Home Aviação de Ataque Força Aérea Portuguesa interessada no EMB-314 Super Tucano

Força Aérea Portuguesa interessada no EMB-314 Super Tucano

6199
182

A Força Aérea Portuguesa está interessada no EMB-314 Super Tucano como possível substituto do Alpha Jet, que foi aposentado em janeiro de 2018.

No dia 17 de novembro de 2020, um Embraer EMB-314 Super Tucano, matrícula PT-ZTU, foi fotografado em Monte Real (Base Aérea 5) sendo mostrado aos militares portugueses.

Além do interesse no Super Tucano, a Força Aérea Portuguesa está adquirindo outro avião da Embraer, o avião de transporte KC-390 Millennium.

Ainda não se sabe se um pedido do Super Tucano vai se concretizar e quantas aeronaves serão adquridas.

FONTE: Scramble Magazine / FOTO: Filipe Cruz via Rico Angerman

Subscribe
Notify of
guest
182 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Silas
Silas
10 dias atrás

Voa, passarinho, voa!!!

Groselha Vitaminada Milani
Groselha Vitaminada Milani
Reply to  Silas
10 dias atrás

Quantos Alpha Jets foram aposentados?

Se no mínimo for 1:1 já teremos um número mínimo do pedido, ora pois …

Voa voa Super Tucano …

Last edited 10 dias atrás by Groselha Vitaminada Milani
Gonçalo Jr
Gonçalo Jr
Reply to  Groselha Vitaminada Milani
10 dias atrás

Os ultimos 6 foram aposentados em 2018 de um total de 50 adquiridos sendo 40 na linha de vôo e os 10 restantes usados como fonte de peças.

Groselha Vitaminada Milani
Groselha Vitaminada Milani
Reply to  Gonçalo Jr
10 dias atrás

Devemos considerar apenas os de instrução nessa conta …

Marcos
Marcos
Reply to  Groselha Vitaminada Milani
9 dias atrás

Que possivelmente serão produzidos nos EUA, alguém duvida?

Pablo
Pablo
10 dias atrás

Tomara que de fato se concretize, afinal, experiência comprovada o fabricante e a aeronave já tem de sobra, sem contar a tecnologia embarcada.

Wagner
Wagner
10 dias atrás

Melhor vetor COIN atualmente disponível.

ALEXANDRE MARINHO BASTOS
ALEXANDRE MARINHO BASTOS
Reply to  Wagner
10 dias atrás

Coloca um POD pra achar drones e faz a proteção da tropa pelo ar.

Carlos
Carlos
Reply to  ALEXANDRE MARINHO BASTOS
10 dias atrás

colocar um mini radar alerta antecipado com foco em drones ali nas costa do Tucano e misseis ar-ar viraria um matador de drone

(nem sei sei se viajei agora kkkkk)

Alex
Reply to  Carlos
10 dias atrás

Manda a ideia pra engenharia deles….🤔🤔🤔🤔 Vá que cola.

Pablo
Pablo
Reply to  Alex
9 dias atrás

o que eu gostaria de ver (se fosse possível), sistema pra revo.

Conan
Conan
Reply to  Carlos
10 dias atrás

Entre seus armamentos ele já pode carregar misseis ar-ar.

Antonio Palhares
Antonio Palhares
Reply to  Carlos
10 dias atrás

Pode ser feito sim.

Renato B.
Renato B.
Reply to  Carlos
10 dias atrás

Usar um missil ar-ar para derrubar drone é praticamente usar um drone muito caro (o míssil) para derrubar drones baratos (os alvos) a relação custo-benefício me parece muito ruim.

Argos
Argos
Reply to  Renato B.
10 dias atrás

Eles são baratos até explodirem algo… Lembra da refinaria?

Mayuan
Mayuan
Reply to  Renato B.
8 dias atrás

Não necessariamente. Stingers estão na faixa de 40 mil dólares e me parecem mais que suficiente pra derrubar um drone.

Cristiano
Cristiano
Reply to  ALEXANDRE MARINHO BASTOS
10 dias atrás

Existe algo neste sentido ? um POD caçador de drones que poderia ser usado no ST?

Me pareceu uma ideia interpresante

sj1
sj1
Reply to  Cristiano
10 dias atrás

Ele consegue voar lento, isso ajuda, as .50 na asa acho que dão conta, ele tbm pode usar mísseis WVR, não sei como seria feito para a localização dos drones (radar IRST ), vai que surja um novo nicho que sabe..

Allan Lemos
Allan Lemos
10 dias atrás

Se essa possível venda se realizar, os aviões seriam montados pela Embraer(no Brasil) ou pela Sierra Nevada? Imagino que deve ser a primeira opção já que não houve participação do Governo Americano. No mais, já está na hora do Super Tucano voar nos céus europeus.

Antunes Neto
Antunes Neto
Reply to  Allan Lemos
10 dias atrás

Poderá ser montada na Embraer em Portugal?

a ver.

Allan Lemos
Allan Lemos
Reply to  Antunes Neto
10 dias atrás

É uma possibilidade, se houver estrutura para isso na fábrica de lá e interesse do Governo Português.

Gabriel BR
Gabriel BR
Reply to  Antunes Neto
10 dias atrás

Se for de interesse do governo português, creio que a OGMA tem plena capacidade de não apenas montar como também manutenir o A-29.

peter nine nine
peter nine nine
Reply to  Gabriel BR
10 dias atrás

As OGMA são um centro de manutenção autorizado para esse tipo de aeronaves.

A nível de MRO em aviação militar, trabalha com a Lockeed, destacando-se a manutenção das aeronaves Lockeed C130 e F16, assim como P3. Trabalha com a Embraer, destacando-se a manutenção de aeronaves como o E145AEW&C e Super Tucano. Trabalha com a Airbus, destacando-se a manutenção de aeronaves C295 e com a Leonardo destaca-se a manutenção dos Agusta Westland 101.

Elias E Vargas
Elias E Vargas
Reply to  Gabriel BR
7 dias atrás

Será que o nível da OGMA permite a exportação do A-29 em forma de CDK para finalização em Portugal ? Seria uma boa até para a colocação em outros países do Mercado Comum Europeu.

Alex
Reply to  Allan Lemos
10 dias atrás

Portugal opera o f16 acho que não tem ” problema” ser vendido pela Embraer, porque o A-29 tem componentes de origem americana. É um país membro da Otan. Creio que não deverá ter restrições, mas posso tá errado.

Flanker
Flanker
Reply to  Alex
10 dias atrás

Não foi nesse sentido que o Allan escreveu. Ele se referia ao local onde esses aviões seriam montados…se nas instalações da Embraer em Gavião Peixoto/SP ou nas instalações da Embraer na Florida, com envio posterior para a Sierra Nevada pata receber os sistemas. Quando a venda é feita através de algum instrumento de negociação militar dos EUA, como o FMS, por exemplo, a montagem final e negociação tem que ser feita por uma empresa dos EUA…no caso, a Sierra Nevada. Se a venda é feita diretamente pela Embraer, a negociação, montagem e entrega são feitas todas pela empresa brasileira.

