domingo, dezembro 5, 2021

Gripen para o Brasil

Voa primeiro EMB 145 AEW&C da Índia

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

A Embraer realizou nesta terça-feira voo inaugural da primeira aeronave EMB 145 AEW&C (Airborne Early Warning & Control, ou Alerta Aéreo Antecipado e Controle) de um total de três aviões encomendados que serão entregues ao governo indiano. O teste foi feito na sede da fabricante, em São José dos Campos (SP).

A partir de agora, a empresa vai testar o modelo durante voos. A previsão da Embraer é entregar a primeira aeronave à Índia no primeiro semestre de 2012.

Segundo a empresa, o modelo foi baseado no jato regional ERJ 145. A EMB 145 AEW&C tem sistema de reabastecimento em voo e comunicação por satélite. Foram realizados aumento na capacidade de geração elétrica e de refrigeração e um conjunto de modificações aerodinâmicas e estruturais. O modelo pertence à família de “Inteligência, Vigilância e Reconhecimento” da Embraer.

O objetivo da aeronave é monitorar o espaço aéreo, detectar, rastrear e identificar alvos dentro da área de patrulhamento e transmitir essas informações.

Entregas
Atualmente, há quatro aviões Embraer Legacy 600 sendo utilizados pela Força Aérea da Índia para o transporte de autoridades indianas e estrangeiras. Um quinto Legacy 600 é operado pela Força de Segurança de Fronteiras, subordinada ao Ministério do Interior da Índia.

FONTE: R7

- Advertisement -

18 Comments

Subscribe
Notify of
guest
18 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Vader

E pensar que na Índia falam mal pra caramba dessa aquisição…

Antonio M

E toda vez que vejo o Xavante, penso que perdemos a oportunidade de estar operando um “MB339”, obviamente após uma modernizações ……rsrsrssr!!!!

Dario

Por que Vader?
Adorei a foto com o Xavante no fundo.

Antonio M

E a Embraer tem um Hunter inglês “desmilitarizado” para acompanhar esse tipo de voô, que chamam de “paquera”. Será que está em manutenção?

http://en.wikipedia.org/wiki/Hawker_Hunter

Alfredo Araujo

Essa sonda de reabastecimento é um ótimo item a ser incluso em uma futura modernização dos E/R-99…

Grifo

Essa sonda de reabastecimento é um ótimo item a ser incluso em uma futura modernização dos E/R-99…

Prezado Antonio M, a modernização dos E-99 já está sendo planejada e deve sair muito em breve. Muita melhorias na parte eletrônica, maior capacidade de comunicação, mais consoles, mas acho que não haverá capacidade REVO. A ver.

ernaniborges

O Xavante não tinha sido aposentado ???
O que faz ele ao fundo da foto ???

Giordani RS

ernaniborges disse:
7 de dezembro de 2011 às 10:24
O Xavante não tinha sido aposentado ???
O que faz ele ao fundo da foto ??

Esse Xavante é do esquadrão de desenvolvimento de sistemas…eles testam de avionicos a armas…o Xavante saiu da linha de frente.

Fernando "Nunão" De Martini

ernaniborges,

No ano passado eles foram retirados de serviço do último esquadrão de caça (1º/4º GAV – Pacau) em que ainda operava, mas três aeronaves do tipo ainda são utilizadas para treinamento de pilotos de ensaios de voo, no IPEV (São José dos Campos).

Recomendo a leitura dessas duas matérias:

http://www.aereo.jor.br/2011/08/10/adeus-ao-xavante-ainda-nao/
http://www.aereo.jor.br/2011/09/09/xavante-parabens-atrasados-pelos-seus-40-anos/

Clésio Luiz

Eu lembro de ter lido em algum lugar que não era possível colocar uma sonda no EMB 145. Não lembro quem disse, mas tenho a impressão que foi alguém da Embraer. Talvez essa pessoa queria dizer que não era possível colocar a sonda a tempo da aeronave entrar em serviço, ou então não era possível com a verba do projeto na época (o que parece mais plausível) .

daniell.filho

Alguém sabe dizer qual a modernização que os E-99 estão realizando? Que melhorias estão sendo implementadas?

Vader

Dario disse:
7 de dezembro de 2011 às 7:38

Dario, basicamente dizem que ele é pequeno, aquém das necessidades, abaixo do que tem os “paquis”, e que o Brasil não transfere tecnologia, além dele usar sistemas suecos.

Sds.

Diegolatm

Nossa! o bixo ficou bonitão em

Marcelo

caro Vader, então dá para perceber como essas fontes indianas falam besteira, uma vez que os sistemas eletrônicos desse AEW&C indiano, são…indianos e não suecos.

Marcelo

acho que estou ficando cego, mas nesta foto não vejo nenhum xavante!

Fernando "Nunão" De Martini

Marcelo, um dos editores – sei quem foi, mas não vou falar 🙂 – achou por bem trocar por uma foto melhor, mas acabou esquecendo que, ao tirar, também tirava o contexto da discussão sobre o Xavante (que de qualquer forma não é a principal, mas é um assunto interessantes e que boa parte dos leitores preferiu debater).

Coloquei a foto de volta agora, no final da matéria.

Vader

Marcelo disse:
8 de dezembro de 2011 às 9:21

Marcelo, o sistema é indiano, inclusive o radar AESA, mas de concepção sueca, similar ao Erieye. Não sei dizer até que ponto estes sistemas são nacionalizados.

Sds.

Mauricio R.

Qnto a plataforma que sabemos ser limitada já a alguns anos, os indianos estão desenvolvendo 2 aeronaves regionais na faixa dos 70 pax. Uma a reação e outra turbo-hélice, além do MTA e de planos p/ um substituto do Avro, aquele que aqui era o C-91. A versão do Erieye vendida ao Paquistão, é a 6ª, ao passo que aquela usada na FAB, deve ser salvo engano a 2ª. Qnto a sonda revo, notinha da RFA falava que ensaios conduzidos pela FAB em conjunto c/ a Embraer, apontavam a melhor localização como sendo a frente do para-brisa, ao estilo de… Read more »

Últimas Notícias

Os jatos mais avançados da Força Aérea dos EUA podem estar vulneráveis ​​devido às suas próprias armas

A Força Aérea dos Estados Unidos tem algumas das aeronaves mais sofisticadas do mundo e está desenvolvendo jatos mais...
- Advertisement -
- Advertisement -