Sukhoi Su-35

Sukhoi Su-35

TEERÃ (Tasnim) – O Irã espera receber vários caças Sukhoi Su-35 da Rússia no início do próximo ano iraniano, que começa em março, disse um legislador.

Falando à Tasnim, o membro da Comissão de Segurança Nacional e Política Externa do Parlamento iraniano, Shahriar Heidari, disse que os caças Sukhoi Su-35 que o Irã encomendou da Rússia chegarão em março.

O legislador observou que o Irã também encomendou uma série de outros equipamentos militares da Rússia, incluindo sistemas de defesa aérea, sistemas de mísseis e helicópteros, a maioria dos quais serão recebidos em breve.

Relatos da mídia sugeriram anteriormente que o Irã receberá 24 caças supermanobráveis bimotores de quarta geração, usados principalmente para missões de superioridade aérea.

Prevê-se que algumas das aeronaves de combate sejam alojadas na Base Aérea Tática (TAB) 8 da Força Aérea da República Islâmica do Irã (IRIAF), localizada na cidade iraniana de Isfahan, no centro do país.

A United Aircraft Corporation (UAC) da Rússia diz que o caça a jato Sukhoi Su-35 “combina as qualidades de um caça moderno (supermanobrabilidade, auxílios de aquisição ativos e passivos superiores, alta velocidade supersônica e longo alcance, capacidade de gerenciar ações de grupo de batalha, etc.) e um bom avião tático (grande variedade de armas que podem ser transportadas, sistema de guerra eletrônica multicanal moderno, assinatura de radar reduzida e alta capacidade de sobrevivência em combate).”

O Irã não adquiriu nenhum novo caça nos últimos anos, excluindo alguns caças russos MiG-29 Fulcrum que comprou na década de 1990. O Irã e a Rússia assinaram importantes acordos nos últimos meses para impulsionar sua cooperação econômica, comercial, energética e militar.

Subscribe
Notify of
guest

126 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Tutor

Trocar drones kamikases de baixo custo e tecnologia por Sukhois 35 de 4,5ª geração.
Baita negócio para o Irã.

Last edited 19 dias atrás by Tutor
Henrique

Rússia deve ta sabendo que vai ser com 100% de transferência de tecnóloga essa venda pq com toda a certeza: ou Irã pediu ela ou ele vai meter a reengenharia nela kkkkkk
.
esse é o mundo multipolar onde o Irã consegue dobrar a Rússia kkkkkkkkkkkk

Rômulo

Multipolar é o Irã tomando todo o Oriente Médio.

Andre

Talvez no dia em que a Russia concluir a NOM e chegar a Lisboa.

Rômulo

Tudo tem um começo e o começo é a Ucrânia.
A Ucrânia já era.
E isso está sendo fartamente avisado aqui.

Henrique

aham… fim da Ucrânia de 3 dias que dura +325

mais fácil a Terra ser plana que esse bagulho de mon com a Rússia acontecer

Last edited 19 dias atrás by Henrique
Joe Super Safo

“Fartamente avisado aqui”, pelo Rômulo, outrora conhecido como Xing, que previu a tomada de Kiev em 72h…

Andre

Nem Bakhmut eles conseguiram tomar ainda…

Ta feio hein Da Lua

Thiago A.

Claro, Turquia, Israel, Arábia Saudita e Emirados Árabes estão lá só de enfeite …so para observar com ar de quem não quer nada.

Isso sem contar a quantidade de bases estrangeiras na região… definir isso um barril de pólvora é pouco.

Jagderv#44

Esqueceu do Egito.

Komander

Arabia Saudita não boto fé, agora Israel e Turquia acabam com a festa rapido

Thiago A.

Eu também não, mas grana, meios e “aliados” de conveniência eles têm de sobra e é o suficiente para atolar a região e Irã em um conflito sem solução.

Luis Carlos

Sim.
Então porque Israel e os EUA estão tão preocupados com o Su-35 e a vindoura bomba atômica iraniana?
Deixa pra lá!
Liga não!

Luis Carlos

Então POR QUE…..?

leandro

cara se perde tanto nos perfis que ele mesmo responde o que perguntou

Luis Carlos

Por que, separado, é para pergunta.
Digitei errado.
E vc, pelo visto, faltou à aula de Português.

