terça-feira, outubro 4, 2022

Gripen para o Brasil

Ataque em base aérea da Crimeia foi obra de forças especiais ucranianas, diz oficial

Destaques

Redação Forças de Defesa
Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

KYIV, Ucrânia – Um poderoso ataque a uma base aérea russa na Crimeia ocupada foi obra das forças especiais ucranianas, disse um funcionário do governo ucraniano ao Washington Post nesta quarta-feira, sugerindo um papel cada vez mais importante para as forças secretas que operam bem atrás das linhas inimigas enquanto o país expande os esforços para expulsar as tropas russas.

O funcionário, que falou sob condição de anonimato porque não estava autorizado a falar publicamente sobre o assunto, não divulgou detalhes de como o ataque de terça-feira foi realizado. O ataque marca uma escalada significativa na guerra de quase seis meses, demonstrando uma nova capacidade das forças ucranianas de realizar ataques mais atrás das linhas de frente do que se pensava ser possível.

Pelo menos três explosões abalaram a base aérea de Saki na terça-feira, em uma área costeira da península da Crimeia, que foi anexada por Moscou em 2014 e é um destino de férias popular para os russos.

A Força Aérea ucraniana disse em comunicado na quarta-feira que nove aviões militares russos foram destruídos na base, que as autoridades disseram ter sido usada pela Rússia para lançar ataques com mísseis contra território controlado pela Ucrânia.

O ataque demonstrou aos russos que “eles não são invencíveis em nenhum lugar”, disse ele. “Mais importante, eles não podem se sentir seguros na Crimeia. Eles pensaram que estavam seguros na Crimeia e pensaram que estavam seguros a longa distância”.

Fotos de satélite mostram a base área de Saki na Crimeia antes e depois do ataque. A precisão na destruição das aeronaves sugere uma operação com forças especiais que teriam colocado cargas explosivas nos alvos

Dicas de autoridades ucranianas de que forças de operações especiais podem estar envolvidas colocaram em evidência as atividades do que é oficialmente conhecido como Resistência Nacional, e que muitos ucranianos chamam de “partisans”.

Um panfleto dizia: “Se um HIMARS não puder alcançar, um partisan ajudará”, uma referência aos sistemas de foguetes de artilharia de alta mobilidade fornecidos pelos EUA que deram aos ucranianos a capacidade de atacar até 50 milhas atrás das linhas russas.

A base aérea de Saki está localizada a mais de 140 milhas da linha de frente mais próxima e autoridades dos EUA disseram ao The Post que nenhuma arma dos EUA foi usada no ataque, descartando a possibilidade de que a HIMARS fosse responsável pelo ataque de terça-feira. Mas os agentes da resistência têm desempenhado um papel importante em ajudar a localizar alvos-chave, como depósitos de munição e postos de comando e controle, e fornecer coordenadas para as equipes do HIMARS atacarem, disseram autoridades ucranianas.

A Rússia disse que a explosão de terça-feira foi causada por uma explosão de munição, e autoridades informaram que pelo menos uma pessoa foi morta e 13 ficaram feridas, incluindo duas crianças. O Ministério da Defesa russo não atualizou sua declaração na quarta-feira. O Kremlin não abordou as afirmações ucranianas, baseadas em imagens de satélite não verificadas, de que os militares russos sofreram uma grande perda de aeronaves nas explosões.

O líder regional instalado na Rússia, Sergei Aksyonov, em postagens no Telegram e em um briefing para repórteres no local, também não abordou as perdas militares, dizendo apenas que houve sérios danos às estruturas civis, incluindo 62 prédios de apartamentos e 20 lojas, e que 252 pessoas foram deslocadas.

O Post não pôde verificar independentemente as alegações de nenhum dos lados.

FONTE: The Washington Post

NOTA DA REDAÇÃO: No nosso grupo de WhatsApp estamos discutindo como as forças especiais teriam conseguido entrar na base e colocar cargas explosivas. Ou teria sido um ataque com drones Bayraktar que são difíceis de detectar? a imagem acima mostra como a base aérea de Saki fica perto do mar, o que facilitaria a chegada e saída de forças especiais.

- Advertisement -

97 Comments

Subscribe
Notify of
guest

97 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
RPiletti

Excesso de confiança…

MARS

“Foi uma explosão do depósito de munição”, disseram os russos. As imagens não só desmentem essa alegação, como praticamente ratifica que foi obra de operações especiais, devido a precisão. Mas tem retardados e/ou mal-caráter, que ainda acreditam e defendem esses ratos!!!

