domingo, maio 16, 2021

Gripen para o Brasil

Estado Islâmico treina pilotos para voar em jatos capturados na Síria

Destaques

Dinair Alves
Diretora de Marketing da Trilogia Forças de Defesa

 

MiG-23 - cold war museum

 

ClippingNEWS-PAPilotos iraquianos que se uniram ao Estado islâmico na Síria estão treinando militantes para conduzirem três caças capturados, disse nesta sexta-feira um grupo que monitora o conflito sírio, acrescentando ser essa a primeira vez que os extremistas islâmicos se voltam para o ar.

Os aviões têm voado sobre o aeroporto militar sírio de al-Jarrah, em poder do Estado islâmico, a leste de Aleppo, no norte da Síria, disse Rami Abdulrahman, que dirige o grupo de monitoramento Observatório Sírio para os Direitos Humanos, citando testemunhas.

“Eles têm treinadores, oficiais iraquianos que antes foram pilotos para (o ex-presidente iraquiano) Saddam Hussein”, disse Abdulrahman, cujo grupo de monitoramento está baseado em Londres. “Pessoas viram os voos, eles voaram muitas vezes a partir do aeroporto, e eles estão voando em área fora do aeroporto e retornando.”

Não ficou claro se os jatos estão equipados com armamento nem se os pilotos poderiam voar longas distâncias nesses aviões, que testemunhas disseram que pareciam ser modelos MiG 21 ou MiG 23, capturados do Exército sírio. A zona rural a leste da cidade de Aleppo é uma das principais bases de Estado islâmico na Síria. O grupo se apoderou de porções de território na Síria e no vizinho Iraque.

FONTE: Reuters

FOTO de MiG-23 do Cold War Air Museum em caráter meramente ilustrativo

- Advertisement -

48 Comments

Subscribe
Notify of
guest
48 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Mauricio Silva

Olá.

É, a coisa está feia mesmo. Com pilotos treinados e equipamentos (por mínimos que sejam), o EI pode fazer um estrago danado.
Achei a foto do B-1B com os afterburners ligados bastante indicativa da situação geral da região.

SDS.

Phacsantos

É uma ótima oportunidade para os Rafales atacarem algo que voa e se defende!

Aliás, a coalizão está esperando o que para bombardear esse aeroporto?

Guizmo

Ah na boa, 6 dúzia de Migs da década de 80, com “pilotos” mal-treinados…..Serão alvos, nada mais do que isso

Guizmo

I mean, 1/2 dúzia

tiagobap

Seriam kamikazes modernos?

Oganza

Guerrilha Aérea…

O nosso tempo está realmente muuuuito interessante.

Sds.

André Sávio Craveiro Bueno

Considerando ser realidade:

inicialmente poderiam utilizar munição anti-pista para inviabilizar a decolagem e, depois, destruí-los ainda no solo;

há a questão da manutenção: sobressalentes, capacidade dos mecânicos;

Combustível, armamentos

proficiência dos pilotos

Claudio Moreno

Somente mais um alvo a ser batido…aliás eu nem esperava decolar. Destruia-los em terra.

CM

Joner

É tudo muito velho e mantido de péssima forma, mas, de alguma forma funcionam. Não são nada para pilotos da OTAN, voado com caças bem mantidos e a nata dos pilotos mundiais.

…Mas eu peguei uma caixa de munição .380 guardada a mais de 20 anos e foram 50 tiros! Não falhou um se quer!!!!

Então, talvez esses velhos caças sejam ruins para a guerra, mas para terrorismo podem ser uma ferramenta que traga o caos a lugares povoados!!!!

Phacsantos

Se a localização do aeroporto é conhecida, reitero a pergunta: o que EUA, França, UK e cia ltda estão esperando?

Eles obviamente não tentarão algo contra Israel por exemplo. Teriam o mesmo destino do Su-24 sírio outro dia…

Vão é usar para metralhar pequenos povoados “rebeldes” ali no Iraque mesmo…

A coalizão vai esperar isso acontecer?

Carlos

Vetores subtraídos na Syria e agindo na área de Aleppo. Até onde eu sei a coalizão não está agindo abertamente sobre a Syria. Talvez comandos ou algo parecido. Norte da Syria, esses FDP do EI/ISIS vão é querer massacrar os locais e redondezas. Creio que vão colocar a Turquia para treinar, será que os Otomanos vão topar ? Acho que não. Vão torcer para um vetor se dirigir na proa de Israel, ai o Tio David faz o trabalho completo, como bem mencionado abaixo: “André Sávio Craveiro Bueno 17 de outubro de 2014 at 10:00 # “inicialmente poderiam utilizar munição… Read more »

Groo

Poderiam deixar decolar para presentear alguns pilotos da coalizão com uma vitória ar-ar 😉

Agora falando sério, será que não é uma estratégia do IS para forçar as forças do Assad a ligar os SAMs e, eventualmente, ameaçar algum avião da coalizão e, assim, gerar um contra ataque?

