domingo, maio 9, 2021

Gripen para o Brasil

Z-20 será o helicóptero militar mais produzido da China

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Espera-se que o mais recente helicóptero utilitário tático comissionado e totalmente feito na China, o Z-20, se torne o helicóptero mais produzido do país entrando em serviço não apenas com o Exército Chinês, mas também com as forças aéreas, navais e policiais armadas do país, com mais perspectivas de vendas de exportação, disse o projetista-chefe do helicóptero.

O Z-20 pode desempenhar um papel semelhante ao UH-60 Black Hawk nas forças armadas dos EUA e atingir um número de entregas semelhante ao do helicóptero dos EUA, previram analistas no dia 19 de novembro.

O helicóptero Z-20 será produzido em série e servirá no Exército de Libertação Popular (PLA), bem como na Força Aérea, na Marinha e na Polícia Militar do Povo, podendo até servir no exterior em breve, Deng Jinghui, disse o designer-chefe do Instituto de Pesquisa e Desenvolvimento de Helicópteros da China, da estatal Aviation Industry Corp of China, na China Central Television (CCTV).

Quando o Z-20 estava em fase de projeto, a ideia era que ele se tornasse um helicóptero utilitário de médio porte com amplos cenários de aplicação, assim como a série UH-60 Black Hawk dos EUA, que está em serviço com vários ramos militares dos EUA, disse Wang Ya’nan, especialista em aviação militar e editor-chefe da revista Aerospace Knowledge de Pequim, ao Global Times.

Em termos de tarefas de transporte tático, o Z-20 pode entregar rapidamente equipamentos, mercadorias e pessoal de combate, ou resgatar os feridos da linha de frente. Ele também pode operar em navios de guerra, incluindo navios anfíbios de desembarque e porta-aviões, disse Wang, observando que o helicóptero pode ser modificado em variantes de missões especiais para guerra antissubmarino, patrulha e tarefas de reconhecimento.

Deng disse que espera que o Z-20, o helicóptero de quarta geração da China que representa o mais alto nível tecnológico do país, se torne o tipo de helicóptero mais produzido no país e permaneça em serviço por muito tempo.

Em termos de entregas, o Z-20 poderia atingir um nível semelhante ao UH-60, previu Wang, observando que cerca de 2.000 a 3.000 unidades podem ser fabricadas.

A reportagem da CCTV também revelou que o Z-20 foi testado em ambientes hostis, incluindo planaltos, regiões extremamente frias e regiões com alta umidade e temperaturas antes de seu comissionamento, e o helicóptero é capaz de realizar missões em todas as áreas da China.

Z-20 naval

Mockup da versão naval do Z-20 a bordo de um destróier Type 055
Mockup da versão naval do Z-20 a bordo de um destróier Type 055

O helicóptero Z-20 fez sua estreia pública no desfile militar do Dia Nacional em 1 de outubro de 2019. No China Helicopter Development Forum de 2019, realizado no município de Tianjin no norte da China, Wang Xibao, engenheiro-chefe do AVIC Harbin Aircraft Industry Group, disse ao Global Times que a aeronave usa muitas das tecnologias mais avançadas do mundo, incluindo controles ativos de vibração, fly-by-wire, designs de rotor de baixo ruído e designs aerodinâmicos de alto desempenho para o rotor.

É também o primeiro helicóptero chinês a usar a tecnologia anti-gelo e degelo desenvolvida internamente para rotores, o que torna a China o quarto país do mundo a possuir essa tecnologia, informou a CCTV.

O Z-20 também possui motores domésticos potentes o suficiente para voar em platôs de baixo teor de oxigênio, de acordo com seus fabricantes.

FONTE: Global Times

- Advertisement -

71 Comments

Subscribe
Notify of
guest
71 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Claudio

Parabém aos chineses por fazerem o trabalho de casa, estão se tornando INDEPENDENTES, enquanto aqui “Brazil” vivemos uma eterna subserviência aos Estados Unidos

Joli Le Chat

É isso aí.