Romão

esse é o mundo multipolar onde o Irã consegue dobrar a Rússia kkkkkkkkkkkk”
.
E qual é o problema do Irã “dobrar” a Rússia num acordo comercial ?
Os persas foram uma superpotência há 3 mil anos e agora tem algumas das maiores reservas de petróleo do globo. Além disso, possuem uma rede de espionagem muito bem organizada e patrocinam centenas de facções xiitas por todo o oriente médio.
Porque não se dariam bem numa mesa de negociações ?

Henrique

imagina o EUA depender da colômbia pra uma guerra e do nada eles parecem com F35 com transferência de tecnologia, ou roubo de tecnologia, e os eua não poder falar nada pq eles agora são dependentes da Colômbia

Mérito do Irã, parabéns pra eles kkkkkk, zuado só é a Rússia ter que abri as perna pra qualquer um HOJE (ninguém se importa se ontem tu foi potência)

Palpiteiro

Para quem tem querosene barato vai bem. É grande. Parece um cargueiro de combate. Aliás, em que cenário essa quantidade de armamento compensa o rcs maior?

Eduardo Angelo Pasin

Só compensa se ele conseguir ver primeiro e atirar primeiro, e seu míssil tiver um alcance superior que o míssil do seu adversário, se não é um belo alvo voador.

Na minha opinião caças grande como o su-35 tem grande capacidade de ataque com bombas e mísseis ar-terra, já no combate contra outros caças é outra história, não duvido se tomasse um cacete de caças com gripen ng.

Last edited 19 dias atrás by Eduardo Angelo Pasin
Luis Carlos

Prezado.
Os relatos é que os Su-35 venceram todos os combates aéreos dos quais participaram.
Esses sim estão realmente invictos.

Luis Carlos

Os relatos SÂO……

Luís Henrique

Depende para que o caça foi projetado. O Su-35S foi projetado como um caça de superioridade aérea, pesado e de longo alcance, para se contrapor ao F-22 americano, enquanto a indústria russa ganha tempo oata produzir um caça de 5a geração (Su-57). Já o Gripen foi projetado para ser um caça multirole de porte leve, com objetivos claros de ser um caça mais barato para adquirir e para operar. Sem dúvidas pode abater um Su-35 como também pode abater qualquer outro caça. Mas não foi projetado para ter desempenho de um caça pesado de superioridade aérea como o Su-35. O… Read more »

Mirade1969

A Ucrânia e seus Su-27 e MiG-29 que o digam, alguns foram abatidos sem saber o que estava lhe acertando e eram os Su-35 atirando. Se vir Gripen, F-16, Rafale e outros Geração 4 ele é caça e tanto. Já 5ª geração é mais difícil porém não impossível.

Cristiano de Aquino Campos

Ele tem o mesmo RCS de um F-15, pergunta para Israel, EUA e Japão, qual a vantagem do F-15 também ter tantas armas?
OBS. Todos os caças da Sukoi desde o SU-27, são grandes pois Eles não usam tanques externos extras de combustível, que aliás só lamentam o arrasto/consumo de combustível e aumenta o RCS.

Last edited 18 dias atrás by Cristiano de Aquino Campos
Luís Henrique

Na verdade o F-15 tem RCS comparável ao Su-27. Cerca de 15 m2. O Su-35 possui RCS cerca de 10x menor na faixa de 1 m2.

Mirade1969

Mais é lógico eles foram projetados nos anos 60 e 70 do século passado onde não havia esta preocupação.

Mirade1969

Porem você não carrega combustivel externamente e tem de que usar mais pilone ou seja menos uma arma. Ele tem este tamanho pois não carrega combustível externo e sim só armas. Diferente do F-15.

Cristiano de Aquino Campos

Sim, foi o que falei na obs. No final do meu testo.

Carlos Campos

muito bom, agora é saber se eles compraram um pod EW pois assim o SU35 teria mais chance de sobreviver em caso de enfrentar 1 F35

Zorann

Parabéns ao Irã!

