quarta-feira, setembro 22, 2021

Gripen para o Brasil

Ministro francês diz esperar tranquilo o anúncio de Lula sobre caças

Destaques

Fernando "Nunão" De Martini
Pesquisador de História da Ciência, Técnica e Tecnologia, membro do corpo editorial da revista Forças de Defesa e sites Poder Aéreo, Poder Naval e Forças Terrestres

O ministro francês da Defesa, Hervé Morin, declarou nesta quinta-feira que espera tranquilamente que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva anuncie neste mês que seu país vai comprar da França os aviões de combate Rafale, em uma operação milionária. “Espero tranquilo, serenamente, o anúncio ou a declaração do presidente Lula prevista para o mês de julho”, declarou Morin ao canal de TV “LCI”.

“O Brasil é um sócio estratégico maior”, acrescentou, enfatizando ainda que “o Brasil decidiu refazer seu exército com a indústria francesa”. O ministro recordou que a França já vendeu ao Brasil 51 helicópteros. “É o segundo maior contrato de venda assinado pela Eurocopter”, enfatizou Morin, que também mencionou a assinatura de um contrato para a construção de submarinos.

O avião de combate Rafale, do construtor aeronáutico francês Dassault, compete com o F/A-18 Super Hornet da americana Boeing e com o Gripen NG do sueco Saab por um contrato para vender 36 aparelhos ao Brasil.

Lula deveria anunciar sua decisão a partir de maio. Em várias ocasiões, declarou que o Rafale era mais vantajoso para o Brasil, pois o construtor francês estava disposto a transferir tecnologia para o Brasil, tal como prometeu o presidente francês Nicolas Sarkozy durante uma visita a Brasília em setembro de 2009.

FONTE: France Presse via Folha de São Paulo

FOTO: Armée de l’air (Força Aérea Francesa)

VEJA TAMBÉM:

- Advertisement -

47 Comments

Subscribe
Notify of
guest
47 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Clevston Kvowster

Torço para que esta novela termine logo, não importa a aeronave, depois compramos outra aeronave de patreleira, mais o que não podemos é deixar a FAB sem aeronaves para proteger o Brasil.

Francisco AMX

Será Sr. Hervé…? deus te ouça! e que acabe isso de uma vez!

Giordani RS

É preciso encerrar essa novela tupiniquim à la mexicana o quanto antes! O melhor aparelho(Sukhoi – na minha opinião, minha opinião…) foi descartado logo no início…
Venha quem vier já estará ótimo!
A FAB não pode mais esperar! Duas gerações de profissionais foram perdidas até a entrada em serviço dos “Mikes”…
Tomara que dessa vez não seja outra falácia…

ZE

O ministro francês da Defesa, Hervé “carrinho-de-mão” Morin, esqueceu de comentar que, anunciar a vontade de comprar é uma coisa. Efetivar a compra, é uma outra coisa. Como já dito, vários e vários dossiês irão aparecer nos jornais, telejornais, revistas, internet (inclusive aqui no blog). Ademais, o MPU e o TCU terão uma ou duas palavrinhas acerca disso. Em época de eleição,(……………………………………..)!!! Desta forma, não creio que o anúncio (se é que haverá algum dia esse tal de anúncio) será feito antes das eleições. Ps: NÃO vale carta de intenção ou acordo de opção. Maquiagem NÃO vale !!!! [ ]s… Read more »

Robson

Finalmente um tópico, onde podemos falar de FX-2 sem levar uma retranca, querem saber? Assim não tem graças, vamos fazer um protesto, o só vamos debater quando e se sair o resultado.

Marcos

Em epóca de “política” aparece cada mentiroso.
O Minst. da França, tranquilo?
Só se fosse um 1º de abril, para acreditar nessa conversa mole.

O RaFAil já perdeu e eles sabem disso, se for anunciado (E dependendo do proximo Presidente), não leva, no muito uns tapinhas nas costas e só.

Rodrigo

Antes da eleição, com todas estas suspeitas ?

Nem vendo eu acredito mais!

Ivan

Este assunto cansou, mas não há como fugir dele. Primeiro. Todo mês, as vezes duas ou três vezes ao mês, há uma notícia semi-oficial de possível fechamento de venda do Rafale. Se 20 % dos “prospects” anunciados como quase certos se transformassem em negócio certo, assinado, a Dassault já teria começado a recontratar pessoal. Segundo. As frases: “O Brasil é um sócio estratégico maior”; e ainda; “o Brasil decidiu refazer seu exército com a indústria francesa”; do Sr.Hervé carrinho-de-mão Morin dá a entender o que eles entendem por sócio estratégico, a França vende o Brasil compra, simplesmente. Eles anunciam que,… Read more »

