A decisão integra um dos 16 acordos assinados por Vladimir Putin e Xi Jinping no encontro dos dois líderes antes da cerimônia de abertura dos Jogos Olímpicos de Inverno em Pequim, na sexta-feira (4).

O acordo prevê uma cooperação entre o sistema de satélites russo GLONASS e o chinês BeiDou, segundo comunicado divulgado na página oficial do Kremlin, e faz parte de um pacote de 16 documentos.

“Eles incluem um acordo intergovernamental sobre a cooperação em legislação antimonopólio e política de competitividade, além de vários outros documentos interministeriais, como o acordo de cooperação para garantir a compatibilidade e interoperabilidade dos sistemas de navegação por satélite GLONASS e BeiDou em termos de escalas de tempo do sistema”, informou o Kremlin em comunicado.

A especialista Clark Shu, da Universidade de Ciência e Tecnologia Eletrônica da China, foi entrevistada pelo South China Morning Post (SCMP) e informou que esse tipo de parceria envolvendo escalas de tempo significa que os dois sistemas vão operar de maneira a “maximizar o uso dos recursos de ambos os sistemas”.

Os detalhes oficiais da parceria ainda não foram divulgados. Segundo informações do SCMP, o novo acordo é uma expansão do convênio estabelecido entre os dois países em 2018, intitulado “Cooperação no uso pacífico do BeiDou e GLONASS”.

O sistema chinês possui 30 satélites e proporciona uma precisão de até 1,2 metro, melhor que o concorrente dos EUA, o GPS, que possui uma precisão máxima de 5 a 10 metros. O BeiDou também possui um sistema de mensagens de texto e grande relevância militar.

Já o GLONASS é reconhecido pela estabilidade. O sistema russo é formado por 24 satélites, foi iniciado durante a Guerra Fria e retomado em 2011. Assim como BeiDou, também oferece diversos serviços estratégicos militares importantes.

FONTE: Sputnik News

VEJA TAMBÉM:

Xi Jinping e Putin se reúnem nos Jogos Olímpicos e divulgam comunicado conjunto

Subscribe
Notify of
guest

83 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Ronilson Nogueira costa

EUA e Europa x China e Rússia, o resultado só saberemos daqui algumas décadas.

Nilton Reis

A Europa vai ficar culturalmente ao lado dos EUA (focada nessa invenção do “ocidente”), enquanto na economia vai abraçar todos os lados, exatamente como está acontecendo agora.
Desses quatro jogadores o cachorro louco é os EUA, por quanto tempo os estadunidenses vão aguentar sem uma guerra pra chamar de sua?

WSilva

Depende da sua definição de ”cachorro louco”…

É sabido que China e Russia preferem o fim do mundo do que ser invadidos novamente.

Os EUA(como nação) ainda não passaram o que China e Rússia passaram, não dá para saber qual será a reação dos EUA…

O declínio gradual ajuda a fazer os EUA aceitar seu destino, o destino dos EUA não é líderar o mundo, é fazer parte das lideranças ao lado de China, Rússia, Brasil e Índia.

É divisão de poder ou o fim do mundo como conhecemos.

Ronilson Nogueira costa

O pessoal acha que os EUA vão desmoronar igual URSS,parem de sonhar acordado gente, o máximo que vai acontecer é eles deixarem de ser a única super potência do mundo.

Vinicius Momesso

Sim, vai perder o protagonismo mundial, mas continuará a ser uma super potência ao lado da China e talvez da Índia.

Chris

A parte engraçada é que nem ha motivo pra briga !

A eterna questao é democracia x ditadura !

As ditaduras endemonizam a democracia… Pq os caras querem se manter no poder (PUTIN ja deu jeito de ficar mais de 20 anos)… Bloqueiam ate a internet pras pessoas nao saberem que existe ate Impeachment por ai ! Tanto que apoiam é logo Venezuela… Cuba… Taliban…

E a democracia teme a ditadura… Pq se um maluco assume o poder, ele pode fumar uma erva qquer dia, e ate destruir o mundo e ninguem tem força pra impedi-lo !

