domingo, setembro 26, 2021

Gripen para o Brasil

Suécia também vai de Gripen NG

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Apesar das recentes especulações, a própria presidenta Dilma deixou claro que o programa FX2, de modernização da frota de caças da FAB, ainda está em aberto e as três empresas concorrentes ainda têm chance.

Nesse grande jogo de xadrez, a Saab conseguiu dar mais um lance importante: o parlamento da Suécia aprovou a compra de 40 a 60 caças Gripen NG para o país.

“É um dia histórico para o Gripen”, disse Eddy de la Motte, Diretor de Exportação do Gripen. “Devido ao seu desempenho operacional e inigualável custo de manutenção, num momento em que todos os orçamentos de defesa estão ficando menores devido à crise mundial, vemos mais que nunca um grande interesse no Gripen”, completou.

O modelo escolhido pelos suecos é o mesmo oferecido ao Brasil. Em 2012, a Suécia é o segundo país que escolheu o Gripen. Recentemente, a Suiça também anunciou que pretende adquirir os caças.

Esse anúncio pode trazer ainda mais emoção à disputa brasileira.

DIVULGAÇÃO: Gaspar & Associados Comunicação Empresarial / FOTO: Saab

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

10 Comments

Subscribe
Notify of
guest
10 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Edgar

Mais 1 ou 2 compras já supera o Rafale em volume de vendas.

Almeida

Que disputa brasileira? Se estão falando do FX-2, as únicas emoções que restam é tristeza e pesar.

Mayuan

Sei que se trata de um vetor ainda em fase embrionária mas existe algum estudo ou documento comparando desempenho entre o que se espera do NG e o que já se conhece de outros vetores de configuração similar? Seria bem interessante ler a respeito. Fica a sugestão aos editores.

Vader

Mayuan disse:
17 de dezembro de 2012 às 23:16

Creio eu que há dezenas de matérias nos arquivos do PA sobre o Super Gripen.

Mas de forma geral poder-se-ia resumir seu desempenho como o de um Gripen C/D (alta manobrabilidade, grande velocidade, baixo rcs, rápido “turnaround”) com grande alcance.

Nick

Ainda falta um último passo para o Gripen E/F se tornar realidade: A aprovação pelo Parlamento Suiço, ou talvez um referendum. Ae sim depois disso, é sinal verde para o Gripen E/F.

Para nós resta sonhar com alguma compra no mercado de multimarcas de usados que substitua os M-2000 e os F-5EM mais desgastados.

[]’s

Mauricio R.

É, esse bonde, tb conseguímos perder.
Se já não bastassem as tranqueiras francesas, agora teremos tb tranqueiras russas.
Ô raça!!!

eduardo pereira

Provavelmente na passagem de ano cantaremos;
Adeus fx2 velho e (Deus abençoe que termine por aqui se passar do dois pro tres) feliz fx3 novo!

Mayuan

Vader, obrigado mas eu também já li sobre as características esperadas do Gripen NG. O que queria saber mesmo é se já saiu algum comparativo dele com vetores como o F16 e outros similares. Na prática, entendo que o NG seja inferior ao SH mas, dada a diferença de valores de um para outro e nossa realidade orçamentária reduzida, a pergunta é: será que o custo benefício não é interessante?

Últimas Notícias

USAF seleciona o turbofan F130 da Rolls-Royce para o programa de remotorização do bombardeiro B-52

A Força Aérea dos EUA anunciou em 24 de setembro que deu à Rolls-Royce um contrato de US$ 500...
- Advertisement -
- Advertisement -