Home Noticiário Internacional Hawk e Gripen da Força Aérea Sul Africana operam juntos em exercício

Hawk e Gripen da Força Aérea Sul Africana operam juntos em exercício

293
67

Comandante da SAAF afirma que, no futuro, Hawk também empregará míssil A-Darter e HMD, recebendo dados do radar do Gripen via data link

Na segunda semana de setembro, o Digital Journal divulgou informações e imagens sobre um exercício realizado pela Força Aérea Sul Africana. O palco foi o Roodewal Bombing Range, na província de Limpopo (Norte do país), onde foram demonstradas capacidades de ataque, caça, operações combinadas, assalto aerotransportado, operações de helicópteros e Busca e Salvamento.

A demonstração teve como público representantes de forças aéreas internacionais, diplomatas, altas patentes da Força Aérea Sul Africana e imprensa. A situação fictícia montada para o exercício envolvia a derrubada de um helicóptero por fogo “inimigo” e o resgate de seu piloto.

A operação de Busca e Salvamento (Search and Rescue – SAR) envolveu o emprego de caças e caças-bombardeiros impedindo ataques aéreos do “inimigo”, assim como paraquedistas e infantaria aerotransportada (por helicópteros Oryx – versão Sul Africana do Puma), empregando várias táticas. Lançamentos de suprimentos demonstraram a capacidade da força em ressuprir tropas em missões de manutenção de paz, uma área em que o país está bastante envolvido, principalmente na África.

Uma das primeiras demonstrações aéreas incluiu o lançamento de fumaça e passagens “barulhentas”, para afastar os animais selvagens. O Comandante da Força Aérea Sul Africana, Tenente General Carlo Gagiano, afirmou: “Creio que já vi mais antílopes nesse campo de treinamento do que no Parque Nacional Kruger.”

A respeito do helicóptero de ataque desenvolvido localmente, o Rooivalk, Gagiano disse que a aeronave não seria demonstrada naquele dia: “Eu mandei o Rooivalk de volta ao setor de projetos. De fato, mandei para a Denel Aviation para que esta completasse o projeto, deixando-o pronto para abril do próximo ano. Enquanto falamos, eles estão ocupados preparando sobressalentes para tudo estar pronto para a entrega de cinco aeronaves para nós, por volta de abril. Os demais deverão vir logo depois disso.”

Gagiano deu alguns detalhes sobre o caça e o treinador de caça adquiridos recentemente pela força, o SAAB Gripen e o BAE Hawk, dos quais a África do Sul tem um esquadrão de cada. O JAS 39 Gripen é um moderno avião de multi-emprego, que pode atuar em reconhecimento, ataque ao solo ou caça. Tanto o Gripen quanto o Hawk estão baseados na Base Aérea de Makhado, a 50 km do campo de tiro de Roodewal.

O Hawk foi projetado como um treinador avançado a jato, usado como etapa de treinamento para aviões como o Gripen. Porém, Gagiano tem idéias próprias a respeito do avião:  “Na demonstração de hoje, você verá o Hawk e o Gripen juntos, e essa tem sido sempre minha ideia de como deveríamos utilizar a plataforma Hawk, não apenas como treinador. Muito em breve, nós teremos o A-Darter (míssil ar-ar) equipando o Hawk. Isso, combinado com um visor montado no capacete, lhe dará uma tremenda capacidade. Combine isso com um data link do Gripen e você terá nele exatamente a mesma imagem de radar que o Gripen.”

No exercício, um helicóptero Augusta A-109 foi “derrubado” por rebeldes e, logo após, um Gripen começou a circular a área, para garantir a superioridade aérea. “Pathfinders” do 44º Batalhão Paraquedista foram “lançados”, e equipes de morteiros foram posicionadas para bombardear posições “inimigas”. Além disso, caças Gripen dispararam mísseis e tanto os Gripens quanto os Hawks lançaram bombas, gerando convincentes explosões e fumaça, às quais a infantaria aerotransportada acrescentou fogo de metralhadora.

Segundo o Digital Journal, a precisão do bombardeio e a inserção / extração das tropas impressionaram, e o ambiente do campo de tiro deu uma sensação autenticamente africana para a demonstração, como numa missão real de manutenção de paz.