Isto mostra o quanto o desenvolvimento pode trazer frutos quando a oportunidade bate à sua porta. Constroem drones suicidas e misseis balísticos vendidos para a Russia e agora podem barganhar a compra de SU35 e outras armas.

A tarefa de Israel passa a não ser tão fácil.

Nonato

Você poderia se mudar para lá.
É um pais democrático…

Zorann

Qual seu problema?

Luis Carlos

Ninguém liga.
É o País deles e eles vivem do jeito que bem entendem.
E esse não é o assunto da matéria.

Mirade1969

Democrático não é muito mas ainda é um país onde se escolhe o presidente no voto, e não é um rei ou outra autoridade imposta como na maioria dos paises do oriente médio incluindo a Arábia Saudita amiga intima dos EUA que são uma ditadura mais brutal que o Irã. Pelo menos no Irã a juventude mesmo lutando contra uma ditadura ainda pensa, já na Arábia é massacrada e ninguém sabe disso. Mas os defensores da democracia fazem vista grossa para eles não sei porque.

Adriano Madureira

Um país onde deram um golpe de estado em um político por esse se opor as grandes petrolíferas que sugavam a laranja e só deixavam o bagaço para a república islâmica, Mossadegh não era comunista, mas um nacionalista que defendia o controlo por parte do Irão das suas riquezas petrolíferas. Neste sentido, opôs-se com sucesso à atribuição à União Soviética de uma concessão de petróleo na região norte do país. Era também favorável à nacionalização da Anglo-Iranian Oil Company. Os anos de exploração de óleo no Oriente Médio haviam deixado um rastro de pobreza, miséria, corrupção e despostismo. Nesse período… Read more »

Mirade1969

Estes fatos foram a razão dos Iranianos odiarem os ocidentais (leia se EUA e Inglaterra) pelo seu imperilismo que colocou o Xá Reza no poder por ser amigo intimo dos interesses imperialistas.

Alexandre Galante

O Irã poderia adquirir logo em seguida o Sukhoi Su-57 para tornar o filme Top Gun Maverick mais verossímil 😉

Willber Rodrigues

kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Rogério Loureiro Dhiério

E pensar que, na época do primeiro filme TOP GUN, o Irã estava comprando o F-14, do Maverick.

O mundo gira mesmo.

Andre

Ele já tinha comprado fazia um bocado.

EduardoSP

Top Gun é de 1986.
O Irã comprou, e recebeu, os F-14 na década de 70, sendo que a revolução islâmica foi em 1979.

Von Richtoffen

Acho que ele está brincando com a compra de peças de F-14 contrabandeadas na época do filme, 1986.https://www.latimes.com/archives/la-xpm-1985-07-16-mn-6840-story.html

Mirade1969

No tempo do caso Irã – Contras. A mão invisível do Imperialismo yanke.

Mirade1969

Não senhor. A Revolução no Irã ocorreu em 1979 e não em 1986. Volte para escola.

Paulo Montezuma

Pensei a mesma coisa

MGNVS

Top Gun Maverick é o filme sobre aviação mais mentiroso de todos os tempos. Ate o filme – Stealth Ameaça Invisivel – tem mais verdades do que Maverick, e o Stealth é uma ficção cientifica.

ALISON

kkkkk. Muito boa!

Rodrigo Frizoni

Vão durar quantos segundos quando Israel quiser atacar o Irã?

Rômulo

Sabe-se lá!
É só ir lá tentar.

Rogério Loureiro Dhiério

No chão, zero.
No ar, talvez uns minutinhos até serem pulverizados pelos mísseis aéreos da IAF.

Adriano Madureira

Claro Rodrigo, o povo escolhido por deus é indestrutível… Em alguns a baba chega a escorrer !

Menos meu caro ! Menos…

Alguns veem os israelenses como o suprassumo da tecnologia, inexpugnáveis, seres quase divinos…

São bons em tecnologia sim, mas alguns sempre os louvam exageradamente.

comment image

“segundos”…

Andre

indestrutível não são, mas cacetou os apoiados pela Russia/URSS em todas as guerras que se enfrentaram, mesmo com total apoio russo-soviético.

