Home Aviação Civil Embraer entrega o primeiro E175 para a SkyWest

Embraer entrega o primeiro E175 para a SkyWest

201
11

skywest airlines plane

ClippingNEWS-PA  A Embraer entregou o primeiro ERJ 170-200LR (ERJ 175) da SkyWest Airlines, nesta sexta-feira (05), de um total de oito aeronaves que a aérea norte-americana ainda tem de receber. Agora, a companhia já se prepara para iniciar os serviços com a mais nova aeronave, que deixou o Brasil em direção aos Estados Unidos no último dia 1º de junho.

O E175 tem capacidade para 76 pessoas, com 12 assentos na primeira classe, acesso a internet Wi-Fi, entretenimento individual e uma tomada de 110V para cada assento da First Class. Bebidas e comidas estão incluídas, como refeições quentes, guloseimas, vinhos e cerveja, mas todas para serem compradas a bordo.

A SkyWest ainda espera receber mais sete aeronaves do mesmo modelo até 2016. A Embraer prometeu entregar mais três até setembro deste ano, enquanto os outros quatro E175s estão marcados para serem entregues no primeiro semestre do ano que vem.

FONTE: Mercado&Eventos

NOTA DO EDITOR: a Skywest é uma antiga cliente da Embraer e chegou a operar os EMB-120 Brasília na década de 1990 como mostra o belo exemplar da foto abaixo.

Skywest_Airlines_Embraer_120ER_Brasilia

11
Deixe um comentário

avatar
11 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
4 Comment authors
Mauricio R.MarcosLuiz FernandoAntunes Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Antunes
Visitante
Antunes

e é lançado o protótipo da Mitsubishi: http://ajw.asahi.com/article/business/AJ201506090084

Mauricio R.
Visitante
Member
Mauricio R.

OFF TOPIC…

…mas nem tanto!!!

O C Series cumpre suas premissas de projeto e pode acirrar a concorrência:

“The aircraft may be slightly overweight, according to one customer, but overall its performance is as good as can be hoped: the CS100 can fly the promised 3,000nm (5,560km) segment while reducing specific fuel consumption 20% and cash operating cost 15%, as advertised when Bombardier launched the programme in 2008.”

(http://www.flightglobal.com/news/articles/analysis-is-air-show-debut-a-make-or-break-moment-for-cseries–412630)

Luiz Fernando
Visitante
Luiz Fernando

Nossa…. por Deus… que artigo mais horrível. Cabem alguns comentários: 1- Este não foi o primeiro ERJ-175 recebido pela Skywest…. A Skywest já opera o E175 desde março de 2014. Já recebeu 34 aeronaves de uma encomenda total de 55 (fora opções). 2- Este foi o primeiro E175 da Skywest que irá operar para a Alaska Airlines (pois ou outros operam para a United). Quanto ao “off topic” do Mister “M”… vender que o avião é 20% mais econômico do que os jatos atuais todos vendem… vamos ver como ficará a performance comparando aviões que usam motores de mesma geração…… Read more »

Marcos
Visitante
Member
Marcos

Na verdade o MRJ fez seu primeiro teste de pista.
Análises recentes indicam que o foco da aviação regional americana será aeronaves para até 80 assentos.

Mauricio R.
Visitante
Member
Mauricio R.

“….o foco da aviação regional americana será aeronaves para até 80 assentos.” Estudos??? Ou seriam cláusulas dos acordos c/ os sindicatos de pilotos??? “United has made significant strides in reducing its fleet of the small regional jets. It anticipates removing roughly 130 of them and replacing them with 82 Embraer 175s with 76 seats by the end of this year, its latest fleet plan shows.” “However, United will still have 242 Bombardier CRJ200s and Embraer ERJ-145s in its fleet at the end of December compared to roughly 125 at its competitor Delta Air Lines.” (http://www.flightglobal.com/news/articles/united-evaluating-e-jet-e-for-further-seater-reductions-413119) “A new labour agreement between… Read more »

Marcos
Visitante
Member
Marcos

Estudos!
Ainda não dá para por uma aeronave para 130 assentos onde há apenas demanda para 80.

Marcos
Visitante
Member
Marcos

Nem dá para manter uma aeronave de59/ 60 assentos onde há uma demanda por 80.

Marcos
Visitante
Member
Marcos

… 50/60 assentos…

Mauricio R.
Visitante
Member
Mauricio R.

Não se está trocando aeronaves de 80 pax por outras de 130 pax, mas aeronaves de 50 pax estão sendo trocadas por aeronaves menores que 80 pax.
E como demonstrado em pelo menos um operador, certas novidades do mercado não serão aceitas.
Por enquanto.
E isto não tem nada a ver c/ estudos, mas sim acordos entre sindicatos e operadores.

Mauricio R.
Visitante
Member
Mauricio R.

“…vender que o avião é 20% mais econômico do que os jatos atuais todos vendem…”

Então, isto foi vendido em 2008, agora em 2015 está sendo confirmado.

Mauricio R.
Visitante
Member
Mauricio R.

OFF TOPIC… Mas nem tanto!!! A Turquia na aviação regional: “Turkey’s selection last week of Dornier to provide primary base models for its future regional jet program puts the aircraft on track to join an indigenous fighter jet in operation by 2023.” “Under the program, Turkey will buy intellectual property rights for the Dornier 328 and Dornier 628 from the US-based Sierra Nevada Corp. (SNC). SNC, owned by Turkish businessman Fatih Ozmen, produces integration solutions for aerospace systems. It employs more than 3,000 people.” (http://www.defensenews.com/story/defense/air-space/support/2015/05/31/turkey-dornier-regional-jet-indigenous-fighter-sierra-nevada-procurement-ssm/28065337/) O SOCOM usa antigas aeronaves regionais Dornier. Não existe um acordo sobre qualquer coisa relacionada… Read more »