sexta-feira, agosto 19, 2022

Gripen para o Brasil

50 anos do primeiro voo do caça F-15 Eagle

Destaques

Redação Forças de Defesa
Redação Forças de Defesa
redacao@fordefesa.com.br

O McDonnell Douglas (agora Boeing) F-15 Eagle voou pela primeira vez em 27 de julho de 1972.

O projeto do caça tático bimotor americano foi selecionado em 1969 pela Força Aérea dos EUA após várias propostas para atender à necessidade do serviço de um caça de superioridade aérea dedicado.

O Eagle entrou em serviço em 1976 e está entre os caças modernos de maior sucesso, com mais de 100 vitórias e nenhuma derrota em combate aéreo, com a maioria dos abates pela Força Aérea Israelense.

O Eagle foi exportado para Israel, Japão e Arábia Saudita. O F-15 foi originalmente concebido como uma aeronave de pura superioridade aérea mas acabou evoluindo para um derivado aprimorado de ataque, o F-15E Strike Eagle, que foi exportado para israel, Arábia Saudita, Coreia do Sul, Singapura e Qatar.

O F-15 Eagle continua sendo produzido, com a versão mais recente F-15EX entrando em serviço na USAF.

Foto clássica: dois F-15 Eagle armados para missões de interceptação
Caças F-15 Eagle lançando mísseis AIM-7 Sparrow
F-15K sul-coreano e suas armas
F-15SA da Força Aérea Real Saudita
F-15SA
F-15QA
Os F-15I da IAF acumulam um invejável histórico de missões realizadas e vitórias aéreas
F-15J da JASDF
F-15SG
Primeiro novo F-15EX da USAF
Cockpit do F-15EX

- Advertisement -

51 Comments

Subscribe
Notify of
guest

51 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Henrique

Impressionante como uma aeronave com meio de século de desenvolvimento continua sendo altamente capaz no combate aéreo.

Elias

Neste quesito a ÁGUIA vence o urso e o dragão…

Digo

Acredito que nesse caso, o dragão tem um truque em sua mangas, o J-16 tem radar AESA, algo que só está sendo colocado nos novos F-15EX, e o PL-15 tem um maior alcance que os AIM-120D(Na teoria), ambos tem computadores muito poderosos a bordo, truques de rede, aviônicos avançados, tem menor visibilidade em radares apesar de serem “não stealth” e tem capacidades de guerra eletrônica.

Se não for superior, o J-16 é no mínimo comparável com o F-15EX e superior as antigas versões do F-15(que são a maioria no arsenal dos EUA)

Nelson Junior

A maioria dos F-15 operacionais da USAF hoje, já usam versões AESA, os F-15EX virão com APG-82 AESA bem atual e mais capaz do que qualquer coisa que os Chineses usam… e logo logo vão receber o AIM-260 com alcance muito maior que o PL-15…
Além do que o F-15 atinge MACH 2,5, faz curvas em 9G e tem teto de 60.000 pés…
E o principal, já foi muito mais que comprovado em combate…
Então acho que essas “cartas na manga” não são nada de mais não…

Alan Santos

F-15, o jato de combate mais mortal do mundo com 100 abates, sem perder uma única vez em combate….Cavok .

Luis Carlos

Engano seu.
Isso é lenda urbana.
Em seu último combate, um foi abatido por um MIG-25.

Este foi o último compromisso do americano F-15 Eagle com um inimigo pesado: o F-15 perdido
https://militarywatchmagazine.com/article/f15-last-engagement-heavyweight-lost

Hank Voight

Publicando fake? Que verg0nh@!

A única lenda urbana foi essa publicada pelo Military Watch Magazine, que tem menos credibilidade que uma nota de 3 reais.

Last edited 21 dias atrás by Hank Voight
Mirade1969

Lutando contra caças de uma ou duas geraçõesSu- de defasagem técnológica fica mais fácil, além de contar com uma duzia de aviões de apoio (drones de reconhecimento, AWACS, e outras tantas) num teatro onde se conhece muito bem o oponente (síria, Iraque) fica mais fácil ainda. Inegavel que ele tem seus méritos mas será que se combatesse em pé de igualdade com aviões que contavam com o apoio semelhantes e da mesma geração técnológica esta vantagem não seria tão grande pois ia nivelar mais o combate. É o mesmo que o Su.35 lutando contra su-27 e Mig -29 ou ocidentais… Read more »

DSC

A frota de F-15C/D e grande parte da frota F-15E Strike Eagle já foram atualizadas com radar AESA.
E o radar AESA dos F-15E modernizados é exatamente o mesmo radar que está presente nos novos F-15EX: o AN/APG-82(V)1 da Raytheon.

https://pbs.twimg.com/media/FWMeFnGUUAEG-Sp?format=jpg&name=large

Segundo a Raytheon, o AN/APG-82(V)1 é o radar mais potente e avançado hoje em operação:
https://www.thedrive.com/the-war-zone/40098/we-talk-f-15exs-new-radar-with-the-woman-who-runs-the-program-behind-it

Além disso, a frota de F-15E também receberá nos próximos anos a mesma suite EW do F-15EX: a AN/ALQ-250 EPAWSS que é também muito provavelmente a melhor suite EW já desenvolvida para um caça 4G/4.5G.