Fábio

Eles são uma piada, sempre tem!

rfeng

A imagem desmente o que?

glasquis7

Na imagem se vê claramente que foi um ataque e não uma explosão.

Underground

Há informações que um grande incêndio também ocorreu em uma base aérea russa na Bielorrússia.
Em relação ao ataque na Criméia, se fala que além de perda pesada de aeronaves, os russos tiveram baixa de pelos menos sessenta pilotos.
O que se estranha quanto ao ataque da base aérea da Criméia, é que os russos fecharam uma área de 5 km em torno do local atacado. Suspeita-se que eventualmente poderia haver armas nucleares no local.

Leandro Costa

Será que ainda tem gente que não acredita que perderam aeronaves e que foi uma explosão em local ‘ruim’?

Se for verdade, infiltração estilo SAS…

O material humano Ucrâniano é muitíssimo superior , se fornecerem as ferramentas eles empa**” a Rússia !

Jefferson Ferreira

De fato está se mostrando superior, com equipamentos escassos mas de boa qualidade e com informações de inteligência conseguem executar uma operação como essa que não é fácil!

Red Pill - 红色药丸

Sim, amanhã eles cercam Moscou… Já se alistou nos voluntários ? O ônibus pra Polonia parte amanhã as 5.

Marcelo

SEMPER FI

Andre

“tomo kiev em duas semanas” putin, v.

Alecs

Isso foi um bug de áudio. O que o Putinho disse foi: “Se quiser, tomo uma surra em Kiev em duas semanas!”

Carlos Rodrigues

Estilo SAS ou mesmo SAS.O apoio da Grã Bretanha sem sido mal dissimulado. Estiveram muito ativos nas tentativas de recuperação da Ilha da Cobra. E não seria a primeira vez que a SAS era empregue diretamente em apoio a aliados (ex: apoio a Israel no resgate de Entebbe).

glasquis7

Mas, no Caso de Entebbe foi uma operação anti-terrorista. É bem diferente.

Agnelo

Impossível deduzir q o SAS apoiou as ações diretas do ucranianos, embora seja possível.
Ações Diretas são a “razão de ser” de tropas de comandos. Não há necessidade sempre de apoio.
Agora…. A infiltração dessa tropa pra realizar a ação…. ai… um apoio de Op Esp/ Inteligência tem de ocorrer.

gordo

Um ataque muito bem executado, e traz para quem realmente se importa um aprendizado fantástico. Um exército bem preparado e equipado vale muito mais que um bem maior composto por conscritos e pouco equipados, que por sinal saem caro e tem pouca eficiência. Está mais que na hora de (a quem compete) se repensar no efetivo das nossas FA e sua doutrina. Quanto a Ucrânia podemos aguardar uma escalada, e um conflito longo se não houver alguma pressão sobre os Ucranianos por parte da UE. Em breve os ventos mais suaves que anunciam a nova estação começam a soprar na… Read more »

Marcus mendes

Os Ucranianos também conhecem o marechal inverno, são camaradas.

Digo

Não se se foi uma indireta para os russo mas, o exercito russo não é nem majoritariamente composto por conscritos ou estão mal equipados, o que podemos discutir é a moral dos soldados em querer lutar, a o nivel do alto comando. O exercito russo é composto por apenas 20% de conscritos, 80% são soldados por contrato, e a qualidade dos equipamentos russos são superiores aos do ucraniano, mas há muito mais além desses 2 aspectos que influenciam no campo de batalha. E seguindo a sua lógica, grande parte do exercito ucraniano hoje em dia é feito de conscritos e… Read more »

Red Pill - 红色药丸

Nunca nenhuma guerra foi decidida por FEs, tropas regulares é que definem um conflito.

Renato B.

É um bom ponto esse do aprendizado. Sobre o tempo, ambos estão aclimatados ao clima, mas o tempo bom realmente incentiva uma escalada.

Lembro que também existe uma clara diferença de motivação entre os soldados de cada lado: um está defendendo seu povo e seu território e o outro obedecendo ordens e recebendo salário.

Andre

Na ww2 o general outono foi muito mais efetivo que o inverno, na ajuda aos soviéticos.

A última vez que o inverno efetivamente ajudou os russos foi contra Napoleão.

Victor Filipe

Oque seria mais humilhante?