Helio Val
Helio Val
Reply to  Allan Lemos
10 dias atrás

Boa tarde!
Só conheço duas linhas de produção: Sierra Nevada e Gavião Peixoto.
Acho que se a quantidade da encomenda for relevante a Embraer pode abrir uma por lá.
Até porque deverá abrir espaço pra manutenção do lote adquirido.
E acho que Portugal pode aproveitar o custo menor devido ao câmbio, como fez com a antecipação da compra dos kc390.
Saudações!

OSEIAS
OSEIAS
10 dias atrás

Daqui a pouco um determinado alguém de além mar vem aqui e deprecia o super tucano falando que não é sucesso.
que se concretize a venda, pois é indiscutivelmente o melhor vetor na categoria, assim com o KC-390.

Andre
Andre
Reply to  OSEIAS
10 dias atrás

Fica tranquilo que aqui você não vai ver um único comentário nesse sentido.

Alexandre
Alexandre
Reply to  OSEIAS
10 dias atrás

E ainda vai mandar os editores da trilogia bloquear os Brasileiros que elogiam a Embraer, seus produtos e investimentos!

OSEIAS
OSEIAS
Reply to  Alexandre
10 dias atrás

kkkkkkkkk verdade.

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  OSEIAS
10 dias atrás

pois… ja estavam com saudades, mas avinharam meu pensamento, sou absolutamente contra a compra de avioes de paises terceiros á NATO e a UE… temo-nos em focar na europa

Last edited 10 dias atrás by Rui Manuel Fernandes Palmeira
Luciano
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

Voz do Homer…”cai fora Flanders”

Flanker
Flanker
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

Cara, na boa…você tem algum problema! Você vem aqui somente para provocar e ser mal educado. A sua opinião, nesse caso, não tem valor algum. Se o teu país for comprar o ST, você só vai poder espernear, reclamar e fazer o que vc sabe melhor….ser um pedante sem educação. E, se o seu país não comprar, sem problema….existem muitos outros interessados. Portanto, sua mania de superioridade é inócua……lhe resta procurar um psicólogo…..deve ter algum bom por aí….

Groselha Vitaminada Milani
Groselha Vitaminada Milani
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

Palmeira não tem Mundial.

Porque então não te calas????? Afinal burro não voa gajo!

OSEIAS
OSEIAS
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

Mas não é o que seu governo pensa, e mais você está me dizendo que o contribuinte português prefere pagar mais caro em um produto pior e que não vai gerar empregos e renda para os seus cidadão? A Ogma não é portuguesa? Não quer que seus compatriotas mantenham seus empregos? Que globalização míope a sua, que se fecha em um casulo da União Europeia. Qual avião é melhor que o super tucano e KC-390 em sua categoria e que ainda gera riqueza para Portugal? Ainda bem que você não faz parte do seu governo.

Clóvis Henrique Arrué
Clóvis Henrique Arrué
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
4 dias atrás

Como se alguém fosse dar importância para o teu “pensamento”…
“Pessoinha” detestável…

Funcionário dos Correios
Funcionário dos Correios
10 dias atrás

Esse ano está sendo de muito boas noticias para a EMBRAER!

Luís Inácio da Silva
Luís Inácio da Silva
Reply to  Funcionário dos Correios
10 dias atrás

A melhor notícia foi dar errado o Join Venture com a Boeing.

Alex
Reply to  Luís Inácio da Silva
10 dias atrás

É verdade. A Boeing levo todo o azar junto🤣🤣🤣🤣🤣🤣

2Hard4U
2Hard4U
Reply to  Luís Inácio da Silva
10 dias atrás

Apoiado!!!

MMerlin
MMerlin
Reply to  Funcionário dos Correios
10 dias atrás

Além do avanço de pedidos no segmento militar previstos para a Embraer, existe outra previsão referente a aeronaves de transporte, num total de 2400 aviões pelos próximos 20 anos, entre novos pedidos e transformação de aviões comerciais.

Paulo Sollo
10 dias atrás

É um interesse bastante lógico e o investimento feito na OGMA pode render frutos muito além dos interesses de Portugal nestas aeronaves
Seria natural Brasil e Portugal formarem parcerias em diversas áreas porque além das raízes históricas e afinidade linguística tem muito a oferecer um pro outro em nível de parcerias tecnológicas. Portugal é uma vitrine na UE que pode despertar o interesse de outros países para muita coisa que é produzida por aqui.

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Paulo Sollo
10 dias atrás

os brasileiros nao gostam de portugueses… e eu sou reciproco…

FABIO MAX MARSCHNER MAYER
FABIO MAX MARSCHNER MAYER
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

Se você não gosta de brasileiros (e é um direito seu), por que vem num blog brasileiro, interagir com brasileiros?

fewoz
fewoz
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

Comentário fora do tópico, pra variar. Se não gosta do Brasil nem dos brasileiros, o que faz aqui, então? Se não gosta da possível aquisição, vá reclamar com a FAP e o governo português, oras… Poderia aprender algum respeito e educação com seu conterrâneo, Peternine, que postou aqui, inclusive.

Em todos os posts, você é sempre o primeiro (e único) com estas discussões nacionalistas sem sentido. Brasil e Portugal são, sim, países com relações históricas, goste você ou não.

Last edited 10 dias atrás by fewoz
Paulo Sollo
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

Você é um ponto fora da curva. Vá procurar um lugar mais conveniente para extravasar seus complexos, como um consultório psicológico.
Brasileiros e portugueses gostam de ganhar dinheiro, de lucros, de parcerias que gerem isto, com quem quer que seja.
Você está no século errado. Há 100 anos atrás suas baboseiras teriam sentido.

Fernando EMB
Fernando EMB
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

O que o Rui quer é estar sob os holofotes. Ignore. Não alimentem os Trolls.

Groselha Vitaminada Milani
Groselha Vitaminada Milani
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

Tu não gosta de Portugueses também? Ora pois, não tenho nada contra as portuguesas … são bem vindas!

Porque os Portugueses usam bigode ogajo?

Para fucarem parecidos com suas mães ,,,, tem que ser!

Last edited 10 dias atrás by Groselha Vitaminada Milani
JT8D
JT8D
Reply to  Groselha Vitaminada Milani
10 dias atrás

Pô groselha, não baixo o nível. Está caindo em provocação de troll e ofendendo nossos irmãos portugueses! Pensa antes de escrever, caramba

Groselha Vitaminada Milani
Groselha Vitaminada Milani
Reply to  JT8D
10 dias atrás

Ok ok ok …. tens razão, mas eu não resistí … vc está correto …

Fabio
Fabio
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

Eu também não gosto dos portugueses, e sim das portuguesas.

Ramiro Lopes Andrade
Ramiro Lopes Andrade
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
9 dias atrás

Eu sou português, e tu Rui és uma vergonha.
Esta aqui apenas para provocar, e ofender as pessoas.
Não passas de um coitado ressabiado !!!
Volte para tua caverna, de onde não deverias sequer sair.
Repito, não passas de um coitado sem educação, e ressabiado com a vida que tens.
Aos brasileiros, não liguem a este mediucre, não vale sequer gastar o teclado.