Não falo de subserviência aos EUA, mas aqui parece que só tem valor se o helicóptero for criado do zero, por brasileiros e com ciência brasileira.

Por isso que não se faz quase nada por aqui. E, quando se faz, faz um só para mostrar que consegue e pronto. Nada de continuidade.

Fabio Araujo

Mas esse helicóptero não foi criado do zero, foi feito com base em alguns UH-60 que os chineses compraram, mas engenharia reversa só faz que sabe, se não fizer bem feito a cópia não presta e os chineses se especializaram em engenharia reversa!

JORGE PETROLA FERREIRA

Concordo que é uma cópia… Mas vou parafrasear Newton quando este declarou que só pode enxergar mais adiante em função de se apoiar nos ombros de gigantes (os físicos que o antecederam).

Replicaram a aeronave, aprimoraram o processo de reengenharia e adaptaram o produto aos requisitos chineses.

Paulo Sollo

O negócio por aqui é comprar helicópteros pelo dobro do preço com transferência de tecnologia para apertar parafusos de matriz estrangeira para filial brasileira.

Joao Moita Jr

Bom, para dizer a verdade nenhum equipamento militar é feito do zero. Por exemplo, o Brasil poderia ter partido do F-5 e AMX/A1 para um programa nacional, e hoje teria algo comparável ao Tejas. O Cascavel foi baseado no Greyhound, o Osório no M-41 se não me engano, e por aí vai. Mas acho que o problema do Brasil é outro. Simplesmente não existe o ímpeto para isso.

JackTheRipper

A lagosta e as pensoes para filhas solteiras sao criaçoes 100 % nacionais

ERIVELTON SILVA

Países como o Brasil conseguem sobreviver por causa de duas verdades econômicas: Primeira: Os produtos primários tem um custo de produção baixo em relação ao preço de venda. Os produtos Industrializados precisam de muita tecnologia mas tem um limite de preço: custo de produção alto (tecnologia avançada) em relação ao preço de venda.

Antonio Renato Cançado

Parabéns por copiar produtos dos outros descaradamente?

Mgtow

Chora na cama que é lugar quente.
Copiando ou não eles alcançaram um outro patamar.
Não se esqueça que todo conhecimento e know how estadunidense no campo aero-espacial foi conseguida graças ao espólio nazista. Nãose esqueça disso

Luiz Trindade

Mas para os extrema direita o que importa é a frase “Tirar o PT do poder”! Se vamos explodir como nação isso não importa. O que importa é “Tirar o PT do poder”. Outras soluções estão proibidas!

Mgtow

A extrema direita que desfila com bandeiras de Israel e dos EUA. E ainda querem falar grosso quando o assunto é soberania.Esse povo é uma farsa sem tamanho

Last edited 5 meses atrás by Mgtow
leonidas

Se pode desempenhar ações semelhantes ao aparelho americano com a mesma eficiência fica em aberto a questão, mas não a “semelhança”
Dá licença vai ser cara de pau assim na China (com o perdão do trocadilho)
Se fosse os EUA consideraria pedir compensação comercial para nações que comprassem essa cópia.
Copiar na cara dua e usar internamente pode até ser “tolerado” mas colocar para venda no mercado externo eventualmente concorrendo com o produtor original é osso…rs

João Fernando

Cumé que os states vão cobrar do Irã e da Venezuela? E a Coreia do Norte?

leonidas

Obvio que não há como né? é zueira…rs

Clésio Luiz

Pelo visto você não ficou sabendo que esse modelo foi licenciado para a China ainda na década de 1980…

Até o massacre da praça de Beijing, uma boa quantidade de material militar ocidental entrou na China vindos direto da fonte e entregues com um belo sorriso (por causa do dinheiro pago, obviamente).

leonidas

Licenciado não significa apropriação de propriedade intelectual.
São coisas distintas, vc licencia e produz mas não começa a produzir o equipamento com uma denominação própria franqueando exportação.
Até onde eu sei licenciar o produto é uma produção acompanhada bem de perto pelo fabricante…
Obs: Tudo é dinheiro, não existe pais que se livre disso ainda que alguns possam conceber esta ideia absolutamente utópica.