Phacsantos
Carlos

Phacsantos

Link ótimo.

Mas vou aguardar os EDITORES colocarem como tema,
assim sobrará mais tempo para “afiar” o porrete.

Ótimo Héli, o melhor do mundo em sua função ………… mas …….

Phacsantos

É Carlos..quem sabe em 2022?rs

Carlos

Groo

Colega ……. não.

A tchurma do Assad já faz um tempo que nem chega perto de Aleppo.

SAM para MIG’s 21/23 não creio.

SAM para vetores da coalizão, menos ainda.

Detalhe:

Lembram-se das negociações com o Adolf e o seu inteligente(e é mesmo) Sergey Viktorovich Lavrov ?

Bateram o pé, ninguém entra na Syria, Tartus é nossa, o Assad é nosso etc …..

Pq em vez de massacrar nas suas redondezas ele não foi dar um apoio para a tchurma dos Assad ?

Boa questão né ?

Sds

Carlos

São três motivos, correto ?

Iväny Junior

Otima oportunidade para alguns aviões ganharem seus primeiros abates 😀

Carlos
Carlos
FLIGHTER

(Reuters) O exército brasileiro tem manifestado interesse em comprar um punhado de helicópteros Chinook CH-47 da Boeing, a companhia disse na quarta-feira, que continua a ver o Brasil como um parceiro importante para a defesa e projetos comerciais. “Tivemos algumas discussões iniciais sobre os Chinook com o exército brasileiro,” disse o porta-voz da Boeing Scott Day, quando perguntado sobre uma potencial venda de CH-47 para o Brasil. Day se recusou a dar detalhes, mas disse que a ordem potencial era “tão grande.” Os laços entre Estados Unidos e o Brasil estão começando a se recuperar de problemas profundos causados no… Read more »

Carlos

FLIGHTER

Caro e nobre colega, vamos ao tema ?

Abraços

Júlio Costa

Em relação aos caças do EI, vale aquela frase que é muitas vezes repetidas aqui: “Ter é uma coisa, operar é outra”.

Mas por via das dúvidas é melhor lançar bombas nesses aviões.

Em relação ao Chinook, caso o Brasil venha a comprar esses helicopteros, então ficaremos iguais a Força Aérea Indiana. Com diversos tipos de aeronaves de fornecedores diferentes. Um pesadelo logístico. Fora isso será um excelente incremento para o exército.

Franco Ferreira

Flighter;

Omissão na tua tradução. “but said the potential order was “not a large one.”

Isto é repetição de 1975!

Carlos
Baschera

Na boa…. estes Mig-21 serão abatidos como moscas em redoma de vidro…isto se voarem com meia dúzia de paspalhos que se intitulam pilotos…como se em três semanas o cara “aprendesse” a voar, pilotar e combater com táticas mínimas um vetor militar…. Deixem estes caras do Oriente Médio se matarem… eles não se entendem, nunca se entenderam… nem nunca se entenderão. Nem vou perder meu tempo escrevendo uma bíblia do porque isto ocorre. Quanto a matéria citada sobre os Chinook CH-47…de novo este assunto ?? isto já foi ventilado e explicado sobre sua inexequibilidade em abril passado….. De resto, toca o… Read more »

Mauricio Silva

Olá Baschera. “Na boa…. estes Mig-21 serão abatidos como moscas em redoma de vidro…isto se voarem com meia dúzia de paspalhos que se intitulam pilotos…como se em três semanas o cara “aprendesse” a voar, pilotar e combater com táticas mínimas um vetor militar….” Concordo, se os aparelhos forem usados de forma “convencional”. Agora, duvido que seja esta a intenção. Para mim, os aparelhos deverão ser utilizados de forma assimétrica. Ataques suicidas, surtidas contra povoados não defendidos, toda uma gama de ataques podem ser feitos por esses aparelhos antigos. Enfrentamento com caças ocidentais, nem pensar. E tenho certeza que eles sabem… Read more »

Júlio Costa

Olá a todos! Baschera, “Deixem estes caras do Oriente Médio se matarem… eles não se entendem, nunca se entenderam… nem nunca se entenderão.” Historicamente isso é a mais pura verdade, e não existe sinais que isso irá mudar. http://www.youtube.com/watch?v=V01ipkWrDv8 Mauricio Silva, “Bom, não há como discordar disso… E, historicamente, a coisa só piora quando potências ocidentais resolvem interferir…” Edward Murphy, um engenheiro trabalhando na NASA, uma vez disse: “Se alguma coisa tem a mais remota chance de dar errado, certamente dará”. Essa frase ficou conhecida como a Lei de Murphy. A Lei de Murphy descreve perfeitamente o Oriente Médio. Naquela… Read more »

Mauricio Silva

Olá Júlio.