OSEIAS
OSEIAS
Reply to  Ramiro Lopes Andrade
9 dias atrás

Ramiro, fique tranquilo, ignorância não tem nacionalidade e racismo é crime, ele deveria saber disso. Assim como há muito brasileiro ignorante sem educação e sem respeito, há portugueses, espanhóis, italianos, franceses, ingleses, etc…

Roberto Medeiros
Roberto Medeiros
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
9 dias atrás

De onde que vc tirou esta de que Brasileiros não gostam de portugueses? Nâo gostamos é de arrogantes, pedantes ou prepotentes, independe da nacionalidade.

pampapoker
pampapoker
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
9 dias atrás

Então o que faz aqui, simples cai fora .

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Paulo Sollo
10 dias atrás

Por aquilo que li quando da visita do presidente português à India e no qual falou sobre o interesse dos indianos no kc-390, foram insultuosos os comentários de muitos brasileiros, nalguns dos casos falando sobre a obrigação de ser a Boeing a fazer os contactos para a venda. Seria natural o que afirma no segundo paragrafo mas eu recordo-lhe o anti-lusitanismo do ensino brasileiro que impede qualquer parceria de igual para igual, alem disso não importa o quanto de dinheiro investido por Portugal no desenvolvimento do avião nem as mais de 500 mil horas da engenharia portuguesa empregues no desenvolvimento,… Read more »

Paulo Sollo
Reply to  Carlos Bernardo
10 dias atrás

A alguns anos, na época da severa crise econômica pela qual passou Portugal, assisti a um debate num canal de tv português ( não lembro qual) nos quais os debatentes discorriam sobre a questão de que muitos jovens portugueses estavam a vir ao Brasil em busca de oportunidades, e segundo a opinião deles, poderiam não ser bem recebidos porque poucos anos antes houve um nomento de grande fluxo de brasileiros indo a Portugal em busca de oportunidades, e foram terrivelmente mal tratados, muitos foram expulsos, muitos chegavam aos aeroportos e eram imediatamente deportados. E era gente qualificada, lembra? Os apresentadores… Read more »

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Paulo Sollo
10 dias atrás

nao diga mentiras, morei no brasil de 2012, a 2015, e fomos muito mal tratados, a começar pela legislaçao de imigraçao, voce acha que nao vos engolo muitos de voces porque?? eu falo na primeira pessoa, voce é mentiroso ao afirmar que fomos bem tratados, fomos mal tratados e esse tratamento pessimo foi silenciado pela porcaria do governo portugues, e por geente como este presidente da republica!!!!!! o que ageente passou nao tem perdao… voces deveriam passar no meu pais so metade do que passamos no vosso pais.,. e voce nao seja um mentiroso, nao fale do quee nao viveu!!!!!!… Read more »

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

o brasileiro nao e um “povo prepotente , soberbo e xenofobo” realmente quando digo que estamos perante a mentalidade mais xenófoba o mundo, nao tou errado, voces sao culturalmente tao xenofobos que nao aceitam que exista xenofobia

Groselha Vitaminada Milani
Groselha Vitaminada Milani
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
10 dias atrás

Rui, vá ao banheiro e não volte nunca mais … é um favor que tu fazes a ti mesmo e a nós.

Se não concorde, crie seu próprio site e vá lá cultivar as suas idéias.

Você precisa se cuidar … e quando estves no Brasil deveria ter comido maracujá, se não tomou deveria …

Boa noite Rui. Vá dormir …. lugar de chorar e mimimi é na cama. Vá se tratar …. ainda há tempo Ogajo!

Last edited 10 dias atrás by Groselha Vitaminada Milani
JuggerBR
JuggerBR
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
9 dias atrás

Isso é caso pra Terapia, rapaz mais agressivo… Colonia portuguesa no Brasil é gigante e não tem casos de violência ou xenofobia, no máximos umas piadas… Se piada te ofende tanto, precisa de tratamento…

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  JuggerBR
9 dias atrás

os haitianos e os bolivianos que o digam!!

Ricardo Araujo
Ricardo Araujo
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
9 dias atrás

Os angolanos também!! Não esqueçamos ainda de Moçambique, Guiné Equatorial, Cabo Verde…….

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Ricardo Araujo
9 dias atrás

mas eu nunca disse que nao existia xenofobia em portugal, nunca disse que a colonizaçao era boa, eu nao sou apreciador da historia colonial nm portuguesa nem de neenhum pais… quem diz que nao existe xenofobia no Brasil sao parte de voces, voces é que sao as alices… no pais das maravilhas…

sj1
sj1
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
9 dias atrás

Ví muito haitianos recebendo emprego aqui e ninguém reclamava..

Ricardo Araujo
Ricardo Araujo
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
9 dias atrás

Eu trabalhei com portugueses aqui no Brasil. A maioria foi sim bem tratada. O problema é que alguns vem para cá com a mentalidade colonial, que são melhores que nós em tudo, o que não é verdade. Conheci muitos portugueses educados, humildes e com grande conhecimento técnico. Conheci porém portugueses extremamente mal educados, com formação acadêmica péssima e extremamente prepotentes. Provavelmente você era um desses Rui, e graças a Deus foi embora. Gosto dos portugueses e acho que você faz um péssimo serviço ao depreciar a nossa relação. Existem brasileiros ruins mas também existem portugueses assim. Procure um psiquiatra para… Read more »

Rui Manuel Fernandes Palmeira
Rui Manuel Fernandes Palmeira
Reply to  Ricardo Araujo
9 dias atrás

por acaso parte da minha formação academica era brasileira… nao seei se havia prepotentes, mas eu nao era, eu ate simpatizada com os brasileiros, mas depois de tantos maus tratos nunca mais gosteo da mentalidade, gaças a Deus vim embora, e nunca mais la volto… mas eu falo de mentalidade, porque muitos sao xenofobos e nao o admitem, nao digo qu sejam todos mas pessoas… mas sao maioritariamente xenofobos virtude da educaçao criminosa que tiveram… mas nao digo que sejam mas pessoas

Roberto Medeiros
Roberto Medeiros
Reply to  Rui Manuel Fernandes Palmeira
9 dias atrás

Deve ter algo errado aí nestas suas ideias. A minha familia por parte de pai é majoritariamente portuguesa, inclusive tenho primos q tem dupla cidadania (nâo é meu caso). Nunca soube de reclamacões Qto a maus-tratos. Pelo contrario, sempre ouvi falar que Portugal e o Brasil eram paises irmâos. Mais irmãos que Inglaterra e USA. Piadas? Sempre ouvi. Tanto de Portugueses qto de Brasileiros , troçando uns dos outros. creio que o seu caso, caro reinol, seja algo particular contra os mazombos. E não deveriageneralizar, pqde modo geral uma coisa que sempre ouvi de estrangeiros, em relação aos Brasileiros e… Read more »

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Paulo Sollo
9 dias atrás

Meu caro quantas pessoas necessitas de contar para poderes encontrar um português no Brasil? Em Portugal basta contar vinte pessoas e encontro um brasileiro. Quantos portugueses fizeram falcatruas e deram o salto para Portugal. Ouvi vários casos e conheço um porque conheço o brasileiro que deu o salto e a família portuguesa alvo de falcatrua. Quantos brasileiros foram maltratados em escolas portuguesas, algumas disputas inerentes à idade, mas conheço um português que emigrou com a família para o Brasil e num dos primeiros dias de escola voltou nu para casa. Podes eventualmente ter ouvido mas os jovens portugueses emigram em… Read more »

Last edited 9 dias atrás by Carlos Bernardo
Fernando EMB
Fernando EMB
Reply to  Carlos Bernardo
9 dias atrás

Sobre o que mesmo é este fórum???