Um ataque com misseis que não foram interceptados pela bateria de S-400 a 30km da Base ou uma ação de Forças Especiais que conseguiram penetrar mais de 200km em território inimigo e praticamente acabaram com as aeronaves da Base aérea mais importante da Crimeia que segundo os Russos é “território indivisível” deles.?

Os Sentinelas da Base Russa deviam estar de ferias… ou foram comprados com Vodka.

pangloss

“Boa vontade”. (PESKOV, Dimitri)

Eduardo Angelo Pasin

Foi o cigarro.

Maurício.

Na minha opinião o mais humilhante seria a opção da ação pelas forças especiais ucrânianas, o S-400 é um sistema e sistemas podem falhar por diversos motivos, mas você deixar o inimigo entrar na sua base e destruir seus aviões no solo é muito mais humilhante, onde estava o pessoal russo para defender essa base? Claro, isso se realmente foi obras das forças especiais.

Augusto

Realmente, muito audacioso esse ataque ucraniano, tenho que tirar o chapéu para eles. O mais incrível (e humilhante) e eles destruíram vários caças e varias instalações da base e os russos ficaram de braços cruzados e não fizeram nada? Se foi um ataque com misseis seria bem menos humilhante (mas também não deixaria de ser uma humilhação), pois os misseis iriam acertar os alvos a praticamente o mesmo tempo. Uma coisa e fato, a muito amadorismo por parte dos russos na condução dessa guerra, ops quer dizer “operação especial”. E os ucranianos a cada dia que recém mais equipamentos e… Read more »

Levantei está mesma questão mas não passou ….

Henrique

as “forças especiais”:

istock-476164549.jpg
Rui Chapéu

Deve ter sido a esquadrilha da fumaça do Planet Hemp eaoihaeiohaeioheaoihaeioae

Henrique

Ucrânia deveria pegar aquelas bombas cluster; entupir de carteira de cigarro e manda pros russos… o resto se resolve sozinho
.
.
“É Tostado, sem irritação” kkkkkkkk

23b655989c5b5876d3e10a08e273a948.jpg
Last edited 1 mês atrás by Henrique
Ramon

Se realmente foi um ataque, os russos facilitaram muito o trabalho dos ucranianos pois em imagens de satélite mostrava que tinha inúmeras bombas e combustíveis perto das aeronaves, um ataque simples que pode ter provocado uma reação em cadeia e uma coisa pode ter certeza galera do chapéu de alumínio tava tentando minimizar isso, mas é inegável que o estrago foi gigantesco, e estão aparecendo relatos que uma base aérea que os russos usavam na Bielorrússia também foi atacada, mas não posso afirmar pois não vi nenhuma imagem que comprove.

Augusto

Realmente Ramon, já estão divulgando informações sobre esse ataque na Bielorrússia. Vamos aguardar e ver se a trilogia posta alguma coisa referente a esse ataque também.

Agnelo

Será?
Seria forçar um envolvimento beeeeem mais direto de mais um inimigo.

Jonathan Pôrto

Até o momento ñ vimos notícia sobre a retaliação da Rússia !!

Bosco

A Rússia já tá retalhando desde 24 de fevereiro. O que de pior podem fazer?

Bosco

Eu ainda acredito em mísseis. Aquelas crateras exigem certa penetração.
Uma bomba aérea ao lado da aeronave explodindo ao nível do solo não produz aquele tipo de cratera.

Rui Chapéu

2.

Duvido muito forças especiais devido ao estilo dos danos.

Léo Neves

Concordo.
Mas qual?
Eu acredito talvez em drones kamikazes.

Emerson

Também não creio nesse relato de forças especiais, mas ficamos na dúvida…

Carlos Gallani

Idem, um ataque desse com comandos só se a base estivesse vazia!

Eduardo Angelo Pasin

Não é necessário ingressar na base para causar dano, um atmg pode atingir alvos a 4km.

Renato

Acredito que disparo de atmgs contra alvos estacionários seria mais seguro a noite. Sem falar na dificuldade da infiltração com este tipo de equipamento e o perigo de serem localizados com o disparo a luz do dia. O fato do ataque diurno me leva a algo que realmente precisa de luz do dia. Como pequenos drones com câmeras óticas remotamente pilotados por forças especiais escondidas ou abrigadas pela resistência local.

Bosco

xxx

Last edited 1 mês atrás by Bosco
Bosco

Se foi “comandos”, como disseram os colegas, podem ter utilizado:

  1. explosivos C4 (teriam que adentrar a base)

Poderiam atacar de fora:

  1. drones civis com explosivos ou drones suicidas
  2. fuzil antimaterial
  3. ATGM
  4. morteiro leve
glasquis7

Desculpe discordar em alguns pontos mas, fuzil antimaterial não destrói instalações como a do canto.

