Home Espaço Israel lança satélite de reconhecimento Ofek 16

Israel lança satélite de reconhecimento Ofek 16

2785
72

A Administração Espacial na Direção de Pesquisa e Desenvolvimento de Defesa (DDR&D), do Ministério da Defesa de Israel (IMoD) e as Israel Aerospace Industries (IAI), lançaram com sucesso o satélite de reconhecimento “Ofek 16” ao espaço em 06.07. 2020 às 04:00. O lançamento foi realizado em um local de lançamento com base no centro de Israel, usando o lançador “Shavit”.

O satélite começou a orbitar a Terra e a transmitir dados, de acordo com os planos de lançamento originais. Os engenheiros do IMoD e IAI iniciaram uma série de testes pré-planejados para determinar a propriedade e o nível de desempenho do satélite antes de iniciar suas atividades operacionais completas.

O Ministro da Defesa Benny Gantz disse: “O sucesso do lançamento do satélite ‘Ofek 16’ da noite para o dia é mais uma conquista extraordinária para o estabelecimento de defesa, para as indústrias de defesa como um todo e para as indústrias aeroespaciais de Israel em particular. A superioridade tecnológica e as capacidades de inteligência são essenciais para a segurança do Estado de Israel.

“O fato de Israel ser um dos 13 países do mundo com capacidade de lançamento de satélites não é algo dado, e foi possível pelas pessoas que investiram nesses sistemas e avançaram nas capacidades inovadoras ao longo dos anos. Continuaremos a fortalecer e manter as capacidades de Israel em todas as frentes, em todos os lugares”.

O “Ofek 16” é um satélite de reconhecimento eletro-óptico com recursos avançados. Seu desenvolvimento foi possibilitado pela grande experiência adquirida pelo estabelecimento de defesa na produção de satélites anteriores da série Ofek, produzidos e lançados desde o ano de 1988. O satélite foi lançado no espaço usando o lançador “Shavit”.

A Administração Espacial no IMoD liderou o desenvolvimento e a produção do satélite e de seu lançador. A IAI é a principal contratada, tendo atribuído o programa ao seu Grupo de Sistemas, Mísseis e Espaço, juntamente com a Divisão MLM, responsável pelo desenvolvimento do lançador. A Elbit Systems é responsável pelo desenvolvimento e produção da câmera e carga útil avançadas do satélite. Os motores de lançamento foram desenvolvidos pela Rafael Advanced Defense Systems e pela Tomer, uma empresa estatal. Empresas adicionais participaram do programa, incluindo Rokar e Cielo.

O diretor de segurança do estabelecimento de defesa supervisionou as disposições de segurança do programa. Por fim, vários funcionários das Forças de Defesa de Israel (IDF), principalmente do Corpo de Inteligência e da Força Aérea, também estiveram profundamente envolvidos no processo de desenvolvimento de satélites. Quando o satélite for considerado totalmente operacional, o Ministério da Defesa entregará responsabilidades à Unidade de Inteligência ‘9900’ das IDF.

FONTE: Israel Aerospace Industries

Subscribe
Notify of
guest
72 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Fabio Araujo
Fabio Araujo
1 mês atrás

É uma coisa que estamos muito atrasados, pelo nosso tamanho deveríamos ter vários em órbita para cobrir toda a América do Sul e o Atlântico Sul.

JuggerBR
JuggerBR
1 mês atrás

País pequeno, mais parece um estado, e consegue tantos avanços tecnológicos… E o Brasil, ó….

Guilherme Poggio
Reply to  JuggerBR
1 mês atrás

Simples. Investimento pesado em educação.

MMerlin
MMerlin
Reply to  Guilherme Poggio
1 mês atrás

Exato Poggio! Some a isso um pouco de força de vontade, tanto do setor público quanto privado, e temos uma combinação infalível para o progresso.

Rival Sensor
Rival Sensor
Reply to  MMerlin
1 mês atrás

Vejam a diferença.

ufrjXtoronto.jpg
Rival Sensor
Rival Sensor
Reply to  Rival Sensor
1 mês atrás

Falta investimento?