Clésio Luiz

Patentes duram 20 anos. As do BH tem muito mais que isso. Portanto, legalmente os chineses estão cobertos, tio Sam gostando ou não.

Exemplo aqui é a Taurus produzir e exportar uma cópia da Beretta 92. Mesmíssimo caso da China com o BH.

Marcelo

tem que lembrar de avisar Israel tambem que fez a mesma coisa com o Mirage V –> Nesher, depois Kfir. E bem antes dos 20 anos que o Clesio citou abaixo. A necessidade é a mãe das invenções, ou nos casos da China e Israel, das cópias.

Mgtow

Vc é estadunidense para se doer por eles?

Cristiano de Aquino Campos

Tambem tem a questão do tempo de patente. Tipo, depois de 20 anos, o produto perde a proteção legal da patente. O Brasil usa muito essa lei para a produção de remêdios genéricos.

Claudio Moreno

Material de defesa não tem lei de patente, o fabricante detém os direito em modo “as eternun”.
A engenharia reversa na teoria é proibida.

CM

Cristiano de Aquino Campos

Então temos que pagar a patente dos nossos aviões da embraer para quem, já que num modo geral, seguembo mesmo projeto aerodinâmico dos demais aviões comerciais pelo mundo. Asa baixa com duas turbinas sob as asas. Sem falar no formato da frente do avião. Se colocar um do lado do outro em pespectiva e com as mesmas cores não dá para saber se é um boing, embraer, airbus, antonov e etc.

Rodrigo Martins Ferreira

A do AR15 depois de 50 anos expirou, por isto que tivemos uma explosão de modelos basedos no AR.

Roger

Quando você encontra alguém numa festa e pergunta:
-Sua cara me parece familiar… Aonde já nos encontramos?
E a pessoa lhe responde:
-我不认识你,你这个白痴

GripenBR

😂

Tomcat4,2

Hauhauhauhauhau!!!

Mgtow

hahahaha boa piada.
O importante é o know how adquirido.

Marcelo Bardo

Black Lawk ficou top!

Ricardo da Silva

Sem falar do Sea Lawk!
Esses serão os nomes códigos na OTAN?

Tomcat4,2

Lawk Pleto e Lawk Blanco !!!

Marcelo Bardo

Boa, Tomcat4,2!!! kkkkkkkkkkkkkk

oswaldo

China, CTRL+C…

Last edited 5 meses atrás by oswaldo
XFF

Parabéns para China!
Isso que é evolução. Daqui há uma década estarão melhor ainda em desenvolvimento de helicópteros de guerra e de transporte.
Agora que estão cada dia mais independente tecnologicamente, não precisarão temer sanções criminosas de certos países.

Antonio Renato Cançado

Parabéns por copiar produtos dos outros descaradamente?

Agressor's

E vc acha que os eua não fazem o mesmo com outros países?

Matheus Augusto

Pelo menos de cópia em cópia (e até pra copiar tem que ter competência) os caras vão criando uma capacidade militar de respeito.

Pior é aqui onde nem isso fazemos. O poderio militar da Puthênfia Brasil é igual a libertadores do Flamengo, fica sempre só no cheirinho.

Gabriel BR

Em breve teremos que comprar mais helicópteros para as Forças Armadas e em grande escala, uma oportunidade quase perfeita para alavancar a indústria nacional.

Gabriel BR

Minha intenção não era necessariamente expressar uma vontade de adquirir material chinês , mas apontar o fato de que teremos uma oportunidade de nacionalizar algum bom projeto que esteja disponível.

Cristiano de Aquino Campos

Não vejo problema de comprar da China ou Russia se o preço for bom e cumprir a missão. Não importa a cir do gato desde que ele mate o rato.