V12 aero
V12 aero
Reply to  Carlos Bernardo
9 dias atrás

Vira o disco, sempre a mesma coisa.

Ferreras
Ferreras
10 dias atrás

Melhor semana da Embraer em 2020!

Tutu
10 dias atrás

É bom que eles também podem apoiar as tropas portuguesas que estão operando na África.

Cabeça de Martelo
Cabeça de Martelo
Reply to  Tutu
10 dias atrás

Negativo, estes aviões a serem adquirido serão apenas para Instrução Avançada.

Tutu
Reply to  Cabeça de Martelo
10 dias atrás

Colega, eu não disse obrigatoriamente eles vão fazer isso, porém se for do interesse da força aérea portuguesa os A-29 estarão perfeitamente aptos para tal.

peter nine nine
peter nine nine
Reply to  Cabeça de Martelo
10 dias atrás

Cabeça de Martelo,

Não tenha tanta certeza quando a esse negativo.

Aguarde…

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  peter nine nine
10 dias atrás

É negativo porque o que os militares necessitam é de helicópteros que os apoiem e evacuem tal como aconteceu em 2017, para retirar o primeiro militar ferido na RCA. Além disso os controladores da FAP já treinaram com os caças franceses estacionados na capital do Chade, Ndjamena. Recordo a experiência portuguesa com os Aluette III em África

Fabio Araujo
Fabio Araujo
10 dias atrás

Excelente notícia, mas o contrato seria diretamente com a Embraer ou via EUA?

Paulo Sollo
Reply to  Fabio Araujo
10 dias atrás

Diretamente com a Embraer, que inclusive já está lá através da OGMA.

Nilo
Nilo
10 dias atrás

A Venda despertaria interesse de paises do Leste Europeu, como Croácia…
Observação, vigilância, reconhecimento….com baixo custo hora /voo

Hcosta
Hcosta
10 dias atrás

Por mais que aprecie o Super Tucano não sei se será a melhor opção para a FAP. Ainda falta ter um helicóptero de evacuação e/ou de ataque, algo intermédio entre os Merlin e os Koala, que em teoria faria o mesmo que o ST apesar de este ser superior em COIN mas inferior em versatilidade em relação a um helicóptero. Não há muitos países que se possam dar ao luxo de ter um avião dedicado ao COIN. E tenho de realçar que o Super Tucano é o melhor na sua categoria e quem me dera ter alguns na FAP, mas… Read more »

Last edited 10 dias atrás by Hcosta
Bardini
Bardini
Reply to  Hcosta
10 dias atrás

Se o cobertor é curto, talvez seja mais válido comprar um Super Tucano, que poderia ser empregado em treinamento e em combate do que uma aeronave dedicada a treinamento, como por exemplo um Pilatus.
.
Não penso que a FAP esteja interessada no Super Tucano para atender exclusivamente COIN, já que citaram a substituição dos Alpha Jet.

Last edited 10 dias atrás by Bardini
MestreD'Avis
MestreD'Avis
Reply to  Bardini
10 dias atrás

Bardini, a FAP não citou nada. A revista Scramble viu um A-29 em teste e imaginou o resto e aqui o blog imagina que existe uma encomenda feita. Aliás, o Poder Aéreo cortou o final da noticia onde eles falam ser possivel que o T-6A e o PC-21 também estejam a ser considerados. Se a FAP estiver interessada numa aeronave exclusivamente COIN, o A-29 tem vantagem, mas não faz parte da doutrina e parece exagerado para as missões que existem no exterior. Para vender esta aquisição para a opinião publica, teria que ser como treinador e substituo do Alpha Jet.… Read more »

Nilo
Nilo
Reply to  Hcosta
10 dias atrás

Hcosta, congratulações.
Com a tradição das Forças Armadas Portuguesas com tropas em conflitos pela Asia e Africa, certamente que não é um LUXO ter um avião dedicado ao COIN.
Inteligência, Vigilância e Reconhecimento, de dia /noite, sistemas de quarta geração, maior alcance, capacidade de resposta e troca de dados com os F-16 da FAP. Estendendo capacidade do F-16 e reduzindo custos.
Chilenos elogiam o A-29 pela tecnológica muita parecida com a do F-16, tanto que Força Aérea do Chile deve “promover” seus Super Tucano a treinadores dos aviadores que seguem para os esquadrões equipados com F-16 Fighting Falcon.

Glasquis 7
Reply to  Nilo
10 dias atrás

 Força Aérea do Chile deve “promover” seus Super Tucano a treinadores dos aviadores que seguem para os esquadrões equipados com F-16 Fighting Falcon.”

Já o faz há anos e por isso que o inventario de 29 na FACh se multiplica a cada ano. esta semana foram entregues mais 2 A 29 ficando a agora com uma força de 22 Super Tucano.

sj1
sj1
Reply to  Glasquis 7
10 dias atrás

A FAB é dividida quanto ao emprego do ST como treinador avançado, dizem que uma metade apoia e a outra metade acha que deveria ser um jato… Ja lí isso algumas vezes, inclusive vindo de Brigadeiros.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  sj1
10 dias atrás

Pode informar aonde leu? E quais Brigadeiros?

Glasquis 7
Reply to  sj1
10 dias atrás

Bom, posso falar sobre os planos da FACh e estes são de que gradualmente o A 29 substitua o T36. https://www.fab.mil.br/notimp/mostra/04-01-2020 Os A 29 tem se mostrado tão, mais tão “ineficientes” e os oficiais Chilenos estão tão “descontentes” com eles, que a FACh quer mais e mais Super Tucanos na sua frota. Começou a 10 anos com 6 unidades e hoje já tem 22 e, se bobear, chegam a 36 no total. Sou suspeito de falar mas, acho que a FACh é uma das forças melhor treinadas da América do Sul (tal vez alguém possa corroborar ou rebater isso) e… Read more »

Last edited 10 dias atrás by Glasquis 7
Wellington Góes
Wellington Góes
Reply to  Glasquis 7
10 dias atrás

Quando estiver na FIDAE em 2008 e 2012 (estive no estande da Embraer quando da aquisição dos Super Tucano) e já se falava nisso (porque na FAB a ideia foi substituir os Xavantes), entretanto até hoje nunca se tornou realidade, talvez um dia, mas já se sabe que existem outras possibilidades, como a aquisição dos F/A-50 Golden Eagle, sul coreanos… Tanto para substituir os F-5, quanto os C-101, então o A-29 não substituiria os C-101 na função de treinador a reação…. Uma coisa é concordar que o A-29 é uma ótima aeronave, especialmente na função COIN (para quê foi desenvolvido),… Read more »

Flanker
Flanker
Reply to  Wellington Góes
9 dias atrás

Mas, o Chile está usando ele para treinamento de caça! Você Não acabou de ler o que o Glasquis escreveu, inclusive com link para matéria do infodefensa?

glasquis 7
Reply to  Wellington Góes
8 dias atrás

No Chile o A 29 está, gradativamente, substituindo os T 36. Isso é uma realidade.