Jack
Jack
Reply to  Rival Sensor
1 mês atrás

Universidade federal (alguns reitores e professores) no Brasil passam idealismos de socialistas, já sai há quase duas décadas e ainda há professores com doutorados quase se aposentando e ainda vendem a ideia utopista do socialismo, enquanto outras faculdades pelo mundo promovem o desenvolvimento, a liberdade de criação e o isentivo a pesquisa. Cada povo colhe o que planta.

André Luiz Domingues
André Luiz Domingues
Reply to  Rival Sensor
1 mês atrás

Por favor gostaria de saber a origem desses dados. Em tempo: saiu o ranking das universidades da América latina. Brasil tem 7 das 10 melhores. Portanto, vamos pensar um pouquinho antes de destilar opiniões pessoais.

leonidas
leonidas
Reply to  André Luiz Domingues
1 mês atrás

AL? rs
Ta parecendo o Ranking dos países mais poderosos do ponto de vista militar na AL.
E dai?
O que é a AL no mundo em termos de Ciência, pesquisa e desenvolvimento em áreas sensíveis?
Estamos anos luz atras do primeiro mundo, só no agronegócio podemos ter alguma condição de igualdade.
Então tirando commodities ranking envolvendo AL em matéria de conhecimento é sempre algo flertando perigosamente com ufanismo…

André Luiz Domingues
André Luiz Domingues
Reply to  leonidas
1 mês atrás

É um ranking mundial. Não estou falando de ranking da “folha de São Paulo”. E respondendo: E daí que se a comparação for com México, Chile e Argentina (países que não diminuem em nada o mérito da posição) nossa posição é digna dentro das características de país que apresentamos. Ufanismo é pensar diferente.

IgorLima
IgorLima
Reply to  André Luiz Domingues
1 mês atrás

Na minha época, Israel e Canadá não faziam parte da América Latina… Mas sei lá, depois do Paulo Freire, tudo é possível… rs Essa justificativa me parece aquele time do município, que ganha dos times do bairro, mas perde o estadual, o nacional, o internacional… Grande abraço!

André Luiz Domingues
André Luiz Domingues
Reply to  IgorLima
1 mês atrás

Fantástica sua capacidade de interpretação de texto. Dica: melhore.
E nem vou comentar a respeito de Paulo Freire, sem dúvida já leu várias obras desse autor pelas sábias palavras.

Luiz Antonio
Luiz Antonio
Reply to  MMerlin
1 mês atrás

Ouço falar isso há mais de 50 anos.

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
Reply to  MMerlin
1 mês atrás

Simplesmente não há comparação. Comparar isso aí com um país que faz como programa de governo desmantelar toda a indústria e setores estratégicos do país e vender tudo a preço de banana??? E quem ousa dizer que isso aí está errado, é tachado de “comunista”. Vai entender isso.

Mgtow
Mgtow
Reply to  Joao Moita Jr
1 mês atrás

Perfeito João.

Rival Sensor
Rival Sensor
Reply to  Guilherme Poggio
1 mês atrás

Aqui também se investe pesado, as universidades públicas recebem BILHÔES por ano com resultados quase nulos, não é questão de investimento, é o aparelhamento das instituições públicas levado a cabo nos últimos 20 anos, além, é claro, do ensino calcado no modelo Paulo Freire.

MMerlin
MMerlin
Reply to  Rival Sensor
1 mês atrás

Rival. Vamos por partes. Sem dúvida alguma o verba destinada as Universidades, tanto federais quanto estaduais, possui baixíssimos níveis de gestão, ou seja, são mal aplicadas, e também gerenciadas, ou seja são mal controladas. Existe corrupção também no meio educacional, inclusive dentro das proprias universidades. Situação que inclusive já bati muito aqui nos comentários. Referente ao investimento massivo em educação, acredito que ali foi simplificado. Não dá para reestruturar, reorganizar, aperfeiçoar, desmistificar e expandir a educação brasileira sem fazer um investimento massivo na reconstrução (porque é disto que ela precisa). Neste processo inclua ainda as duas etapas finais, que são… Read more »

Ted
Ted
Reply to  MMerlin
1 mês atrás

Onde tem verba pública…Brasil mostra tua cara!

