segunda-feira, dezembro 5, 2022

Gripen para o Brasil

Zhuhai Airshow: China já tem 200 caças furtivos J-20 e 240 J-16

Destaques

Redação Forças de Defesa
Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

A China tem pelo menos 200 caças J-20 furtivos e mais de 240 aeronaves de ataque multifunção J-16 em serviço, com base na análise dos números de fabricação pintados nos jatos por um especialista em aviação militar chinês.

Andreas Rupprecht, autor de vários livros sobre a indústria de aviação militar da China e a Força Aérea do Exército de Libertação Popular, disse ao Defense News que, com base nos números de fabricação vistos nos jatos no Zhuhai Airshow, houve quatro lotes de produção do J-20 e 11 lotes de J-16s.

Ele observou que dois dos caças Chengdu J-20 no show tinham “CB0369″ e “CB0370″ pintados em letras pequenas atrás do canopy dos jatos. Com base em exemplos anteriores vistos em público ou em fotos e vídeos divulgados pela China, “CB03″ indicaria que os jatos eram do quarto lote de produção, sendo “CB00″ o primeiro.

Os dois últimos dígitos do número de fabricação indicam o número de execução desse lote específico, com os jatos no show aéreo sendo a 69ª e a 70ª aeronave no quarto lote de produção de J-20s.

Ele acrescentou que, com base em sua pesquisa anterior, sua “estimativa conservadora” é que os três lotes de produção anteriores de J-20 tinham pelo menos 18, 46 e 56 células, respectivamente. E adicionar 70 aeronaves ao quarto lote e aproximadamente 18 plataformas de produção de baixa cadência traria a produção total de J-20 para 208 aeronaves.

A presença do J-20 em exibição estática no show aéreo permitiu que os fotógrafos obtivessem imagens de melhor resolução da aeronave do que anteriormente. Os jatos da feira, que acontece de 8 a 13 de novembro, eram movidos por motores WS-10C nativos e apresentam bordas dente de serra de baixa observação ​​em seus bocais de pós-combustão.

Justin Bronk, pesquisador sênior de poder aéreo e tecnologia do instituto de pesquisa Royal United Services Institute, com sede no Reino Unido, disse que “as fotos de detalhes da superfície mostram quanto progresso a indústria aeronáutica chinesa fez na tolerância de fabricação e controle de qualidade”.

Bronk disse ao Defense News que, com base nas fotos da aeronave de produção inicial de baixa cadência J-20, que participou da exibição em voo no Zhuhai Airshow de 2018, “a China continua progredindo no fechamento da lacuna com os projetos de baixa observação dos EUA”.

Enquanto isso, o J-16 em exibição estática este ano carregava o número de fabricação “1105″ na parte externa de suas entradas de ar. Segundo Rupprecht, isso indica que a aeronave era a quinta do 11º lote de produção.

J-16D de Ataque Eletrônico

Ele acrescentou que a Shenyang Aircraft Corp., que fabrica o J-16, usa um número de fabricação mais simples e um sistema de lote de produção, com cada lote numerando 24 aeronaves. Isso significa que a aeronave no show – que pertence à 172ª Brigada Aérea da Força Aérea do Exército de Libertação Popular – é o 245º J-16 de produção.

O J-16 começou a entrar no serviço na PLAAF em 2015. Ele é baseado no interceptador chinês J-11B e na série russa Sukhoi Su-30MK, ambos os quais podem rastrear sua linhagem de volta ao interceptador Sukhoi Su-27 Flanker.

A China desenvolveu uma versão de ataque eletrônico do J-16 conhecido como J-16D. O tipo estreou no último Zhuhai Airshow em 2021 e apareceu novamente no show deste ano.

FONTE: Defense News

- Advertisement -

74 Comments

Subscribe
Notify of
guest

74 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Rodrigo

No mínimo impressionante já tá melhor que a Rússia com seus 4 su57

Walsh

A Rússia ate hoje não entendeu que para brincar de superpotência é preciso ter um pib superpotente, enquanto a China se preocupou em primeiro enriquecer e depois aumentar seu poderio militar a Rússia gasta tudo em poderio militar que não consegue sustentar.
A Rússia é como aquele parente pobre que gasta tudo que tem para fingir que é rico.

PACRF

Concordo. A economia russa se sustenta no extrativismo, principalmente gás e óleo, e na exportação de commodities. Só possui algum protagonismo geopolítico, porque tem um monte de bombas atômicas, Apenas isso.

