Home Operações Aéreas Typhoons alemães interceptam AN-72 russo

Typhoons alemães interceptam AN-72 russo

522
20

eurofighter-e-antonov-foto-alenia-aeronautica

Interceptação foi feita sobre o Báltico, em missão da OTAN de defesa do espaço aéreo da Lituânia, Estônia e Letônia

A Alenia Aeronautica informou nesta quarta-feira, 22 de setembro, que um bimotor de transporte russo Antonov AN-72 foi interceptado sobre o Báltico por caças Eurofighter Typhoon da Luftwaffe alemã, desdobrados na Lituânia. O tempo de resposta, que provavelmente o cargueiro russo tinha missão de sondar, foi de seis minutos para a decolagem e 15 para a interceptação. O AN-72 permaneceu na área por pouco mais de 50 minutos, sendo monitorado pelos caças alemães, equipados com mísseis ar-ar Iris-T.

A OTAN mantém caças desdobrados em bases de países que recentemente entraram para a organização, mas que estão provisoriamente sem condições de defender seus espaços aéreos. É o caso do desdobramento do Jagdgeschwader 74 (esquadrão de caça 74) da Força Aérea Alemã, que estão cumprindo alerta desde 1º de setembro na base de Siauliai, na Lituânia, para defender o espaço aéreo dos três países bálticos (Estônia, Letônia e Lituânia).

Os Typhoons da Luftwaffe renderam Gripens da Força Aérea da República Tcheca que cumpriam a mesma missão, e deverão ser rendidos por caças F-4 Phantom II do JG 71 “Richthofen”, também da Força Aérea Alemã. Desde 2004, 14 países da OTAN se revezaram nessa missão, o que deverá prosseguir por mais alguns anos – o mesmo está ocorrendo também na Albânia, que recentemente entrou para a organização, e tem no momento a defesa de seu espaço aéreo a cargo de Typhoons italianos.

FONTE e FOTO: Alenia Aeronautica

SAIBA MAIS:

20 COMMENTS

  1. Não consigo entender a mentalidade dos Russos, para que testar as defesas alheias, se não estiverem de fato planejando alguma intervenção armada, pois do contrario só cria uma certa tensão entre a OTAN e a própria Russia.
    Provavelmente seja essa a intenção, pois depois que o Obam desativou o projeto de construção de mísseis, talvez os militares russos tenham perdido o argumento para os politicos manteram os altos custos para operações militares em comparação a frágil economia russa. Agora se a Otan gerar alguma hostilidade similar, esles vao ter fundamentos pra justificar tais gastos…

    Ou então… sei lá… rs

  2. engraçado que aqui o pessoal assiste o jornal da globo e acha que é doutor em economia.

    de fato a crise internacional abalou seriamente a economia da russia(como abalou a do mundo inteiro)pois o preço do petroleo,principal produto de exportação, caiu de 153 dolares para 50 no topo da crise.

    porém TUDO tem petroleo e esse é um produto inelástico, ou seja, tanto faz se vai subir ou vai descer, todos dependem dele.

    segundo o prof. Carlo lessa, o petroleo é o unico produto que independente da escala o preço só tende a subir.

    Claro que é importante saber da capacidade de poder dos vizinhos,ainda mais quando se tem o 2 maior poder em nukes do mundo.
    e FFAA que estão tentando se modernizar.

    mas vou deixar pro wellinton responder melhor essa.

  3. Quem esses alemães pensam que são? Tirar os russos com esses eurofighter *rios* brincadeira

    Mas seria engraçado se aparecesse um Su-30, imagine só, esses typhoon fugindo! *gargalhada*

    Mas agora, sério, esse negocio da Rússia entra no país dos outros é idiotice, agora sem o escudo, eles vão fazer a festa. Não quero nem pensar no dia que o Hugo Chavez pensar em dar uma “entra” no território Brasileiro. Com nossos AMX sem armas e sem radares.
    Nossa defesa está tão fraca que até uma criança de 8 anos num Flanker faria um estrago na nossa FFAA.