André Luiz Domingues
André Luiz Domingues
Reply to  Rival Sensor
1 mês atrás

Não fale bobagens. Qual seu conhecimento da obra de Paulo Freire? Você é educador? De “achismo” e de especialista de facebook o mundo esta cheio. O mundo seria melhor se cada um ficasse no seu quadrado. Não dou “opinião” como se pilotar aeronaves. Não sou piloto. Não dou opinião na espessura de uma viga, pois não sou engenheiro. Mas por que raios todo mundo adora dar pitaco na questão de educação? Retiro tudo o que eu disse, quando mostrar sua “autoridade” na área. Cansado de opinião de tiozão de churrasco.

Andre
Andre
Reply to  André Luiz Domingues
1 mês atrás

Mas por que raios todo mundo adora dar pitaco na questão de educação?”

talvez por seguirmos o mesmo modelo há décadas e seguirmos patinando no mesmo lugar, brigando para ser o melhor entre o piores. Talvez por já ter ficado claro, até para um leigo, que esse modelo está errado e que a solução não está em mudar o nome de segundo grau para ensino médio.

Ao invés de tentarmos inventar a roda, talvez poderíamos seguir o modelo aplicado em países que tiveram grande desenvolvimento em educação, como Coréia do Sul e Finlândia.

André Luiz Domingues
André Luiz Domingues
Reply to  Andre
1 mês atrás

Caro senhor, o problema não é o “modelo”. Talvez se escutasse mais profissionais da área não iria cair no erro. Explico ao senhor: a escola foi desvirtuada da sua função primordial. Ensinar. Transmitir informação. Frente a uma sociedade e um Estado incompetente em prover qualidade de vida para a população, a escola torna-se “pau para toda obra” remendando esse tão gasto e rasgado tecido social. Agora, perceba o que acontece se a “escola” é retirada da equação desse sistema perverso. Tenho certeza que sabes de histórias de pessoas que vão a escola para se alimentar, para fugir de violências familiares,etc.… Read more »

Salim
Salim
Reply to  Andre
1 mês atrás

O Brasil náo segue modelo nenhum, só tem blá,blá,blá e corrupção. Ate hoje náo temos conteúdo único para educação com conteúdo minimo por matéria e ciclo. Padronização livro escolar nada. O que fazem conteúdo enem e sisu para identificar onde esta pior e melhorar, nada, começamos a medir na década noventa e a media náo evolui quase nada. Parece obvio porem nada e feito. Ser honesto e obrigação, náo mérito, agora competência em gestão e mérito e náo e muito apreciado em todos os níveis de nosso governo.

Rafael Cordeiro
Rafael Cordeiro
Reply to  André Luiz Domingues
1 mês atrás

Um dos problemas do brasileiro é achar que apenas quem é da área pode discutir um assunto, sendo que a discussão deveria ser aberta. Sou engenheiro, trabalho diariamente com o desenvolvimento de máquinas, mas nem por isso deixo de ouvir o cara que está lá no chão de fábrica e tem apenas o antigo colegial como instrução, sabe por quê? Porque esse cara é o que detém a informação que eu preciso para desenvolver melhor o equipamento, pois é ele que irá utilizar posteriormente o equipamento, porém cabe a mim filtrar a informação e utilizar aquela que se mostrar promissora.… Read more »

Andre T
Andre T
Reply to  Rafael Cordeiro
1 mês atrás

Concordo com a opinião do colega. Também sou engenheiro, com 30 anos de carreira, e tenho cada vez mais dificuldade de recrutar mão de obra. Infelizmente por mais de uma vez deixei de completar vagas na empresa, por falta de opção no mercado de trabalho. Não adianta contratar “analfabeto funcional” é prejuízo para todos envolvidos. Quanto aos comentários sobre educação em geral minha visão é simples, quase bíblica, a arvore se reconhece pelos frutos. No jargão moderno de administração, a qualidade esta no julgamento do cliente e não do fornecedor. Sinto dizer que os resultados do nosso sistema educacional pioram… Read more »

