Um avião militar F-35B caiu ao lado do campo de aviação no Albuquerque International Sunport, o principal aeroporto internacional no Novo México, disseram as autoridades.

O piloto, que ejetou com segurança, estava consciente e foi levado para o Hospital da Universidade do Novo México com ferimentos graves, de acordo com autoridades do aeroporto e do Albuquerque Fire Rescue.

Na noite de terça-feira, o piloto estava em condição estável, segundo um comunicado de imprensa da Base Aérea de Kirtland.

Dois civis foram avaliados no local e nenhum foi transportado, informaram os oficiais de incêndio.

A aeronave que caiu era um novo F-35, disse um oficial dos EUA à ABC News. Um piloto da Defense Contract Management Agency estava pilotando a aeronave, que estava sendo transferida da fábrica da Lockheed Martin para ser entregue ao serviço, no momento do acidente, disse o oficial.

A Lockheed Martin disse que o F-35B estava a caminho de Fort Worth, Texas, para a Base Aérea de Edwards, na Califórnia, quando caiu após reabastecer na Base Aérea de Kirtland, no Novo México.

“O piloto se ejetou com segurança”, disse a Lockheed Martin em um comunicado. “A segurança é nossa prioridade e seguiremos o protocolo de investigação apropriado.”

O incêndio no local foi extinto, acrescentaram as autoridades.

“As operações de voo foram retomadas, mas verifique com sua companhia aérea o status do voo”, disseram as autoridades do aeroporto.

“Agradecido pela rápida ação dos primeiros socorristas”, escreveu o prefeito de Albuquerque, Tim Keller, nas redes sociais. “Rezando pelo piloto.”

FONTE: ABC News

Subscribe
Notify of
guest

44 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Jaguar

Falha na fabricação ou erro do piloto ? Creio que o F-35 passou por testes na fabrica antes.

Bueno

Só cai quem voa! 🙂

Last edited 1 mês atrás by Bueno
Nereu

Soltou pecinha foi???

Nilton L Junior

Parece que o carburador era de má qualidade, era dos estoques daquela que queria uma parceria com a EMB.

Vander

Fica abrindo furo no jiglê com furadeira… dá nisso!!!!

Nilton L Junior

🙂 🙂 🙂 🙂

MGNVS

A cada dia que passa, a escolha pelo Gripen se mostra a mais acertada possivel para o nosso país. Sem contar que o Brasil futuramente poderia fazer mais contratos na area de defesa com a Suécia, visto que eles produzem de avioes a submarinos.

Magaren

Nossa vc me convenceu agora.

MGNVS

Tendo-se em vista que o valor de cada unidade e da hora voo de um F-35 custa muito, mais muito mais caro que cada unidade e hora voo do Gripen, então sim, o Gripen foi uma otima escolha. E para o T.O. no qual o Brasil esta inserido, o Gripen é sim mais que suficiente.

Rus

EDITADO:
COMENTÁRIO BLOQUEADO DEVIDO AO USO DE MÚLTIPLOS NOMES DE USUÁRIO.

O vingador com cérebro

Sertesa!

BK117

Na foto da decolagem parece estar numa configuração STOL, no acidente parece já estar na configuração normal. Alguma falha na mudança para voo “normal”?

É impressão minha ou maioria dos acidentes envolvem a versão B? Operar o VTOL deve ser bem arriscado, perdeu potência já era (não estou dizendo que isso aconteceu, só uma observação mesmo).

Enfim, espero que o piloto se recupere e que as causas do acidente sejam apuradas e tratadas.

SoloControlado

Mais de mil F-35 já foram construídos. Uma hora ou outra, haverá acidentes como esse. O problema mesmo está no preço de cada unidade, que assusta a cada perda, mas os Estados Unidos aguentam.

Marcos

O preço de aquisição de uma unidade para uma força que já utiliza o sistema e vai apenas substituir o que se perdeu, difere muito para outros caças?

ElBryan

Mas os EUA não serão os únicos operadores. Imagine o prejuízo que seria no futuro um acidente com uma aeronave dessas em países com menos recursos, como a República Tcheca, que inclusive já teve muitas discussões a respeito da escolha do F-35, com a Saab até publicando uma nota respondendo ao presidente. É compreensível que tudo o que acontece com o F-35 tenha um peso grande, pois foi um projeto audacioso e cheio de polêmicas até hoje. Só o tempo dirá se foi a melhor escolha para países menos abastados, principalmente se vão conseguir manter uma boa disponibilidade e pilotos… Read more »

LUIZ

Cada perda de um F-35 é uma facad@ no contribuinte norte americano. O setor aeronáutico dos EUA não está nos seus melhores dias.

Bispo

Se o piloto que ejetou-se estava em estado grave , presumível que a queda foi na decolagem ?

Editando…Acabei de ver a foto , é o que parece.

Last edited 1 mês atrás by Bispo
BraZil

Sim. Parece que caiu na decolagem. (Alguém achou que seria seguro decolar com ele)…Espero que o corajoso piloto sobreviva e a perda seja somente de bilhões de dólares gastos em uma porcaria que a OTAN adora…por enquanto. Enquete rápida: quantos dias se passarão até o próximo acidente de qualquer variante da rocha voadora? Aposto em 25, hoje 29.05.2024

Sergio Machado

Aeronave russa ou chinesa que cai. Aeronaves americanas acidentam-se.