  4. Andre de POA,

    O conceito da posição das turbinas do An-72 já foi usado pela Boeing no YC-14. A função é aproveitar o “Efeito Coanda”, onde os gases soprados pela turbina acompanham a parte superior da asa. Com os flaps baixados, os gases são direcionados para o chão, gerando empuxo quase vertical para a decolagem. Isso classifica o avião como STOL (Shot Take-Off and Landing):

    http://en.wikipedia.org/wiki/Boeing_YC-14

    [ ]’ s

  5. Marcelo Tadeu em 24 set, 2009 às 13:45

    VEJA? Não lei esse tipo de lixo, até parece que ninguém aqui brinca ao comparar um avião com outro.
    Será que para ser “ouvido” ou lido, é preciso escrever tudo de forma extremamente culta? Acho que não!
    Gosto muito do pessoal sério, explicam bem tudo o que “dizem”(escrevem). Mas sempre vejo esses mesmos “sérios” em um momento de descontração.
    Acredito na seriedade e sei que muitas vezes não tenho tanto comprometimento “culto” em falar de alguma coisa, mas me chamar de leitor da VEJA? Nossa! Ai já é de mais amigo.

    abraço

  6. Tudo bem. Sei que já estou passando dos limites. Vou ser mais sério na próxima vez, e usar informações com base para justificar meus comentários.

    Abraço

  7. Se estiver enganado alguem por favor me corrija, mas a USAF já fez isso uma vez por aqui né? Faziam exercício no pacífico, de repente qdo o piloto percebeu já estava em cima da amazônia: ops, cruzei mais de 1000 km sem perceber. E acho que não faz mto tempo.

  8. Bruno Rocha

    Se o Chaves fizer isso Tio Sam da uma ajudinha com a Quarta Frota.
    Afinal eles só querem uma desculpa para reduzir a Venezuela a poeira e ficar com o petrolio deles.

  9. Já não tô entendendo mais nada… Alguém aí deseja ser chamado de leitor de “Carta Capital” (deve se o oposto do “Leitor de Veja”)?

    Pelo amor de Deus! Por causa do excesso de “Off Topics”, estes começaram a ser moderados, por que interrompiam o debate sobre o post. Aliás, achei isso ótimo e o Galante está de parabéns.

    Fancamente, acho que deveria ser moderados também todos os cometários com conteúdos políticos, pois o blog é unicamente sobre assuntos aeronáuticos.

    Vão arrumar algo mais útil para fazer, né?

  10. Francamente, acho que deveriam ser moderados também todos os comentários com conteúdo político, pois o blog é unicamente sobre assuntos aeronáuticos.

    Vão arrumar algo mais útil para fazer, né?

  11. Boa Noite,

    Alguém sabe me dizer quanto tempo os nossos pilotos da FAB levaram para decolar e interceptar o avião de Gana, o Cargueiro Britânico com o F-5 e o avião boliviano com Droga interceptado pelo A-29 ST, salvo erro acredito que foi menor do que este tempo, isto é porque nossos F-5 e A-29 ST são melhores que o Typhoons, ou pilotos da FAB são melhores que os Luftwaffe.

    Sds. Verde Oliva.

  12. Alves pereira,

    O tempo de resposta é muito relativo. Sei que os M-2000 em alerta H24 têm 3 minutos para decolar após o alarme ser acionado e acredito que seja o tempo padrão em SC, Canoas, Campo Grande, Boa Vista e Porto Velho. O tempo de interceptação será de acordo com a distância do alvo.

    Sds,

  13. Cara…não sei o porque destas críticas a Rússia por invasão do espaço aéreo. Israel invade o espaço aéreo do Líbano todos os dias com a desculpa de “se defender” e ninguém fala nada e quando fala é para passar a mão na cabeça destes assassinos de crianças !!! O que a Rússia faz é se precavir de uma possível aventura da Otam como ocorreu na Geórgia…Avante irmãos !!!

  14. Bruno Rocha em 24 set, 2009 às 12:58

    é isso mesmo, já pensou ?? os sukhois travando misseis nos Efas, incidente internacional, Merkel aqui, Putin ali ! Eu ia adorar ! contanto que ninguem disparasse… quer ficasse só na provocação…

    olhem eu apoio a ação russa ! Tem que testar mesmo ! e sabem quem é o maior beneficiado ?? o Ministério da defesa da Alemanha ! ah ah ah !

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here