Home Aviação Executiva Começa o Broa Fly-In 2012

Começa o Broa Fly-In 2012

430
9

Hoje começou o Broa Fly-In, evento realizado pelo Instituto Arruda Botelho (IAB) em parceria com outras instituições locais. Esta é a décima segunda edição deste encontro da aviação brasileira, que ocorre no aeródromo Dr. José Augusto de Arruda Botelho, localizado no município de Itirapina – SP. O evento conta com o patrocínio de diversas empresas do ramo aeronáutico como a BR Aviation, Boeing e Saab.

Este é o primeiro evento do tipo sem a participação do seu principal incentivador, o empresário Fernando de Arruda Botelho, falecido no dia 13 de abril durante um voo com uma aeronave tipo T-28 na região. O empresário receberá uma homenagem póstuma durante o evento.

Infelizmente as condições climáticas não eram boas e devido ao teto baixo poucas foram as atrações no ar. No final da tarde o tempo melhorou um pouco e um Extra 300 pôde se exibir. Trata-se de um novo modelo do Extra 300 (famoso avião acrobático, utilizado inclusive pela equipe chilena Halcones), agora com representação no Brasil.

Pela proximidade com a Academia da Força Aérea (AFA), a FAB sempre envia para exposição estática ou em voo as aeronaves que ali ficam baseadas. Falando em FAB, está programada a exibição do Esquadrão de Demonstração Aérea (EDA), mais conhecido do público como ‘Esquadrilha da Fumaça’.

Estão presentes do Broa Fly0In, em exposição estática, um T-27 Tucano do 1ºEIA e um T-25 Universal do 2º EIA. Este último estava com uma pintura impecável. Um EMB-326 Xavante  ex-FAB também faz parte da exposição externa de aeronaves. Após o almoço um A-29A do 3º/3º GAV (Campo Grande) e um Bandeirante do 3ºETA (este será apresentado em mais detalhes aqui no blog brevemente) chegaram ao local.

No interior do hangar estão guardadas algumas “preciosaidades” como um réplica do Demoiselle (projeto de Santos Dumont); um Aeronca com pintura camuflada, semelhande ao Piper Club utilizado pela FAB na Itália; um Grumman Showcat (também camuflado); um Taylorcraft 15A; um DGA-15P e uma belíssima réplica do famoso Bleriot XI, avião muito usado por Roland Garros .

O local é bastante agradável e apresenta uma infraestrutura boa para um aeródromo de pequeno porte. Para saber mais o evento, visite a página do Broa Fly-In. Informações sobre o evento também podem ser baixadas através de um aplicativo para iphone.

O que: Broa Fly-In

Quando: de 22 a 24 de junho de 2012, das 9:00h às 18:00h

Onde: Rodovia Ayrton Senna, km 08 – entre Itirapina e São Carlos

VEJA TAMBÉM:

9
Deixe um comentário

avatar
8 Comment threads
1 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
8 Comment authors
OptimusMarcosJulio RibeiroLeandro pioLivre-Pensador Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
profjulioribeiro
Visitante
profjulioribeiro

Por falar em eventos e apresentações, olha que interessante:

“Esquadrilha da Fumaça cancela apresentações nos EUA devido a cortes no orçamento

Fernando Valduga

A EAA (Experimental Aircraft Association) foi informada pela Esquadrilha da Fumaça da Força Aérea Brasileira, que a sua primeira aparição no AirVenture, programada para julho de 2012 em Oshkosh, além de outros dois shows aéreos norte-americanos, foram cancelados por causa de cortes orçamentários no Brasil.

A equipe brasileira também cancelou as apresentações em Julho nos shows aéreos em Dayton e Willoughby, Ohio…”

Fonte: Notimp do site FAB
http://www.fab.mil.br/portal/capa/index.php?datan=22/06/2012&page=mostra_notimpol

Saudações

Clésio Luiz
Visitante
Member
Clésio Luiz

Será que não tema ver com a não aparição dos Thunderbirds por aqui, no aniversário da EDA? Afinal, que eu me lembre nós fomos lá em um dos aniversários deles.

MikaBak
Visitante
MikaBak

Caro Clésio Luiz, aplicando o princípio da navalha de Ockham, “a explicação mais simples é a correta”, creio que a falta de verba é mais provavel.

Livre-Pensador
Visitante
Livre-Pensador

Os Thunder estiveram em cumbica em 1954 vieram de F84 H ouG e por diversas vezes na apresentação romperam a barreira do som nos mergulhos eu vivi aquilo era criança fui com meu pai,depois vieram em SJC com F4 foi demais ,inesquecivel,e agora apesar das grosserias do GF mandaram 2 F18 ta bom demais para quem não merece tanta gentileza.

Leandro pio
Visitante
Leandro pio

Visto que o governo esta cortando horas de voo, estamos caminhando para o FX? . Mas gostaria de ver a opinião dos colegas na formação de um plano B para o FX2, como a marinha fez com a compra de 3 novos navios.
Abraços a todos

Julio Ribeiro
Visitante
Julio Ribeiro

off topic, mas ainda dentro da questão da “falta de verba” ou “falta de vergonha dos governantes”:

“VANT da Polícia Federal está parado há quatro meses”

http://www.cavok.com.br/blog/?p=51689

Saudações…

Marcos
Visitante
Marcos

Aproveitando a carona do FX2 e de quem entende.
Por que a India vai pagar 12 bilhões e dolares por 128 Rafale e o Brasil tem de pagar 10 bilhões de dolares por apenas 36 aviões se escolher o Rafale ?
E mais por que somente 36 aviões e não 128 como a India ?

Optimus
Visitante
Optimus

Ora, Marcos… E a Arábia Saudita que levou 84 F-15 por US$ 11 Bi…