segunda-feira, agosto 2, 2021

Gripen para o Brasil

Se a moda pega…

Destaques

Guilherme Poggiohttp://www.aereo.jor.br
Membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

Donos das Torres Gêmeas processam companhias aéreas pelo 11/9

 

Um juiz de Nova York aceitou um processo milionário aberto pelos proprietários das Torres Gêmeas contra as companhias aéreas American e United Airlines por negligência nos atentados de 11 de setembro de 2001, que destruíram o World Trade Center.

Segundo uma decisão do juiz federal Alvin Hellerstein, incluída na ata do caso, as companhias aéreas em questão deverão enfrentar em um julgamento um pedido de US$ 2,8 bilhões que são exigidos pelos proprietários do grupo World Trade Center Properties LLC (WTCP).

Em seu processo, o WTCP afirma que “se não fosse pela negligência das companhias aéreas acusadas, os terroristas não teriam entrado e sequestrados os aviões, nem os teriam jogado contra as Torres Gêmeas”.

Apesar de a WTCP alegar danos no valor de US$ 8,4 bilhões, o juiz Hellerstein estabeleceu que os donos do World Trade Center não tinham direito a reclamar mais que US$ 2,805 bilhões, o preço que pagaram em julho de 2001, dois meses antes dos atentados, ao arrendar por 99 anos as torres do complexo.

Como WTCP já obteve US$ 4,091 bilhões em termos de pagamento do seguro pelos danos sofridos pelos imóveis, as companhias aérea apresentaram uma moção ante o juiz para que arquivasse o processo contra elas, alegando que os proprietários foram compensados acima do previsto pelo próprio magistrado.

No entanto, Hellerstein rejeitou esse argumento, assinalando que a “superposição entre a indenização do seguro à WTCP e a indenização pela responsabilidade das companhias aéreas apresenta questões de fato que requerem um julgamento”.

Segundo o juiz, com os elementos atualmente à sua disposição, não é possível estabelecer se o pagamento do seguro recebido pelos proprietários das Torres Gêmeas corresponde às categorias potenciais reclamadas à American e United Airlines.

Dois aviões da American Airlines e dois da United Airlines foram sequestrados em 11 de setembro de 2001 e três deles foram jogados contra as Torres Gêmeas em Nova York e o Pentágono em Washington, deixando mais de 3.000 mortos.

No caso do World Trade Center, foram o voo 11 da American Airlines que havia decolado de Boston (nordeste) e o voo 175 da United Airlines, que havia partido de Washington. O voo 77 da American Airlines, que havia decolado também Washington, foi jogado contra o Pentágono.

Enquanto isso, o quarto avião, o voo 93 da United, caiu num campo da Pensilvânia (leste) depois que os passageiros – alertados por celular do que estava ocorrendo – confrontaram os sequestradores.

FONTE: AFP, via Yahoo notícias

- Advertisement -

6 Comments

Subscribe
Notify of
guest
6 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
joseboscojr

Que os donos das companhias aéreas processem os donos do WTC por terem construído um prédio de 450 metros de altura que não resiste ao impacto de 2 aviões que nem eram tão grandes assim.

alphasr71a

Processa o Osama

Giordani

Surreal…mas money is money!

Marcelo

EUA: país de advogados…

Universal

Se fosse no Brasil a culpa seria do governo.
Mas aproveitando o assunto alguém pode explicar porque não há nenhum resto, pedaço, parafuso ou rebite do suposto avião que bateu no Pentágono?
Quem ainda acredita nisto? Não sobrou nem motor nem trem de pouso?
Quantos corpos de passageiros foram retirados?
O que ninguém fala é que os “terroristas” conseguiram fazer entrar, montar e disparar um míssil nos EUA. E ainda por cima na sede do maior complexo administrativo militar do mundo.
Santa ingenuidade acreditar em avião.

Observador

Senhores, O país dos advogados é o NOSSO. Se não houvesse o exame da OAB, teríamos TRÊS MILHÕES de advogados, que é o número de bacharéis em direito em nosso país. Se a inscrição fosse automática, teríamos mais advogados que TODO o resto do Mundo. E sem falar no fato que o Brasil, sozinho, tem mais faculdades de direito que o resto do Mundo todo. Vamos pensar pelo lado bom: pelo menos somos uma superpotência em alguma coisa. Vai ver que é por isto que não damos certo: somos uma nação de advogados tentando achar brechas na Lei e dar… Read more »

Últimas Notícias

Aeronave P-3AM Orion completa 10 anos de incorporação à FAB

A data marcou a modernização da Aviação de Patrulha, pois o modelo possibilitou a detecção, localização, identificação e, até...
- Advertisement -
- Advertisement -