André Luiz Domingues
André Luiz Domingues
Reply to  Andre T
1 mês atrás

Boa tarde senhor de nome muito bonito. Tudo muito lindo no campo teórico e talvez funcional se a escola brasileira lidasse apenas com a sua atividade principal: informação. Entretanto, não é essa a realidade. A escola tornou-se o lugar de “remendos” para a sociedade que refuta em lidar com suas responsabilidades. A escola não é deveria ser em tese, o lugar para matar a fome, não deveria ser o lugar para deixar a crianças pois “não tem com quem deixar” e outras tantas realidades que o Estado sim deveria lidar. Remuneração salarial da rede oficial beira o ridículo. Desprestígio gigante… Read more »

Salim
Salim
Reply to  André Luiz Domingues
1 mês atrás

Desculpe, mais mundo todo serio e assim, escola integral ou semi integral. Vai matar os guris se náo der rancho decente.

André Luiz Domingues
André Luiz Domingues
Reply to  Rafael Cordeiro
1 mês atrás

Em tempo: Olavo de Carvalho nunca foi e nunca vai ser referencial intelectual. É produto de uma pseudo cultura que valoriza o “achismo” frente ao conhecimento científico. Perceba, que conhecimento nunca foi e nunca vai ser opinião. O brasileiro perdeu a vergonha de “passar vergonha” em qualquer cultura tecnológica o conhecimento científico é reverenciado. Quanto ao senhor Ricardo Nery sei pelos comentários que é proveniente dos quadros das forças armadas e sempre ficar descontente com a opinião de leigos a respeito de “posições e atitudes” das forças armadas. Agora eu pergunto: Por que vocês de outras áreas adoram falar asneiras… Read more »

MMerlin
MMerlin
Reply to  André Luiz Domingues
1 mês atrás

Fugindo da “obra” de Paulo Freire, que até no meio acadêmico existe polemica, a área educacional, principalmente pública, precisa ser prática. Chega de viver de achismos e conceitos. Precisa acordar e se basear nos números e resultados. Não adianta dizer que a metodologia do PISA não reflete a nossa realidade. Os docentes precisar reconhecer existe alguma coisa errada com a metodologia atual quando ocupamos o posto de 19o pior desempenho escolar na avaliação deste instituto. Lutar contra avaliações de competência baseado-se nas notas dos alunos é um retrocesso. China, Japão, Coréia do Sul e Singapura, que adotaram tal método como… Read more »

Last edited 1 mês atrás by MMerlin
André Luiz Domingues
André Luiz Domingues
Reply to  MMerlin
1 mês atrás

É aí que reside a confusão de pessoas que não atuam na área da educação. O problema não é o modelo educacional. O problema é o que a escola deve fazer frente a uma sociedade com valores doentes. Explico: O senhor sabe que muitas pessoas vão a escola para comer? Que muitas pessoas vão para escola e pedem ajuda aos profissionais de educação porque sofrem abusos dos mais diferentes tipos provenientes de famílias desestruturadas? Pois é…. sem exemplo em casa fica difícil. Sou professor de pré vestibular e universitário atualmente não vivo essa realidade, entretanto culpar o “modelo” frente a… Read more »

MMerlin
MMerlin
Reply to  André Luiz Domingues
1 mês atrás

É aí que está a falha André. O modelo tem que ser adaptado a sociedade e não o contrário. Não que o modelo seja ruim (nem vou entrar no mérito dessa analise) mas, baseado no resultado alcançado, ele não serve para nossa educar nossa população. Referente aos valores atuais de nossa sociedade, esta discrepância que com o que seria correto realmente chega a ser doentio. Entendo que existe muito ressentimento nesta questão, principalmente por parte dos professores e é fácilse deixar pelo lado emocional numa questão tão delicada para quem atua na área , mas peço apenas que interprete de… Read more »

Last edited 1 mês atrás by MMerlin
Salim
Salim
Reply to  André Luiz Domingues
1 mês atrás

Senhores, escola e isto no mundo todo, VC cuida aluno para ele virar cidadão e servir a pátria no futuro em qualquer profissão. Em contrapartida a pátria tem que dar segurança, saude , educação e condições dignas de vida. Toda escola seria tem psicologo, orientador, etc… Problemas das mais diversas causa: saúde, instabilidade lar, financeiro, buling, etc… Se VC quer cidadão produtivo e consciente tem que começar por ai.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
Reply to  Guilherme Poggio
1 mês atrás

Não nesse modelo que temos. Formamos analfabetos funcionais.