FONTE / FOTOS: Digital Journal

VEJA TAMBÉM:

67
Deixe um comentário

avatar
63 Comment threads
4 Thread replies
0 Followers
 
Most reacted comment
Hottest comment thread
22 Comment authors
NunãoIvanLarry BirdRodrigoDrcockroach Recent comment authors
  Subscribe  
newest oldest most voted
Notify of
Fabio ASC
Visitante
Fabio ASC

Independente do resultado do FX2, qual seria o treinador avançado na FAB?

Gostaria que o mesmo tivesse uma boa capacidade de usar armamentos.

Edu Nicácio
Visitante

Fabio, o que andou rolando pelo Blog são duas possibilidades:

– A aquisição de treinadores avançados como o M-346 / T-50 / YAK-130 / Hawk;
– Utilização dos A-1M/F-5M como treinadores avançados.

Já rolaram boatos que a FAB estaria interessada em 24 a 36 unidades do M-346 (de prateleira) por US$ 1 bilhão.

Abraço.

Vader
Visitante
Active Member

Esses sul-africanos são espertos…

Edcreek
Visitante
Edcreek

Olá,

É sempre bom ver uma força aerea em execicio.

Essa em especial, visto que a pouco tempo atraz queria estocar seus caças pelo custo de manutenção considerado “alto” .

Vale lembrar que temos alguns bons projetos em comum.

Abraços,

Curvo
Visitante
Curvo

É isso aí Ed, partiram para o bom, barato, flexível e confiável. Se deram bem !!!

Mas … ,a pergunta que não quer calar,e nós ???

Curvo
Visitante
Curvo

Vamos de caro, totalmente não flexível, e confiável (tenho dúvidas a este respeito) = JACA ????

hms tireless
Visitante
hms tireless

IMpressiona a enorme flexibilidade do Gripen proporcionada pelo seu datalink. Pode-se perceber claramente que o mesmo é um eficaz multiplicador de forças. Imagine então se você integra com os R-99A/B e com o A-1M e o F-5M. Nem o Super Hornet e muito menos a jaca francesa podem oferecer algo similar.

Antonio M
Visitante
Antonio M

Pois é. Como eu já disse antes aqui, se nosssas FAs não estivessem estagnado, e no caso da FAB se recebido todos os AMX previstos e agora modernizados, mantido e modernizado os Xavante e elevado-os ao patamar de um M339CM pelo menos, mais os F5M, juntamente com os Super Tucano e R99 e já se engajado no projeto do Gripen NG a pelo menos 2 anos, em termos de AL não teria para ninguém !!!

Edcreek
Visitante
Edcreek

Olá, Já disse varias vezes o JAS-39 é um bom caça e se encaixa muito bem para alguns paises. Esse caça foi feito e dimensionado para Suecia que lhe conferiu bons detalhes como o baixo RCS, e facilidade de integrações pela pouca diversidade de armas locais. Porém isso tambem lhe trouxe problemas para exportação(não para paises com necessidades semelhantes a Suecia) como um alcançe reduzido, baixa capacidade de carga e grande dependencia de itens de origem Inglesa. Vendo isso a Saab por sua conta quiz inventar um programa(gambiarra) para aumentar um pouco o alcance e capacidade de carga, ai surge… Read more »

Antonio M
Visitante
Antonio M

Alcance não seria problema para operar o Griepn.

Tanques subalares, revo e três ou quatro bases para operá-los espalhados pelo país e pronto. Aliás isso já foi muito debatido por aqui e não é mais algo sem o devido esclarecimento.

Vader
Visitante
Active Member

Edcreek disse: 23 de setembro de 2010 às 13:27 “Precisamos de caça com urgencia e não podemos nos dar ao luxo de esperar para ver, logo só temos duas opções F/A-18 SH ou Rafale.” Prezado Ed, do jeito que você falou quase que eu larguei meus processos para ir me apresentar no Batalhão… 🙂 Porquê URGÊNCIA? Vamos guerrear contra quem? Alguém vai nos invadir? Ou será que iremos invadir alguém? Porque que um país que demora 15 anos para definir que precisa de um caça de uma hora para outra passa a ter URGÊNCIA? Porque os bolivarianos assim determinaram? Igual… Read more »