Last edited 11 meses atrás by Chris
André Macedo

Po, nem aprece que as “democracias” que você se refere patrocinam e apoiam ditaduras também né? Kkkkkkkkk

ROliveira78

Só uma pergunta para vc
Quantos anos a Merkel se manteve no poder na Alemanha?

JOSE DE PADUA

Vou responder por ele, ela se manteve de 2005 a 2021, no entanto, ela era chanceler, a grosso modo, é o equivalente a primeiro ministro, então, não possui número limite de mandato já que apenas o executivo tem limite, então é bem diferente do que Putin fez, como presidente e não primeiro ministro, que foi alterar a constituição pra ficar mais tempo no poder.

Joanderson Carlos Dos Santos

O ministro nesses paises equivalem a presidente aqui no caso ela se perpétuo no poder sim.

JOSE DE PADUA VIEIRA

Se vc quer q primeiro ministro seja equivalente a presidente tudo bem, mas so no mundo do joanderson, pq no mundo real são diferentes.

Joanderson Carlos Dos Santos

E também o cara la de Israel o Natanael acho que é esse o nome dele o cara tava no poder ja a mais de 20 anos saiu a pouco tempo isso em uma democracia .

Joanderson Carlos Dos Santos

O unico pais que jogou uma bomba nuclear em outro era e é uma democracia.
E depois disso ja fizeram mais algumas convardias por ai.

Denis

Concordo com o seu ponto de vista, mas tem que dar um desconto, porque os efeitos daquela bomba eram parcialmente ignorados.

Caerthal

O Japão colheu o que plantou.

Sensato

Comparar Merkel com o Putin já era uma baita pirueta argumentativa. Querer fazer parecer que ditaduras não são tão ruins assim tentando desmerecer democracias então foi de acabar de vez com qualquer credibilidade.

Sensato

Gostaria que nunca tivesse acontecido e mais ainda que nunca aconteça de novo mas você já parou pra pensar em quantas vidas ela evitou que fossem perdidas? E não digo na segunda guerra apenas mas desde então e até hoje?

Denis

Essa estória de democracia x ditadura é só uma desculpa. Foram os EUA quem apoiaram as ditaduras da América Latina e outros lugares para protegerem seus próprios interesses. O único motivo para eles se oporem à China é o medo de perderem o top 1.

Last edited 11 meses atrás by Denis
Antoniokings

O que vai acontecer é que será (ou já é) a nº 2.
E a cada ano a distância para a China aumentará.
Só que essa condição trará uma condição cruel para os americanos.
Perda de influência, de riqueza e de padrão de vida.

Ronilson Nogueira costa

O Kings uma dúvida, caso a China venha a ser a maior economia do mundo, isso fará os EUA retirar suas tropas da Europa, Ásia, oriente médio, América latina, América do Sul e Oceania??. As forças armadas americanas vão ficar obsoletas, a Otan será extinta, o mandarin e a cultura chinesa substituirá o inglês e a cultura americana?

Antoniokings

A questão é: Com que dinheiro elas vão manter seus gastos militares?
Hoje, só conseguem girar sua máquina pública a custo de empréstimos.
Inclusive estrangeiro.
Agora, até quando os países vão manter esse financiamento?

Chris

Kings .. Fica tranquilo… Se a economia americana colapsar… O mundo inteiro vai saber e sentir, em segundos. Em 2008 ja tivemos uma boa ideia !

A propósito… Lendo a respeito… Putin saiu de mãos abanando da China… Ele foi lá buscando suporte pra caso o ocidente aplique sanções.

Pequim so ofereceu apoio e parceiras que não envolvam gdes cifras de dinheiro. A Europa é o 2o maior parceiro comercial deles. Foi avisado que não apoiam uma guerra.

Last edited 11 meses atrás by Chris
Antoniokings

Não vai colapsar.
Vai cair aos poucos.