Cristiano de Aquino Campos

Que indústria nacional amigo. Montadora estrangeira não conta. Somos o segundo ou terceiro mercado de helicopteros no mundo e ate hoje só temos uma única montadora europeia no país. Eramos para ser como a China, com uma montadora de cada país e desdnvolvendo um nosso, más…..

Leo L

Não porque pareça igual a capacidade também será a mesma. A cópia deles do esquilo da Eurocopter o Z11 foi um fracasso de vendas internacionais, até os Argentinos rejeitaram com direito a licença de fabricação e tudo mais.

Cristiano de Aquino Campos

Não vale usar a Argentina como exemplo. Os militares deles são tão baba ovo de Americanos e europeus quanto os nosso, ao ponto de até aceitarem não ter forças armadas bem equipadas a comprar material Russo ou Chines. Eles já eram para ter caças de outra procedência desde a guerra das Malvinas, más….

Antunes 1980

A China não brinca em serviço. A passos largos eles vão ganhando terreno na area militar.
Por que o Brasil não possui nenhum equipamento chines na força aérea, marinha ou aeronáutica?

Last edited 5 meses atrás by Antunes 1980
filipe

Mas ainda solta muita peças essas maquinas chinesas

Cristiano de Aquino Campos

Pelo mesmo motivo de não termos nada Russo. Os EUA não iam gostar de termos algo mais capaz que eles não possam embargar. O pouco que temos foi comprado quase que na marra por pressão econômica e os militares nào gostaram a principo. Pelo menos os do exército não gostam.

Fernando Turatti

Nosso único helicóptero de ataque da força aérea brasileira é russo…
Honestamente, são raros os países que tendo acesso ao ocidente e grana pra bancar, optam por ir de China… Aliás, é possível que ninguém o faça mesmo.
Uma coisa é ir de Russia, onde os motores são bons, outra é ir de China, onde até eles tem problemas com seus jatos. Outro problema é que o rublo TAMBÉM é desvalorizado pra caramba, o que joga o preço dos equipamentos russos no chão.
Se quer economizar, vá de Rússia que ao menos é confiável.

Cristiano de Aquino Campos

Sim. E como disse nós foi empurrado por pressão econômica. O quê e um absurdo, não pela compra forçada em sí, más pelo fato que se não fosse assim, nem isso teriamos. E tem muita gente por ai, exeto o pessoal da FAB que ilera o aparelho, que fala mal dele.

Saldanha da Gama

Bom dia Antunes, acho que por vários motivos e um deles seria a confiança no equipamento, a mesma confiança que a maioria dos consumidores Brasileiros tem em carros chineses e olha que neste segmento, eles compraram montadoras e absorveram conhecimento. Abraços

Wilton Santos

Desse jeito os chineses vão superar os EUA como a maior potência militar do planeta!

Last edited 5 meses atrás by Wilton Santos
Schneider

É uma vergonha para o Brasil a incapacidade das assim chamadas “lideranças nacionais” de terem projetos sustentáveis de defesa. Generais, brigadeiros e almirantes se contentam em receberem sucatas dos Estados Unidos e Europa. Eventualmente, algum equipamento novo. As Forças Armadas não servem para proteger o país, mas para cabide de emprego. Todos jogam com a sorte de que o país nunca tenha que entrar um conflito bélico.

Cristiano de Aquino Campos

Sorte não amigo, estratégia. Chia e reclama um pouco, cede e ainda diz que fez um ótimo negôcio.

Gil U

Enquanto eles comemoram esse feito industrial e tecnológico, que não é muito mais do que a cópia sem licença e de forma desleal do helicóptero original UH 60, os americanos já trabalham a todo vapor no substituto do Black Hawk, isso sim digno de se chamar de inovação. Mais uma mostra de como os chineses possuem ainda uma defasagem tecnológica em relação aos americanos, ainda que tenham uma base industrial e cientifica de respeito. Não duvido que possam superar esse gap em relação ao seu maior adversário, mas neste meio tempo, não demonstram nenhum constrangimento em aplicar práticas desleais na… Read more »

sub urbano

Desleal foi o que o Ocidente fez com a China 200 anos atrás, os chamados “Tratados Desiguais”.