Maurício.

E no caso americano, geralmente a culpa é do piloto, nunca é dá aeronave…

Jagdverband#44

E no caso americano há publicidade.

LUIZ

Sim! Claro que a publicidade pra manter aquela máxima de uma democracia e liberdade de expressão quando é conveniente.

Heinz

ultimamente aeronaves russas não caem, são abatidas.

Marcos

Caso queiramos comparar acidentes no geral, a USAF tem os dados para sua frota: Nos últimos 10 anos são 1,81 acidentes classe A/100 mil horas de voo para o F-16; 1,85 para o F-15; e 2,22 para o F-35. Se considerarmos todo o período de serviço dessas aeronaves nas forças, os números são 3,30 para o F-16; 2,29 para o F-15; e 2,22 para o F-35. Destes três, o F-35 também é o único que não causou a morte de nenhum piloto e o que tem o menor número de aeronaves perdidas por 100 mil horas de voo (independente do… Read more »

Rommelqe

Obrigado Marcos, excelente informação. Os acidentes computados incluem eventos bélicos?

O vingador com cérebro

É tão bom ler um comentário inteligente neste espaço! Parabéns!

José001

“… o único que não causou a morte de nenhum piloto…”
Tá bom.
Já disse isso pra família do piloto do F-35 japonês?

Rodrigo LD

É como sair com o carro zero da concessionária e bater no primeiro cruzamento. Que prejuízo! Nesse caso, fica na conta da fabricante ou do comprador?

Last edited 1 mês atrás by Rodrigo LD
Leandro Costa

Nem fala. Conheço um cara que fez justamente isso. Só que nem chegar no cruzamento chegou. Tirou o carro zero da concessionária e bateu no poste saindo dela hehehehehe

Tallguiese

Eita Marea turbo danado heim?

BraZil

Pensem numa “gasolina” ruim kkk – caiu após reabastecer – o problema novamente deve ter sido: A combustível ou B objeto esquecido dentro da carenagem…

O vingador com cérebro

Vai ver lá já adicionaram 27 5% de álcool na gasolina, daqui a pouco serão os motores dos carros exclusivamente a gasolina do país das bananas que vão começar a “cair”

José001

Ou C: o projeto

Marcos R

Salvo engano o f35 já apresentou problemas nos dutos de combustível.

BraZil

Todos já perceberam que não sou fã da rocha voadora, mas reconheço seu potencial em eletrônica embarcada. Acho difícil os que EEUU abandonarem o projeto, com tantos clientes no consórcio (o que não entendo em parte) e face os já recentes fracassos ou limitados sucessos Raptor, Zumwalt, Comanche, LCS e por ai vai. Creio que, caso se mantenha esse histórico de falta de confiabilidade do F35, seu destino pode ser limitado a ELINT e controle de enxames de drones, (tipo os QF16 ou outro que os ianques venham a adaptar, inclusive jatos soviéticos, que eles tem comprado aos montes), ficando… Read more »

Abymael

Que zica essa aeronave. E se ainda fosse uma zica barata, vá lá…mas é caríssima, a mais cara da história. Mais engraçado é ver que, a cada notícia dessas, vem também aquele contorcionismo argumentativo dos defensores querendo convencer que não foi nada de mais, faz parte, acontece, “outros aviões caíram mais que esse”, “cai muito mas os pilotos não morrem” (!!!), metem até umas estatísticas no meio pra justificar (mesmo tendo que fazer cálculos numa HP). Um dia vão me convencer que esse avião vale tudo o que custou (e ainda custará) e que os acidentes foram, na verdade, testes… Read more »

marcus mendes

Deveriam parar a produção por 30 dias, para avaliar a qualidade da produção de todas peças da aeronave.

francisco diego f abrantes

a utilizaçao do sitema vertical da aeronave F35B pode parecer simples mas e bastante complexo e perigoso quando a perda de sustentaçao e ai os amortecedores do trem de pouso sao exercidos ao maximo causando uma pressao e força contraria dos amortecedos de forma explosiva fazendo a aeronave ficar de ponta cabeça

Renato de Mello Machado

Imagina se estivessem na correria de uma guerra.

LUIZ

As guerras hj tá mostrando que o bonitão e sofisticado pode ser abatido por um drone de poucos mil dólares. Gastar mais de 100 milhões num caça desse e ver ser vencido por um drone ou o motor sugar uma ave e cair é de fazer chorar.

Jordan Silva

Eu sou bem leigo com relação a esses caças, mas a sensação que eu tenho é que esse caça só sabe cair, a quantidade de acidentes com esse caça me faz pensar que ele é muito superdimensionado para o que se propóe…

Jagdverband#44

Por isso você é leigo.

Eduardo Ribeiro

E mais um gordo se esborracha
Ainda bem que o piloto sobreviveu,mesmo se ferindo gravemente.
Mas como seria caro demais de se abandonar o cai-cai continua…

Rui

Estes aviões dos chineses, sempre a soltar pecinhas.