Home Estratégia Comandante da Aeronáutica recebe Comandante do SouthCom dos EUA

Comandante da Aeronáutica recebe Comandante do SouthCom dos EUA

5849
19
O Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, e o Comandante do SOUTHCOM dos Estados Unidos, Almirante Craig Stephen Faller
O Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, e o Comandante do SOUTHCOM dos Estados Unidos, Almirante Craig Stephen Faller

Objetivo foi estreitar relações entre os dois países

O Comandante da Aeronáutica, Tenente-Brigadeiro do Ar Antonio Carlos Moretti Bermudez, recebeu, nesta segunda-feira (11), em Brasília (DF), a visita do Comandante do Comando do Sul dos Estados Unidos (SOUTHCOM), Almirante Craig Stephen Faller. O objetivo foi estreitar as relações entre os dois países.

“É muito importante essa visita para estarmos cada vez mais próximos e compartilharmos experiências nos assuntos comuns afetos aos dois países que são parceiros em diversas atividades”, destacou o Tenente-Brigadeiro Bermudez.

O Brasil e os Estados Unidos já realizam diversas ações em comum na defesa, em áreas específicas como pesquisa e desenvolvimento, intercâmbio de informações, treinamento e educação, exercícios militares conjuntos e iniciativas comerciais relacionadas a questões de defesa.

A Academia da Força Aérea (AFA), por exemplo, recebe cadetes da Academia da Força Aérea dos Estados Unidos e cadetes brasileiros também estudam no país norte-americano. Além disso, são diversos os exercícios realizados em cooperação mútua, como a Cruzex, um exercício operacional realizado pela Força Aérea Brasileira (FAB), com a participação de diversos países. Este ano, inclusive, está prevista a ida de dois oficiais brasileiros ao Afeganistão para atuar com os americanos.

Após a reunião, a comitiva visitou o Comando de Operações Aeroespaciais (COMAE), que é o comando operacional conjunto, permanentemente ativado, responsável pelo planejamento, coordenação, execução e controle das operações aeroespaciais, tanto recorrentes quanto eventuais. Abarca as atividades de defesa aérea e antiaérea, conjugando ainda as ações de emprego de transporte aéreo-logístico, a busca e salvamento e a patrulha marítima, além das operações conjuntas determinadas pelo Ministério da Defesa.

O Almirante Faller, da Marinha dos EUA, assumiu o comando do SOUTHCOM em 26 de novembro de 2018 e é responsável por toda a cooperação de segurança do Departamento de Defesa nas 45 nações e territórios da América Central e do Sul e do Mar do Caribe.

FONTE: Força Aérea Brasileira

LEIA TAMBÉM:

19
Deixe um comentário

avatar
9 Comment threads
10 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
15 Comment authors
franciscoHélioRinaldo NeryMarcelo AndradeFlanker Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Foragido da KGB
Visitante
Foragido da KGB

Esse Almirante é o Bigg Boss da quarta frota ???

Foragido da KGB
Visitante
Foragido da KGB

kings, foi voce no dislike né… fala ai vai…. 😛

Bruno
Visitante
Bruno

É gópi!
Daqui a pouco aparece o polegar vermelho pra encher o saco.

Foragido da KGB
Visitante
Foragido da KGB

Eu sei quem vai ser o primeiro no dedinho pra baixo, mas, não vou dizer o nome, né kings… 😛 😛

Rafael Coimbra
Visitante
Rafael Coimbra

Começa com A… termina com … kkkk

Sidney
Visitante
Sidney

Verdade, e o Rodolfo do Nariz Vermelho vai dizer que já estão tramando a invasão da Venezuela para destruir o sonho socialista e acabar com aquele modelo de paraíso que tantas alegrias está trazendo.

Cavalo-do-Cão
Visitante
Cavalo-do-Cão

Ou você tem uma estratégia própria ou então é parte da estratégia de alguém….

Tiger 777
Visitante
Tiger 777

Nossa força aérea utiliza da doutrina aérea norte americana, fruto da Guerra na Itália , 2 GM, nada mais lógico que estreitar os laços.

Hélio
Visitante
Hélio

Não usa não, a doutrina da FAB baseada na israelense.

Flanker
Visitante
Flanker

Em qual sentido?

Edson Parro
Visitante
Edson Parro

Comandante da aeronáutica!?
Não seria Comandante da Força Aérea Brasileira ou FAB?

Aeronáutica: parte da Física que trata da navegação aérea; prática da navegação aérea.

Flanker
Visitante
Flanker

A FAB é a parte principal e razão de ser do Comando da Aeronáutica, é o seu braço armado, mas o Comaer é responsável também por outras atividades. Na época da criação do MD e dos Comandos das 3 Forças, a Aeronáutica ainda era responsável pela Infraero, Aeroclubes, etc….hoje, ela ainda mantém o Controle do Espaço Aéreo, na forma dos Cindacta, que controla os tráfego civil e militar. A Aeronáutica cuida também da parte aeroespacial, como Alcântara e Barreira do Inferno, atividades que em outros países são realizadas por órgãos totalmente independentes da Força Aérea, como o caso da Nasa,… Read more »

Marcelo Andrade
Visitante
Marcelo Andrade

Edson, a FAB está inserida no Comando da Aeronáutica. A FAB é o braço armado, a Aeronáutica é muito mais do que só a FAB. Abraço!!

Silvedte
Visitante
Silvedte

Excelente iniciativa,devemos ficar atentos,inclusive no desmantelamento do bolivarianismo da América do Sul e Caribe.

GEN Escobar
Visitante
GEN Escobar

Estamos vendo alguma coisa acontecer…

Bueno
Visitante
Bueno

https://twitter.com/TvBandnews/status/1095842558243090432
General brasileiro vai assumir pela primeira vez posto no exército dos EUA. O oficial vai passar a integrar o Comando Sul das Forças Armadas americanas, que tem a tarefa defender a segurança da Casa Branca na América Central, América do Sul e o Caribe.
BandNews TV

francisco
Visitante
francisco

Tá tudo dominado. É uma vergonha essa submissão.

Flanker
Visitante
Flanker

Submissão do que, cidadão? Qual país não mantém vínculo dessa natureza com os países que possui relações? Me diga uma coisa Só, em que essa relação faria mal para o Brasil?

Rinaldo Nery
Visitante
Rinaldo Nery

A FAB já mantém um oficial de ligação (liason officer) no QG da 12a Força Aérea dos EUA, há tempos. A 12a Força Aérea faz parte do US Southcom. Interessante que a 12a Força Aérea foi o comando operacional do 350th Fighter Group na Segunda Guerra Mundial, Grupo onde o nosso 1° GAVCa estava inserido. Havia um grande acervo histórico do 1° GAVCa lá em Tucson, que foi enviado para o Brasil pelo ligação, que era minha turma (hoje Brigadeiro).