Marcilio lemos de Araujo
Marcilio lemos de Araujo
Reply to  Guilherme Poggio
1 mês atrás

Caro Poggio, muito boa tarde, historicamente não existe nenhuma grande nação que não tenha investido em educação e no combate sistemático a corrupção, infelizmente não é o nosso caso.

LUIS NATAL
LUIS NATAL
Reply to  Guilherme Poggio
1 mês atrás

Senhor Poggio, parabéns pelo comentário. Os últimos governos estão nos devendo isso!

Fabio Araujo
Fabio Araujo
Reply to  JuggerBR
1 mês atrás

Ou faz isso ou corre risco de deixar de existir!

Edson Parro
Edson Parro
Reply to  JuggerBR
1 mês atrás

JuggerBR;
a necessidade é a mãe de todas as invenções! Caso tivéssemos vizinhos como os deles, talvez, estivéssemos bem mais desenvolvidos em vários aspectos.

JuggerBR
JuggerBR
Reply to  Edson Parro
1 mês atrás

Olhando pros nosso vizinhos, cuja origem é similar à nossa, não vejo nada muito diferente, infelizmente. Tudo empurrando a vida com a barriga…

Observador
1 mês atrás

Fico imaginando o que Israel não seria capaz de fazer se tivesse um território com 1/4 do tamanho da república bananeira do brasil e com a mesma variedade de recursos naturais. Salvo algumas poucas exceções de empresas que conseguem atingir um alto patamar tecnológico e se tornarem relevantes, a maior vocação dos bananeiros brasiliensis continua sendo a de servir como fornecedores de matéria prima e alimentos não processados para outros países. Os políticos e militares bananeiros tem como objetivo primordial garantir enriquecimento pessoal e regalias. E vão manobrando para que o país continue se sustentando como um milionário impotente numa… Read more »

Ricardo Silva BARBOSA
Reply to  Observador
1 mês atrás

Não só Israel, mais o Japão também, se tivessem as riquezas minerais seriam as maiores potências mundiais.

Roberto Messa
Roberto Messa
Reply to  Observador
1 mês atrás

Qual a solução?

715 team
715 team
Reply to  Roberto Messa
1 mês atrás

Não sei ao certo. Nacionalismo? terceira via?

Last edited 1 mês atrás by 715 team
Observador
Reply to  Roberto Messa
1 mês atrás

O primeiro passo seria uma total mudança de ênfase em relação ao modelo de educação arcaico baseado no modelo europeu do início do Séc. XX, que busque não apenas oferecer um ensino moderno, eficaz e acessível, e de acordo com as demandas atuais, mas que também busque desenvolver a honestidade moral e um sentimento de identidade e união patriótica nos cidadãos de todas as regiões, ao invés desta impregnada cultura da malandragem e do jeitinho brasileiro, além do nocivo bairrismo egoísta, preconceituoso e xenofóbico que existe hoje, porque sem o surgimento de pessoas com qualidades e aspirações diferentes do que… Read more »

André Luiz Domingues
André Luiz Domingues
Reply to  Observador
1 mês atrás

Sendo sincero, se chegarmos nas próximas décadas a nível europeu da década de 50 do século XX, vai ser um colossal avanço ( entretanto frente ao que surge ao horizonte, duvido muito).

Observador
Reply to  Roberto Messa
1 mês atrás

Enviei-lhe uma respost/sugestão amigo mas foi bloqueada.

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Observador
1 mês atrás

Incrível a tentativa repetida de alguns de denegrir a classe militar brasileira.
Favor apontar generais e demais oficiais, que são milionários e com contas em bancos suíços, que entraram para a carreira militar objetivando enriquecimento pessoal.

Salim
Salim
Reply to  Farroupilha
1 mês atrás

Tem um certo almirante e filha e ademais ser honesto náo e virtude, porem competência e virtude e pela situação de nossas faas, inchadas, obsoletas e corporativista e com orçamento em USS entre os dez maiores do mundo vemos que esta virtude náo e muito bem quista em nossas faas.

