segunda-feira, agosto 2, 2021

Gripen para o Brasil

MAKS 2021: Rússia apresenta oferta comercial de 21 jatos MiG-29 à Índia

Destaques

Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

A Rússia fornecerá 21 caças MiG-29 para a Índia, disse um porta-voz do Serviço Federal de Cooperação Técnico-Militar da Rússia. “O estado-maior da Força Aérea Indiana recebeu um pedido de licitação para o fornecimento de 21 aeronaves em 2021. O lado russo transferiu para os parceiros indianos a oferta comercial que agora está sendo considerada pelo cliente”, disse a porta-voz Valeria Reshetnikova, citada pelo Sputnik, durante a feira aeroespacial internacional MAKS 2021.

No ano passado, o Ministério da Defesa deu sua aprovação à Força Aérea Indiana para adquirir rapidamente 21 caças MiG-29, além de 12 Sukhoi Su-30 MKI da Rússia. A Força Aérea Indiana (IAF) apresentou uma proposta ao governo para a aquisição de novos caças, incluindo 21 MiG-29s da Rússia em junho do ano passado, de acordo com a agência de notícias ANI.

Os 21 MiG 29s que a IAF está planejando adquirir são da Força Aérea Russa e atendem às suas necessidades de novos caças. A IAF realizou um estudo para verificar a estrutura dos MiG-29s.

A IAF tem três esquadrões de MiG-29s – um caça bimotor de superioridade aérea monoposto – que vem passando por atualizações para prolongar sua vida útil e são considerados confiáveis ​​nas funções de defesa aérea.

- Advertisement -

39 Comments

Subscribe
Notify of
guest
39 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Gutex

Esta venda já vem se arrastando a anos. Eu inclusive já começava a acreditar que os Indianos haviam desistido. Vamos ver se desta vez realmente batem o martelo…

Charles

A Logística de manutenção dos aviões de combate da índia deva ser uma loucura, com tanta variedades de aeronaves. Há há necessidade por mais aeronaves dado suas beligerâncias com seus vizinhos e talvez também resida aí um dos motivos da necessidade de qualquer tipo de aeronave

Pedro EsiE

Loucura é depender exclusivamente de um fornecedor. Logística se resolve com intendência, mas isso parece que não existe no Brasil.

José

A Turquia que o diga!

pangloss

Temos intendência, sim. E um de seus expoentes foi, recentemente, o Ministro da Saúde.
Acho que isso explica a penúria de nossas forças armadas.

Nilton L Junior

Bah essa foi na veia.

Heli

ele era especialista em logistica kkkk imagina uma criatura daquela fazendo a logistica numa guerra, coitados dos soldados

Luiz Trindade

Pois eh… Agora vemos o escândalo da COVAXIN… Ohhhh especialista em logística…

Antoniokings

Excelente pedida para a Índia.
Os MIG-29s modernizados rivalizam com qualquer 4G ocidental.
E os indianos sabem disso.

Franklin Apaza

Não seria melhor ter comprado os novos Mig-29m2 ao invés de Mig-29s? 😳😳😳😳

Aliás, a versão UPG é melhor que a versão M2?! 🤔

Luiz Trindade

Vou além… Não era melhor MIG-35 ao invés do MIG-29?

Ronaldo Rangel Pires

Tem um vizinho aí próximo que não gostou da compra…..

Jad Bal Ja

Vc parece a versão russa das propagandas da CAOA. Bastou dizer que é russo e pronto, é o melhor dumundo…. hahahaha…

Flanker

Se é um Mig-29 já surrado pelos russos, é uma boa pedida, rival de qualquer 4G, etc, etc….se for um F-16V, novo de faábrica, é obsoleto, vetusto, etc??? E os outros é que são fanboys…..

Antunes 1980

Será que realmente existe o tal MIG-35? Não vi nenhuma oferta e venda. Apenas do MIG-29

Luís Henrique

Entrou em serviço em julho de 2019, ainda sem o radar AESA.
Parece que o AESA só chega daqui 1 ou 2 anos.
Então as vendas externas devem levar um tempo para ocorrerem.
O Egito comprou 46, mas chamaram de MiG-29M, pois o AESA ainda não estava disponível.

Nilton L Junior

Bicho eu começo a pensar que o MIG-35 vai ser só uma intenção, depois da noticia do novo caça da Sukhoi não mas espaço pra MIG.

ricardo taer

Também tenho dúvidas a esse respeito, mas foram oferecidos a nossos hermanos argentinos ainda esse ano!

Emmanuel

Eu já vi o et bilu, já o mig-35…

Fabio Araujo

Vão substituir os mais antigos ou vai ser uma ampliação

Gutex

Irão ampliar os esquadrões equipados com MIG-29 de 3 para 4.