ANDRE LUIS VIEIRA LOPES

Então a Rússia focou em desenvolver sua indústria nas áreas em que tinha vantagens relativas como Petróleo, metais, mineração, energia nuclear e mísseis? Pois é. Esta estratégia econômica foi um sucesso, por si só, já que eles produzem petróleo, gás, metais e mísseis e exportam isso para seus aliados. O fato deles terem um conflito estratégico com o Ocidente inteiro não tem relação com a decisão estratégica deles de focaram sua economia nas áreas nas quais eles tinham vantagens relativas com as outras economias.

Joao Moita

A Russia precisa ir aí no Brasil para aprender…😅

Nilton L Junior

kkkk boa Jony kkk

ChinEs

Discordo de voce, a Russia é a maior super potencia militar terrestre , os EUA é  a maior super potencia aero-naval, a China não é nada diante do poderio militar russo ou americano.

Diego Tarses Cardoso

A Ucrânia discorda.

ChinEs

Vamos ver com as Raputinia (o inverno Russo), parece que o Putin ja esta cantando vitoria, a Russia sempre ganhou a Guerra no Inverno… Sempre

Andre

faz tempo que está melhor que a Russia. Não se esqueça dos 3 CVs

Gilian

É que a é a maior potência mundial e está aumentando seu poder.

Angelo

Ataque por enxame…..rsrrsrs…vence no numero/quantidade…..

Rodrigo

Mas vence.

Teropode

E é por isso que a formula para lidar com isto não é tentando se equiparar em números de caças, mas sim com uma AA bem parruda incluindo ai os drones armados para combate ÀS.

Matheus

E o Brasil com seus 4 Gripados.

COF COF

Allan Lemos

A China é uma naçāo milenar com um povo respeitável, o Brasil é só mais uma republiqueta que nāo tem onde cair morta. Nāo tem comparaçāo, cara.

Last edited 26 dias atrás by Allan Lemos
RenanZ

Ao contrário do BR, a China possui poucos caciques mandando pra muita gente obedecendo. Independente de quão controversos são seus métodos, eles vão lá e fazem. A nós resta admirar, aplaudir e sentir medo!

Saldanha da Gama

E não tem reclamação para aplicação em saúde, trabalho e até rouanet…

Alexandre Galante

Atualize-se:

Patentes.jpg
R1c4zd0

Com todo o respeito, de patente de invenção inútil o Japão dos anos 80 e 90 morreu de gordo
Já se atualizou sobre a saída das industrias de microchips da China?

R1c4zd0

Acho que você não entendeu meu comentário. A reação das indústrias de micro chips sobre os avanços chineses na área e o embargo americano foram 100% pró-embargo. Ao contrário do que a torcida anti-americana esperáva, a indústria de microchip não acreditou na propaganda oficial chinesas e todas, sem exceção, anunciaram que estão deixando a China
Aquelas q tem essa opção, porque muitas não serão aceitas no EUA e terão q ser fornecedoras para novos produtos chineses nati-mortos ou simplesmente terão que encerrar suas atividades

Last edited 26 dias atrás by R1c4zd0
rfeng

Meu chará que bobagem a China vai produzir micro-chips de ponta logo logo, já copiaram as matrizes de produção e começaram a desenvolver as próprias, e só uma questão de tempo e acredito que a fábrica de ponta chinesa ainda fique pronta primeiro que a prometida pelo Biden para os americanos.

André Macedo

Acho que você não entendeu: Aceita que dói menos, sua previsão vai ser tão acertada quanto a da bolha chinesa kkkkkk

Já que você falou em copiar, pesquise de onde nasceu o programa espacial americano, de onde saiu a tecnologia das asas de geometria variável e por aí vai, não vou nem falar da tecnologia de medicamentos adquirida de empresas como a Bayer, além de se atualizar, precisa estudar História.

Last edited 26 dias atrás by André Macedo
ERIVELTON SILVA

Vc que não conhece historia. Nunca houviu falar do plano Marshall? Vc acredita o Capital para reestruturar a Bayer veio de onde? Este negócia de que o projeto espacial americano foi copiado da Alemanha é uma grande piada. A alemanha nem se quer tinha projeto espacial. Em termo de foguetes todos os grandes da segunda guerra mundial ( inclusive o japão) ja tinham projetos de jatos e foguetes, e com certeza os mais avançados no fim da segunda guerra eram os britanicos.