Joanderson Carlos Dos Santos

Nao envolve dinheiro?
Acho que saiu um acordo para um segundo gasoduto.

Joanderson Carlos Dos Santos

Realmente a otan n vai acabar as tropas americas não vão sair de onde estao porem agora os eua terão muito mais desafios pela frente a hegemonia que tiveram desde o fim da guerra fria ira diminuir a medidas que a china cresce. E sobre o poder militar americano nd impede de a china abrir bases militares em cuba venezuela Nicarágua argentina Argélia Líbia Síria etc oq criaria disafios aos americanos que eles não estão acostumados a lidar ja que sempre são eles que estacionam tropas nas fronteiras dos outros paises. Pense no cenário da china ter tropas no mexico… Read more »

Bisneto

China não precisa de bases onde não tem pirataria no mar! Pense SOD.

Chris

Fonte da noticia: Sputnik News ! heheh

“Esqueceram” ate que a precisao do GPS depende mais do aparelho receptor ! No modo militar… Existe um tal codigo P… Que permite uma precisao de milimetros !

No modo civil… Ja tem chips de celulares, com precisao de ate 30 cm desde 2018… Como o  BCM 47755 da Broadcom Limited ! A Europa tbem possui seu sistema GALILEU !

wilson

Multipolaridade de poder no sistema internacional. Desde o fim da guerra fria, e do sistema internacional com dois polos de poder, que leio sobre isso e sempre os EUA conseguem reverter. A china é a grande novidade que pode fazer esta previsão se concretizar, mas ainda é cedo para qualquer certeza.

JOSE DE PADUA

Legal vc colocar o Br na lista de lideranças

Jose Dasilva

Ele forçou a barra. Com a liderança vendida política que temos não espero isso

Nonato

Décadas de lavagem cerebral nas escolas.
A Ucrânia não deveria ter aceitado se desfazer de seus mísseis nucleares…
A Russia tentando posar de machona diante de um país pequeno…

ROliveira78

Pergunta
Líbia, Iraque, Vietnã, Afeganistão eram países grandes?

rui mendes

China, Índia, USA, UE, Rússia e Japão ok, agora o Brasil, pode liderar a A.L. mas não se sabe se será potência global, como VCS insistem em esquecer a UE, que é e sempre foi potência global, como UE desde que nasceu e antes através dos seus principais estados, mas o vosso ódio pela Europa, fala mais alto e também esquecem Japão.

WSilva

A Europa também estará nesse grupo de lideranças, vejo muito potencial na Alemanha e França, já o Japão é carta fora do baralho.

Hcosta

É só a 3ª maior economia do mundo, maior que a França e a Alemanha…

Sensato

Apesar do passado sombrio da Europa, não tenho ódio por ela como você supõe. O caso é que a Europa tem perdido espaço ao se embrenhar em burocracias, ideologias e discussões internas. Me parece que os maiores adversários da Europa estão dentro dela mesma.

Nonato

Falou o admirador da ditadura chinesa.
Morar lá não quer…

Elias

Esta é tua visão distorcida da realidade . Existem muito mais atores neste contexto ( megacapitalistas ocidentais que querem sair do julgo do politicamente correto ocidental e outras situações de divisão de poder mundial que eles vão se beneficiar…)

rui mendes

Se for como dizes, culturalmente, é os USA ao lado da Europa, mas sem joguinhos, claro que USA, UE e NATO estão mais próximos, por serem democracias, assim como Japão, Coreia do Sul, Austrália, Canadá e alguns países da América Latina, com o Brasil á cabeça.

Antoniokings

Décadas?
Vc é extremamente otimista.
Até, no máximo 2030, a pujança chinesa se tornará tão evidente que quem não a seguir será bobo.

Andre

Faltou o extremo oriente (Japão, Coreia do sul, Filipinas, Tailândia, Vietnam…), Americas (Canada, Mexico, Colombia, Brasil, Chile), oriente médio (israel, arábia saudita, eau, kuwait) e índia ao lado de eua e Europa.