Observador
Reply to  Farroupilha
1 mês atrás

O colega Salim já respondeu a contento e não vou ficar repetindo ad aeternum o que todo mundo sabe, por exemplo, sobre o fato de que as FAs brasileiras com 87% das verbas de um orçamento maior que o de Itália e Israel, sendo usados para sustentar uma quantidade maior de oficiais do que tem proporcionalmente os EUA, na ativa e na reserva.
São verdadeiramente uns clubes de barões, não FAs no sentido mais estrito em relação às suas prioridades.

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Observador
1 mês atrás

Infelizmente desde há muito existe uma campanha para detonar com nosso programa nuclear, tanto militar quanto civil. O Almirante Othon caiu convenientemente na rede da Lava Jato. Pesquisem a versão dele dos fatos e da armação em que caiu… Resumo: Ele simplesmente foi preso porque vendeu o projeto de uma usina nuclear para uma empreiteira. Preço que ele cobrou: 3 milhões (quanto custa o projeto de um simples catamarã de 45 pés?). – Mas citem apenas mais um General, Almirante ou Brigadeiro envolvido num escanda-lo? – O nosso desequilíbrio não é de tropas, mas de equipamento que temos em número… Read more »

André Luiz Domingues
André Luiz Domingues
Reply to  Farroupilha
1 mês atrás

Com todo o respeito, acredito que profissionais e pessoas com alta moral e baixa moral existam em todos os lugares. Dizer que militares estão acima das tentações da corrupção é quase inocente. Durante o regime militar realmente acredita em uma sociedade com “nada” de corrupção?

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  André Luiz Domingues
1 mês atrás

O que vc declara é óbvio.
Entre militares, médicos, enfermeiros, feirantes, padres, freiras, curandeiros, jornalistas etc, em qualquer grupo social sempre haverão canalhas.
O problema é generalizações com uma classe profissional que não convive com seus membros nas colunas policiais.
Inocente é não ver a tentativa forçada de denegrir uma das instituições mais confiáveis do nosso corpo social.

Quanto ao Regime Militar… Cite os militares que saíram milionários de dentro dele. Com contas no estrangeiro, pois desviaram tanto dinheiro que nem aqui conseguiam guardá-lo.

André Luiz Domingues
André Luiz Domingues
Reply to  Farroupilha
1 mês atrás

Caro senhor proveniente da área do vento Minuano, se fosse tão óbvio não seria necessário defender a minha classe, frente a ideia absurda de que todos os professores de humanas ou se preferir a maioria são doutrinadores e não servem para nada. Pense nisso. Um peso uma medida, certo? Quanto a militares que governavam o país, novamente acredito em inocência de quem acha que não existiu corrupção nos anos do regime militar. Afinal, quem seria doido de levantar a voz contra? Alem do fato que a revolução técnica científica informacional não era tão presente.

NashArrow
NashArrow
Reply to  Observador
1 mês atrás

Não há nada de errado em fornecer matérias primas e alimentos, a Austrália por exemplo possui alta produtividade neste setor, sendo o principal componente, ao lado dos serviços, de seu PIB. É um erro pensar que industrialização implica em desenvolvimento econômico, se fosse, todo país “periférico” já seria rico, pois muitos já se fecharam e tentaram se industrializar e em todos os casos isso deu errado. O que existe de mais sofisticado na ciência econômica diz que as nações devem melhorar o desenvolvimento do seu capital humano, ou seja, melhorar a educação,melhorar a segurança, distribuição de renda, ter instituições que… Read more »

Observador
Reply to  NashArrow
1 mês atrás

Não estou criticando o fato do Brasil ser fornecedor de matéria prima, mas de estar basicamente engessado nisto.
Até pouco tempo, não sei atualmente, existiam cientistas brasileiros atuando nos 500 maiores empreendimentos científicos do mundo em outros países. Isto é bom mas deveriam estar tento as possibilidades para atuarem aqui, e não contribuindo para o progresso, fortalecimento e enriquecimento de outros países.
Como sabemos, nunca houve e continua não havendo interesse em desenvolver e ampliar as possibilidades atuação e representação do Brasil a nível mundial.