Luis Carlos

Calma Dezin.
A desclassificação de documentos de 1973 mostra a derrota israelense para o Egito e a decisão de armar aviões com bombas nucleares.
A situação só mudou com a ‘incompreensível’ parada do Exército egípcio e a entrada em campo dos EUA com Kissinger.
O destino do Sadat, todos sabermos qual foi.
Morto e considerado traidor da causa árabe.
E se vc não gosta dessa história, lembre-se da Guerra do Líbano onde o Hizbollah enfrentou os israelense que até hoje não se atreveram a pisar lá de novo.

André

A situação “incompreensível” para alguns tem uma explicação na fé.
Se é verdade, eu não sei, mas nunca duvide da fé de um povo.
No caso em tela, para a explicação da fé, os dois povos tinham fé e o atacante entendeu que dali não poderia passar.
Só o comandante do ataque pode explicar o que porque agiu de tal forma.

Andre

Derrota israelense para o Egito??

Em que mundo você vive?? Que drogas você usa??

Ao final da guerra o Sinai era israelense e se não fossem os americanos impedirem o avanço, Cairo também seria.

Você segue com a estratégia do seu ministro da propaganda preferido: mentir repetidamente até que se torne verdade. Mas só você e seus alter egos acreditam nessas suas fantasias.

Alias, a guerra de 1973 foi quando os velhos Centurions humilharam os “modernos” T-62.

Mirade1969

Eles tinham o apoio do Imperialismo americano que supria as perdas a toque de caixa. Mas quase capitularam também.

Andre

Por outro lado, os árabes tinham total apoio do imperialismo soviético.

Israel “quase” capitulou, mas quem acabou capitulando foram os apoiados pelos soviéticos.

Emmanuel

Dê uma lidinha sobre a história de tio Salim, de 1948, quando ele nasceu, até hoje.
Você vai ver tio Salim macetando a vizinha sem dó nem piedade desde sempre.
Tem uma minisérie na Netflix, o Espião. Dá uma olhadinha. Você vai ter uma ideia do que os israelenses são capazes. É baseada em fatos reais. Recomendo.

Nonato

Temos aqui um defensor do regime iraniano…

Adriano Madureira

Defendo os Iranianos assim como os muitos que há aqui que melam a cueca só de ouvir o nome de Israel e que acham que os Israelenses são seres selestiais e divinos. Muitos gostam de Israel por razões políticas,religiosas ou por serem intusiastas ,admiradores das tecnologias militares israelenses. Mas os Iranianos tem o direito de se rearmarem e se defenderem assim como terem um programa nuclear civil e militar( assim como nós o temos também) para dissuasão. Muitos acreditam e caem na pilha dos críticos anti-irã e defensores do povo celestial, cujo os especialistas militares hora ou outra aparecem com… Read more »

Willber Rodrigues

Pra quem ainda voa de F-5 e Tomcat, SU-35 é X-Wing. Irã finalmente vai colocar sua aviação de caça na geração 4++.

PS: cenas dos próximos capítulos: Israel adquire novos lotes de F-35.

Marcelo

Os F-35 de Israel são praticamente doados pelos americanos !!!

Fabio Araujo

O Irã vai estar com um caça a altura do caças de seus vizinhos, mas o número ainda é pouco comparado com seus vizinhos!

Rômulo

O único problema é que o Irã é muito maior e mais poderoso que seus vizinhos.
Exceto a Turquia.

Fabio Araujo

Tem mais vizinhos poderosos um é o Paquistão que também tem fronteira terrestre com Irã e outros dois com fronteiras marítimas a Arábia Saudita (Golfos Pérsico e Omã ) e a Rússia ( Mar Cáspio ).

Andre

Exceto Turquia, Arabia Saudita, Paquistão, Israel,….

Fabio Araujo

Israel e Egito como não possuem fronteiras nem terrestre e nem marítima podemos dar um desconto pois tecnicamente não seriam vizinhos!

Andre

Como o Da Lua citou Turquia no comentário dele, ao qual eu respondi, ficou claro que ele usou a palavra vizinhos no sentido de “estar próximo”.