Não se vem marcas de bombardeio por morteiro e se olhar bem, cada aeronave e instalação atacada foi cirúrgica. Me parece C4 nas instalações e talvez ATGM contra as aeronaves. Caso nestas últimas, tenha sido usado C4 também, pode mandar as tropas russas voltarem pois vão morrer por incompetência.

Bosco

Glasuis,
O fuzil antimaterial pode fazer detonar a munição e explodir tanques de combustível.

Agnelo

E um Morteiro Médio, 6 Km.

Mr.Wolf

Isso ja cai na área da expectativa, mas vamos la. Há quem diga que isso foi obra do missel balistico ucraniano Hrim-2, que estava em desenvolvimento antes do conflito. E que este processo poderia ter cido agilizado, tanto com conhecimento e peças estrangeiras. E há quem diga que foram o ATACMS, mas como disse isso entra na expectativa.

Mr.Wolf

Desculpem o erro ali: expectativa = especulação

Luiz

Esse comentário la do Youtube é bem explicativo. Richard Gilman há 1 dia “Imagens recentes do Google Earth da base aérea de Novofedorivka na Crimeia revelam um grande número de aviões de combate, um depósito de combustível e um depósito de munição localizado lá. Marcas de pneus na pista indicam que a base aérea está ativa, mas sua pista de laje de concreto está em más condições. O depósito de combustível que provavelmente explodiu é bastante grande, com mais de 50 tanques horizontais acima do solo e 4 grandes tanques circulares enterrados. Um parque de caminhões de abastecimento fica ao… Read more »

Last edited 1 mês atrás by Luiz
Bosco

Pode ser!

EduardoSP

Ataque de forças especiais de dia, com a praia cheia de gente?

Renato

O fato de ser a luz do dia e com grande precisão ajuda a delimitar hipóteses: Noite é usualmente mais seguro se foi de dia é que o método de ataque precisa de visibilidade; pouco provável uso de forças especiais para ataque direto a luz do dia em área muito povoada; ataque aéreo com bombas guiadas a laser ou de misseis pouco provável devido a não reação dos s300 e a precisão dos ataques, bem como tbm seria mais seguro a noite, e a iluminação dos alvos com laser por forças terrestres dificultada pelas diferentes linhas de visada necessárias para… Read more »

Renato

A precisão de cada disparo um alvo é pouco provável para morteiros, sem falar que contra alvos estacionários a noite seria bem mais seguro especialmente para realizar os disparos com menor chance de serem vistos.

Arthur

A verdade é uma só: os russos devem manter melhor seus paiois e depósitos de munição. Primeiro foi no Moskva, agora na base da Criméia. Põe desleixo nisso. E é óbvio que acreditei na versão de acidente… Só está saber qual grupo de operações especiais da OTAN atuou. Ucraniano é mané demais para um ataque tão eficiente.

Âncora

O exército russo sente a falta dos militares ucranianos. Os ucranianos estavam próximos à linha de frente do Pacto de Varsóvia, eram muito bem preparados. Tropas ucranianas participaram da tomada de Berlim no final da 2ª Guerra.

Eduardo Angelo Pasin

Um ataque de força especiais é bem plausível, utilizando ATGMs poderia atingir a base de fora, o que é difícil de nessa opção é levar esse equipamento 200 km atrás das linhas inimigas, observem a escala na imagem.

Screenshot_2022-08-11-12-47-37-544_com.google.android.apps.maps.jpg
Eduardo Angelo Pasin

.

Screenshot_2022-08-11-12-56-12-918_com.google.android.apps.maps.jpg
Renato

Por isso q imagino os drones com mais plausível, são bem mais leves e cabem em mochilas. Sem falar na ajuda e ou execução da resistência local.

Bosco

Ou fuzil antimaterial

Eduardo Angelo Pasin

Talvez algumas aeronaves sim, mais aquela base parece possui montanhas de terra separando as aeronaves.

Last edited 1 mês atrás by Eduardo Angelo Pasin
Fábio

Os Russos estão se tornando uma grande piada, exército despreparado, esses sistemas de defesa que dizem ser os melhores na verdade são uma falácia imposta pelos próprios, pobre ferro velho.

