sábado, janeiro 22, 2022

Gripen para o Brasil

FAB poderá voar com Gripen já: Saito discute herança de contrato de leasing

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

Pelo sim, pelo não, Saito tomou a iniciativa de ir à República Tcheca observar de perto a operacionalidade dos caças suecos Gripen, vendidos àquele país. Esse modelo concorreu com os americanos da Boeing (F-18) e com os franceses da Dassault (Rafale) na última fase de classificação do projeto FX-2.

O Gripen, da Saab Scania, chegou em primeiro lugar na avaliação técnica da FAB, antes que o então ministro Nelson Jobim interviesse para dar vitória ao Rafale, desejo do ex-presidente Lula.

A missão de Saito, porém, não era a aquisição dos modelos suecos mas uma simples avaliação da possibilidade de que FAB venha a voar provisioriamente com os 24 caças sob a operação da força tcheca. O contrato de leasing com a Suécia está se encerrando.

Poderia ser estabelecido um contrato de sucessão pelo Brasil do contrato de leasing da República Tcheca com a Suécia para cobrir já em 2012 a operação dos Mirage, cujo prazo máximo se encerra no próximo ano.

Admitamos que seria um enorme trunfo estratégico para os suecos, se essa negociação vier a ser rematada, pois os pilotos “caçadores” da FAB iriam acostumar-se definitivamente com a tecnologia e a aerodinâmica dos Gripen, condenada pelos concorrentes por ser um caça de um só motor, impróprio segundo deles para as dimensões continentais do País.

De qualquer modo, os Rafale continuam favoritos para vencer a concorrência se esta for reaberta por Dilma. Têm o maior acervo de benefícios, apesar de dois problemas fundamentais;

1 – O preço, mantido sob regime de “caixa preta” pelos fornecedores, estimando-se que seja ultrassônico.

2 – A legendária fama dos fornecedores franceses de tecnologia militar de prometerem muito na hora de assinar os contratos, mas executando depois a política de empurrar com a barriga a prometida transferência. São ruins também na consumação das contrapartidas comerciais (off-set).

FONTE: Carta Polis

BATE-PAPO ONLINE: Converse com outros leitores sobre este e outros assuntos no ‘Xat’ do Poder Aéreo, clicando aqui.

- Advertisement -

36 Comments

Subscribe
Notify of
guest
36 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
tplayer

Que venham os Gripens C/D como “Tampax 2: A missão” e que abram as portas para o Gripen NG.

asbueno

Considerando:

1. que a solução tampão nunca é a melhor
2. que a situação está sendo levada a um limite que irá sobrecarregar a Caça brasileira
3. a opção de leasing dos SAAB Gripen C/D é relativamente vantajosa

Se confirmada, esta será a melhor notícia nos últimos 12-13 anos para a aviação de caça brasileira.

Abraços.

Marcelo

acho que é especulação…quem é essa Carta Polis? De qualquer forma, se vierem, colocará um fim ao FX-2 e então, caças novos, só daqui a 20 anos…

Justin Case

Amigos, boa tarde. Se foi decidido adquirir o Gripen NG como vencedor do F-X2, até que essa opção faria algum sentido, pois o NG iria demorar muito a completar seu desenvolvimento e alcançar o status operacional (mesmo preliminar – IOC). Mas há outras questões cujas respostas não tive tempo de buscar: 1. Por que a República Tcheca não vai optar por adquirir esses Gripens? 2. Se é interino (Tampax), por que ela não renova o leasing até chegar o novo caça? 3. É muito caro? 4. Não atende operacionalmente? 5. A República Tcheca vai abrir um novo processo F-X?. 6.… Read more »

Baschera

Nossa…. o choro de alguns vai ser dose de aguentar…..

Fazem uns três dias que eu havia dito…e o Juarez ratificou….

Mas o que diabos (para o Rafale) a matéria quis dizer com “ultrassônico”…. só pode ser o preço 🙂

SDs.

Tadeu Mendes

Vamos alugar Gripens…que vergonha.