Em 2010 se falava em comprar treinadores avançados, incluso se chegou a assinar um memorando de entendimento pra produção local do M 346 mas, o Chile desistiu pois o Super tucano estaria cobrindo bem essa função. Além disso, consegue atuar simultaneamente em missões junto com os F 16.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Nilo
10 dias atrás

É uma questão de prioridades.
Por exemplo o senhor prefere o ST, para essas funções que enumerou, ou os R-99? Temos os P3 mas falta algo com uma maior capacidade eletrónica.
Ou helicópteros de ataque (dedicados ou adaptados)? Não temos em Portugal, a não ser que considere os Linces mas esses estão atribuídos às fragatas.
Portugal poderá ter dois tipos de treinadores (hélice e a jacto)?
Se tiver de escolher qual seria?

É um luxo quando existem outras prioridades muito mais urgentes.

Last edited 10 dias atrás by Hcosta
Nilo
Nilo
Reply to  Hcosta
10 dias atrás

👍

MestreD'Avis
MestreD'Avis
Reply to  Hcosta
10 dias atrás

HCosta, desta vez não vou discordar de si!
Quem me dera meia duzia de ST na FAP mas como disse, não é prioridade e as missões onde o ST se especializa não são as de maior importancia para a FAP.
O ST é demasiado caro para ser usado para instrução

GFC_RJ
GFC_RJ
Reply to  MestreD'Avis
10 dias atrás

“O ST é demasiado caro para ser usado para instrução”.

Para a instrução intermediária sim, é over. Pilatus e afins, de fato devem ser mais em conta. 
Mas para a instrução avançada não é tão caro quanto esses Lifts a reação do mercado.

Há realmente grandes possibilidades sobre a a entrada do ST na Europa, seja por Portugal, Suécia e, principalmente, Ucrânia.
Segue matéria interessante sobre…

https://euro-sd.com/2020/07/articles/18201/a-changed-setting-an-update-on-european-combat-and-light-attack-aircraft/

Rui Chapéu
Rui Chapéu
Reply to  Hcosta
10 dias atrás

Não entendo pq a FAP pegar uma aeronave COIN para treinamento.

E porque Portugal precisaria de uma aeronave COIN tb.

Mas enfim, se fica mais viável eles treinarem num A-29, melhor pra Embraer.

Flanker
Flanker
Reply to  Rui Chapéu
10 dias atrás

Se os portugueses querem uma aeronave exclusivamente para treinamento, poderiam optar tb pelo T-6 Texan II, mas se querem um treinador avançado de caça e uma aeronave para COIN, apoio aéreo aproximado, etc….o A-29 é a melhor escolha. E o A-29 faz o treinamento de caça na FAB, não esqueça disso. Tem umas 2 dúzias dele operando no 2⁰/5⁰ GAV, em Natal, desde 2004.

Wellington Góes
Wellington Góes
Reply to  Flanker
10 dias atrás

A FAB não é referência, hoje em dia, como operador de caças de ponta, então voar F-5, o Super Tucano está de bom tamanho… A FAP usa F-16, sem comparação…

Flanker
Flanker
Reply to  Wellington Góes
9 dias atrás

E o Chile, que usa F-16 e esta treinando no A-29? Voce não leu a matéria do link que o Glasquis colocou?

peter nine nine
peter nine nine
Reply to  Rui Chapéu
10 dias atrás

“E porque Portugal precisaria de uma aeronave COIN tb”

Lol

Alex
10 dias atrás

De uma pra outra todo mundo quer comprar da Embraer 🍀🍀🍀🍀🍀🍀👍👍👍. Que seja feita muitas vendas no exterior.

Glasquis 7
10 dias atrás

Todos estão interessados no A 29.

Nilo
Nilo
Reply to  Glasquis 7
10 dias atrás

👍

MestreD'Avis
MestreD'Avis
10 dias atrás

Estranho este subito interesse no ST, a unica hipótese que se vê seria como um aluguer stop gap para as missões na RCA que necessitam de um vector de apoio. A FAP está em meio processo de escolher um helicóptero que possa também fazer apoio aéreo aproximado mas o orçamento é curto para ter o que seria realmente necessário. Será que querem prescindir dos helis armados e usar os Merlin para transportar as tropas com o apoio do ST? Para a substituição do Alpha Jet, tudo indicava que o preferido da FAP seria o Pilatus,por poder fazer as várias etapas… Read more »

Flanker
Flanker
Reply to  MestreD'Avis
10 dias atrás

Se as missões de treinamento do Alpha Jet podem ser feitas por um Pilatus (qual versão vc se refere?), tb podem ser feitas por um A-29. E, se a versão do Pilatus que vc se refere é o PC-21, a questão de valor/custo passa a ser muito equilibrada. E, se vc acha que seria mais importante adquirir um helicóptero e, com ele fazer missões COIN, ficaria ainda com a necessidade de adquirir um avião para substituir os Alpha Jet. No final, adquirir um heli e um treinador, mesmo que esse seja mais barato que o A-29, faria o pacote ser… Read more »

Hcosta
Hcosta
Reply to  Flanker
10 dias atrás

Os Alpha jet de ataque foram substituídos pelo F-16, os de treino acho que também já foram retirados.
A ST não faz o mesmo que um heli mas um heli pode fazer o mesmo que um ST.
Como faria evacuações com o ST?
É esse o problema, Portugal não tem heli armado.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  Hcosta
10 dias atrás

Um heli lançar uma bomba de 230kg é meio difícil… Incendiária então, nem se fala… Vai queimar junto.

peter nine nine
peter nine nine
Reply to  Hcosta
10 dias atrás

Portugal tem helis armados, mas não dedicados nem disponíveis. A frota Merlin está apta para missões de combate, mas sobrecarregada com as suas missões. Os linces estão todos a ser modernizados e mesmo que estivessem em Portugal, estariam ocupados com as fragatas. Os Alloutte estão a ser desactivados mas mesmo que não estivessem, a doutrina actual já não prevê o seu uso armado como se fazia antigamente, pois carecem dos apetrechos. Os Koala, não contam com nenhum tipo de blindagem e são essencialmente civis, para duplo uso em instrução, missões utilitária “zero risco” e serviço público. O heli médio ou… Read more »

Flanker
Flanker
Reply to  Hcosta
10 dias atrás

E vão treinar os pilotos de caça com o helicóptero também? É Por que Precisa de helicóptero armado para fazer transporte de tropa? Para C-SAR não tem ao menos alguns Merlin equipados para tal?

Hcosta
Hcosta
Reply to  Flanker
9 dias atrás

Temos uns 4 Merlin com equipamento CSAR mas não são de ataque e parece que não existir qualquer intenção de o ser. Parece que é muito grande para isso. A ideia é, como não há dinheiro para dois modelos, ter um único heli que possa fazer CSAR, transporte, ataque etc. Para transporte de tropa desarmado temos o Merlin. Para missões no exterior o que é mais útil, um heli ou um ST? Se houvesse a hipótese de ter um ST com um heli desarmado, tudo bem. Mas para que serve ter os dois se podemos ter um modelo de heli… Read more »

Last edited 9 dias atrás by Hcosta
rui mendes
rui mendes
Reply to  Hcosta
8 dias atrás

Eu gosto do super tucano e comprar para treino e coin, até faz sentido, agora quanto ao merlin ser demasiado grande para csar, é só leres e veres imagens dos EH-101 Italianos transformados para resgate e salvamento em combate, é simplesmente fabuloso.