André Macedo

Realmente amigo, a Operação Paperclip não serviu de nada então né? O Programa Hermes que nasceu literalmente de espionagem e projetos do V-2 também não serviu de nada, nem os americanos levando pros EUA componentes pra construir mais de 300 V-2, tudo foi uma grande coincidência e realmente os britânicos tinham algo bem parecido. É ÓBVIO que não havia programa espacial, mas o programa espacial nasceu dessa tecnologia (primeiro como mísseis balísticos, depois como foguetes civis), a primeira foto do espaço foi tirada num V-2 lançado pelos americanos, o primeiro SRBM americano, o Redstone, nasceu literalmente do V-2, mas nada… Read more »

Heli

A China já se preparava para esse embargo há anos. Eles dividiram sua pesquisa na área de litografia, cujo monopólio da holandesa ASML usa patentes americanas na litografia e nos raios UV. Outra parte, encabeçada pela Huawei tenta desenvolver um método diferente da litografia. Já fabricam semicondutores de 12nm, o que é mais do que suficiente para misseis, radares etc. Não se precisa de um semicondutor de 3nm para isso.

PACRF

De tanto inventar “inutilidades” o Japão se tornou a segunda maior economia do mundo durante décadas até ser superado pela China, outra inventora de “inutilidades”.

Gilian

A China acabou de lançar o primeiro computador com processador próprio Risc-V.
Se vc gastar 5.000 dólares, pode conseguir uma edição especial com seu nome gravado.
Seu nome estará gravado na História.

Joanderson

Rapaz esse J20 da china me parece ser um quinta geração do nível do F22 e 35, porém não tenho essa msm impressão quando vejo o Su57, creio qui a Rússia ja foi superada em todos os ramos pela china.

Leonardo Bastos

Acho que o que mais chama atenção no atraso do SU-57 é principalmente o baixo nível de furtividade da fuselagem…

Rogério Loureiro Dhiério

Tb acho.
Penso eu que ele nem sequer se enquadra no conceito LO.

Ele é um SU modificado e todo rebitado.

Allan Lemos

Os americanos nāo teriam ido à Lua se nāo tivesse copiado dos alemāes.

Para quer ter “capacidade criativa” quando se poder copiar do adversário e poupar tempo e bilhões em P&D? Só para alimentar o ego dos fanboys?

Poupe-me, vá perguntar aos americanos se eles nāo adorariam copiar as patentes chinesas.

André Bueno

O que os americanos copiaram e que os fizeram ir à Lua? De início capturaram uma grande equipe, liderada por Von Braun; que não era pouca coisa; além de muito equipamento e material nazista. Tudo no âmbito da Operação Paperclip e sob o comando do então coronel Holger Toftoy. É fato que que essa equipe inicial, que teve grande colaboração com o programa de mísseis do exército americano, foi de muita importância. Mas a marinha e a força aérea também tinham seus programas. O prestígio da marinha permitiu que ela tentasse ser a primeira a lançar um satélite americano em… Read more »

cerberosph

No início da exploração especial roubaram e copiaram toda uma nave especial Russa que estava em exposição nos EUA. Noticia já publicada aqui na trilogia.

André Bueno

Os americanos fizeram isso? Sério? Que legal! Passe-me o link, por favor. Essa nave seria uma cápsula? Se foi no início, entre 61 e 63, deve ter sido uma Vostok. Se foi em meados dos anos 60, uma Voskhod
Mas, se foi a partir de 67, foi uma Soyuz. Aliás, tristemente, a missão Soyuz 1 terminou em desastre e com a morte de Vladimir Komarov. Então os soviéticos levaram uma nave inteirinha aos EUA e os americanos copiaram-na?! Ah vá!!!

André Bueno

As cápsulas americanas eram mais sofisticadas que as soviéticas. Não vejo motivo para americanos quererem copiar uma cápsula Soviética.

juggerbr

Sabendo a velocidade de produção deles e do F-35, dá pra estimar quando haverá mais chinês que americano furtivo…

R1c4zd0

Informação da escola russa/soviétiva de comunicação (propaganda) 100% confiável

O fato é q os F-16 block 50 serão a escolha de 99 entre 100 pilotos de caça ao redor do mundo se for para escolher entre um e outro. Q dira um block 70 ou um F-15 C/D
A distância de qualidade entre a USAF ou a USNAVY e a totalidade das forças armadas chinesas é tão grande q ainda não está dando para colocar medo nem em deputada do congresso do EUA

Romão

Eis aí um aluno do astrólogo falecido!

