Home Aviação de Caça Caças F-5 chilenos estarão nos 100 anos da aviação militar no Uruguai

Caças F-5 chilenos estarão nos 100 anos da aviação militar no Uruguai

386
18

F-5 Tiger III - foto Força Aérea do Chile - FACh

Na quinta-feira, 7 de março, comemorou-se 100 anos da “Aviación Militar” e da  “Escuela de Aviación” no Chile e, coincidentemente, neste ano também serão comemorados os 100 anos da Aviação Militar no Uruguai. Por esse motivo, a Força Aérea Uruguaia convidou a Força Aérea do Chile (FACh) para uma comemoração a se realizar em Mondevidéu.

A Força Aérea do Chile será representada na ocasião pela IVª Brigada Aérea, com quatro aeronaves F 5 Tigre III que se deslocarão de Punta Arenas a Montevidéu num voo direto, com reabastecimento aéreo. Segundo o site da Força Aérea Uruguaia, foi em 17 de março de 1913 que nasceu a Aviação Militar no país.

F-5 Tiger III - foto 2 Força Aérea do Chile - FACh

FONTE / FOTOS: Força Aérea do Chile (tradução e edição do Poder Aéreo a partir de original em espanhol)

NOTA DO EDITOR: uma questão de proximidade não explicaria o deslocamento de caças de Punta Arenas a Montevidéu quando comparamos com a localização de outras unidades de caça chilenas, dado que a base de Antofagasta, por exemplo, está um pouco mais próxima. Evidentemente, muitos motivos podem ter influído na escolha dos F-5 Tiger III para esta visita de representação, mas não custa elocubrar. Poderia ser esta uma oportunidade de demonstrar, a um eventual comprador interessado, aeronaves que em breve poderão ser desativadas da FACh? Apesar das restrições orçamentárias que afetam há longos anos a Força Aérea Uruguaia (cuja Aviação de Caça opera jatos A-37 e turboélices Pucará), nunca se sabe…

VEJA TAMBÉM:

Subscribe
Notify of
guest
18 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Justin Case
Justin Case
7 anos atrás

Nunão,

Muito interessante a sua nota. Deve ser isso mesmo.
Abraço e bom domingo,

Justin

Marcos
Marcos
7 anos atrás

Uia!
Uma passada por aqui e já podemos começar a negociar.
A gente arremata os lotes de F-5 chilenos e em contra-partida,
ao invés de efetuarmos um pagamento, o BNDES faz um
empréstimo para eles adquirirem um lote de F-16 novos de
fábrica.

Roberto Bozzo
Roberto Bozzo
7 anos atrás

Acho um absurdo eles gastarem preciosas horas de voo de nossos (futuros) caças….

Mayuan
Mayuan
7 anos atrás

Do jeito que vai a coisa. Estarão presentes também nas nossas comemorações de 100 anos. Só que as nossas serão comemorações de 100 anos de serviço do F5 na FAB…

Giordani
Giordani
7 anos atrás

Interessante…e a FAB não foi convidada? Canoas e Santa Maria estão a 15 min de Montevideo…

Uruguay + governo esquerdoPaTa local + mujica e seu fusca = SEM TIGER III pra eles!

Hamadjr
Hamadjr
7 anos atrás

Torço para que o governo do Brasil doe os Mirage III para o governo do Uruguai, afinal é melhor os Dassault do que os A-37

jacubao
jacubao
7 anos atrás

Cara, nem o Uruguay vai querer aqueles MIRAGE III, só museu vai querer.

Giordani
Giordani
7 anos atrás

Hamadjr disse: 9 de março de 2013 às 19:24 Tá de sacanagem com os cisplatinos? Presente de grego! Quer doar pra eles um avião “cego”? Um verdadeiro Xavante Mach 2?!?! Se os caras mal tem pra manter A-37 e Pucará voando, imagina se vão ter dinheiro para a manutenção do motor Atar… Sabe o que tinha de fazer? O governo do brazil tinha de comprar todas as células de Forevis-5 disponíveis no Universo, retrofiar todas para o padrão “Mike” e vender para esses pobres, claro, tudo financiado via BNDE$! Uruguay, Paraguay, Honduras, El Salvador, Botswana, Zamunda…Essa gente ficaria atrelada e… Read more »

Marcos
Marcos
7 anos atrás

“A gente arremata os lotes de F-5 chilenos e em contra-partida, ao invés de efetuarmos um pagamento, o BNDES faz um empréstimo para eles adquirirem um lote de F-16 novos de fábrica.” Alguém acha que estou brincando? Neste governo cumpanhero vale tudo. Por exemplo: o governo brasileiro, via BNDES, estuda financiar a compra da TAP pela Avianca. Veja bem: o governo aqui do Brasil, com dinheiro tirado a força do nosso bolso, pretende financiar a compra de uma companhia aérea de Portugal por uma companhia da Colômbia, ou seja, não tem nada a ver com nós, entretanto recusou-se a pagar… Read more »

Hamadjr
Hamadjr
7 anos atrás

Ta bom, então vamos trocar os F-2000 por carne, para quem conhece os cortes uruguaios aqui na região sul sabe que preço justifica o escambo.

Almeida
Almeida
7 anos atrás

Hamadjr, poderia ser até acém, patinho e lagarto moídos que nós sairíamos no lucro!

Observador
Observador
7 anos atrás

A segunda foto está belíssima.

O F-5 pode ser antigo, mas… …êta aviunzim bunito, sô!

Mauricio R.
Mauricio R.
7 anos atrás

A Avianca da Colômbia é parte do Grupo Águia, ao qual tb pertence a Synergy dona da Avianca Brasil, ex-OceanAir. Qnto a Varig, estratégica ou não, as contas tinham que fechar no fim do mes e isto creio eu, nunca aconteceu. E não seria a grana devida pela União que resolveria a questão, mas a troca do modelo de governança corporativa e qnto a isto, os próprios funcionários eram contra. Deu no que deu. No mais e parecendo que pimenta nos olhos dos outros deixou de ser refresco, o que a Varig aprontou contra a Panair, voltou-se contra ela própria… Read more »

Marcos
Marcos
7 anos atrás

Caro Mauricio

Ainda assim a Avianca continua sendo uma empresa colombiana.
E a Varig, de mau a pior por conta dos sindicatos, falida dentro da Casa Civil com ou sem o efetivo dinheiro, tinha o direito, diga-se julgado em última instância, a receber a indenização.

Mas não é essa a questão central a que coloquei o assunto. É o fato de que não é impossível que o governo brasileiro, antes mesmo que compre seus próprios caças, venha a financiar a compra para outros países. É o Brasil cumpanhero em ação.

Marcos
Marcos
7 anos atrás

Em relação aos caças:

Há lago mais na compra dos caças que não sabemos. Dizer que não há dinheiro é bobagem, tal é a gastança que vemos. É mais de uma década sem que se tenha uma decisão. Vejam bem: decisão, não necessariamente a compra. Afinal, qual é o caça escolhido? Três presidentes e quatro administrações e … nada.

Justin Case
Justin Case
7 anos atrás

Amigos,

Conforme previa o Nunão na nota do editor:

http://www.generaccion.com/noticia/184840/chile-le-vendio-uruguay-doce-aviones-f-5-tiger-iii

(link postado por BrasilPotência no fórum Defesa Brasil)

Abraços,

Justin