Alexandre Galante

Países conectados ao seu principal parceiro comercial em 2020

Countries connected to their primary trading partner in 2020.jpg
Last edited 11 meses atrás by Alexandre Galante
BK117

Chega a ser assustador visualizar o quão grande comercialmente a China se tornou. O crescimento econômico deles nas ultimas décadas foi astronômico.

Chris

Moro no Japao, uma fabrica em cada esquina ! Vejo muita coisa aqui e da pra ter uma boa ideia… Sabe qual outro pais tem consumo, riquezas e poder de exportacao pra tbem se transformar numa China ?

BRASIL ! Mas… É imposto… CLT… Custos altos… Instabilidade… Tudo que assusta qquer empresario do mundo ! Ja vi varios lamentando !

Em Japao e EUA… Com politicas adequadas pra atrair investimentos… Sobra emprego ! Ate pra nos brasileiros… Ha premios altos em dinheiro, so pra aceitarmos o emprego no Japao ! E nem sao baratos como a China !

Last edited 11 meses atrás by Chris
Gilson Moura
Caio

CLT ainda é um problema? Mesmo com a reforma trabalhista? Pelo amor de Deus.
O que muitos querem é maximizar o lucro e nada mais.
Muitos abrem empresas no Brasil e só pensam em lucrar e luxar como dizem os mais novos, REINVESTIR no negócio nem pensar.

JOSE DE PADUA VIEIRA

É um tema polêmico. Um salario pesa muito pra quem paga, mas é insuficiente pra quem recebe. Mas oq mais atrapalha msm é a política. O gov custa mensalmente o mesmo q um funcionário, mas ele não produz nada, então acredito q a carga de tributos é maios danosa q clt ou qq outro problema.

Bisneto

Espanhóis reverteram a sua!

João Fernando

Qto vc ganha aí? 200, 300 dólares por mês?

Bisneto

Mercado interno, mas a Índia será o mais populoso e achina cairá para 700 milhões, dois braisis.

sub urbano

CLT já é lenda no brasil a mto tempo. Ninguem assina carteira mais. O problema do Brasil é que os empresarios sao praticamente analfabetos.

Reinaldo Deprera

É natural, a China sozinha tem metade da população mundial.
Agora, para ter a proporção do EUA, se conseguir, vai demorar séculos. Mas é bem provável que isso nunca aconteça. O que também é natural.

WSilva

”É natural, a China sozinha tem metade da população mundial.”

rs

C M

Pra ser “natural” os principais países do mundo teriam que assinar um acordo e estabelecer o yuan/renmimbi como moeda forte global, como fizeram com o dólar. Aí sim chegaria próximo do “natural”…

ZEUS

Não apenas a nível de aplicações civis, mas principalmente a nível de cooperação militar a parceria entre estes dois sistemas proporcionará a ambos um enorme salto de capacidades. E para além destes 16 acordos divulgados sempre há aqueles altamente classificados e não divulgaveis. Eis o resultado de toda pressão que China e Rússia vem sofrendo por parte dos eua e seus asseclas. Em resposta estão estabelecendo uma cooperação de altíssimo nível que vai alavancar ainda mais o crescimento geral da China e vai ajudar tremendamente a Rússia como alternativa à sabotagem econômica que vem sofrendo a décadas. A Rússia vai… Read more »

Last edited 11 meses atrás by ZEUS
Ronilson Nogueira costa

Vejamos os EUA tem 800 bases militares ao redor do mundo, sua economia continua crescendo, a OTAN continuará firme e forte, Japão, Coreia do Sul, Austrália , Israel, etc continuaram sendo aliados americanos,ainda é a maior potencia militar, econômica e cultural do mundo.Nao vejo bases militares chinesas na Europa, oriente médio, ou América latina só sobrou a África.so vejo a China ultrapassar os EUA na esfera econômica porque na militar e cultural acho difícil.

