domingo, junho 13, 2021

Gripen para o Brasil

Uma perda irreparável para o jornalismo aeronáutico brasileiro

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Jackson Flores Jr (2)

Recebemos via Facebook a triste notícia do falecimento do articulista Jackson Flores Jr da revista Força Aérea.

Jackson era conhecido pelos ótimos artigos sobre aviação e pelo seu bom humor.

Conversamos a última vez com Jackson Flores durante a LAAD em abril deste ano, quando tomamos um café juntos e conversamos sobre aviação.

Aprendemos coisas em 10 minutos que não vamos esquecer mais. Ele não nos deixou pagar a conta, combinamos então que pagariamos o café noutra ocasião.

Na foto tirada do perfil de Jackson, a legenda denota seu humor característico: “Flagrado pós-voo (nunca mande outra pessoa segurar sua máquina fotográfica)”.

- Advertisement -

17 Comments

Subscribe
Notify of
guest
17 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Nautilus

Um cara que merece, em seu funeral, a “missing man formation”, por parte da FAB. Uma perda irreparável, sem dúvida.

Rafael M. F.

Cara, fiquei consternado com a notícia.

Não o conhecia pessoalmente, mas conhecia muito bem o seu trabalho, pois durante quase 10 anos fui comprador assíduo da RFA. Para se ter uma idéia, eu tenho a RFA-01, de 1996, com o F-5E na capa ainda com camuoflage do tipo “vietnam”.

Enfim, vai-se o homem, fica a obra. Que não foi pouca. Requiescat in pace.

Agora terá uma visão privilegiada da FAB!

juarezmartinez

Este sim, um jornalista especializado em defesa na acepção da palavra, um das pessoas mais conhece história da aviação militar.

Que este seu último voo seja para usufruir a companhia de Deus todo poderoso

Grande abraço

asbueno

Perda irreparável de qualidade para a cobertura da aviação militar… Não o conhecia pessoalmente mas é como se perdesse alguém próximo.

Corsario137

Perda irreparável mesmo.

Tenho todas as RFA desde o número 12 até hoje e Jackson Flores Jr. é o cara!

Já deixou saudades.

Grifo

Lamentável perda, Jackson era de longe o melhor jornalista da área, um verdadeiro conhecedor da nossa Força Aérea.

DrCockroach

Meus sentimentos a familiares e amigos.

Que descanse em paz.

Marcelo Andrade

Também fiquei surpreso. Colheciono a Revista Força Aérea desde a n. 01 e sempre elogiei as suas repostagens, Uma grande pena. Mas, o que houve, foi algum acidente?

Hercules Araujo

RIP Jackson Flores !!

joao.filho

Caiu um dos melhores, se nao o melhor jornalista em materias de defesa aerea da America Latina. Me lembro haver passado horas lendo seus artigos quando adolescente, materias realmente imperdiveis. Que descanse em paz, meus pesames a familia. RIP, old warrior.

Baschera

Lamentável a notícia do falecimento deste excelente jornalista especializado em defesa.

“O dia em que a guerra chegou perto do Brasil” foi a sua última matéria publicada….. na RFA, revista que colecionei e li durante muitos anos.

Além da família, todos nós estamos enlutados.

Sds.

Requena

Uma grande perda.
Quem já comprou a RFA aprendeu a admirá-lo.
Que descanse em paz. E que Deus dê conforto a família.
R.I.P.

indioinformatico

Conhecí e trabalhei com ele, como correspondente da RFA no Uruguai (o meu nome real é Javier Bonilla), e estou comovido com a noticia, custa acreditar, realmente, acabei de acender o pc há uma hora, e foi o primeiro que eu vi. Lembro ter estado na LAAD com ele em abril passado, e nada fazía supor este insucesso!

Todo o meu respeito para atrajetória de Jackson Flores! E custa dizer alguma coisa a mais, porque estou passando mal, me chocou,pessoal!

HMS TIRELESS

Lembro muito dos seus textos Javier. Realmente é uma grande perda para nós

indioinformatico

E merece a Missing Man Formation, sim!
Dependendo de direitos autoriais, ate acho uma póstuma homenagem reproduzir essa a sua última materia na RFA. E tenho a certeza que deixou muitas materias para ser publicadas, porque o Jackson era uma usina de historia aeronáutica!

Mauricio R.

RIP!!!

Sheila Flores

Obrigada pelos comentários de carinho pela morte do meu irmão.

Reportagens especiais

Saab JAS 39 Gripen – herdeiro de uma longa linhagem de caças a jato suecos

Os mais famosos aviões de caça da história costumam ser os produzidos pelas grandes potências militares, desde o início...
- Advertisement -
- Advertisement -