Gil U

Sim, você esta certo. Historicamente a China sofreu muito na mão das potencias Ocidentais, mas isso justificaria a postura atual deles? Então eles poderiam invadir e barbarizar a população Japonesa como desforra pelo que sofreram na segunda Guerra Mundial?

FABIO MAX MARSCHNER MAYER

Se o que aconteceu 200 anos atrás deve pautar o que acontece hoje, então o povo negro tem o direito de pegar todos os brancos que encontrar, entulhar nos porões de um navio “branqueiro” e vendê-lo para serem escravos na África.

Caio

China é aprender, reproduzir o conhecimento adquirido e aperfeiçoar. Vocês estão esquecendo uma coisinha ai.

Last edited 5 meses atrás by Caio
Antonio Renato Cançado

Parabéns por copiar produtos dos outros descaradamente?

Greyjoy

Para copiar e o negócio funcionar você precisa ter conhecimento. Nós não conseguimos nem isso.

Rodrigo

Alguém já viu alguma cópia ser melhor que o original. A China está uma geração atrás dos EUA, pois o helicóptero UH60 estarão sendo substituidos nos próximos anos pelo novos modelos na forcas armadas americna.

sergio ribamar ferreira

Parabéns aos chineses. O governo possui boa oportunidade de estreitar laços de defesa na aquisição e produção de material militar russo incluindo transferência de tecnologia mas infelizmente a mentalidade continua atrasada . Estamos prestes a sofrer embargos e sanções. O primeiro será do gripen. Motores e eletrônicos são de qual país cujo postulante ao cargo já deu a deixa de sancionar. “Somos um país amigo de todos”

Antonio Renato Cançado

Parabéns por copiar produtos dos outros descaradamente?

Antonio Renato Cançado

A China é INCAPAZ de criar ou inovar, só sabe copiar.

Agressor's

Se os EUA não se cuidarem logo serão eles que terão que espionar industrialmente e copiar os Chineses, pra não ficarem para trás! 😉

FABIO MAX MARSCHNER MAYER

Eles já fazem isso…

Antonio Renato Cançado

Mais um ploduto com a galantia de qualidade da pilatalia Tabajala…

Grozelha Vitaminada Milani

Muito se fala em cópia por engenharia reversa ou no popular control-c e control-v. Mas, sem uma boa engenharia de matérias e processo de fabricação não se tem um produto confiável e eficiente. O Governo Chinês não faria uma grande produção sem que o produto fosse bom. E devem ter otimizado e aperfeiçoado o helicoptero Black Hawk … afinal o original já voa há anos e levou um certo tempo e testes de validação do made in China ou RPC. Não temos como fazer um processo de engenharia reversa pois o investimento é muito grande por uma quantidade baixa de… Read more »

Last edited 5 meses atrás by Grozelha Vitaminada Milani
Zorann

Isto não é uma cópia… Longe disso. Os motores são diferentes, os sistemas são diferentes, não deve haver uma peça que seja igual ao Black Hawk. Eles são sim semelhantes externamente…. um lembra o outro e a coisa acaba por aí. São aeronaves diferentes

Tomcat4,2

Tudo bem que não deve ter o mesmo motor e instrumentação mas….quem não tem $$$ pra BH pode bem ir de Z-20 . Aparentam ser robustos .

JuggerBR

Usar um desses na Policia é bem exagerado, a não ser que a doutrina deles seja muito diferente do Ocidente.

Mgtow

Só digo uma coisa: Parabens aos chineses por esses avanços impressionantes em todos os meio de produção que o pais conquistou em tão pouco tempo.

Reportagens especiais

Visita ao National Naval Aviation Museum – parte 4

Os aviões fotografados nesta parte do National Naval Aviation Museum representam uma época muito criativa da aviação naval da...
- Advertisement -
- Advertisement -