Nostra

Approximately half is replacement for attrition, half is for extension

Last edited 11 dias atrás by Nostra
Leandro Costa

Acho isso bem bizarro. Pegar MiG-29’s oriundos da Força Aérea Russa é meio doido. Se eu fosse a India e quisesse alguma coisa que fizesse uso da linha logística do MiG-29 e ainda aumentando a capacidade e tentando negociar um precitcho camarada dos Russos, eu simplesmente entregava todos os MiG-29 atualmente em serviço na Força Aérea Indiana de volta para os Russos para serem substituídos por MiG-35’s e ainda adquiria 21 unidades extras do MiG-35. Acho que os Russos iriam querer ter uma bela de uma vitrine para o MiG-35 e ainda poderiam contar com os velhos MiG-29 Indianos para… Read more »

Nostra

🧐

Last edited 11 dias atrás by Nostra
Leandro Costa

😉

Luís Henrique

A Índia possui a 4a força aérea do mundo. As 3 maiores também possuem uma “salada de frutas”. Quando sua força aérea é muito pequena e possui 30 ou 40 caças, não faz sentido possuir 4 modelos diferentes e adquirir 10 de cada. Mas quando sua força aérea possui mais de 500 caças, é normal a diversificação, seja por um mix High/Low com parte da frota composta por caças maiores, mais pesados e mais caros e outra parte por caças mais leves e baratos, seja por um Mix de Gerações, onde parte da frota é mais nova e parte é… Read more »

Leandro Costa

Eu não invejo não. Para chegar no nível de se justificar a existência de uma salada de frutas dessas você precisa estar praticamente em risco iminente de conflito à todo momento, e é basicamente no patamar que eles estão. China, Rússia e EUA não entram bem na conta porque eles mesmos suprem sua própria salada de frutas (autossuficiência) e diversos dos componentes deles são intercambiáveis, mesmo que em menor grau, facilitando bastante isso. A India importa boa parte do que utiliza e mantém essa salada para o caso de uma delas se indispor para com a India e resolver cortar… Read more »

Flanker

Só que as 3 maiores FA do mundo (EUA, Rússia e china), produzem as próprias aeronaves…..eles não precisam comprar as aeronaves de estrangeiros e contratar um suporte tb estrangeiro.

Pedro Bó

Alguns criticam o fato dos EUA oferecerem F-16 para as forças aéreas de outros países alegando que o aparelho está superado. Mas a Rússia também empurra o Mig-29 para os outros (e usados, ainda por cima) na cara dura.

Isso sem contar que o Fulcrum teve desempenho sofrível no Iraque e na antiga Iugoslávia, diferente do Viper.

Franklin Apaza

A Índia quis comprar os Mig-29s usados por decisão deles. Para depois serem modernizado para as versões “UPG” na Índia.

Franklin Apaza

O pior é você querer comparar os F-16 block 30/50 com as versões básicas dos Mig-29 (9.12B) Iraquianos. 🤦🏻‍♂️

IMG_20210721_121040.jpg
Luís Henrique

Todos os caças possuem atualizações, blocks, tranches, etc. Além dos caças evoluírem com o tempo, o mesmo ocorre com os mísseis. E o mesmo com as táticas, treinamentos, etc. Os caças também não lutam Sozinhos, fazem parte de um sistema, onde se somam aeronaves AEW, guerra eletrônica, sensoriamento remoto, radares em terra, inteligência, etc. O desempenho do MiG-29 em combate foi muito bom, considerando essas questões. Pegue os F-16 venezuelanos, sem modernização, sem AMRAAM, e do outro lado, coloque o MiG-29 maia recente, com os mísseis mais modernos, operado por uma força aérea de primeiro mundo, dotada de AEW, satélites,… Read more »

Andre

Com uma taxa de vitórias negativas 6:18, inclusive tendo 5 unidades abatidas em combates ar-ar pelos etíopes, não da para falar que “O desempenho do mig-29 em combates foi muito bom”.

Uma força aérea de primeiro mundo não compra mig29.

Os indianos devem ter alguma superstição para comprarem isso, podendo produzir sob licença o muito melhor su30mki.

Last edited 11 dias atrás by Andre
Andre

Faltou citar o desempenho vergonhoso contra os etiopes no final da decada de 1990. Toda vez que entrou em combate fez feio.

Maurício.

Andre, o F-4 era abatido por sucatas como Mig-17 e Mig-19, a diferença de tecnologia entre o Mig-17/19 e o F-4 era abismal, na prática era impensável um F-4 ser abatido por essas sucatas soviéticas, mas na prática…
Nem por isso o F-4 era um caça ruim, vexame em combate ambos cometeram, tanto o Mig-29 como o F-4, e isso é um fato.

Andre

Na guerra do vietnam o f4, em combates aereos, terminou ~150:50, e perdeu mais uns 400 para baterias aa.

Ser abatido por um caça inferior, eventualmente, acontece. Migs25 abateram f14 e f18, teve o mig21 indiano abatendo o f16 paquistanês, mas ao analisar os numeros como um todo, esses abates foram excessão, com o f4 abatendo mais aviões do que sendo abatido. Ao contrario do mig29, que mesmo em um conflito sem enorme superioridade adversária, como na guerra etíope-eritreia, foi varrido dos céus, perdendo 5 aviões e não sendo capaz de abater nenhum.

Leandro

Nossa…comparar os.migs da iugoslavia, operando sem cobertura awacs e com mísseis de geração anterior aos aim-120 …coloquem os vipers e os.migs em condições iguais e aí comparem…

José

Realmente, em 2031 vai ter feito muito tempo.

Jad Bal Ja

Sinceramente? Já era Mig, a hora dessa aeronave já passou.

Últimas Notícias

Aeronave P-3AM Orion completa 10 anos de incorporação à FAB

A data marcou a modernização da Aviação de Patrulha, pois o modelo possibilitou a detecção, localização, identificação e, até...
- Advertisement -
- Advertisement -