Luís Henrique

Sr. Ricardo parece que ainda esta na década de 80 ou 90 do século passado.
F-16 e F-15 são caças velhos, esse negócio de a China só copia já passou faz tempo.
Eles copiaram muita coisa, melhoraram e desenvolveram seus próprios produtos.
Estão na vanguarda da tecnologia em quase todas as áreas.
Em inteligência artificial a cada 10 estudos científico, 8 são chineses.

Gilian

Era para os EUA ficarem preocupados.
A espinha dorsal de sua Força Aérea é formada de F-16 e modelos bem rodados de F-15.
Já a China está montado tudo novinho em folha.

Leonardo Bastos

200 é Realmente INCRÍVEL!!! [: O

JCuritiba

Impressionante a escalada tecnológica da China, P&D quando levados a sério fazem a diferença. Imagino que as limitações na produção de chips provavelmente devem ser superadas rapidamente.

Agora, falando apenas de estética, acho muito feio esse J-20.

Romão

Antes de se atualizar, me faça mais um favor: estude história!
Os chineses inventaram a pólvora…

Mirade1969

Não só a pólvora, mas a bússola, o papel entre outras tantas coisas. Será que ninguém copiou isso deles….

PACRF

Esqueceu do macarrão.

sub urbano

O J-16 é o F-15E chinês. Um caça de ataque para interdição sem escolta. Pra sobreviver uma missão de ataque com armas de precisão dentro da ilha e conseguir voltar é necessario uma aeronave com boa tecnologia e autonomia, além de capacidade para defender-se de agressores aéreos. Nas Malvinas os argentinos fizeram interdição com os primitivos Pucaras e foram massacrados. os pilotos tinham poucos minutos sobre a ilha para lançar bombas e voltar com o risco de ficarem sem combustível no caminho e cair no mar na volta. Não tinham como se defender dos Harriers britanicos se cruzassem com eles.… Read more »

Romão

Vejo o J-16 mais como o EA-18G Growler dos chineses. É mais voltado para guerra eletrônica, abrindo caminho para os J-15, os J-10 e os J-11 chineses.
A função do nosso AMX para eles é feita pelos Xian JH-7.

Romão

Função EUA X China:
– F-22 = J-20;
– F-35 = J-35;
– EA-18G = J-16;
– F/A-18 = J-15;
– F-15E = Família SU-27, SU-30 e SU-35, além dos J-11 (SU-27 chinês);
– F-16 = Família J-10.

Assim eu penso…

Chengdu J-10

Não cara o J-16 padrão é um caça multifuncinal, o de guerra eletrônica é sua variante J-16D

Romão

É verdade. Obrigado pela correção.
O J-16 é um SU-30 chinês mas como radar AESA, assim como o J-11 é o SU-27 chinês.

André Macedo

“Força Criativa”, parece até que estamos falando de Belas Artes, não de armas de guerra kkkkkkk quanta ingenuidade.

Mirade1969

O mesmissímo discurso vazio de sempre que pensa que ainda estamos na guerra fria de meados do século passado. O mundo mudou mas algumas cabeças no nosso país voltaram para década de sessenta do século passado até parece que parou em 1964 e ai ficou. Infelizmente.

Tutor

Se presta? Eu não sei; aliás, qualquer um aqui que disser que tem certeza que presta, estará praticando a bela arte do achismo, porque, além de ser uma máquina de 5ª geração, as aeronaves de origem chinesa não tem assim uma história em combates, logo, difícil traçar parâmetros.
Mas, que é bonito é.

MAGNO BARBOSA

O F35 já foi usado em combate?

Felipe
Chengdu J-10

Só para esclarecer o J-16 é um caça multifuncional, equivalente sim ao F-15, e que possui uma variante de guerra eletrônica chamada de J-16D.

shenyang-j-16-chinese-fighter-combat-aircraft-plaaf-j-16-besthqwallpapers.com-2880x1800.jpg
PACRF

“Nesse mundo nada se cria, tudo se copia”, diz o velho ditado popular. Na década de 1960/70 o Japão era “acusado” de copiar os outros, se tornou a segunda maior economia do mundo por décadas até a China lhe roubar essa posição. Nos anos 1980/90 foi a vez da Coreia do Sul ser “acusada” de copiar os outros. Atualmente tem um PIB equivalente ao da Rússia e exporta produtos de alta tecnologia, enquanto a Rússia exporta gás, óleo e commodities. Atualmente o mundo está “infestado” de produtos japoneses, coreanos e chineses. E os russos, o que produzem?