NashArrow
NashArrow
Reply to  Observador
1 mês atrás

Com relação de estar engessado, é consequência dos péssimos indicadores sociais, educacionais, etc, e as várias intervenções econômicas em tentar desenvolver o país, que falharam. Não faz o menor sentido o seu segundo comentário.. com a globalização é normal que pessoas capacitadas trabalhem com empresas que estão na fronteira tecnológica, e no caso, em países onde essas empresas atuam. É justamente esse intercâmbio que faz esses países serem tão atraentes, infelizmente a internacionalização das universidades e empresas brasileiras são vergonhosas (talvez com exceção de algumas como IMPA, FGV, Insper, etc). Com a relação ao terceiro comentário, como vai haver interesse… Read more »

Marcos10
Marcos10
1 mês atrás

Não precisa mais investimentos coisa nenhuma. Precisa é de vergonha na cara.

Farroupilha
Farroupilha
1 mês atrás

Lançador de combustível sólido esse Shavit israelense, usado para órbitas de cerca de 700km de altitude……. Incrível usando uma tecnologia de propulsão já dominada pelo Brasil.
…..O nosso atual VS-40 tem apogeu de 650km, só que ele é cria do antigo Sonda IV que já alcançava mais de 600km de apogeu (voo de 1984, a mais de 35 anos atrás).
Por que não avançamos com nosso lançador?
Pelo contrário, descemos a ladeira com nosso programa espacial.

Last edited 1 mês atrás by Farroupilha
Salim
Salim
1 mês atrás

Fizemos acordo com ucrania, China ,França etc…e só perdemos dinheiro e nao Avançamos quase nada. Porque náo junta com Israel e abre Alcântara para lançamentos conjunto. Venderiamos juntos lançamentos e teríamos tecnologia para fazer nossos foguetes e satélites. E tao difícil assim.

Thiago
Thiago
Reply to  Salim
1 mês atrás

Meu prezado Salim … você mesmo relatou o problema, o calcanhar de Aquiles do gigante adormecido não é o parceiro, e sim seus próprios pés de barro. Tenho admiração pela capacidade e tenacidade de Israel. Construíram uma nação do nada, desfrutando e explorando tudo que foi possivel, colaborando sempre com quem trazia mais vantagem . Eu teria até medo de uma colaboração mais profunda e proxima com os caras. O Brasil do jeito que é bobo e permeavel não tem nem anticorpos para lidar com um pais tão esperto e sério como Israel, iria acabar com o Mossad dominando tudo… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Thiago
Ianiv Wainberg
Ianiv Wainberg
Reply to  Salim
1 mês atrás

A India esta fazendo desenvolvimento de misseis junto com Israel. Pesquisem e avaliem o resultado.

Luiz Antonio
Luiz Antonio
1 mês atrás

Muito dinheiro, modelo educacional, programas, etc, etc, etc. Tudo isso não é nada se não tiver SERIEDADE e RESPONSABILIDADE com a coisa pública. É problema de caráter, que diga-se de passagem, o brasileiro de maneira geral possui Péssimo. É o maldito DNA mesmo, quer gostem ou não.

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Luiz Antonio
1 mês atrás

Discordo totalmente de vc, o DNA é o mesmo em toda parte, a humanidade é só uma. O nosso problema (não é Educação, como alguns colegas frisaram acima, pois mesmo um analfabeto pode ser inventor, ótimo trabalhador, ótimo cidadão) é impunidade. Nosso código penal é permissivo, não é nem punitivo e nem desestimulador. Ex: Elogiam a educação do povo japonês, a limpeza de suas cidades, idem para Cingapura. Esse povo é mais educado que o brasileiro, mais civilizado? NÃO. O que acontece é que possuem Leis punitivas até para quem encontra uma caneta, ou lenço sujo, na rua e não… Read more »

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Farroupilha
1 mês atrás

Mas em relação a Educação:
Já fui professor. Os erros fundamentais de nossos currículos são dois:
1- Paulo Freire e sua didática imediatista de alfabetização a jato (mas rasteira) se tornou (absurdamente) unanimidade intelectual e modelo pedagógico (equivocado totalmente,,, a criança é auto-educadora), no país inteiro.
2- A absurda criação e implantação da sabotadora Aprovação Continuada.