Do dicionário Michaelis tem-se:

vizinho
vi·zi·nho
adj
1 Que está perto ou a pequena distância; próximo.
2 Que está junto ou ao lado; confinante, contíguo, limítrofe.
3 Que mora ou reside perto de outra pessoa.
4 Que tem proximidade de parentesco.
5 Pertencente à mesma classe ou ao mesmo gênero; análogo, semelhante.
6 Que está próximo no tempo.

Carlos Campos

Arabia Saudita só tem arma Top, na vamo vê aí não é tudo isso, e isso enfrentando Huthi com treinamento Iraniano, o Hezbolah com treinamento iraniano destruiu e danificou 17 Merkava em 2006, Paquistão é bom de Briga, Turquia também.

Andre

Existe uma diferença gigantesca entre um exército regular enfrentar outro exército regular, como está acontecendo na Ucrânia, ou como aconteceu diversas vezes entre o Paquistão e a India, e enfrentar guerrilha. A Arábia Saudita não enfrente um exército regular há muito tempo. Teve uma pequena participação na guerra contra o Iraque na década de 1990 e também pequena participação, nas guerras Árabes-Israelenses. Muito difícil avaliar quão efetivo seria em uma guerra regular. O mesmo pode ser dito sobre o Irã. Apesar de ter grande participação nas guerrilhas libaneses, sírias e iemenitas, a última vez que participou de uma guerra regular… Read more »

Luís Henrique

Alguns sites estrangeiros citam que o número será 64 Su-35 para o Irã.

Fabio Araujo

Se levar em conta o tamanho do Irã este seria um número perto do ideal.

Eduardo Angelo Pasin

A quantidade de caças de seu aniversário é muito superior, fora que eu duvido muito da capacidade desse s-35 só olhar o tamanho desse caça o rcs provavelmente é muito superior que um rafale, f-16, f-35 fora outros caças ocidentais.

Fabio Araujo

Ele tem essa desvantagem mas por outro lado se os equipamentos ECM funcionarem bem ele pode ter uma chance de detectar primeiro o adversário e quem detectar primeiro tem maior chance de vencer!

Luís Henrique

O tamanho não significa que a RCS será maior ou muito maior. O F-22 é um caça pesado e possui RCS muito pequeno. O novo bombardeiro B-21 é enorme e possui RCS muito pequeno. O Su-35 não é um caça furtivo, mas possui muito trabalho de redução da RCS, assim como Rafale, Super Hornet e Gripen E. Portanto, mesmo sendo maior em tamanho, a RCS pode ser muito parecida aos demais caças da geração 4++. Quando a diferença de RCS está em ordem de grandeza, aí sim a diferença da distância de detecção muda bastante, mas quando a diferença é… Read more »

Luiz Trindade

Mesmo assim não são páreos para o F-35 de Israel.

Anselmo da Costa Andrad

Eu diria até mesmo para o F-16I Sufa e F15I Ra’am!

MFB

Não são mesmo, nem de longe. O resto é papo de torcedor.

Adriano Madureira

Ótima notícia ! Deixarão de usar os idosos caças e usarem maquinário do século XXI…

Carlos Gonzaga

Não se engane. Não é pareo para Rafale ou F16 Block 70. Não tem radar ou armamento para guerra além do horizonte. Imagine pegando F35 ou F15 pela frente.

Luís Henrique

Não tem radar e armamento para guerra BVR??
R-77 80 km alcance. R-77-1 110 km alcance. R-27 130 km de alcance. K-77 (entrando em servico) 195 km de alcance. R-37M 400 km de alcance.

Radar PESA IRBIS-E detectar alvos aéreos a até 400 km de distância.

Adriano Madureira

“Não tem radar ou armamento para guerra além do horizonte. Imagine pegando F35 ou F15 pela frente”. Como você sabe Gonzaga? tem alguma informação do que virá incluso com as aeronaves? Se sabe tudo bem, mas se não sabe, vira apenas especulação… Os russos tem mísseis para BVR Gonzaga, o R-77,não sei se é similar aos usados pelos ocidentais mas tem. O Su-35 conta com dois sensores embutidos em suas asas, que são radares ativos de varredura eletrônica (AESA) que fornecem uma cobertura angular ampla, sendo ideais para rastrear alvos furtivos e para guerra eletrônica. A Sukhoi fabrica radar aesa,… Read more »

Andre

Já que o dinheiro acabou e ainda precisam de drones, entrega esses Su-35 que o Egito refugou…

Luís Henrique

O Egito foi obrigado a cancelar o contrato por pressão americana, ameaçaram sanções econômicas e acabar com a ajuda de bilhões de dólares anuais.
O Egito foi forçado a cancelar e se contentar com caças F-15 que entregam capacidades semelhantes mas custam 3x mais.