Heitor

Publicidade, amigo.. muita publicidade

109F-4

Pode ter sido uma combinação dos dois: comandos infiltraram-se a uma certa distância do aeródromo e usaram drones🤔

Renato

Essa é minha hipótese. Ou até mesmo forças da resistência local…

Teropode🇺🇦🇺🇦🇺🇦Slava ucraina

Tem alguns vídeos que dá pra notar pequenos furos nas laterais e parte superior do que sobrou dos alvos , pode ser morteiros com ecpoleta de aproximação , explodiram sobre os alvos , isto e explica o fato de não terem sido arrendados do estacionamento , certamente usaram drones para dar as coordenadas , a questão agora é saber como chegaram ao local 🤔,por helicópteros ou pegando carona em submarinos ?

Marcus mendes

Estariam debaixo de 7 palmos.

naval762

Foi a vodka, acreditem em mim! Um youtuber me disse.

Acacor

Obviamente tem mão americana no planejamento dessa ação. Nos bastidores, nas mesas de comando e planejamento, os americanos festejaram e deram muitas gargalhadas. Vários aviões valiosos destruídos. Algo a ser comemorado como o Moksa. Obviamente há mais por vir. Planejamento preciso, sem falhas na execução. Muito profissional. Periodicamente os russos terão surpresas como essas, e quando observarem, já foi.

MAGN

Forças Especiais da Ukrayna? Duvido.
Esse ataque foi muito preciso e esta muito mais parecido com ataques de forças especiais dos E.U.A. em outros T.O. como foi na incursao dentro do territorio do Pakistan para matar o Bin Laden. Nao tem nada de forças especiais ukraynianas nisso. Ou foram Forças Especiais do E.U.A. ou do Reino Unido.

RPiletti

kms dentro de território russo? Improvável, 1 FE capturado e o caldo engrossaria consideravelmente…

MAGN

Sim… concordo. É muito improvavel mas nao é impossivel. Qndo mataram o Bin Laden as F.E. sairam do Afeganisthan e adentraram km adentro no Pakistan. Israel tbm ja roubou um radar sovietico quilometros dentro do territorio egipicio. E realmente, se capturassem so 1 FE a Russia ja engrossaria a guerra.

Velho Alfredo

Pode ter sido uma ação típica de Comandos. Pode ter infiltrado com apoio de guerrilha mantida por F Esp.
Pode ter utilizado um conjunto de meios, ATGM, Morteiros, drones etc
Muita coisa pode ser.

Quem realizou o primeiro ataque da Tempestade do Deserto foram comandos egípcios.
Não é especialidade de um país ou outro.

paulof

Se forem comandos, em um futuro próximo, teremos um filme épico ucraniano, será ótimo ver essa ação em um filme épico/guerra.

bjj

Sinceramente eu não consigo imaginar sabe se lá quantos militares ucranianos correndo pela base de dia. Levariam quanto tempo pra entrar, instalar as cargas e sair? No mínimo vários minutos.

A não ser que tenham atacado de fora da base mesmo, com morteiros e/ou mísseis antitanque. Aí já me parece mais plausível.

Teropode🇺🇦🇺🇦🇺🇦Slava ucraina

Pequenos morteiros com espoletas de aproximação e fragmentação de carga , coordenados por um drone de 1259,00 reais …

Romão

Ataque de comandos, com esse nível de penetração à plena luz do dia e com praia cheia de turistas ? Nem a pau, Juvenal!
O Washington Post tá tentando tirar o HIMARS da reta, pra não dizer que armas americanas foram usadas no ataque. Conta outra!

Teropode🇺🇦🇺🇦🇺🇦Slava ucraina

Os russos não perderiam a oportunidade para mostrar os destroços dos foguetes ..

marcos.poorman

Se foi um ataque atrás das linhas russas fico intrigado:

a) como carregaram material explosivo para um evento desta magnitude?
b) a infiltração e colocação de material foi a noite e explosão durante dia?
c) que tropa estava guardando essa base? e o pessoal de terra?
d) como detonaram e evadiram da área?

Cabe mais umas cinquenta perguntas. Vou ficar só nessas.

Walsh

Ninguém colocou as bombas, provavelmente as forças especiais foram usadas para marcar os alvos que posteriormente foram atingidos por algum sistema guiado.

Heinz

Algumas fontes ucranianas afirmam que muito possivelmente foi a “estreia” do Sapsan, um sistema de mísseis ucraniano de longo alcance, que estava em testes antes do início da guerra. Parece que foi usado em conjunto com a penetração de forças especiais ucranianas, possivelmente guiado por laser.

