Home Indústria Aeroespacial Governo suspende plano de auxílio à aviação regional

Governo suspende plano de auxílio à aviação regional

652
3

E-Jet E2 - foto 3 Embraer

Plano elevaria venda de aviões comerciais da Embraer no Brasil. Justificativa está no equilíbrio as contas públicas.

ClippingNEWS-PA

 O Brasil vai suspender o Programa de Aviação Regional, lançado em 2012 para apoiar o desenvolvimento das ligações aéreas internas, e que tem sido fundamental para o desenvolvimento do negócio da Embraer e da Azul. Em causa está a necessidade de Brasília de equilibrar as contas públicas, avança a Bloomberg citando fonte da assessoria económica da presidente Dilma Rousseff.

O programa, que previa apoios na ordem dos 7,3 mil milhões de reais (2,3 mil milhões de euros) na construção ou reestruturação de aeroportos por todo o Brasil, destinava-se a servir as rotas com pouca oferta e foi considerado como um estímulo à Embraer já que se destinava igualmente a subsidiar metade de todos os assentos em aviões com 120 lugares.

Além da Embraer, também a Azul, controlada por David Neeleman e a principal companhia regional do Brasil, sairá penalizada pela suspensão do plano de apoio à aviação regional. Já em Abril, a imprensa brasileira dava conta da intenção da companhia aérea de cortar rotas e mesmo avançar com despedimentos, caso o programa não chegasse ao terreno.

De acordo com o “Valor Económico”, a Azul definiu em 2014 uma lista com cerca de 20 destinos, dos 103 servidos pela companhia, que não cumpriam os critérios de rentabilidade necessários e que por isso poderiam ser encerrados. Já no início deste ano, a companhia acabaria por cancelar os voos para as cidades que apresentavam maiores prejuízos.

Em Fevereiro deste ano, David Neeleman admitia numa entrevista à revista “Exame” que se o governo brasileiro queria manter os voos regionais, então a Azul “precisa de subsídios” e que sem o Programa Nacional de Aviação Regional o crescimento da ‘low cost’ passaria de 20% para cerca de 10%.

FONTE: Económico

VEJA TAMBÉM:

3
Deixe um comentário

avatar
3 Comment threads
0 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
3 Comment authors
Mauricio R.joao.filhoMarcos Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Marcos
Visitante
Member
Marcos

Se foram os oitocentos aeroportos.
Há, há, há, há, há, há, há, há, há…

Teve um monte de gente que saiu comprando terrenos para depois vender mais caro, bem mais caro, quando da desapropriação.

joao.filho
Visitante
joao.filho

Off topic;

Estados Unidos dependendo de foguetes russos??? Rsrsrs…

Pentagon Seeks Easing of Ban on Russian Rockets for U.S. Space Missions.

http://mobile.nytimes.com/2015/06/04/world/europe/pentagon-seeks-easing-of-ban-on-russian-rockets-for-us-space-missions.html?_r=1

Mauricio R.
Visitante
Mauricio R.

“Em causa está a necessidade de Brasília de equilibrar as contas públicas, avança…” Equilibrar as contas subsidiando a aquisição de aeronaves, cujo conteúdo nacional beira o pífio??? Hhuummm, acho que deve ser um outro nome p/ reserva de mercado. “…e que tem sido fundamental para o desenvolvimento do negócio da Embraer e…” Sei… “…e foi considerado como um estímulo à Embraer já que se destinava igualmente a subsidiar metade de todos os assentos em aviões com 120 lugares.” Confuso isso não, a empresa líder de vendas neste segmento de mercado, necessitando de estímulo???? “…em 2014 uma lista com cerca de… Read more »