“Naquela região as coisas sempre irão piorar, com intervenção ou não, com Israel ou não.”

Israel faz parte da “equação” original. E foi “criado” por influência britânica na ONU pós II Guerra. Lembrando sempre que um dos lemas do Império Britânico (tal como Roma anteriormente) é: dividir para conquistar. Sintomático, não?

SDS.

juarezmartinez

Mauricio, a diferença entre Israel e o demais países Arabes consiste dois pontos fortes:

1 Israel é uma democracia reconhecida no mundo(o que não impede de que sejam eleitos lideres radicais).

2. Vocês não viu e não vera nenhuma autoridade constituída do governo Israelense vir a público e pedir Morte aos Infiéis” ou ainda convocar uma “Jihad” contra qualquer governo ou país.

Grande abraço

Mauricio Silva

Olá Juarez, bom dia. O fato de Israel (como país, via representação oficial) não vir a público conclamar um equivalente a uma “Jihad judaica” (termo usado por falta de outro melhor), não tem impedido ações como o massacre de Sabra e Chatila, a invasão da península do Sinai e da Cisjordânia (com a construção de assentamentos judaicos). Também não tem impedido a construção de muros (no melhor estilo “berlinense”) que separam as áreas com populações palestinas do resto do território. O conflito entre populações árabes e de ascendência judaica remontam a “Idade do Bronze”, como pode ser visto até na… Read more »

Júlio Costa

Maurício Silva, “Lembrando sempre que um dos lemas do Império Britânico (tal como Roma anteriormente) é: dividir para conquistar. Sintomático, não?” Quando se estuda a história daquele lugar, vemos um padrão de guerra e massacres, ao estilo ISIS. Independente da nação ou império que dominou a região, que não foram poucos. Os mais proeminentes foram: Sumérios, Babilônicos, Assírios, Egípcios, Hititas, Persas, Gregos, Romanos, Bizantinos, Otomanos, Britânicos e Franceses. Lembrado que o império romano e o britânico, já dominaram 1/4 da humanidade. Em ambos os casos aquela região foi a mais problemática de todo o império. Muitos historiadores se perguntam: Por… Read more »

Aldo Ghisolfi

O Tio Sam sempre deixa esses quadros por trás de onde passou… se não me falha a memória, já vimos essa história do EI com os bandos de terrosristas da Al Kaeda e do Talibã. A histporia se repete… SEMPRE!

juarezmartinez

Maurico, eu tenho ascendência Judia, mas nem por isto concordo 100% com determiandas atitudes do governo israelense, Sabra e Chatila são dois deles, e como eu disse antes, radicais há dos dois lado. Especificamente sobe o muro, o qual não concordo com a compração com o Muro da Vergonha, pois se tu tivesses morando em Israel e tivesse gente todo o dia mandando foguetes na tua cabeça em nome de Alá, ou ainda bombas detonado em plena cidade, acho que tu concordaria em construir um muros que diminuisse tal problema, pois como dizia o meu avô: Urtiga no traseiro alheio… Read more »

Mauricio Silva

Olá Juarez, boa noite. Também não é incomum ver o exército israelense respondendo pedradas de palestinos (menores inclusive) com tiros de fuzis. Quanto aos muros, considero-os tão vergonhosos quanto o que havia em Berlin. E tal como em Berlin, sempre haverá justificativas para a sua existência. Até que alguém tome coragem e bote tudo abaixo. O que se deseja naquela região é uma “Pax Romana”: com conquistas militar, política e cultural, temos condições de ter paz. SDS. P.S.: com relação a “urtiga no traseiro”, primeiramente tem que se descobrir quem e por que trocou o “papel higiênico”; sair metralhando todo… Read more »

Mauricio Silva

“Eu, sou daqueles que acho também que Tio Sam deveria deixar estas “tribos” se matarem mutuamente, até não sobrar nenhum.”

É mais ou menos o que está acontecendo na África… 🙁

SDS.