Andre

Ué, e prq o Egito não faz como a Russia e enfrenta as sanções americanas? A Turquia também o fez.. Tudo na vida é uma questão de escolha. O Egito foi fortemente alinhado com a Russia por muitos anos e isso levou o país a três derrotas humilhantes em guerras contra Israel. Não existe nenhum motivo para os egípcios cometerem esse erro novamente. O Egito não foi forçado a nada, a ele foi dada duas opções: ou você continuar nosso amigo e vira as costas para os russos ou não seremos mais seus amigos. Entre permanecer alinhado com os EUA… Read more »

Luís Henrique

Sim, mas antes de tudo foi uma escolha econômica. Os EUA possuem uma economia muito maior que a Rússia e dominam o comércio mundial com o dólar. Também possuem a União europeia e dezenas de outros países do seu lado. Os EUA também dão uma ajuda para o Egito traves de uma cooperação militar, onde o Egito recebe alguns bilhões de dólares para adquirir equipamentos militares americanos, semelhante à ajuda que dão à Israel. Entre perder esses bilhões de presente e sofrer sanções econômicas os egípcios preferiram cancelar a compra dos Su-35. Ocorre que muitos aqui acreditam que eles desistiram… Read more »

Andre

Não há dúvidas que foi uma escolha econômica. E como eu disse, tudo é questão de escolha…

Enquanto o Egito for o segundo país a mais receber ajuda econômica americana, eles que sigam fazendo o que o suggar daddy mandar.

O suggar daddy anterior deles quase os levou a ruina.

Luís Henrique

É que tem gente que acredita que o Egito comprou os Su-35 às cegas e só depois percebeu que é uma porcaria e desistiram. Kkkkk
A inocência é tudo.

Adriano Madureira

Os caças egípcios só servem para enfeite, até os caças da etiópia, seus rivais,são perigosos em caso de confronto entre ambos.

Billy

O Iran é uma república tanto quanto banania.

Maurício.

Quanto recalque nos comentários por causa desses Su-35 para o Irã…😂

Thiago A.

Nem de graça, obrigado.

Maurício.

Mas tu não conta, tu só aceitaria se fosse made in USA, isso todo mundo já sabe.

Thiago A.

Não , pode ser Rafale , Typhoon, Gripen, Tempest…KF-21… Talvez, em última consideração, até o J-16 ( que segundo as divulgações utiliza materiais compósitos em maior grau e tem radar AESA) e J-10, dependendo do valor e do pós-venda que reconhecidamente não essa grande coisa.

Sabemos da sua paixão pela mãe Rússia, mas nós livre dessa canoa furada.

Maurício.

“Sabemos da sua paixão pela mãe Rússia.” Mãe Rússia…rsrsrs. Acha um comentário meu chamando a Rússia de mãe ou algo do tipo, tu não gosta é de ouvir verdades, tipo, que Rússia e OTAN/EUA só chutam cachorro morto e que são tudo farinha do mesmo saco, na sua realidade paralela, os russos e chineses são os bandidos e os americanos e europeus os mocinhos…rsrsrs. O Su-35 já é um caça operacional, aliás, um baita caça, e ainda conta com o IRST instalado…rsrsrs. Quanto a canoa furada, daqui uns anos vamos estar falando de uma verdadeira canoa furada, só de tempo… Read more »

Plinio Jr

Muda a balança aérea na região ?