Edcreek
Visitante
Edcreek

Olá, Só temos que esperar um avião se desmanchar primeiro no ar, porque pedaço já ta caindo. Nossos adorados caças tem no minimo 3 decadas se voce acha que pode esperar a FAB não. A programação da FAB é que caça precisavam(agora não deve dar mais tempo) começar a dar baixa em 2014, a FAB fez essa programação. Só duas formas dos caças não darem baixa: 1) Revitalização, o que geraria um gasto desnecessario; 2) Voar menos hora sacrificando o adestramento adquirido; Antonio M em tempos de paz se pode dar um jeito nisso. Mas no hora do vamos ver… Read more »

Vader
Visitante
Active Member

Edcreek disse: 23 de setembro de 2010 às 14:39 Prezado Ed, os únicos aviões de combate da FAB que darão baixa em 2014 serão os 12 refugos do AdlA, que não serão modernizados pois não compensa. Para isso a FAB já dispõe de 13 F-5 vindos da Jordânia, que SERÃO modernizados para servirem ao GDA. Os F-5 Mike e A-1M ficam até 2020 e 2025, respectivamente. Friso: não é assim porque eu quero, é assim porque É! Aliás, isso já estava nos planos da FAB desde que nosso glorioso atual governante “melou” o FX original. Ou seja: dispomos de pelo… Read more »

Edcreek
Visitante
Edcreek

Olá,

Caças coliderem em manobra quer dizer que são velhos?

Os caças ex-jordania serão para repor F-5 em estado critico de desgaste de celula. Em Canoas os caças não chegam a 2020 nem com ajuda de ochalá.

Não existe qualquer projeto de substituir o F-2000, se não pelo FX-2.

O plano B da força é diminuir o numero de horas voadas para esticar o prazo da baixa, sacrificando assim adestramento conseguido.
Por isso tenho certesa que 15 anos é tempo mais que suficiente para escolher um caça.

Abraços,

Vader
Visitante
Active Member

Edcreek disse: 23 de setembro de 2010 às 15:26 “Caças coliderem em manobra quer dizer que são velhos?” E o canopy se soltar quer? 🙂 O canopy pode se soltar por um, dois ou mil motivos, mas obviamente quando o canopy que se solta é de um avião da FAB recentemente modernizado, o fato, de relativamente corriqueiro, transforma-se em munição para detonar a Força e seu equipamento… Lamentável… E depois são os outros que sofrem de “complexo de vira-latas”… “Os caças ex-jordania serão para repor F-5 em estado critico de desgaste de celula” Não, não serão não. Irão para o… Read more »

grifo
Visitante
Member
grifo

Caças coliderem em manobra quer dizer que são velhos?

Caro Edcreek, um problema no canopi também não quer dizer que são velhos.

Os F-2000 serão temporariamente substituídos pelos F-5 na defesa aérea, mesmo com o FX-2 saindo. E parece que vai sair mesmo…

Giordani RS
Visitante
Giordani RS

Edcreek disse:
23 de setembro de 2010 às 13:27
…Vejo que o JAS-39 é bom mas não se encaixa para o Brasil…

Bah tchê…comprou briga…vão te marretear…boa sorte!

Edcreek
Visitante
Edcreek

Olá,

Muito divertido debater no blog os torcedores do projeto Sueco, imaginam as coisas e acham que são verdade.

Esse de que o F-5 não é velho é mais uma perola do FX-2 os caças tem mais de três decadas e são novinhos em folhas, huahauhauha.

Valeu a força Giordani RS, mas se realmente eu ver algo de real na compra de ALX pelos EUA mudo de torçida na hora. Sobre o caça Sueco é isso mesmo ele nem deveria estar no short-list já que ao meu ver não se encaixa para nos.

Abraços,

Vader
Visitante
Active Member

Edcreek disse: 23 de setembro de 2010 às 16:30 “Esse de que o F-5 não é velho é mais uma perola do FX-2 os caças tem mais de três decadas e são novinhos em folhas” Prezado Ed, ninguém disse que o F-5 não é velho. Mas daí a dizer de forma depreciativa que “pedaço já ta caindo”(sic), para justificar uma suposta “urgência” que só existe na cabeça dos bolis, vai uma diferença bem grande. E gostaria que o amigo nos esclarecesse, se puder, com base em que ele acha, ao contrário da FAB, que o “caça Sueco” (sic) não deveria… Read more »

hms tireless
Visitante
hms tireless

“grande dependencia de itens de origem Inglesa.”