Oganza

Caros colegas, não é a primeira e nem será a ultima vez que leremos sobre comparações entre os Muros de Berlim e os Muros de Israel: INFELIZMENTE. O FATO é que um NÃO tem NADA e é NADA MESMO haver com o outro, ha não ser o fato de serem um muro que cumpre a função de um muro, ou seja: delimitar, demarcar, separar ou simplesmente deixar algo dentro ou algo de fora e SÓ. Porque as razões, sejam elas políticas, milhares ou religiosas, como alguns AINDA teimam em acreditar, SÃO COMPLETAMENTE DIFERENTES. E na boa, quem os coloca no… Read more »

juarezmartinez

Eu respeito a opinião dos colegas, mas mantenho minha posição sobre o muro de Israel.
A Propósito, no dia que tiver um cuiudo na presidência deste país, um muro deveria ser erguido no inicio da fronteira do Paraguai até o final da fronteira com a Bolivia, e quem por ventura se atrevesse a passar com drogas, armas e etc..deveria ser tratado como inimigo.

Grande abraço

juarezmartinez

Boa noite Mauricio Silva! Me parece não ser exclusvidade do Exército israelense de responder pedradas com tiros(apesar de que na maioria serem de balas de borracha, e os “mortos” serem carregados em esquifes e logo após as TVs desviarem o foco, talvez pela mão do agraciado Alá, ressucitam e saem andando) e ainda talvez tenham cansado de fazer acordos, que enquanto são escritos, o Hamas cava tuneis e mais tuneis trazendo munição e foguetes. A paz virá no dia em que os radicais saírem do poder(dos dois lados) e haja respeito aos acordos firmados. Grande abraço PS Quanto ao fiofó,… Read more »

Carlos

“Mauricio Silva
18 de outubro de 2014 at 22:58 #”

“Se os palestinos baixarem as armas, haverá paz. Se os israelenses baixarem as armas, não haverá mais Israel”.

Golda Meir

Agora eu tenho a mais absoluta certeza que o senhor não conhece Israel e que nunca esteve lá.

Não três ou cinco dias, mas pelo menos um mês percorrendo.

Shavua tov

Shalon adonai

Carlos

“….a invasão da península do Sinai” Não conhece mesmo. Pertence ao Egito, faz parte do território Egípcio. “Em 2005, como parte do seu plano de retirada unilateral, Israel removeu todas as colônias judias existentes na Faixa de Gaza e quatro das estabelecidas na Cisjordânia.” ” Também a Faixa de Gaza foi ocupada pelo Egito e, em 1967, por Israel, tendo sido desocupada pelos israelenses, em 2005 ” ” A Faixa de Gaza, densamente povoada, está sob controle do Hamas, partido majoritário no Conselho Legislativo da Palestina, cujo braço armado executou, desde os anos 1990, vários ataques contra alvos civis e… Read more »

Mauricio Silva

Olá.

Off Topic

Conforme o esperado, mexi num vespeiro… 😛

SDS.

Hamadjr

Sou Brasileiro graças a Allah e revertido ao islam há 5 nos, tudo o que se sabe do Estado Islâmico é dito pela imprensa ocidental e carregado de opinião pré concebida portanto é unilateral, e imaginar que “treinar piloto ” do tipo mártir moderno ai é uma obra de ficção como é a mesma obra de ficção que o Estado Persa esta loucamente decidido acabar com isrrael ( po a bomba só vai matar judeus e sionista de várias nacionalidades) já os demais cristão e muçulmanos que habitam a tal democrático estado sioniosta não vão morrer, é muita erva e… Read more »

Fernando "Nunão" De Martini

Senhores,

O debate está começando a seguir para questões religiosas que não são o foco deste site.

Educadamente, pedimos que voltem ao foco.

juarezmartinez

Caros colegas Carlos e Hamadjr! Vocês acabaram de cair em um armadilha muito bem montada, apenas pegou o peixe errado, releiam os posts e entenderão.

Grande abraço

Oganza

Juarez,

exatamente, viram o que quiseram ver e NÃO o que estava sendo dito.

Grande Abraço.

Carlos

“No passado, aqueles que loucamente procuraram o poder cavalgando no lombo de um tigre acabaram dentro dele.”

JFK

Hamadjr

Caro Nunão eu estou cansado desta coisa de tudo o que vem do oriente médio é coisa de fundamentalista e fanático inclusive das 3 religiões, é que quando descamba para o ufanismo ai não tem como não comentar.
Mas de boa galera, eu peço desculpa se por acaso ofendi ou se alguem se sentiu agredido pela grosseria que possa ter cometido, afinal um muslim também erra.
Shalon e Salam.

Reportagens especiais

‘DC-3 Affair’: o caso do avião espião sueco abatido pelos soviéticos

Por Alexandre Galante Em 13 de junho de 1952, um C-47 (versão militar do famoso DC-3) da Força Aérea Sueca,...
- Advertisement -
- Advertisement -