ZEUS

Se considerarmos o óbvio, que hegemonia militar depende, é consequência, de hegemonia econômica, e se a China inevitavelmente vai ultrapassar os eua, a conclusão básica é que enquanto a China vai aumentar cada vez mais seu poderio militar, os eua vão diminuir o seu. Isto já esta sendo reportado, inclusive aqui na trilogia. Mesmo com um orçamento gigantesco eles não estão conseguindo mais manter o cronograma de aquisições nem mesmo em número suficiente para repor o que já tem. Você sabe como está a situação destas bases pelo mundo? E não se engane, a maioria destas bases não são como… Read more »

Last edited 11 meses atrás by ZEUS
Ronilson Nogueira costa

Entendi,mas devemos levar em conta que os EUA não estão parados no tempo kk, só acredito que a China será a grande potência mundial se os EUA quebrarem, se isso não acontecer a China exercerá apenas poder econômico.

ZEUS

Prezado, creio que é justamente o contrario. Os eua pararam no tempo. Não que eles tenham parado de investir em areas diversas, inclusive militar. Eles continuam investindo, porém eles pararam no tempo no que diz respeito à sua intransigência ideológica, à sua incapacidade de se reinventarem e mudarem sua postura frente ao mundo. Continuam com a mesma mentalidade prepotente e arrogante de sempre, se achando os soberanos absolutos do mundo e querendo se impor à base de atitudes destrutivas como sanções economicas e intervenções militares. E isto nem seus aliados suportam mais. Eles toleram isto por necessidade. Outra coisa. Por… Read more »

Last edited 11 meses atrás by ZEUS
Gilson Moura

A China será maior do que os EUA relativamente. Os EUA ainda podem ser uma superpotência, mas a China pode ser 2x maior, conforme é demonstrado a situação a longo prazo. Até mesmo a Índia – a eterna superpotência emergente será maior do que os EUA relativamente. Os EUA serão grandes, mas a China e Índia serão maiores. O eixo econômico já está na Ásia, os diversos países da Ásia que antes fazia parte da esfera comunista, hoje se tornaram países capitalistas. A única vantagem que o Ocidente tinha era o seu modelo econômico superior, hoje quase a totalidade dos… Read more »

Antoniokings

Não vê bases chinesas e nem verá.
Já foi comentado aqui que essa presença militar americana em vários países só ajudando a estourar os gastos federais e explodir o deficit fiscal.
Só por curiosidade, hoje esse deficit está em US$ 30, 013 tri.

Ronilson Nogueira costa

Entendi, a China será a maior potencia econômica e militar do mundo, mass sem bases militares no exterior.

Antoniokings

Só as extremamente necessárias
Já foi comentado aqui que enquanto os EUA vendem meia dúzia de aviões para um país, a China fecha um acordo comercial com ele.
É óbvio que essa equação não vai fechar para os americanos.
E é o que estamos assistindo.

Nilton L Junior

A economia americana é integrada ao complexo tecnológico industrial militar com base no hegemonia expansionista, precisa de conflito para sua manutenção por isso a projeção de poder para que seus interesses não sejam prejudicados, a China tem um projeto histórico de nação onde o estado é subordina a economia a esse projeto, não existe interesse da China no Oriente Médio, na AL na EU que comprometa seu desenvolvimento ou seus interesses pelo menos não no atual contexto.

Bisneto

Milho, é o que sustenta a roda dos EUA.

Bisneto

Sim, china só protege as rotas de seus navios. No Paquistão a segurança e dos próprios pasquitaneses não são bobos.

Vinicius Momesso

Os EUA no começo da Primeira Guerra já eram a primeira economia do mundo, mas vieram a se tornar a maior potência militar ao final da Segunda Guerra. Uma coisa de cada vez.

Nilton L Junior

Aduvido.

Andre

Daqui para a frente vai ser assim, a China chegando para salvar a incapacidade russa de concluir seus projetos.