Heli

Nunca li tanta bobagem nesses meus 50 anos. Tens o ensino médio pelo menos?
Sabes o número de patentes que a China registra por ano? Para então poder afirmar que eles não criam, só copiam.

Red Pill - 红色药丸

xapelão de alumínio…

Red Pill - 红色药丸

Não sei pra que o espanto, a China apenas VOLTOU a ser o que sempre foi, uma potencia, e hoje são o país com o maior PIB real do mundo.

Rodrigo

Pib é.importante mas qualidade de vida prefiro o PIB per capita

Thiago A.

Redação, achei estranho entrar hoje nessa matéria e encontrar vários comentários negativados por mim, só que eu não negativei e pouco acompanhei o debate, se quer eu tinha lido alguns desses comentários. Será esse malware?

Teropode

🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣🤣ta no contrato !

Sergio

Mano velho, até o papai aqui, anti comunista e anti lulista feroz vai discordar de ti.

ERIVELTON SILVA

Entendi o que disse. É mais profundo do que produzir microchips ou carros eletricos. Tem a ver com a cultura asiatica. Um grande pais ocidental jamais aceitaria uma ditadura que cecerasse sua liberdade. Uma das caracteristicas que separam o ser humano dos demais é a sua rebeldia. Isto explicaria de certa forma, a derrota da gigantesca frota de Zheng He para minusculas caravelas latinas.

André Macedo

Sim, caravelas latinas usando a pólvora inventada pelos CHINESES séculos antes, assim como muitas outras invenções.
Sua visão é extremamente rasa e sem embasamento histórico algum, a China foi por milênios uma das mais avançadas civilizações do mundo, o que ‘explicou” a derrota foi simplesmente a decadência de um Império como muitos outros, como Roma.

C M

Um grande pais ocidental jamais aceitaria uma ditadura que cerceasse sua liberdade

Isto é fantasia. A Europa quase abandonou a democracia e o direito às liberdades individuais, nos anos 40.

Não existe este determinismo social. Vide caso das Coreias. O mesmo povo; no sul, democracia e inovação; no norte, regime fechado e privação.

J-20

Aceita atualmente, desde que seja no seu quintal estratégico. E aliás, Alemanha Nazista e Itália fascista, Espanha de Franco e Portugal de Salazar são grandes contrapontos na sua argumentação. Todos eles foram frutos de sociedades pautadas em grande parte nas ideias caras ao Ocidente.
Zhenge He não foi derrotado pelas caravelas portuguesas. Ele foi derrotado pelo próprio imperador, que sucateou toda a frota chinesa décadas antes dos portugueses sequer pensarem em contornar o Cabo das Tormentas.

Gilian

Se a falta de criatividade deles criou a maior potência do Séc XXI, manda isso pra cá.

C M

Parece que você tem uma falsa percepção do que ocorre na China. Durante a Guerra Fria existiam dois mundos “fechados”, nos quais mercadorias não poderiam circular tão livremente entre um e outro. Deste modo, no que diz respeito à tecnologias de ponta, um lado deveria criar e produzir o seu próprio equivalente em relação ao do outro. Como os comunistas tinham economia menos pujante que a ocidental, frequentemente recorriam à cópia, subterfúgio eficiente para poupar trabalho e economizar tempo. O caso chinês se destaca por que muitas de suas cópias eram frequentemente idênticas em aparência e mais rudimentares que o… Read more »

Alberto

Já já estão com uns 1000 J-20 em operação

Super Tucano

Esse tal J20, considerando essa quantidade, coloca medo em qualquer quer um.

Últimas Notícias

UAC entregou ao Ministério da Defesa russo um lote de novos caças Su-35S

A Komsomolsk-on-Amur Aviation Plant (KnAAZ) em homenagem à Gagarin United Aircraft Corporation (UAC, parte da Rostec) entregou ao Ministério...
Parceiro

LAAD 2023

- Advertisement -
- Advertisement -