É impressionante como se usa esse tipo de histeria para desqualificar além do Gripen o próprio F/A-18E/F e exaltar a jaca “100% francesa”. Parece até que semanalmente os ingleses e os Americanos nos embargam alguma coisa ou como tudo fosse culpa “duzamericanú feio e bobo que num deixaro a gente vendê avião po cumpanhêro Chavez”

Edcreek
Visitante
Edcreek

Olá Vader, Bom para mim o F-5 BR foi a raspa do tacho do fundo do poço em que as forças armadas se encontravam. As coisas não melhoraram na FAB já que agora além disso temos o problema do treinador avançado. Sobre o NG estar o short-list ha varios motivos como: 1)O caça ainda está em desenvolvimento; 2)O governo não quer depender dos EUA e o caça forte dependencia dessa origem; 3)O governo Sueco não pode transferir tecnologia que não lhe pertence, sendo que a maioria dos sistemas senciveis são de origem Inglesa; 4)O governo Sueco espera alguem compra-lo para… Read more »

luiz otavio
Visitante
luiz otavio

infelizmente, o fato de ser 100% francês é o que o encarece, uma pena porque é muito bom.

Vader
Visitante
Active Member

Edcreek disse: 23 de setembro de 2010 às 17:24 “O caça ainda está em desenvolvimento” E é justamente o que atrai a FAB. E a indústria nacional. “O governo não quer depender dos EUA e o caça forte dependencia dessa origem” Se o governo estivesse preocupado com “dependênça duzamericanu” teria adquirido o Su-35 porque, sem tecnologia americana, só ele. Nem mesmo o “100% francês” Rafale tem independência total (datalink sueco, main-processor americano, assento ejetor inglês, etc.) O divertido é que a suposta exigência de “independênça duzamericanu” só apareceu no FX2 num segundo momento, quando da short-list, apenas para justificar a… Read more »

rodrigo ds
Visitante
rodrigo ds

é interessante notar que falam que o super-rafale é 100% frances, se os gringos quiserem boicotar, boicotam o gripen, SH e o todo poderoso Rafale, quero ver a jaca voar sem os chips da intel (por exemplo), vão ter que ir na santa Ifigênia comprar, hehehe!!!, cada coisa que aparece aqui, elogia o gripen na Africa do Sul, fala que é um belo caça, mas que não serve para o Brasil, como diz o batoré ” há para ou!!!!! “

Raptor
Visitante
Raptor

Já pensaram a situação da AL como um todo. Excetuando o Chile e o doido do Chaves, a não ser que subsidiemos o rearmamento dos vizinhos a exemplo do tio Sam, a maioria se dará por contente com um Hawk, MB-346 ou outro lift/treinador, mais Super Tucano. Seria interessante para ontem, uma discussão séria sobre a fabricação no Brasil de algum destes modelos ou o mercado da A.L. será invandido por produtos chineses… Em termos de defesa do Cone Sul, isto não cairia nada bem. Não é possível o Brasil pensar em sua defesa, sem pensá-la em termos da realidade… Read more »

Raptor
Visitante
Raptor

Hi – Low + Coin

Raptor
Visitante
Raptor

Resumindo, a defesa na AL, está sucateada no geral, e adivinha quem vai ter um papel importante em arrumar a casa, caso resolva levar a sério a condição de player global…

Boa parte da fatura, vai vir via BNDS, podem ter certeza… Não se trata apenas de escolher o melhor caça… há muitas variáveis em jogo…

Gabriel T.
Visitante
Gabriel T.

Edcreek :”2) Voar menos hora sacrificando o adestramento adquirido;”

Entendeu porque o RAFALE é a pior alternativa para o Brasil? Somos um país muito parecido com a África do Sul quanto ao dinheiro investido nas suas FAs. Não tem como um país com orçamento limitado querer racionalizar custos e treinamento com um avião muito caro.

Luis Alberto
Visitante
Luis Alberto

Vader, meu chapa, voce tem um saco de ouro. A todo momento voce tenta colocar logica em emocao. Nao eh facil!
By the way, dia 01set o Ten Brig Saito farah uma palestra na UNIFA, Campo dos Afonsos sobre o estado da arte da FAB. Seria muito bom se alguns dos editores pudessem ir. Eh soh contatar com a relacoes publicas do III COMAR.

joshen
Visitante
joshen

isso sim é treinamento, não lança meia duzias de bombas burras

Antonio M
Visitante
Antonio M

Edcreek disse:
23 de setembro de 2010 às 15:26

Caças coliderem em manobra quer dizer que são velhos?