Fabio

Vamos aos FATOS – nenhum pais faz 100% de TT, pode ser aliado/amigo/oq for, isso nunca acontece! – dos 03 caças, sem DÚVIDA nenhuma o melhor (mas também possívelmente mais caro) é o Rafale, isso não tem como discutir… – então que se compre logo o MELHOR caça! – e como se faz para manter um “bicho caro”? ué, para isso que existe o governo federal! não é mais papel das FA pensarem nisso! foi quando os militares eram governo também, hoje não é mais! – e se o governo (eleito democraticamente) “diz” que o melhor para o Brasil é… Read more »

Guilherme Poggio

Fabio escreveu:

dos 03 caças, sem DÚVIDA nenhuma o melhor (mas também possívelmente mais caro) é o Rafale, isso não tem como discutir…

Fabio, você poderia fazer um resumo do porquê o Rafale é melhor (na sua opinião)?

Nick

Foi ele que disse que o KC-390 é um carrinho de mão???

É duro de engolir essa arrogância desse ministro frânces. Quem é ele para dizer quando o presidente tem que anunciar o FX-2?

No mais, acredito que esse assunto ficará para depois das eleições. Se (…………………………………)

[]’s

COMENTÁRIO EDITADO. EVITEM ENTRAR EM ASSUNTOS ELEITORAIS, SITUAÇÃO, OPOSIÇÃO ETC, PARA O DEBATE NÃO DESCAMBAR PARA PREFERÊNCIAS DE VOTO E PROPAGANDA POLÍTICA.

Joca

E essa arrogância toda disfarçada de confiança do Ministro Hervé Morin, seria o que?

Certeza da vitória ou blefe de perdedor? Será que está sabendo de algo?

Edcreek

Olá,

Que acabe a palhaçada:

Que compre;
Que assine um intessão de compra;
Que cancele;

Só não pode continuar com esse empurra empurra….

Abraços,

URUTAU

Caro Fabio

Plagiando o amigo Poggio voce realmente acreditaque o Rafale seja o melhor ?
Que o ainda inacabado Rafale supere o SH um vetor poderosissimo ou até mesmo o não tão poderoso mas extremamente versatil NG ?
Reflita melhor analise melhor pondere melhor e com certeza amigo Fabio chegaras a outras conclusões diversas desta sua atual

Um forte abraço Fabio

luiz otavio

bem, todos sabem que o Sarkozy não manda na Dassault, ele não pode garantir TT, penso eu.

M1

não é Sarkozy que está envolvido em corrupção?

http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI4550066-EI8142,00-Conheca+os+envolvidos+no+escandalo+da+herdeira+da+LOreal.html

Tito

Esses Franceses são realmente hilariantes. (2)

Alex

uma pena, que temos amigos aqui no forum que são omisso aos nossos diretos, de contribuinte, eu não aceita que uma compra desse port seja tão obscuro como esta se apresentando.

Darkman

Eles já tem a certeza da decisão por isso estão descansados.

Ser for o Rafale que seja, mas quero ver os Franceses cumprirem todo o contrato, sem adicionar nada mas no preço estipulado e depois na entrega de peças.

Retirar o Su35 desse FX2 foia maior loucura qe fizeram !!!

Abs

Edu Nicácio

“Retirar o Su35 desse FX2 foia maior loucura qe fizeram !!!”

Por que não ouviram o Unger? Precisamos de mais e maiores parcerias com os russos…

Su-35BM + PAK-FA = meu sonho de ter uma Força Aérea com F maiúsculo…

Guilherme Poggio

Edu Nicácio escreveu:

Por que não ouviram o Unger?

Porque ele entende tanto de caça quanto o Jobim.

grifo

Bem deselegante (para dizer o mínimo) esse ministro da França cobrar uma decisão do Presidente do Brasil. O presidente Lula nunca falou que ia decidir em Julho, e ele decide quando ele quiser e bem entender.

sf

concordo com os comentarios acima..a melhor parceria russos foi os primeiros que eles excluirão. eles não estão nem ai para melhor tecnologia. os que mais conhecem sobre o assunto profissionalmente são os que menos podem opinar. nunca na história deste pais ouve uma palhaçada maior que esta.

Curvo

Caro Fabio disse:
15 de julho de 2010 às 14:25

Acho (opinião minha, ok ?) que se o RAFALE fosse assim “TÃO BÃO” o nosso salve salve salve MuLLahrg! LuLLa LLá do alto do seu índice de aprovação de mais de 80%,já teria o escolhido (e anunciado e fechado o contrato) sê não anunciou é por que aí tem coisa, e demais à mais não acredito que este seja o melhor vetor, nem muito menos o melhor pacote de off-set, recomendo-lhe melhores leituras … uma boa noite !!!