The-Ukrainian-SAPSAN-tactical-missile-system-at-the-same-parade-in-Kyiv..jpg
paulof

Pelo que li só existem dois no mundo, um lá e outro exportado para Arábia Saudita.

Heinz Guderian

Isso antes da guerra. Obviamente que a Ucrânia em guerra toda sua economia vai ser voltada para isso, não me surpreende se mais alguns já tiverem sido produzidos.

paulof

seria uma grande notícia para esforço de guerra da Ucrânia e depois em tempos de paz para exportação do país.

rfeng

Leiam um artigo sobre o ataque vindo de um site americano um pouco menos apaixonado.

https://www.thedrive.com/the-war-zone/widespread-destruction-seen-after-blasts-at-russian-base-in-crimea

adriano

Se a Rússia se ver em dificuldade usará armas táticas e ninguém poderá fazer nada, ou alguém acha que algum país vai retaliar a Rússia na mesma medida e colocar seu país como alvo?

Jefferson BA

A Rússia não fará nada, está bem fragilizada internamente.
A Rússia se meteu em uma enrascada absurda.
Espere 5 anos para ver os danos disso na economia e na sociedade russa.
Todo o que os russos falaram até o momento foi mentira e tudo o que esperavam dela deu errado.
Deixa cair a ficha no povo russo que morreu 40 mil russos em uma “operação especial” idiota.
Só o Brasil e meia dúzia de repúblicas falidas para “ficar neutra” (na prática apoiam ou gostariam de apoiar) essa ****** russa.

Bosco

Vc acha que uma bomba nuclear tática resolve o quê? Seria só pra intimidar? E se não intimidar e os ucranianos se sentirem revigorados e atacarem Moscou? Aí os russos vão jogar mais uma? Onde? Onde exatamente uma nuke russa resolveria o problema da resistência ucraniana? Nukes táticas foram pensadas para serem utilizadas para frear um avanço do inimigo. No caso, qual seria a função tática? Ou vc sugere um ataque estratégico contra Kiev? E se não adiantar? Os russos vão torrar toda a Ucrânia que querem para si e matar milhões de civis só pra não se mostrarem fracos?… Read more »

Andre

O que esperar de alguém que escreve “se ver”?

Ed Silva

Infantaria da Aeronáutica, o nome correto.

mago

Estou torcendo pela vitória do bem contra o mal obviamente. Por tanto SLAVA RUSSYIA! Agora vamos aos fatos (raríssimos que vazam) que dão conta de que uns dias atrás essa base foi fotografada por satélites dos eua. Só alguém muito inocente acredita que essas explosões foram acidentais. Essas base foi, penso eu, atacada por comandos nazistas, que nesse momento já foram mortos/capturados pelos russos, numa caçada feroz, que foi desencadeada. O presidente Putin, se continuar com essa estratégia de guerra paz e amor, lite e etc, não demora a cair. Forças na Rússia já começam a reclamar dessa forma de… Read more »

Nilton L Junior

Se foi mesmo os ucras que realizaram esse ataque então ponto para os ucras mas não muda o quadro perderam Donbas e pode perder muito mais.
Agora resta saber o que os Russos vão fazer afinal latiu tem que morder.

h.saito

Infelizmente a teoria russa pode ser plausível, pois vocês sabem que dependendo do combustível utilizado um foguete pode sofrer ignição espontânea com o incêndio no local,
E podem sair voando aleatoriamente e explodir onde cair,
Bombas quando explodem também podem lançar outras bomba a uma grande distância, com a possibilidade de detonação secundária, ainda mais considerando que são bombas russas.

NUk77

Fontes:

  • @OSINT”ua”
  • Funcionário anônimo do “Governo” (Washington) ucraniano;
  • Washinton Post.

Zé Mané

Enquanto isso. nossas “forssas expeçiais” estão no TSE jogando fora dinheiro público e tumultuando o processo eleitoral, só para satisfazer uma mente paranóica e desajustada.

MARCELO DANTON DA SILVA

Vieram pelo MAR….padrão GRUMEC!

Últimas Notícias

Maioria dos C-130H da USAF está ‘groundeada’ por problemas nas hélices

A Força Aérea dos Estados Unidos (USAF) "groundeou" (proibiu o voo) a maioria de seus aviões C-130H Hercules (e...
Parceiro

LAAD 2023

- Advertisement -
- Advertisement -