Um pais que diz ser a 7 economia mundial, tem que alugar jatos para sua forca aerea.

Observador

Ué… Ele não tinha ido passear (rsrs)? A minha opinião (já exposta) é que a FAB já está vendo que o FX-2 tem grandes chances de chegar a lugar nenhum. Por isto está buscando uma solução com seus próprios recursos. E muito melhor do que manter os Mirage 2000 bichados. E, de quebra, encaminha a decisão do FX-2 (se houver), para o avião que a FAB quer, pois a adoção do Gripen NG seria muito mais rápida, fácil e barata do que para os outros aviões. Só não concordo que o Rafale seja o favorito. Se no final do mandato… Read more »

Baschera

Melhor do que comprar usadões de 50 anos da Jordânia…. PUTZ…

SDs.

Observador

Caro Justin:

O motivo do fim do leasing é que a República Tcheca, como toda a Europa, está sofrendo com a crise econômica.

O governo de lá tem a tarefa espinhosa de ter que aumentar os impostos para equilibrar as contas.

Assim, estão cortando tudo o que der. E como em vários outros países europeus, está sobrando para as forças armadas.

Giordani RS

Inside…

Edgar

Tendo o governo que temos, essa será a única forma de absorvermos o NG no futuro e a única forma de os Mirage 2000 não nos deixarem (mais) órfãos.

Gueorgui Jukov

KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK eu ainda quero viver pra ver o dia em que, vai ter esses super caças aqui no brasil, uê esse daí não e o baratão super eficaz que custa 1/3 dos outros aviões, do mundo por que já tão jogando ele pra escanteio na republica theca, a e mesmo eram alugados só assim pra alguém usar, essa super maquina olha a musiquinha do Knight Rider na cabeça.

Nick

Saito trabalhando direitim. Quem sabe vejamos os Gripen C/D por aqui. Quem sabe….. 🙂

[]’s

Leonardo

Se isso não for mais uma piadinha sem graça de 1° de Abril, há o lado bom, pois nos livramos da dependência francesa, o que já é uma grande coisa, o FX-2 não vai sair mesmo, virão o FX-3, FX-4 e assim sucessivamente e o mesmo irá ocorrer, ou seja, nada. Pelo menos através de leasing tentamos adquirir algo um pouco melhor do que temos, de forma a manter um bom nível de proficiência para nossos pilotos, além de ser o dobro da quantidade de Mirages, o dinheiro deve está sobrando mesmo, enquanto isso, a FAB está condenada a viver… Read more »

Luis

Que venham, então, os 24 Gripens C/D da Rep. Tcheca em um 1º lote e depois venham todos os outros que a Suécia disponha em estoque. E é pra ontem isso!

Alfredo Araujo

Gueorgui Jukov disse:
30 de setembro de 2011 às 18:55

Uma critica sem fundamento nenhum…

Vader

Senhores, quero lembrar que esses Gripen são de propriedade sueca, novinhos em folha, entre os melhores da Europa (vencedores do Tiger Meet) e só irão vir para a FAB porque a Tcheca tá rachada… 🙂 Estão a anoz-luz de qualquer coisa que tenhamos em inventário, são aeronaves tremendamente mais capazes e maleáveis (podem pousar em pistas curtas) do que os Mirage-2000 do GDA, podem ser convertidos futuramente pro padrão físico (porque em termos de software provavelmente já virão no padrão MS-2000) do NG e, acima de tudo, a presença do Cmt Saito na jogada indica claramente que a grana sairá… Read more »

Vader

Ah sim, sempre lembrando que os 12 Mirage-2000 também chegaram ao Brasil via leasing.