Leandro

O governo não desiste desse bendito Rafale…”ponte que partiu” hein…
Uma pergunta, se o governo federal bater o martelo no Rafale, o Congresso pode vetar essa compra? Isso é, a escolha pode ser feita e assinada e o caça não vir?
Uma última pergunta, porque os USA ofereceram o F-18 SH e não o F-35?
Enfim…que venha logo alguma coisa!

Darkman

O Rafale sempre foi o escolhido na minha opinião esse tempo foi apenas para fechar as negociações para que quando fizer o anúncio já está tudo acertado e colocado no papel faltando apenas a assinatura. Edu Nicácio, Tiraram o Unger pq ele era única pessoa sensata e com miolo dentro de todo o contexto. Quem pensa em uma força de verdade não pensa só em 120 caças, pelo menos deveria ser 600 caças pelo tamanho do nosso País. Outro problema que temos é que a FAB tem alergia aos Russos uma tremenda bobeira(para não dizer outra coisa). Veja bem a… Read more »

grifo

Uma pergunta, se o governo federal bater o martelo no Rafale, o Congresso pode vetar essa compra? Isso é, a escolha pode ser feita e assinada e o caça não vir?

Caro Leandro, a compra do FX-2 depende de dotação orçamentária e de aprovação do financiamento externo pelo Senado. Portanto, em tese sim poderia impedir a compra.

Na prática, o governo tem maioria e aprova praticamente o que ele quiser.

Nick

Caro Leandro,

Eu entenderia que o maior problema do F-35 seriam os prazos de entrega. E talvez a questão das TTs pegariam também. Mas dizem que foi oferecido o F-16C B-60 e para o futuro o F-35 (Sonho do Saito).

[]’s

Galileu

Sim Grifo, governo tem maioria na camara e senado ¬¬, democracia brasileira

Jakson Almeida

Como é que o rafale opera no afeganistão ,ha claro com um m2000 que ilumina o alvo,mas que caça avançado nem mesmo consegue atacar um alvo sozinho!

Vader

Quem acha que o simples anúncio resolve a questão deveria rever seus conceitos…

Fabio

Quanto aos motivos do Rafale ser o melhor, tenho que confesar que a analise não é minha, mas sim de um “vamos chamar de amigo” piloto da FAB, que me apontou vários intens comparando os 03 vetores. Devido ao seu conhecimento técnico aprimorado simplesmente “comprei a idéia”, pois é um estudioso a respeito do assunto e minha expecialidade é terra e não ar. Agora a minha opinião sobre o FX-2: Não interessa o vetor que será comprado, o importante é comprar UM deles! Depois da chegada do primeiro esquadrão, serão necessários alguns anos até ser conhecida toda a capacidade operacional… Read more »

Harry

Caros Atentem para o fato de se Lula anunciar o Rafale em Julho ou ainda em seu governo fica, se (…………………………….), praticamente efetivada a compra. Eu não conta com ovos fora do cesto. Esse ministro, deve-se deduzir, que sabe do que esta falando, senão deve esta em fim de carreira ou a coisa ta pior pros gauleses do que nos poderiamos imaginar. Chegar no final desse prazo e Lula nada pronunciar, os franceses não deverão ser levados a sério, mais uma vez, afinal parece que o multilaterismo Frances não incluia o Brasil, só os 5+1, Hi, Hi, Hi,…..Hi….. Hi………. Boa… Read more »

Wilson Figueiredo

Aliás, estamos “lotados” de anúncios dessa novela mexicana ao quadrado. Repetindo: e se na “parada” existisse uma poderosa empreiteira previamente escolhida para construir pelo menos uma base para os caças, tudo (já viram esse filme?) no pacotão? Pois é…

Deivid

Estes 51 helicopteros seriam os EC-725 para a marinha?

Mario Blaya

ele esta tranquilo, afinal 3 rivotril 2.0 mg e um garrafa de conhaque na cabeça sossega qualquer um!

Vader

A verdade é que essa tranquilidade do cidadão não existe, a não ser à base de rivotril. Leiam até o fim:

http://www.defensenews.com/story.php?i=4710029&c=&s=TOP

Sds.

grifo

Obrigado pelo link Vader. Dá para entender melhor agora o desespero deste cidadão, cobrando (sabe-se lá com que autoridade) uma decisão do nosso presidente. Agora, se a França realmente parar de receber novos Rafale por pelo menos dois anos, o que acontece com a versão “F3+”, aquela com radar AESA? O trabalho de integração seria feito no ano que vem e a entrega em 2012, sumindo a verba como é que fica? Já tinha se falado muito aqui que os franceses estavam procurando um “parceiro” para pagar a conta, e que se ele não aparecesse não haveria radar novo, motor… Read more »

Rodrigo

Guilherme Poggio disse:
15 de julho de 2010 às 17:38

Perfeito!