Fernando
Fernando
Reply to  Hcosta
9 dias atrás

Um Heli faz tudo o que um ST faz???
Por esta frase fica claro que você não tem noção das capacidades de um ST, que faz coisas que um Heli nunca faria.

Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Fernando
9 dias atrás

Está a confundir capacidades com funções.
Um heli não pode fazer missões de ataque, COIN, CAS, etc?
Ou o ST pode fazer SAR? O search ainda pode fazer mas o rescue acho difícil.

Fernando EMB
Fernando EMB
Reply to  Hcosta
9 dias atrás

Um Heli só faz CAS com enorme exposição e risco. Já um ST lança bomba burra com grande precisao a uma altura que o expõe muito menos…
Repito… Uma coisa é uma coisa… Outra coisa é outra coisa.

MestreD'Avis
MestreD'Avis
Reply to  Flanker
10 dias atrás

Flanker, o problema é não saber quais são as prioridades da FAP e quanto €€€ está disponivel. Vc é uma pessoa racional e vou tentar dizer o porquê de achar estranho o ST ser equacionado para isso Primeiro que tudo, a FAP quer um jacto para treinador avançado: Isso é o desejo e só não acontece se não existir orçamento. Entre o M-246 e o TX, um deles seria o preferido porque se espera que na subsituição dos F-16 lá para 2035, chegue um vector 5G e a FAP não quer fazer conversão de um turbo hélice para um F-35… Read more »

Alisson Mariano
Alisson Mariano
Reply to  MestreD'Avis
10 dias atrás

Qual seria o modelo de helicóptero pretendido pela FAP?

Saudações.

MestreD'Avis
MestreD'Avis
Reply to  Alisson Mariano
9 dias atrás

Portugal fez parte do projecto NH-90 desde o inicio mas por falta de verba saiu tendo investido €€€, tempo e capacidade humana e sem ter helicópteros Sendo esse modelo demasiado dispendioso, o que se quer é algo bi-turbina, blindado, capaz de transportar 8/10 soldados equipados (não tenho certeza do numero exacto), capaz de ser armado quando necessário, efectuar SAR e apoiar o combate aos fogos Basicamente, algo como o AW-139 ou o Blackhawk. Só que o orçamento é curto para os modelos ideais novos… Note-se que a não ser que exista uma oportunidade de negócio fantástica, Portugal não vai comprar… Read more »

Alisson Mariano
Alisson Mariano
Reply to  MestreD'Avis
9 dias atrás

Obrigado pelas informações. É sempre complicado ter que alinhar as necessidades operacionais à opinião pública.

Fiquei curioso quanto à afirmação de que o KC – 390 nunca será usado em combate à incêndios (imagino que se trate de incêndios florestais). Portugal não usa os C – 130 nessa função com o MAFFS?

Abraços.

Mestre D'Avis
Mestre D'Avis
Reply to  Alisson Mariano
8 dias atrás

Não Alisson. Os MAFFS foram testados nos anos 80/90 e a conclusão é que não são o ideal. Foram armazenados. Essa ideia foi passada pelo governo para justificar a compra dos aviões. É amplificada aqui no blog como se o KC-390 fosse fazer a diferença.
Para combater fogos florestais, uma passagem de C-130 com o MAFFS da tempo de um Canadair fazer 3 ou 4 passagens. É muito mais adaptado à geografia do país.

Hcosta
Hcosta
Reply to  Alisson Mariano
9 dias atrás

Um modelo de porte médio que possa fazer missões de ataque e CSAR.
Alguns modelos da Leonardo, Black Hawk, NH90, etc…

Alisson Mariano
Alisson Mariano
Reply to  Hcosta
9 dias atrás

Grato pela informação.

Saudações.

Last edited 9 dias atrás by Alisson Mariano
Flanker
Flanker
Reply to  MestreD'Avis
10 dias atrás

Sim…eu entendo a questão do treinamento de caça puro e simples, tanto que coloquei em outro comentário que se for somente para treinamento o T-6 Texan II é mais adequado. O PC-21 também. Mas, aguardemos. Um abraço.

MestreD'Avis
MestreD'Avis
Reply to  Flanker
9 dias atrás

Flanker, vi algumas das suas questões a outros comentários e vou tentar responder aqui o porquê das duvidas. O PC-21 não é apenas pela qualdiade, é por ser utilizado por França, Espanha e pela Pilatus ter fábrica em Portugal. No entanto, a FAP quer um jacto, se houver $$$, penso ser o M-346 o preferido. Quanto aos helicópteros, ninguém falou neles para treinar pilotos de caça. Se vir o meu outro post, pode ler os modelos preferidos e o racional. Não poderá ser um helicóptero apenas de trasnporte, há muito que as forças no terreno reclamam que precisam de algo… Read more »

Groselha Vitaminada Milani
Groselha Vitaminada Milani
Reply to  MestreD'Avis
10 dias atrás

Seria então um Black Hawk? Munido de .50 e lança foguetes?

Datafire
Datafire
Reply to  Groselha Vitaminada Milani
9 dias atrás

Basicamente isso.

Toni Cavalcante
Toni Cavalcante
10 dias atrás

Do jeito que andam as coisas, em breve a Embraer compra a Boeing.

Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
Reply to  Toni Cavalcante
10 dias atrás

2!!!!!! 2!!!!! 2!!!!! Que os anjos digam amém… Apesar que os eua, jamais permitiriam tal venda, oposto do que fizemos….

Cabeça de Martelo
Cabeça de Martelo
Reply to  Saldanha da Gama
10 dias atrás

O que é que os EUA têm a ver com isto? Pouco ou nada do que foi comprado ultimamente veio dos EUA. Desde o armamento ligeiro (FN – Bélgica), passando pelos 4×4 blindados ( Vamtac – Espanha), nada disso é Americano.

Last edited 10 dias atrás by Cabeça de Martelo
peter nine nine
peter nine nine
Reply to  Cabeça de Martelo
10 dias atrás

Cabeça de Martelo, olhe leia lá o comentário do Saldanha novamente ~-~

Fernando
Fernando
10 dias atrás

Mais uma escala do tour de demonstração do Super Tucano por países europeus que tem interesse no avião.

Gustavo
Gustavo
10 dias atrás

A FAP operava poucos alpha jet, apesar de ter adquirido 50 unidades de segunda mão da Alemanha.
Acredito que 18 a 24 unidades do ST seriam um número ideal, mas essa encomenda, se existir, não deve passar de 12 unidades.
Tomara que a venda se concretize!

Luiz Floriano Alves
Reply to  Gustavo
10 dias atrás

Portugal tem importantes ilhas a proteger. Versões de reconhecimento naval, da família 190 seriam muito bem recebidas.

MestreD'Avis
MestreD'Avis
Reply to  Luiz Floriano Alves
10 dias atrás

Obrigado pelo reconhecimento Luiz.
Qual o membro da familia 190 que poderia interessar á FAP como avião de reconhecimento naval?
Sei que a FAP tem os P3 renovados recentemente e capazes de operar até 2035 mas para dizer que seriam bem recebidos talvez não sejam suficientes.