Fernando "Nunão" De Martini

Senhores, Acho interessante a notícia da ida do Comandante da Aeronáutica ter saído em um veículo que não é da mídia especializada, e sim que trata de bastidores da política etc. Mas, se repararem bem, não traz nada de novo, essencialmente, exceto o trecho abaixo, que precisa saber se veio de alguma fonte ou se é apenas uma interpretação da ida como uma missão específica: “A missão de Saito, porém, não era a aquisição dos modelos suecos mas uma simples avaliação da possibilidade de que FAB venha a voar provisioriamente…” E também é bom tomar cuidado com alguns equívocos do… Read more »

DrCockroach

A noticia eh muito boa. A Rep. Tcheca poderah nao renovar com os Gripens por dois motivos: a) os Gripens foram adquiridos pela agora oposicao e o atual PM acusa de ter havido corrupcao pela BAE (britanica, fez mas nao faz mais parte da SAAB); b) o PM disse coisas sem sentido sobre o Gripen, tipo metade do alcance do F-16 e sem comunicacao com a OTAN…; c) A crise realmente irah pegar como mencionado pelos colegas. O Comandante da Forca Aerea eh soh elogios ao Gripen e, novamente, disse: The 10-year contract for logistical support for the Gripens has… Read more »

Antonio M

10, 12 ou 24 serão bem-vindos.

E se for concretizado, tenho de tirar o chapéu para o Brig. Saito. Permaneceu no governo mesmo com a queda de Jobim e sabe esperar a hora de atuar. Foi assim no episódio da greve de controladores de voô e se ratificado esse negócio com os Gripen, eu diria uma “tacada de mestre”. Como já disseram aqui, faz-se o leasing, os pilotos se acostumam (bem como o criticarão se não for bom, o que duvido) e porta aberta para o NG. Genial.

Antonio M

“…coisas sem sentido sobre o Gripen, tipo metade do alcance do F-16 e sem comunicacao com a OTAN …”

Sendo apenas mais recente, nas operação sobre a Líbia não vi nenhum dos caças dispensar os tanques sob as asas, e quanto a comunicação com a OTAN basta ver as reportagens aqui no blog mesmo sobre o link16 no Gripen …

DrCockroach

Alguns numeros p/ um novo choque de realidade sobre o surrealismo de se pagar 3 bilhoes de dolares a mais pelos Rafales. Com o leasing dos Gripens, economizaria-se integralmente os cerca de US$ 9 bi de dolares p/ aquisicao. Mas supondo que se conclua o FX-2 e se economize 3 bilhoes de dolares por nao escolher o Rafale. Estes 3 bilhoes seriam suficientes para: – operar cerca de 60 ITAs (supondo orcamento anual de 100 milhoes de reais ou 50 milhoes de dolares), ou, se quiserem, aproximadamente 2 ITAs por unidade da Federacao; mas eh um exagero, eh certo. E… Read more »

Cesar

No início da reportagem, ela cita “Esse modelo concorreu com os americanos da Boeing (F-18) e com os franceses da Dassault (Rafale) na última fase de classificação do projeto FX-2.”

Está correto? Não seria o NG?

Fernando "Nunão" De Martini

De fato, Cesar, a matéria da Carta Polis não especifica a versão do Gripen em questão.

No caso, a República Tcheca opera a versão C/D do Gripen. O NG é a geração futura do mesmo caça, que deverá receber designativos E/F (monoposto/biposto).

Além disso, o tempo verbal da frase citada dá margem a certa confusão. Como oficialmente o F-X2 não acabou, o Gripen ainda concorre (e não concorreu) com os demais caças.

Almeida

Lembrando que, diferente dos Mirage 2000 B/C, boa parte do inventário de armamentos da FAB como os mísseis Sidewinder, Python e Derby, além de sensores como Skyshield, Reccelite e Litening, já estão integrados ao Gripen C/D.

Que venham logo mas que não enterrem o FX-2!

Franco Ferreira

Fala-se que o Brigadeiro Saito está a negociar a transferência do existente “leasing” dos Gripen da República Tcheca para o Brasil. Parece que não se afastará da Lei, o Comandante da Força Aérea! O Aurélio ensina sobre os vocábulos: (1) Locação [Do lat. locatione.] Substantivo feminino. 1. Ato ou efeito de locar. 2. Aluguel; arrendamento; … (2) Arrendamento [De arrendar1 + -mento.] Substantivo masculino. 1.Ato ou efeito de arrendar1. 2.Aluguel ou contrato pelo qual alguém cede a outrem, por certo tempo e preço, o uso e gozo de coisa não fungível (geralmente imóveis). … Arrendamento mercantil. 1. Econ. Operação entre… Read more »

Franco Ferreira

Correção no último parágrafo. Onde se lê reconduzir-la, leia-se reconduzi-la.

