia norte-americana já apresentou um protesto contra o resultado da licitação ao Escritório de Prestação de Contas do governo dos EUA (GAO). Nesta quinta-feira, a Beechcraft disse esperar uma decisão do GAO para os próximos 90 dias. A disputa se arrasta há três anos. O consórcio Embraer/Sierra Nevada venceu em duas instâncias com o A-29 Supertucano, que seria fabricado na unidade da Embraer em Jacksonville (Flórida). A Beechcraft apresentou o AT-6, uma versão de ataque de seu avião de treinamento militar T-6. Os aviões deverão ser cedidos pelos EUA à Força Aérea do Afeganistão. A reportagem do Wichita Eagel está disponível aqui.

FONTE: R7

Complementção: Comunicado da Embraer sobre processo instaurado hoje na Corte Federal de Justiça dos Estados Unidos

 

São José dos Campos – SP, 21 de março de 2013 – Continuaremos a cumprir as nossas obrigações contratuais de apoiar o programa LAS (Light Air Support), ou Apoio Aéreo Leve.

O A-29 Super Tucano, que foi selecionado pela Força Aérea dos Estados Unidos (USAF, na sigla em inglês) no dia 27 de fevereiro, será produzido por trabalhadores americanos em Jacksonville, no Estado da Flórida, e sustentará mais de 1.400 empregos nos Estados Unidos. Estamos orgulhosos de apoiar os EUA e as suas nações parceiras nessa importante e crítica missão.

- Advertisement -

12 Comments

Subscribe
Notify of
guest
12 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Diegolatm

Essa empresa anda em direção a um só caminho: O da falência.Sairam da esfera administrativa e vão tentar protelar ainda mais o LAS junto a Justiça comum, quero só ver o que vai dar… suspensão?

Marcos

Alguns problemas:

1) A USAF já deu sinal verde para a Embraer e esta já assinou alguns contratos. Caso se cancele o negócio, quem irá indenizar a Embraer, porque caberá indenização?

2) A USAF necessita da aeronave para agora, tanto que a Embraer já deu início ao processo para fabricação da primeira unidade. A Beechcraft tem condições de entregar de imediato? Não, é a resposta antecipada, simplesmente porque a aeronave deles ainda é um protótipo.

3) Me parece que a decisão da USAF está bem embasada, e que isso ai é puro esperneio.

jacubao

Po…a esses caras estao reclamando de quê? Ja vendram uns 800 T-6 para a USAF e USN e estão fazendo essa baixaria toda por causa de 20 aviões. Se não fosse um protótipo e se fosse um avião superior ao ST ainda vai, mas o teco-teco deles é uma goiaba e ainda querem enfiar goela abaixo de quem mais entende de avião de combte.
Cruz credo…

edurval

Jacubão,

Acho que o medo deles pode ser esse mesmo, venderam esses 800 T-6 e assim que o pessoal que voa T-6 voar no Super-T, vão ver o quando o T-6 é inferior e quem sabe isso acaba em mais vendas de Super-T e falencia total da Beechcraft.

Marcos

COMUNICADO – Declaração da Embraer sobre processo instaurado hoje na Corte Federal de Justiça dos Estados Unidos “​São José dos Campos – SP, 21 de março de 2013 – Continuaremos a cumprir as nossas obrigações contratuais de apoiar o programa LAS (Light Air Support), ou Apoio Aéreo Leve. “O A-29 Super Tucano, que foi selecionado pela Força Aérea dos Estados Unidos (USAF, na sigla em inglês) no dia 27 de fevereiro, será produzido por trabalhadores americanos em Jacksonville, no Estado da Flórida, e sustentará mais de 1.400 empregos nos Estados Unidos. Estamos orgulhosos de apoiar os EUA e as suas… Read more »

Marcos

Ou seja: há um contrato em andamento e, pelo que entendi, a Embraer dará continuidade aos trabalhos.

Vader

A Beechcraft faz o que a Embraer faria: levar pra justiça. Mas não irá dar em nada.

A Embraer faz o que a Beechcraft faria: entregar as aeronaves.

Ponto final.

Hamadjr

Este deve ser o modelo de concorrência saudável da bct, farinha pouca meu pirão primeiro, não ganha na capacidade técnica tenta na caneta.

eduardo pereira

Isso é ser um mal perdedor, ccom medinho dos pilotos verem o que perderam enquanto voavam T-6 em seus treinamentos. Creio que T-6 novo na USAF nunca mais, começou a era A-29 ST! !

Baschera

Auu….grrrrrr….aauuuuu auuuuu..auuuu.auuuuu…grrrrrr !

Xo ! Passa….. foooorrrraaa….. TUUUUMMMMM….

Cain…caiiinnnnn,,,,,, caaaiinnnnn…….

Sds.

jacubao

Cruz credo Poogio, vira essa boca pra lá. :-O

Últimas Notícias

O Gripen E vai igualar e, em muitos casos, ser melhor do que os atuais caças de quinta geração, afirma o Chefe da Força...

A Saab apresentou os seis primeiros Gripen E produzidos em série e que em breve ficarão prontos para a...
- Advertisement -
- Advertisement -