Cabeça de Martelo
Cabeça de Martelo
Reply to  Gustavo
10 dias atrás

A FAP não adquiriu qualquer Alpha Jet, os mesmos foram oferecidos pela Força Aérea Alemã. Dúvido que sejam mais do que meia dúzia, já que todos os anos são formados muito poucos PILAV para os F-16.

Gustavo
Gustavo
Reply to  Cabeça de Martelo
10 dias atrás

leia com atenção, em nenhum momento eu disse que os 50 estavam em condições de vôo, mas sei que em 2018 tinham apenas 5 operacionais.

peter nine nine
peter nine nine
Reply to  Gustavo
10 dias atrás

estão todos desactivados

Gustavo
Gustavo
Reply to  peter nine nine
9 dias atrás

Rapaz, leia outra vez.

Jhon
Jhon
10 dias atrás

Eu queria ser o vendedor de aviões, tipo executivo, imaginem a comissão? Ramo da aviação deve rolar muita grana.

Conan
Conan
Reply to  Jhon
10 dias atrás

Depois de 10 anos trabalhando na Embraer nunca me interessei em perguntar. Ate onde eu saiba eles não recebem comissões mas com certeza são muito bem pagos. Não é como vender um carro pois tratasse de trabalho de uma equipe com muita gente envolvida.

Cabeça de Martelo
Cabeça de Martelo
10 dias atrás

Meus senhores, não cantem vitória. Isto não passa de uma demonstração à FAP. Os nossos PILAV conhecem muito bem o Tucano, já que muitos deles já voaram-no. A serem adquiridos serão apenas uma meia dúzia, já que a FAP forma muito poucos PILAV para os F-16 por ano.

Fernando EMB
Fernando EMB
Reply to  Cabeça de Martelo
10 dias atrás

Não se pode cantar vitória. É apenas uma demonstração.
Mas…. Para deslocar uma aeronave e fazer demonstração, é porque existe um interesse e uma chance. Se vai ser tornar realidade, só o futuro nos dirá.

Last edited 10 dias atrás by Fernando EMB
OSEIAS
OSEIAS
Reply to  Cabeça de Martelo
10 dias atrás

Colega, isso seria uma vitória para Embraer e para os portugueses. 1º Terá o melhor vetor na categoria. 2ºA Ogma poderia sem problema algum finalizar a montagem do A-29 em território português, criando receita e empregos no local. 3º mesmo que venha pronto, a manutenção será na Ogma e mantendo empregos no local. Todos ganham, é um ótimo negócio. Abraço.

Ricardo da Silva
Ricardo da Silva
10 dias atrás

Portugal comprando o C-390, EMB-314 . . . seria muito sonhar com parceria para o STOUT e compras do F-35 Made in Brazil ?
Quem sabe . . .

Flanker
Flanker
Reply to  Ricardo da Silva
10 dias atrás

Não seria F-39 Que vc quis dizer?

Ricardo da Silva
Ricardo da Silva
Reply to  Flanker
10 dias atrás

É no que dá ficar de Home-Office o dia inteiro !
Vou ver se corrijo, valeu !

É . . . não dá + pra editar . . .

Last edited 10 dias atrás by Ricardo da Silva
Saldanha da Gama
Saldanha da Gama
10 dias atrás

E a Embraer ia falir sem a boeing…. kkkkk kkkkkk kkkkkkk BRASILLLLLL

RENAN
RENAN
10 dias atrás

Que as vendas ocorram do Brasil para o Portugal, precisamos gerar emprego aqui.

Que Portugal surpreenda e compre logo 36 destes.
Abrindo uma vitrine nova para o tucano.
Vamos Brasil venda o que for possível.

Cabeça de Martelo
Cabeça de Martelo
Reply to  RENAN
10 dias atrás

É simplesmente impossível a FAP comprar tal número de Super Tucanos. Se ler o artigo verá que é para substituir o Alpha Jet, avião esse que era para Instrução Avançada. Para isso só é preciso uma meia dúzia.

Vitor
Vitor
10 dias atrás

Ja se ventila a muitos anos que Portugal gostaria de sediar uma escola de aviação de caça semelhante ao que o 2/5 faz em Natal.
As aeronaves não seriam para COIN e sim para Treinamento avançado para caça. De la os pilotos seguiriam para os esquadrões de Caça a reação.

Marco Moutinho
Marco Moutinho
10 dias atrás

Boa tarde. Na realidade as missões COIN não fazem parte da filosofia das nações NATO/OTAN. Se repararem bem só existiram duas forças “OTAN” com meios COIN; obviamente os Estados Unidos (Vietnam, centroamerica, etc.), e Portugal, por causa das capanhas de África (com T-6, reforçado com F-84G, e depois com Fiat G.91). Mas gostaria de lembrar uma coisa, a última esquadra de Alpha Jet, a ESQ. 103, também era conhecida como EICPAC – Esquadra de Instrução Complementar de Pilotos em Aviões de Combate; ou seja, com a desactivação dos Alpha Jet perdeu-se a capacidade dos futuros pilotos de Caça, fazerem a… Read more »

Frederick
Frederick
Reply to  Marco Moutinho
9 dias atrás

Excelente colaboração, Moutinho. Muito obrigado por dividir neste espaço

Luiz Trindade
Luiz Trindade
10 dias atrás

Nossos amigos lusos se interessando pelo nosso material bélico… Muito bom… Quem sabe não seja a porta para futuras compras neh?!? Se o acordo Mercosul x União Europeia não mela tudo…

Gabriel BR
Gabriel BR
10 dias atrás

Eu acredito fortemente nessa possibilidade , visto que nesses dias o A-29 está a ser exaustivamente testado em Portugal e ninguém gasta tanto dinheiro com esse tipo de operação sem motivo. Concretizando-se esse negócio Portugal terá em sua força aérea o melhor avião da categoria.

Jonas123
Jonas123
10 dias atrás

Como já foi mencionado, não faz sentido a Portugal adquirir o ST para missões COIN, uma vez que não temos necessidade para tal. Há sempre a possibilidade de Portugal usar em missões de manutenção de Paz mas acho altamente improvável. Serão no máximo 12 (o mais provável somente 6) para instrução (substituição dos Epsilon e do Alpha Jet).

Alexandre
Alexandre
10 dias atrás

Bom pra nossa economia.

Wellington Góes
Wellington Góes
10 dias atrás

Como substituto do Alpha Jet?! Rsrsrsrs
Ok, do ponto de vista Industrial, bacana, são mais unidades do Super Tucano sendo vendidos e produzidos… Do ponto de vista operacional…. Rsrsrsrs
O Chile chegou a falar que o A-29 substituiria os C-101 na função, mas advinha?! Ah… O Chile opera F-16, igual a Portugal.

Glasquis 7
Reply to  Wellington Góes
10 dias atrás

O Chile chegou a falar que o A-29 substituiria os C-101 na função, mas advinha?! Ah… O Chile opera F-16, igual a Portugal.”

Chegou a falar e está fazendo.