“Queda dos Rafales: França informa ao Brasil as possíveis causas

http://www.aereo.jor.br/2009/10/01/queda-dos-rafales-franca-informa-o-brasil-sobre-possiveis-causas/

… Após ressaltar que haverá que esperar aos resultados finais das pesquisas, o titular francês de Defesa lembrou que os primeiros indícios apontam a que o acidente aconteceu após uma colisão em pleno voo. …”

Por essa lógica, então o Rafale é velho ….

Edcreek
Visitante
Edcreek

Olá, Vader 1) Estar em desenvolvimento atrai a industria não a FAB, por isso ele preferem Super Hornet; 2) O Nelson Jobim já disse claramente varias vezes que quer reduzir ao maximo a dependencia dos EUA, eu só mencionei o fato, o segundo em comando disse isso, logo não há o que discutir sobre isso…. 3) Foi como eu disse os Suecos não podem repassar nada que não lhes pertençe em tecnologia, como: Sistemas de controles(Ingleses); Sistema hidraulico(Ingles); Sistema de energia(Ingles); Probe de reabastecimento(Ingles); Turbina(Americana); Não vejo onde o Brasil pode aproveitar tanto do desenvolvimento de um caça onde certamente… Read more »

Antonio M
Visitante
Antonio M

Não era para mudar sentido, era para pôr mais lenha na fogueira. rsrsr!

E se Jobim fala em diminuir a dependência amerciana, o Japã vai estreitando, a Coréia e isso apenas reitera meu conceito sobre ele: fanfarrão!

Não sou a favor de “colocar todos os ovos no mesmo cesto” mas tirar tudo de um cesto para coloca em outro, vai dar na mesma ….

Adhelfi_zerouno
Visitante
Adhelfi_zerouno

Caro Vader,
Os F-5 “jordanianos” não vão para o GDA, eles irão para esquadrão Pacau que será tranferido em breve para Manaus.

Drcockroach
Visitante
Drcockroach

grifo disse:
23 de setembro de 2010 às 15:44

“Os F-2000 serão temporariamente substituídos pelos F-5 na defesa aérea, mesmo com o FX-2 saindo. E parece que vai sair mesmo…”

Entao serah o Mico, digo, a Jaca, digo, o Rafale mesmo?…

Atrasado na leitura dos comentarios…

[]s!

Edcreek
Visitante
Edcreek

OLá,

Não não não, nada de F-5 para GDA, esse ira de FX-2 essa é a programação da FAB.

Abraços,

rodrigo ds
Visitante
rodrigo ds

Edcreek disse:
24 de setembro de 2010 às 9:12

” 2) O Nelson Jobim já disse claramente varias vezes que quer reduzir ao maximo a dependencia dos EUA, eu só mencionei o fato, o segundo em comando disse isso, logo não há o que discutir sobre isso….”

Masss, tem um probleminha no que o Nelsão fala e quer, no ano que vem, independentemente que venha a ganhar as eleições, não será ele (Nelsão) que será o manda chuva, então ele tem que trabalhar para o melhor para o Brasil, e não para o que ele julga ser melhor para ele.

Vader
Visitante
Active Member

Edcreek disse: 24 de setembro de 2010 às 9:12 “Estar em desenvolvimento atrai a industria não a FAB, por isso ele preferem Super Hornet” Não, não, caro Edcreek: a FAB classificou o Gripen em primeiro lugar em seu relatório de 60.000 páginas. Há quem diga que depois o Min Def mudou mas nem assim deu Rafale, e sim SH. Daí o gênio aeronáutico e militar NJ ficou “putinho” e fez das 60.000 páginas 7, para dar a JACA. E estamos assim. “O Nelson Jobim já disse claramente varias vezes que quer reduzir ao maximo a dependencia dos EUA, eu só… Read more »

rodrigo ds
Visitante
rodrigo ds

meu comentáro foi barrado??

rodrigo ds
Visitante
rodrigo ds

Sinceramente desisto, barrado outra vez!!!!

Vader
Visitante
Active Member

Rodrigo ds, às vezes cai na caixa de spam. Isso sempre acontece quando faço um comentário mais longo. Já que os editores liberam…

Abs.