Iniciado há décadas e ainda com apenas 24 satélite o glonass tinha uma cobertura ridícula e vimos casos em que pilotos russos precisaram utilizar gps cívil em seus aviões militares.

Essa parceria caminha para ser igual a entre nazistas e comunistas. Cedo ou tarde a China passa por cima dos russos.

Machado

Todo dia uma notícia ruim para os nortes americanos

Sensato

Você precisa diversificar os sites que lê

Zé Rato

Li alguns artigos sobre uma possível fonte de conflitualidade futura entre a Rússia e a China, que reside no problema demográfico russo, que é mais acentuado na parte Oriental da Rússia, que faz fronteira com a China. Com o fim da USRR, o colapso económico foi mais acentuado nessas regiões, que perderam milhões de habitantes e continuam a perder algumas centenas ou dezenas de milhares a cada ano que passa. Paralelamente, tem existido uma emigração acentuada de chineses para essas regiões, quer por via legal ou ilegal, quer para suprir as necessidades russas em mão-de-obra, quer para procurar oportunidades económicas… Read more »

Bisneto

Portugal só dependemos do vinho, agora se tão velhos aí não culpe nosotros. A maioria de nós não consegue vistos, e depois da Bélgica tem a polícia de aeroporto que mais sacaneou brasileiros.

Zé Rato

Eu neste momento trabalho no meio de centenas de portugueses, brasileiros, venezuelanos e “galera” de alguns países asiáticos. E até agora só tive problemas com alguns tugas. Seja bem-vindo quem for boa onda e vier por bem.

Reinaldo Deprera

Sistemas de geolocalização é uma das áreas mais importantes para um país que pretende fazer guerra. A Era digital deixou os profissionais de cartografia e geografia esquecidos para o público geral e na maior parte dos países. Mas em alguns poucos países esses profissionais ficaram ainda mais importantes. Felizmente nossas FA sempre estiveram atentas no desenvolvimento e emprego avançado de sistemas de geolocalização e por isso somos dos poucos países onde esses profissionais possuem campo para trabalho, e, mais do que isso, são importantíssimos. Felizmente não precisamos de um sistema de rede de satélites de geolocalização próprio, a menos que… Read more »

Bisneto

Quero ver um carro da tesla made in brazil lendo o guia 4 rodas ?

Reinaldo Deprera

Sim, nós sabemos fazer isso.

Fabrício Lustosa

“(…)Felizmente não precisamos de um sistema de rede de satélites de geolocalização próprio, a menos que deixemos a turminha antiocidental ganhar voz no país.  (…)” As vezes, mesmo conhecendo o tipo de brasileiro que pensa dessa forma, não consigo acreditar no que leio. Isso é surreal. Fico pensando se existe ao menos uma gota, um pouco de desejo de autodeterminação do Brasil algum dia na cabeça dos brasileiros que pensam dessa forma. Atenção, as comunicações das forças armadas brasileiras são processadas em satélites estrangeiros, e isso, meu deus do céu, é motivo de “felizmente”???!!!! Pqp…É de chorar ver que existe quem tem… Read more »

Pablo Maroka

O mal em sua essencia

Bisneto

X 44 manta na área 51. Nova conspiração global.

Bisneto

Não ficar dependendo de uma espoleta de assento ejetor de terceiros assim como os argentinos para crescer industrialmente.

Emerson

A Europa tem um PIB maior que os EUA. Tem uma população maior. Tem tecnologia superior semelhante (em alguns casos). Tem um padrão de vida mais elevado. Possui redes de segurança social robustas. Tem menor criminalidade. Tem um sistema de educação igual (e quando se trata de escolaridade antes da faculdade superior). Não devem os americanos subsidiar a defesa da Europa (A UE deve bancar) e os norte-americanos devem se retirar da Europa e concentrar-se no Oriente-Médio e na Ásia (China-Coréia do Norte-Twaian)

Joe

Fonte: Sputink News