Advogado, pensador, filósofo e outras áreas com 0% de conhecimento de equipamento militar tem tomado decisões demais neste país.

Diga-se de passagem, estas profissões também não dão lá grande visão estratégica e de política.

Vader

Rodrigo disse: 16 de julho de 2010 às 10:12 “Advogado, pensador, filósofo e outras áreas com 0% de conhecimento de equipamento militar tem tomado decisões demais neste país. Diga-se de passagem, estas profissões também não dão lá grande visão estratégica e de política.” Discordo caro Rodrigo. “Essas profissões” por terem um escopo via de regra generalista, podem conferir ao indivíduo (em geral) uma visão muito mais ampla do que a visão estrita de um técnico, desde que, obviamente, na parte rigorosamente técnica, o sujeito esteja bem assessorado por estes. O problema não é esse, e sim que o Ministro Jobim,… Read more »

moises

Enquanto as autoridades brasileiras ficarem fazendo concorrência entre empresas forncedoras de equipamentos militares a exemplo dos caças, nunca saíremos da novela de FX.
O que tem que ser feito é entrar direto num programa de desenvolvimnto como o Pak Fa(como fez a India), ou então fazer uma compra direta sem concorrência, o que já poderia ter sido feito à muitos anos, assim não existiria a novela Fx e com certeza a Fab já teria um novo vetor já operacional.

moises

Indonésia e Coréia irão desenvolver juntas um novo caça 4,5 geração e estão atras de parceiros ocidentais, seria uma boa oportunidade para Fab e também para a Embraer, já que dispensamos o projeto do Pak Fa, segundo a reportagem que eu li, ele será mais moderno e mais furtivo que o Rafale e o Eurofight Typhoon.

relampago

Meu deus ate a corea do sul tem projeto proprio de caça stealth de 4/5g nao me conformo como um pais do tamanho do brasil tenha um pensamento tao pequeno na questao de defesa nacional.Vou rezar para
que esse maldito fx2 va para o espaço e entrarmos no pak fa,porque esperar que desenvolvamos alguma coisa sozinho e ser muito esperançoso.

grifo

Ainda sobre o radar AESA, mais algumas novidades hoje. O ministério da Defesa francesa está congelando todos os seus contratos com a Thales:

http://marches.lefigaro.fr/news/societes.html?&ID_NEWS=151462318

Para os francófonos aqui do fórum:

L’inquiétude est donc palpable au sein du groupe : «nous allons à la catastrophe», confie ainsi une source interne à La Tribune. Le quotidien économique estime que 135 contrats entre le ministère et Thalès pourraient être gelés.

E esse era o radar “sem risco” que a Dassault propagandeava para o Rafale…

Rodrigo

Desculpe Vader, mas área técnica é algo muito complexo para quem não tem o hábito de lidar com ela. Para o leigo tudo é fácil, tudo é simples, porque é só apertar um botão. Idem para os neófitos do Governo no assunto, que tem decidido. Digamos que fosse o inverso e me colocassem como Ministro da Justiça. Po mais que eu tivesse os melhores e mais brilhantes do juristas do Brasil me acessorando, qual você acha que seria a qualidade das minhas decisões ? Faz um tempinho eu estava explicando algumas coisas sobre desenvolvimento de software para um “grande jornalista… Read more »

Vader

Rodrigo disse: 16 de julho de 2010 às 13:56 Rodrigo, função política é função política, não função técnica. Ministro é função política. E para ser político não é necessário ser técnico. É necessário usar a lógica, ser bem assessorado por técnicos, e confiar no trabalho e no julgamento desses. A tristeza é que o poder político nacional não confia na área técnica (Forças Armadas e indústria bélica nacional), por razões ideológicas. Ou seja: nosso país está dividido. O poder político não está a falar a mesma língua do poder militar e do econômico. E divididos iremos morrer, todos abraçadinhos, enquanto… Read more »

Vader

Rodrigo disse: 16 de julho de 2010 às 13:56 Ah Rodrigo, detalhe, em complementação: Em nosso país, vivemos de ficção: o governo do “Brasil-Super-potência”, edita uma norma (END) que é um completo e absoluto exercício de retórica. Mal e porcamente dá algumas diretrizes gerais, mas não concretiza de fato nem uma única medida para implementar o que prevê. Só retórica. Só “devemos fazer isso” e “devemos fazer aquilo”. Como diriam os gringos: “Great. So what?” E pra fazer? Por outro lado, e seguindo na mesma linha fictícia, os planos de reaparelhamento das Forças Armadas são completamente risíveis: o Exército tem… Read more »

Últimas Notícias

Embraer amplia o Programa Pool com a Cobham, da Austrália

Singapura – 22 de setembro de 2021 - A Embraer anunciou hoje a assinatura de uma extensão e ampliação...
- Advertisement -
- Advertisement -