Vader
Visitante
Active Member

Adhelfi_zerouno disse:
24 de setembro de 2010 às 9:34

“Caro Vader, os F-5 “jordanianos” não vão para o GDA, eles irão para esquadrão Pacau que será tranferido em breve para Manaus.”

Quem viver verá, mas não foi esse o informe que eu tive.

Sds.

rodrigo ds
Visitante
rodrigo ds

Ok Vader!!! Vamos ver se liberam meu comentário, pois não fiz propaganda politica e não ofendi ninguém (eu acho) ,hehehe!!!!

NOTA DOS EDITORES:
ESTAVA PRESO NO ANTISPAM.

NESTE MÊS, O ANTISPAM NÃO TEM GOSTADO DE PALAVRAS COMO ELEIÇÕES NOS COMENTÁRIOS.

MAS, NO FUNDO, É UM CARA LEGAL ESSE TAL DE ANTISPAM.

Edcreek
Visitante
Edcreek

Olá, Vader a FAB não classificou o NG em primeiro, o que existiu foi um relatorio pré-liminar vazado. Essa é mais uma mentira contadada muitas vezes que quem está desinformado acredita, vamos lá denovo: 1) COPAC faze relatorio pré-liminar classificando melhor o projeto Anlo-Americano de produção Sueca; 2) Comando da FAB o qual o COPAC é subordinado ve o relatorio, e muda peso de pontuação de alguns itens como: Garantias do projeto e contra-partica comercial, sobre a nova visão o Super Hornet assume a ponta, sendo assim a opção da força é o caça Americano; 3) O ministro recebe o… Read more »

Vader
Visitante
Active Member

Edcreek disse:
24 de setembro de 2010 às 11:34

Negativo caro Ed, nem COPAC nem ninguém na FAB alterou o relatório.

A alteração foi feita no MD. E não contente, pelo próprio Min Def, Sr. NJ.

Sds.

Gabriel T.
Visitante
Gabriel T.

Vader :”Não, não, caro Edcreek: a FAB classificou o Gripen em primeiro lugar em seu relatório de 60.000 páginas.”. A classificação é um outro relatório só que mais enxuto, não está incorporado nessas mais de 50 mil páginas. E o gripen não ficou em 1º, ele ficou em 2º. Quem ficou em 1º foi justamente o SH. Isso tudo começou com uma jornalista que teve acesso a uma fonte que sequer era um militar. Aí isso virou um mantra em todos os lugares pq as pessoas repetiam como papagaio sem ter embasamento algum. Depois disso tudo vazou na própria FAB… Read more »

Vader
Visitante
Active Member

Gabriel T. disse:
24 de setembro de 2010 às 13:37

Prezado Gabriel:

A verdade é que no relatório da COPAC o Gripen foi o primeiro colocado NO GERAL, ficando o SH em segundo, e a JACA em último.

Entregue o relatório ao Min Def, tudo foi alterado duas vezes: a primeira pelo Exmo. Sr. General-do-Ar José Elito (o famoso General-Melancia: verde/amarelo por fora e vermelho por dentro), que manteve o SH na frente; e a segunda pelo próprio Exmo. Sr. Dr. Ministro-Estrategista-Almirante-Marechal-Brigadeiro Nelson Jobim.

Mas já falei o que tinha pra falar sobre o assunto. Cada um acredita no que quiser.

Sds.

rodrigo ds
Visitante
rodrigo ds

Como se diz aqui em minas “O antispam danado de bom sô”

Gabriel T.
Visitante
Gabriel T.

Com certeza Vader, cada um é livre para pensar no que achar melhor. Mas cabe uma correção. Não houve selecionado “no geral”. O que houve foi uma consideração final a favor do SH. E não houve duas alterações. Houve somente uma em que colocou o RAFALE em 1º. O problema é que todos acreditaram piamente em uma informação sem nenhum embasamento e quando a verdade sobre as pessoas não aguentam. Para mudar isso agora só com o tempo. lol

Rodrigo
Visitante
Rodrigo

Gabriel T. disse:
24 de setembro de 2010 às 13:37

E para desespero das GFzetes, o vazamento da Catanhêde veio do MD, mas para eles é mais fácil acusarem a FAB.

Imagina ai um monte de gente com cargo comissionado falando mal do Governo. Quantos minutos o cargo iria durar ?