Na atualidade o A 29B da FACh substitui o T 36 em várias etapas do treinamento e se espera que, quando os A 36 cheguem ao seu fim de vida operativa, os pilotos possam pular direto do A 29 pro F 16 sem maiores problemas.

https://www.fab.mil.br/notimp/mostra/04-01-2020

Wellington Góes
Wellington Góes
Reply to  Glasquis 7
10 dias atrás

Esse papo eu escutei pessoalmente em 2008 e 2012, no próprio estande da Embraer, ou seja, a uma década e até o momento nada… Sabe o que é mais fácil ocorrer?! Os T36 (C-101) serem substituídos pela mesma aeronave que substituirá os F-5, ou seja, os F/A-50 sul coreanos.
Com certeza os A-29 é muito útil à FACh, mas não como aeronave de transição para o jato…

Flanker
Flanker
Reply to  Wellington Góes
9 dias atrás

“La Fuerza Aérea de Chile (FACh) confirmó que el avión de ataque ligero Embraer A-29B Super Tucano es desde el 2019 la plataforma de instrucción para los nuevos pilotos de combate de la institución.

Tal como dio a conocer Infodefensa.com, la FACh contemplaba concentrar la instrucción de vuelo táctico y ataque ligero en el Super Tucano, considerando el final de la vida útil del CASA/Enaer A-36 Halcón (C-101), aún en inventario operativo de la Escuela Táctica del Grupo de Aviación N°1.”
Fonte: Infodefensa

Por mais que você discorde, está aí a notícia.

Flanker
Flanker
Reply to  Glasquis 7
10 dias atrás

Pois é!! O Brasil foi o primeiro a usar o A-29 para treinamento de caça. Agora o Chile. Talvez não seja tão errada , como muitos pensam, a utilização desse turboelice para essa função. Se os militares dessas 2 Forças Aéreas acreditam que ele cumpre a função, prefiro acreditar neles, que são profissionais.

Alexandre
Alexandre
10 dias atrás

Rindo muito com essa notícia, entendedores entenderão!

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
10 dias atrás

Esta noticia partiu de alguém dentro da Embraer, alguém interessado em vender para a FAP, vi esta mesma noticia em três sites brasileiros mas não vi nem li em nenhum site português incluindo o site da FAP, além deste facto (fato) na Base de Monte Real estão estacionados os f-16 mas não era nesta base que estavam estacionados os Alpha-jets. Claro que é do interesse da FAP adquirir aviões para substituir os Alpha-Jets.O interesse lógico seria o Pampa III que foi construído tendo como base o Alpha-jet, mas seria muito mais lógico o Pilatus PC-21 que é mais barato 6… Read more »

Montenegro
Montenegro
Reply to  Carlos Bernardo
10 dias atrás

O site Português radar virtual está noticiando isso.
https://twitter.com/lp_adsb

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Carlos Bernardo
10 dias atrás

Correção, esta noticia partiu da Scramble Magazine que no fim da noticia que todos leram escreve também “It is very well possible that other competitor aircraft, like the T-6A Texan II and PC-21, could be evaluated by the FAP too” que traduzindo diz “É bem possível que outras aeronaves concorrentes, como o T-6A Texan II e o PC-21, também possam ser avaliadas pela FAP”

MestreD'Avis
MestreD'Avis
Reply to  Carlos Bernardo
10 dias atrás

O Carlos leva negativo por colocar as fontes e a noticia completa! 😀
Como não amar esse site…

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  MestreD'Avis
9 dias atrás

Eu escrevi o comentário antes de ler o que escreveste e como tal tive que corrigir. Apenas disse o que estava mal na notícia e felicito-te pelo esclarecimento da mesma.

Tutu
Reply to  Carlos Bernardo
10 dias atrás

O Pampa III???
O tempo dele já passou, hoje os Argentinos estão nacionalizando componentes para evitar obsolescência, uma vez que alguns itens estão sendo descontinuados pelos seus respectivos fabricantes.

Last edited 10 dias atrás by Tutu
Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Tutu
9 dias atrás

tecnicamente é superior ao A-29 e a sua construção baseia-se no Alpha-jet que eram os aviões qua a FAP possuía, mas nem um nem outro porque o dinheiro não abunda

Carvalho2008
Carvalho2008
Reply to  Carlos Bernardo
9 dias atrás

Tecnicamente em que?

Tempo de voo? Custo operacional? Carga externa? Ou os pífios km a mais de velocidade ?

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  Carvalho2008
9 dias atrás

Alguns escrevem com uma convicção que me impressiona… O Carlos deve ter lido no Wikipedia, ou é piloto de prova da FAdeA.

Carlos Bernardo
Carlos Bernardo
Reply to  Carvalho2008
9 dias atrás

maior teto de voo e maior velocidade chega para ser superior

Helio Val
Helio Val
10 dias atrás

Boa tarde a todos!
Em outro post eu citei se seria factível Portugal comprar os gripens NG assim que estiverem operacionais.
Isso porque, coincidência ou não, quem tá comprando o kc390 também tá indo de gripen: Hungria e Brasil.
E já que Portugal já encomendou os kc390 e agora tem interesse nos supertucanos…
Saudações!

Jonas 123
Jonas 123
Reply to  Helio Val
9 dias atrás

Isso era o ideal, para o tipo de missões que a FAP desenvolve, não faz sentido ter 12 F-35 a custar uma fortuna por hora/voo, a opinião pública iria ficar furiosa. O ideal seria ter 20 ou 30 Gripens, bem mais económico de adquirir e manter, além de ser o mais similar ao F-16 em performance.

Mestre D'Avis
Mestre D'Avis
Reply to  Jonas 123
8 dias atrás

Sabe o que é mais similar em termos de performance ao F-16? Outro F-16…
Nao vamos pf começar novamente a plantar a ideia de que o Gripen seria o melhor para a FAP.
A FAP vai substituir o F-16 depois de 2030.
Vamos comprar Gripen para voar até 2070???!!
Entendam de uma vez por todas que o melhor avião para o Brasil não quer dizer que é o melhor avião para Portugal!

Antonio Palhares
Antonio Palhares
10 dias atrás

Mais um bom e provado produto a ser exportado.

Marcelo Andrade
Marcelo Andrade
10 dias atrás

É isso ai Embraer, só comendo quieto , pelas beiradas!!!

Joli Le Chat
Joli Le Chat
10 dias atrás

A Espanha passou por problema semelhante, e substituiu seus antigos Aviojets por Pilatus PC-21.

Pedro
Pedro
9 dias atrás

Na minha opinião vale mais um punhado destes aviões do que helis de ataque ao solo, seriam bastante úteis no apoio aéreo às nossas forças na RCA por exemplo e para as que irão para Moçambuque, já para não falar no combate ao narcotráfico que usa avioneta, além disso é um avião também de instrução e pode existir a possibilidade de parte dele ser fabricado em Portugal, portanto está bem visto.

Rommelqe
Rommelqe
9 dias atrás

Certamente o A29 está sendo avaliado não somente como o treinador eficiente que é mas, creio, principalmente, para as operações COIN nos cenários africanos. Ressalto, por exemplo, que grande parte dos veiculos da ENGESA seguiam normas técnicas portuguesas as quais foram desenvolvidas sob influencia dos combates em Angola e Moçambique. Em resumo: a indústria bélica brasileira há muitos anos desenvolve uma colaboração intensa com os portugueses que sempre agregam experiencia e qualidade! Aliás, gostaria de acrescentar que além de avos portugueses, tenho vários amigos oriundos da “terrinha”, todos muito benvindos. Tenho certeza de que aqueles que voltaram à sua terra… Read more »