Nick

Caro Franco,

Tomara que você esteja certo nessa elocubração! E que venham os melhores tampax possíveis: JAS 39 Gripen C/D !

[]’s

rommelqe

Prezados, Apenas em tempo, como pode ser depreendido lendo-se o artigo em referencia ( “The 10-year contract for logistical support for the Gripens has worked almost flawlessly; I do not personally know of such a contract from the past or present that was so well tuned,” Verner added.”), os JAS-29 C/D são fornecidos com um apoio logístico de manutenção espetacular. Certamente foram entregues junto com as aeronaves, manuais decentes (sem ter que pagar por tais documentos o mesmo preço pago pelas aeronaves, em um aditamento de contrato com certos su-plieurs, similarmente ao que, como muitos sabem, ocorreu nos idos dos… Read more »

Mauricio R.

Infelizmente o “andar acima” ao do CA Saito, não é esperto (sotaque caríoca) o suficiente p/ entender e aproveitar uma oportunidade dessas.
Ainda mais c/ o apedeuta usufruindo das horarias de nossos “parceiros estratégicos”.
O “grande timoneiro” se sentirá desprestigiado.

Tadeu Mendes

Amigos,

Nao estou decendo a lenha no Gripen. Estou decendo a lenha no GF. que ao querer nos colocar como a 7 economia mundial, ao inves de comprar jatos, prefere aluga-los como se fosse uma republiqueta terceiromundista.

Marcos

O Saito pode ser considerado o verdadeiro “Mineirim”, enquanto outros faziam discursos e falavam muita besteiras (NJ), o outro trabalhava “Caladim comendo pelas Beiradas”, e olha o resultado.

Que venham esses GRIPENS de vez

ricardo_recife

Rezo para que Saito tenha ido mesmo a Praga para conhecer o programa de leasing do Gripen. Caso o Brasil venha alugar mesmo os Gripens, necessariamente eles não seriam os Tchecos. Saito muito provavelmente deve estar analisando as condições contratuais e como a contratada está respeitando as condições do contrato. A questão é que muita gente do governo não deve estar nada satisfeito com isto (os anti-EUA que inundam os corredores dos Palácio do Planalto). Como disse antes, rezo muito para que o FX-2 tenha um final decente e tenhamos no prazo mais curto possível os Gripens voando nas cores… Read more »

juarezmartinez

Quem conhece o Brig Saito, sabe que, se ele tomou a iniciativa, de ir pessoalmente(poderia ter mandado o pessoal da Dirma/ IEV) é porque foi com concordância de seus superiores, dizem as “linguas” que dos tres comandantes militates, é o que tem o melhor transito e a confiança total da “Gerente”.
Outras opções estão sendo vistas na Europa.

Grande abraço

Baschera

Do Defensa.com……por Javier Bonilla : “Tras un viaje casi sorpresivo, el pasado 21 de setiembre, del Comandante en Jefe de la FAB, Tte. Brigadier Juniti Sato, a la República Checa, oficialmente para examinar a los Gripen C/D en operación en la Fuerza Aérea del Ejército Checo, en el Escuadrón 211 con sede en Caslav en la Base Aérea Táctica “Svolenska”, un diario digital de Brasilia, “Carta Polis”, seguido por el prestigioso foro “Poder Aéreo”, han comenzado a evaluar la posibilidad de que Brasil opte por las unidades que hasta el momento están volando en este país europeo, el cual no… Read more »

Últimas Notícias

Argentina também negocia a compra de caças F-16 da Dinamarca

Segundo o site argentino Pucara.org, as Forças Aéreas da Argentina e da Colômbia estão analisando ofertas para aeronaves Lockheed...
- Advertisement -
- Advertisement -