Não muito, a defasagem aérea do Irã é muito grande em relação a países vizinhos que podem ser hostis como a Arábia Saudita, Turquia, Emirados Arabes e mesmo Israel… a força aérea iraniana precisa de uma quantidade maior de vetores modernos e tempo para adquirir doutrinas entre outras coisas importantes…24 unidades é muito pouco …é necessário muito mais …

Joe Super Safo

Um belo pássaro, mas deve brilhar na tela do radar como uma geladeira duplex de 610l em uma cozinha de kit net…

Luís Henrique

Pesquise um pouco sobre o Su-35s. Os russos fizeram um trabalho muito extenso de redução de RCS. Algo que os americanos não fizeram com o F-15.
A RCS do Su-35 é muito próxima dos demais caças de geração 4++ como Rafale, Eurofighter, Super Hornet, etc.

Emmanuel

Continua brilhando como uma geladeira duplex de 610l numa cozinha de kitnet.

sub urbano

É um geração 4++ já tem tecnologia de redução de assinatura.

Machado

Vai ser incrível ver esses SU-35 abatendo F15/F16/F35 israelenses

Last edited 19 dias atrás by Machado
Thiago A.

No Ace Combat é tudo possível…

Luís Henrique

General grego disse que se um piloto de F-35 detectar um Su-35, provavelmente ele evitaria o combate e retornaria para a base.
Mas aqui tudo que é russo não presta…

Thiago A.

Claro.. e quando ele detecta um Su-57 ele decola . Aham , pena que são tão raros que fica mais difícil ainda detectar um deles. Voltando para o mundo real, pouco tempo atras a Grécia enviou um pedido oficial aos Estados Unidos para a compra de 20 F-35 … deve ser por isso, o general não deve ter alertado e orientando corretamente a força aérea e o governo do seu país . A Turquia não curtiu, tanto que o seu ministro das relações exteriores pediu maior cautela para os EUA não alterar o equilíbrio entre os 2 países. Até os… Read more »

Emmanuel

Ele evitaria o combate porque lançaria um míssil além do alcance visual na árvore de natal que estaria brilhando no radar dele. Logo depois voltaria para casa, são e salvo, enquanto o Su-35 virava uma bola de fogo.

Luís Henrique

O F-35 é um caça multimissao mas seu foco são missões de ataque. Ele usa sua furtividade para penetrar em espaço aéreo contestado, lançar suas bombas e mísseis e voltar para casa em segurança. Se no meio do caminho detectar caças de superioridade aérea como o Su-35S, provavelmente ele desviará e tentará cumprir suas missões de ataque ou retornará em segurança para a base. Dificilmente ele tentará engajar com os Su-35. Porquê? Porque ao entrar em combate aéreo, dificilmente conseguirá destruir os Su-35 no alcance máximo de seus mísseis e provavelmente acabará sendo detectado e os caças russos responderão. Claro… Read more »

Last edited 17 dias atrás by Luís Henrique
Thiago A.

Detectar, rastrear e travar são coisas diferentes. Detectar um sinal fraco que desaparece da tela e depois comparece em uma trajetória imprevisível não é de muita utilidade. Os chineses e russos jogam com essa confusão de termos, assim como os torcedores. Questionável que uma radar PESA sozinho( geralmente menos confiável e preciso do que um AESA) , sem AWACS e/ou um trabalho de triangulação feito via datalink com várias aeronaves e radares em terra trabalhando em rede , consiga uma solução de tiro, a uma distância segura, contra aeronaves furtivas. Você não informou qual seria o míssil russo e sua… Read more »

Teropode

Boa sorte para os operadores !

Fábio CDC

Magnífica aeronave, parabéns aos nossos irmãos iranianos. Que nunca precisem utilizá-los em ação real e que estejam sempre em paz com seus vizinhos e consigo mesmos.

Antunes 1980

Israel possui mais de 684 vetores, destes 50 são F-35 de quinta geração, além de cerca das 80 ogivas nucleares divididas em submarinos, caças e mísseis balísticos.

E alguns ainda acham que o Irã vai dominar o Oriente Médio, isso é ser muito chapéu de alumínio!

Luís Henrique

Israel possui cerca de 300 caças. O Irã também possui cerca de 300 caças. Mas Israel possui a vantagem qualitativa com caças bem mais novos e modernos.
Fora isso o Irã é um país bem maior com 10x a população de Israel. Em número de soldados o Irã tem 3x mais.
Por isso Israel e os EUA fazem de tudo para manter a superioridade tecnológica de Israel na região.

