Home Indústria Aeronáutica Reunião sobre o acordo de ‘Offset’ do Projeto F-X2

Reunião sobre o acordo de ‘Offset’ do Projeto F-X2

4260
6

Instituto de Fomento e Coordenação Industrial participa da 3ª PMM (Program Management Meeting) de Offset do Projeto F-X2

Foi realizada durante os dias 27 e 28 de Junho a 3ª Reunião de Gerenciamento do Acordo de Compensação (Offset) do Projeto F-X2. O evento foi realizado no Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA) em São José dos Campos, e contou com a participação da empresa sueca SAAB, responsável pelo fornecimento da nova geração do caça Gripen (Gripen NG) para a Força Aérea Brasileira (FAB) e pela transferência de tecnologia para o Brasil. Participaram ainda deste importante evento empresas brasileiras como Embraer, Akaer, Atech, Atmos e AEL Sistemas, parceiras da SAAB no design, desenvolvimento, integração, produção e suporte logístico para o Gripen NG (Gripen E/F), na condição de Beneficiárias do Acordo.

A Força Aérea Brasileira (FAB) foi representada pela Comissão Coordenadora do Programa Aeronave de Combate (COPAC) e pelo Instituto de Fomento e Coordenação Industrial (IFI), por meio de sua Divisão de Desenvolvimento Industrial (CDI), responsáveis por gerir, acompanhar e fiscalizar o Acordo de Compensação. Houve ainda representantes de Instituições de Ciência e Tecnologia (ICTs) vinculados ao DCTA e que figuram também como beneficiárias do Acordo em programas de desenvolvimento de tecnologias futuras aplicadas a caças, como o Instituto Tecnológico de Aeronáutica (ITA), Instituto de Aeronáutica e Espaço (IAE), Instituto de Estudos Avançados (IEAv), ou em ensaios em voo e certificação, como o próprio IFI e Instituto de Pesquisas e Ensaios em Voo (IPEV).

O programa de transferência de tecnologia para o Brasil tem o objetivo principal de capacitar a indústria aeroespacial brasileira com tecnologia e conhecimentos necessários para desenvolver, produzir e manter as aeronaves Gripen no Brasil.

A proposta oferece uma compensação tecnológica e industrial ao país, com contrapartidas superiores, em valor econômico, ao preço final do contrato comercial de aquisição das 36 aeronaves para a FAB. O Programa (Offset) do Projeto F-X2 está sendo implementado por meio de 62 projetos de Offset, organizados em diversas áreas de tecnologias relacionados ao caça Gripen NG.

O objetivo da Reunião PMM é avaliar, com participação de todos os envolvidos, o andamento da Execução do Acordo de Compensação, de modo a garantir o cumprimento de todas as atividades e entregas previstas, conforme prevê a legislação.

O caça Gripen E no seu primeiro voo na Suécia

Sobre o IFI

Criado em 1967, o Instituto de Fomento e Coordenação Industrial (IFI) é subordinado ao Departamento de Ciência e Tecnologia Aeroespacial (DCTA), localizado em São José dos Campos-SP.

A missão do IFI é contribuir para a garantia do desempenho, da segurança e da disponibilidade de produtos e sistemas aeroespaciais de interesse do Comando da Aeronáutica, prestando serviços nas áreas de Normalização, Metrologia, Certificação, Propriedade Intelectual, Transferência de Tecnologia e Coordenação Industrial, fomentando assim o complexo científico-tecnológico aeroespacial brasileiro.

É reconhecido pelo International Accreditation Forum (IAF) como organismo de certificação de sistemas de gestão da qualidade e de gestão da qualidade aeroespacial.

Na área de Compensação Comercial, Industrial e Tecnológica (Offset) atua como órgão de assessoria técnica a organizações contratantes do COMAER nas várias fases do processo.

FONTE: Instituto de Fomento e Coordenação Industrial / COLABOROU: João da Mata

6
Deixe um comentário

avatar
6 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
6 Comment authors
helio henrique silva pereiraAlexandre CondeGustavoMarco Antônio Passos BrandãoEverton Matheus Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Antonio de Sampaio
Visitante
Antonio de Sampaio

Já já eles aparecem.

Everton Matheus
Visitante
Everton Matheus

Eu sempre tive uma duvida. Essa transferência de tecnologia possibilita o Brasil produzir novos Gripen’s? Produzir quantos quiser? Poder vender a outros paises? A Saab/Suécia ganha algo a cada vez que o Brasil produzir um?

Marco Antônio Passos Brandão
Visitante
Marco Antônio Passos Brandão

Offset é uma contrapartida.
Eles darão treinamentos, cursos para professores universitários, estudantes. Dão material, cedem instrutores.
No Brasil quem chegar primeiro com a melhor indicação leva. Quem leva faz pano preto.

Gustavo
Visitante
Gustavo

EVERTON MATHEUS Essa transferência de tecnologia possibilita o Brasil produzir novos Gripen’s? Sim. Produzir quantos quiser? Sim, poderemos construir novos gripens aqui mesmo e na quantidade que quisermos. Ou não faria sentido pagar mais caro para ter a tecnologia, bastaria uma compra de prateleira. Pode vender a outros paises? A Saab/Suécia ganha algo a cada vez que o Brasil produzir um? Sim, poderemos, mas com a autorização da SAAB/Suécia e seus parceiros (motor americano, sistemas e etc de outras nacionalidades) e pagando os royalties por cada caça produzido. Exemplo, Argentina poderia comprar? Talvez, a Inglaterra veria com cautela a liberação… Read more »

Alexandre Conde
Visitante
Alexandre Conde

Espero que esses tribunais insensatos do Brasil não coloquem em risco nossa capacidade de aquisição e produção desse excelente caça, pois ao contrário, colocariam sob alto risco a própria Segurança Nacional, o desenvolvimento de novas aeronaves civis e militares de altíssima performance pelo Brasil, e fracassar a Economia Nacional!!!

Ademais, já era hora de termos um investimento enorme nas turbinas nacionais Polaris a/ou Fábricas de turbinas Aerobáuticas Rolls&Royce , Boeing, ou russas, produzindo em nosso território.

Sucesso à esse importante grupo de fomento!

helio henrique silva pereira
Visitante

isso que eu acho incoerente o brasil tem a 3 maior empresa aeronaltica do mundo e nao fabrica o principal do aviao que e a turbina.