Home Sistemas de Armas Vídeo publicitário do A-1M

Vídeo publicitário do A-1M

348
22

Subscribe
Notify of
guest
22 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Roberto Bozzo
Roberto Bozzo
6 anos atrás

simplisinho mas legal… gostei.

costamarques
costamarques
6 anos atrás

Faltou fazer como a SAAB e colocar o A-1M abatendo SU-35 e MIG-29

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
6 anos atrás

Costamarques, Se fosse vídeo de propaganda de um caça, certamente faltaria fazer isso. Como é de um avião de ataque (ou caça-bombardeiro para quem preferir), creio que não faltou. Mas vá lá, num arroubo de maior criatividade, um Sukhoi ou um MiG poderia interceptá-lo e obrigar o A-1M a se defender eletronicamente, fugir, ou contra-atacar. Mas com alguns de nossos vizinhos da Unasul voando Sukhoi e MiG, acho que não pegaria nada bem uma coisa dessas no vídeo, não é? Gostei, achei simples e bem feito. Será que tem mais? Afinal, tem mais brinquedinhos pendurados nos pilones…

Guizmo
Guizmo
6 anos atrás

Não entendi….a bomba não explodiu?

Fernando "Nunão" De Martini
Editor
6 anos atrás

Guizmo,

A bomba é pintada de azul. É uma bomba de exercício, atingindo um alvo em estande de tiro. O que fizeram foi mesclar uma cena virtual de lançamento de bomba guiada com uma cena real de bomba atingindo um alvo.

Baschera
Baschera
6 anos atrás

Desculpem….. mas é ridículo !

Sds.

Fernando "Nunão" De Martini
Reply to  Baschera
6 anos atrás

Yoda mestre azedo está.

De força precisa mas muita não deve, pois demais força hemorroida dá.

Soyuz
Soyuz
6 anos atrás

Foi o João Santana que criou?

Rafael M. F.
Rafael M. F.
6 anos atrás

Fernando “Nunão” De Martini disse:
2 de setembro de 2013 às 18:05

Yoda mestre azedo está.

De força precisa mas muita não deve, pois demais força hemorroida dá.”

Essa realmente foi ForTe.

Aliás, foi péssima. Hohohohohoho…

Baschera
Baschera
6 anos atrás

900 anos mestre Yoda tem…. cheio saco está esperar resolver .

Limite paciência tem…

A força comigo está !

Sds.

Nautilus
Nautilus
6 anos atrás

Rafael M. F. disse:
2 de setembro de 2013 às 19:31
Fernando “Nunão” De Martini disse:
2 de setembro de 2013 às 18:05

Yoda mestre azedo está.

De força precisa mas muita não deve, pois demais força hemorroida dá.”

Essa realmente foi ForTe.

Aliás, foi péssima. Hohohohohoho…

Kkkkkk! Pois eu ri muito!
Ducaraio!
Gostei mais ainda pelo fato de o Baschera, ops! Yoda, ter bom humor, pois dos 900 anos dele, só essa discussão de F-X2 tomou uns 800 anos!

Corsario137
Corsario137
6 anos atrás

Fico com o Bascha, ta tosco!

Rafael M. F.
Rafael M. F.
6 anos atrás

Nautilus disse:
2 de setembro de 2013 às 20:10

Não, não tô criticando não. Achei duca! Figuraça!

Vader
6 anos atrás

Por falar em Yoda, o capacete é diferente, mas a respiração no começo do vídeo alguém adivinha de quem é? 🙂

juarezmartinez
juarezmartinez
6 anos atrás

Quem está no projeto, sabe que esta entrega é para boi dormir, o avião, assim como o A 4 está cheio de pepinos e vão empurrar goela abaixo para fugir da multa contratual, e ainda por cima não tem dinheiro para o projeto, e o que tinha foi para a tesoura.

Grande abraço

Guilherme Poggio
Reply to  juarezmartinez
6 anos atrás

Caro juarezmartinez

Quem conhece a história do início da carreira do F-5M, vai lembrar dos mesmos pepinos. Teve até lavagem de roupa suja da FAB em público sobre os problemas do avião.

Baschera
Baschera
6 anos atrás

A EMB/Mectron/AEL fazem de conta que entregam o prometido…… e a FAB faz de conta que nada deve….

Sds.

Nick
Nick
6 anos atrás

Video fraco mesmo. 😛

[]’s

Soyuz
Soyuz
6 anos atrás

Perguntei se foi o João Santana o criador do vídeo, porque este programa tem a cara do ministério do marketing do atual governo. E qual é esta cara? Basicamente a maquiagem generalizada que impera no Brasil. O programa é uma coisa na TV na pratica é outra. O orçamento existe no Power Point e inexiste na pratica. Os números são exagerados aqui, modificados açula. Capacidades que não existem ainda, mas já se conta como existente. “Metade das nossas crianças matriculadas no ensino fundamental estão acima da média em matemática”. Frases publicitárias que apenas impressionam massas de ignorantes norteados pelo senso… Read more »

Luiz Fernando
Luiz Fernando
6 anos atrás

Me desculpa… mas isso é um pouco de “complexo de vira-latas” de sua parte. Estes incômodos jeitinhos e acochambrações (será que é assim que se escreve?)… ocorrem em todos os países (e em todos os fabricantes). Se a empresa que vc cita tivesse esta cultura do jeitinho enraizada como algo normal…. isso já estaria se refletindo nos índices de segurança de seus produtos. Mas ao invés disso seus produtos tem padrões de segurança mundialmente reconhecidos… Família ERJ-145 – 1.200 aeronaves voando por aí (as primeiras a quase 20 anos) – nenhum acidente fatal. Família Ejet – quase 1.000 aeronaves voando… Read more »

juarezmartinez
juarezmartinez
6 anos atrás

Caro Luiz Fernando há um mal entendido da tua parte aqui!(Apesar de que a expressão “complexo de vira-latas me cheira muito mal de onde vem) , mas vamos adiante: A Embraer é um ótimo fabricante de aeronaves comerciais, boa mesma no que faz e no campo que atua, agora ser uma integradora, ou uma modernizadora é outra história, é isto que tanto eu como o Soyuz nos referimos. Todas, repito, TODAS AS MERD…..do projeto F 5 Mike foram resolvidas depois que a FAB encheu o saco e cancelou os pagamentos. Chegaram aqui 20 Israelenses(a maioria ex pilotos de combate da… Read more »

Soyuz
Soyuz
6 anos atrás

Caro Luiz Fernando A minha critica não se refere aos segmentos de aviação regional e aviação executiva onde a empresa é uma player de mercado de classe mundial. Esta experiência foi continuamente aprimorada desde o final dos anos de 1960 com o projeto do Bandeirante e assim seguiu ano após ano com a longa e consistente evolução. Porem isto não a capacita automaticamente como integradora de aviônica ou modernizadora de primeira classe. São segmentos diferentes, lógicas diferentes. Existem gambiarras em outros lugares do mundo, certamente que há. Empresas como a Boeing, Lockheed, Raytheon, EADS também podem enfiar goela abaixo em… Read more »