Emmanuel

Na década de 60 os EUA não fizeram de tudo para manter a superioridade tecnológica de Israel. Mesmo me extrema minoria eles foram lá e colocaram os árabes para correr com o rabinho entre as pernas.
Israel é o que é por ele mesmo, não por ninguém.
Veja quantas patentes Israel tem por ano e o Brasil.
A coisa não é bem assim.

Thiago A.

por favor… coloque o elenco desses 300 caças, assim, só para conferir e comparar.

Gentilmente poderia nós lembrar a população do Egito…e como isso influenciou os conflitos arabe-israelenses, como isso foi útil frente a esmagadora superioridade das FAs de Israel.

Luís Henrique

Oras, mas eu disse que os caças israelenses são mais novos e modernos.
Irã possui F-5, F-4, F-14, mirage f1, J-7, Su-22 e MiG-29.
Israel possui F-16, F-15 e um punhado de F-35.

sub urbano

Se Israel pudesse ele teria 1000 caças. Da fronteira da Jordania até a capital deles são menos de 100km!!!! E isso com a palestina no meio.

Maurício.

“além de cerca das 80 ogivas nucleares divididas em submarinos, caças e mísseis balísticos.”

Eu acho engraçado isso, se você menciona que a Rússia tem mais de 6 mil artefatos nucleares, vem um pessoal e diz que a Rússia só se garante porque possuí o arsenal nuclear que era do tempo da URSS, agora, é só surgir uma pequena “ameaça” a Israel, que logo o pessoal enaltece o arsenal nuclear israelense…rsrsrs.

Nemo

O Irã de maneira inteligente baseou sua defesa no seu programa de mísseis incluindo os anti-navio. A marinha é desenvolvida para guerra assimétrica e a força aérea voava caças do tempo do 14 bis. Os novos caças devem ter uma missão específica (talvez a defesa da capital e sítios sensíveis).

Henrique

só falta querem os Su pra atacar o pessoal do 14 biz… lembrar que tem um certa rivalidade entre os pilotos do F-14 e os demais e como o Irã é um país autoritário paranoia interna de que algo vai derrubar o regime é mais presente que qualquer outro problema do país

sub urbano

Fizeram a escolha correta. Talvez se tivessem investido em uma marinha ou força aerea convencionais já não existissem mais como Republica Islamica. É a importancia de uma comunidade academica latente e perene, q o Irã tinha, cientistas e engenheiros q a Revolução Islamica não cometeu o erro de perseguir, ate por certa influencia marxista do ponto de vista do Khomeini. O missil balistico foi uma arma estrategica que tinham em mãos naquele momento: Scuds comprados para a guerra Irã x Iraque, alguns ainda meras cópias coreanas. Ainda trocaram figurinhas com a Coreia do Norte q usaram a mesma estrategia. Tal… Read more »

Romão

Bom, enquanto os adolescentes tardios (com barriga de chopp) discutem sobre quem manda no Oriente Médio, numa postagem sobre aviação, vamos a vaca fria:
.
De alguma forma, os iranianos conseguem manter muito bem sua linha de suprimentos.
Pesquisei sobre a tal base aérea citada no post e eles tem muitos Chinooks e AH-1 à postos (não armazenados, ao menos).

https://earth.google.com/web/search/aeroporto+perto+de+Isfahan,+Ispa%c3%a3o,+Ir%c3%a3/@32.61748521,51.70437589,1588.2870992a,465.65433452d,35y,-0.05694113h,0.0828301t,-0r/data=CigiJgokCWdWx8j7T0BAETBg6cNYTkBAGdtZ-Lga3ElAIUi8h5r410lA

Grifon Eagle

Sukhoi Su-35 é o melhor caça da Rússia, só perde para o Sukhoi Su-57 que é de quinta geração.

Adriano madureira

Não exagera Eagle, até os russos sabem que o 57 não é 5G…

Silvano

Viva o nosso grande, eterno e amado Irã.

Tom

Melhor contratarem seguro e garantia estendida… vejo grande chance desses caças sofrerem avarias no transporte.

bit_lascado

Será que o Putin vai entregar os Su-35 depois da declaração do Irã que não vai reconhecer os territórios ucranianos ocupados como parte da Rússia?