Home Noticiário Internacional O voo do Aquila, drone do Facebook movido a energia solar

O voo do Aquila, drone do Facebook movido a energia solar

1548
9

Facebook Aquila

Voou o Aquila, avião movido a energia solar para levar a internet aos locais mais remotos e inacessíveis do planeta. O Facebook anunciou ontem (21.07.2016) o primeiro voo teste bem-sucedido desse avião projetado para voos de longa distância e grande altitude.

Esse primeiro voo representa um marco no projeto do Facebook Connectivity Lab, que desenvolve novas tecnologias – incluindo aviões, satélites e sistemas de comunicação sem fio.

Foi o primeiro de uma série de testes chamados “checks funcionais”, projetados para verificar o modelo operacional do Aquila e sua estrutura geral.

Durante o voo de baixa altitude, o Aquila se manteve no ar por 96 minutos. Em voo de altitude, o Aquila estava consumindo apenas 2 mil watts de energia – o equivalente a um secador de cabelo ou um microondas.

O objetivo central do Aquila será levar internet economicamente acessível para centenas de milhões de pessoas, nos lugares menos acessíveis do planeta. Quando completo, será capaz de circular por uma região de mais de 96 quilômetros de diâmetro, garantindo conectividade em uma altitude de mais de 20 mil metros, usando comunicação a laser e sistema de ondas milimétricas. O Aquila foi desenhado para ser realmente eficiente, para voar até três meses sem interrupção.

O primeiro voo foi apenas o primeiro passo de uma longa jornada. O Aquila terá ainda que sobrevoar uma região remota e demonstrar sua conectividade durante até três meses de cada vez.

Deverá, ainda, quebrar o recorde mundial de voo não tripulado movido por energia solar, que atualmente tem autonomia de duas semanas.

Isso exigirá significativos avanços em ciência e engenharia para ser alcançado. E também exigirá o trabalho em conjunto com operadoras, governos e outros parceiros para implantar estas aeronaves nas regiões onde serão mais efetivas.

Subscribe
Notify of
guest
9 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Nonato
Nonato
3 anos atrás

Facebook, Google e whatsapp querendo manipular a vida das pessoas.
Monopólio total de tudo… Até carros sem piloto.
Um avião desses teria uso militar. Ficar sobrevoando nosso mar com radares.
Não gasta querosene…

Nonato
Nonato
3 anos atrás

Os russos estão testando balões contra mísseis de cruzeiro.. Fica o dia todo no ar, vê para baixo, baixo custo Sputnik.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
3 anos atrás

Nonato, no Brasil podiam contratar os baloeiros. Já que a Polícia não consegue prender esses vagabundos.

Reinaldo Deprera
Reinaldo Deprera
3 anos atrás

O que está por trás do interesse de empresas de TI, sobretudo aquelas .com onde o CEO era um programador espinhento a 10 anos atrás, é um ideal: tirar do estado o controle da informação. Prover acesso à internet sem passar por estruturas que estão sob controle é só o que falta para negar controle da informação. – Bitcoin – feito – P2P – feito – Telecomunicações – ? (existem várias tecnologias, todas elas dependem de muito capital. Drones podem diminuir os custos de implantação de algumas delas). Os drones de energia solar, com sua grande autonomia, poderão ser usados… Read more »

Nonato
Nonato
3 anos atrás

Rinaldo. Kkk.
Os balões podem causar incêndios. Mas incomodam muito os pilotos?
A rádio bandeirantes vive criticando as rádios piratas que atrapalham aa comunicações inclusive de aeronaves.
O que atrapalha os pilotos?
Balões? Rádios pirata? Urubus? Algo mais?

Nonato
Nonato
3 anos atrás

Offtopic.
Rinaldo, a Azul que sempre priorizou os ejets e depois aceitou os ATR da trip, agora comprou A320 neo?

Matheus
Matheus
3 anos atrás

Quanta postagem boba aqui. Conspiracionistas vão postar em outro lugar.

Rinaldo Nery
Rinaldo Nery
3 anos atrás

Nonato, a Azul adquiriu ATR72-200 antes da compra da TRIP. Depois foi, junto com a Royal Air Maroc, um dos primeiros compradores do ATR72-600. Sim, adquiriu 63 A320 Neo, os quais pretendo voar ano que vem, quando chegar a minha vez. O primeiro deve ser entregue em setembro. Tudo o que você citou nos atrapalha. E, mais que atrapalhar, interferem diretamente na Segurança de Vôo. Os urubus são reflexo de lixões sem controle, que são da alçada do Ministério Público. O perigo baloeiro já rebaixou o nível de segurança do espaço aéreo brasileiro junto à IFALPA, que é o organismo… Read more »