Enquanto estes dois erros persistirem nosso país ficará patinando na mediocridade de pífios resultados educacionais.

LEANDRO
LEANDRO
1 mês atrás

Acho que não é só educação. A vontade do povo fez que conseguisse colocar o satélite em orbita. Falta a vontade da massa de ver um satélite brasileiro no espaço.

Ianiv Wainberg
Ianiv Wainberg
1 mês atrás

Moro em Israel e cresci no Brasil, posso dizer de cadeira: Não é so educação. Aqui existe mentalidade empreendedora. O respeito a hierarquia e a experiencia é baixo, o respeito a cara de pau e a inovação é total. Erros são tolerados e entendidos como parte do processo. Aqui PHD, anos de firma, nada disso importa. A ideia vencedora reina. Nao importa quem disse.

Hellen
Hellen
1 mês atrás

Todo mundo sabe que sofremos pressao do congresso americano e do pentagono sobre nosso programa espacial,os politicos brasileiros seguem a risca o concenso de Washington de abaixar a calças para america e nao gasta 1 real no programa espacial (foguete ) e faz de tudo pra sabotar as parcerias com os chineses !!!! Infelizmente somos uma colonia e reserva de mercado das empresas americanas e do primeiro mundo !!!! Os politicos e militares fiizerao de tudo pra chegar na situcao atual: lançar foguetes estrangeiros do nosso territorio : missao executada com perfeiçao mesmo que tenha demorado 40 anos !!!! So… Read more »

Salim
Salim
Reply to  Hellen
1 mês atrás

Se continuarmos nesta toada de culpar os outros por nossa incompetência nunca vamos melhorar. Tem que primeiro reconhecer nossas falhas de educação, corrupção e corporativismo medíocre poderes. Dai traçar planejamento de estado com horizonte factível para sanar estas graves deficiências. Exemplos: tratamos nosso ensino com provas em todos os níveis desde anos 90, sabemos onde estamos e onde tem melhorar e nada fazemos, lava jato começou atuar e prender corruptos, judiciário e legislativo acabaram prisão segunda instancia e executivo demitiu ministro cuja pasta teve único sucesso ate agora com redução 20% assassinatos. Infelizmente incompetência, corrupção e corporativismo atuam livremente.

Luiz Antonio
Luiz Antonio
Reply to  Salim
1 mês atrás

Onde assino?
As atitudes de Anão Diplomático, justificam a plena imoralidade endêmica que permeia em Pindorama, independente da Esquerda, da Direita ou do Centro, “in independens doctrina”.

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Salim
1 mês atrás

Para de denegrir o Executivo.
Só o ministério da Infraestrutura já fez mais, em menos de 2 anos, que 30 anos de desmanches gerais anteriores.
O da economia, meio ambiente etc, nem se fala.
E não foi feito mais porque não estão deixando.

Salim
Salim
Reply to  Farroupilha
1 mês atrás

PIB ridículo, perdendo investimento externo, faas batendo cabeça, desemprego alto( mesmo antes da pandemia ) , ate momento executivo náo se posicionou sobre reforma tributaria e administrativa, pacote segurança sabotado pelo executivo ( único projeto governo em todo este período ). Cara fica difícil tuas alegações sem dados. Também náo culpo os outros pelas minhas mazelas. Ande pelo Brasil e veja verdade. Minha critica e construtiva, torço para este governo dar certo pois caso contrario sera maior cabo eleitoral esquerda. Estamos retrocedendo náo avançando. O povo e instituições náo são inimigos, qualquer pais serio preza suas instituições. Veja STF e… Read more »

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Hellen
1 mês atrás

Verdade Hellen.

Farroupilha
Farroupilha
Reply to  Farroupilha
1 mês atrás

Há muitos sabotadores escondidos em todas as áreas deste Brasil.
E lógico que as potências hegemônicas não querem um concorrente de peso lhes tirando espaço.
Quanto a China, NÃO, dessa cumbuca não vem nada de bom. Ilusão acreditar que são melhores do que os outros, bem pelo contrário.

Joao Moita Jr
Joao Moita Jr
1 mês atrás

Muito bem, Israel!!! Um país do tamanho do Sergipe, mostrando para esses gigante bobão e letárgico como se faz.