Agressor's

A máquina de propaganda, sabemos que é excelente. Mas será uma nave tão boa como o abacaxi do f-35?

Ricardo Machado

No Campo de Batalha, equipamentos diferentes para trabalhos diferentes, ouve inicialmente um entusiasmo irrealista de substituição TOTAL das Aeronaves de Legado por “furtivos”, mas como bem contou o Comdt. da USAF (Aquele Negão que me foge o Nome, mas se expressou com EXATIDÃO), o F-22 e um Bugatti Veyron, o F-35 e uma Ferrari (Parece QUASE tão problemático quanto uma, hehehe), e ninguém vai ao trabalho todo dia de Ferrari e Veyron, a USAF precisa e de um Nissan GTR (“BAITA CARRÃO”, pesquise), e um EX, e um eventual F-36 Kingsnake (Torcendo por ele) mono reator fazem o papel de… Read more »

Ramon

Creio eu que o F15 e o F-16 vai chegar aos 70-80 anos de operação a linha de produção de ambos ainda estão ativas.

SteelWing

linha de frente: f-35 e f-22.
depois com cenário de domínio f-15, pois leva bem mais mísseis e não precisa ficar o tempo todo retocando a pintura stealth, nem tem as placas milimetricamente ajustadas com design stealth

Victor Borges

Toda essa geração de aviões é linda (4ª geração)! Tanto a série “Ten”, quanto seus homólogos russos são séries muito legais de aviões! E desses o F-15 é um ponto altíssimo! Parabéns F-15, muitos anos de vida útil!

Marcos Silva

” Tanto a série “Ten”,..” Teen.

Victor Borges

Obrigado pela correção!

Jagdverband#44

Vida longa à águia da liberdade.
(vamos ver em quando tempo o pessoal de lá se manifesta).

Nelson Junior

A “Águia” sem duvidas ainda é o melhor caça 4++, com a versão EX então é praticamente imbatível contra uma “paria” de mesma geração…
E continuará invicto por muitos anos ainda !!!
Bela nave, fantástico !!!

Hank Voight

Enquanto os Flankers encantavam os inc@ut0s nos shows aéreos com o “Cobra de pugachev” os F-15 Eagle estavam combatendo e derrubando caças inimigos

Enquanto o honrado trabalha o cômico faz graça !

Luis Carlos

Ô HMS.
F-15 já foi derrubado até por iraquianos.
Quero ver combater ‘gente grande’.
Exemplos.
Foi aventada a possibilidade dos EUA fornecerem A-10 à Ucrânia.
Os próprios ucranianos recusaram dizendo que não seria apropriados para o tipo de guerra atual.
Ante-ontem, a Rússia botou para correr alguns F-16 israelenses com antigos S-300.
Lembremos que um F-16 de israel foi abatido por um S-200 sírio.
Ou seja, quando o assunto se torna de gente grande, a conversa é outra.

Hank Voight

Sinto muito Xings, mas repetir um fake até à exaustão não o torna real! Goebbels era mais inteligente que você não conseguiu

Alan Santos

Agora passe a fonte em que diz deste suposto abate” MENTIROSO.

“F-15, o jato de combate mais mortal do mundo com 100 abates, sem perder uma única vez em combate.”

Ricardo Machado

Simplesmente Israel não quer escalar a situação em um momento em que estão consolidando seus acordos de Paz com outros Países Árabes, mas se você quer saber, SE FOR PRECISO, A IAF FARA A SUPRESSÃO DESSES MÍSSEIS ANTIGOS. SE VOCÊ CONHECESSE INTIMAMENTE SOBRE MISSÕES “WILD WESSEL”, SABERIA QUE E UM TRABALHO PERIGOSO E QUE EXIGE EQUIPAMENTO ATUALIZADO E PESSOAL ALTAMENTE QUALIFICADO, COM TODA AQUELA “REDE DE APÓIO”, E QUE DOS DOIS PAÍSES QUE SE DESTACAM EM MUITO NESSAS MISSÕES SÃO OS EUA, É O OUTRO, NÃO E A RÚSSIA, VOCÊ SABE QUE É, ELES TEM UM HISTÓRICO DE ANIQUILAR MATERIAL… Read more »

Allan Lemos

O caça mais bonito já criado, ao lado do F-14.

Um ícone , daqui a 300 anos estarão falando dele com grande respeito e admiração , o F22 não será tão reverenciado ! 🇺🇸🌹🇺🇸🌹🇺🇸🌹🇺🇸🌹🇺🇸🌹🇺🇸🌹🇺🇸🌹🇺🇸🌹

Rafael Coimbra

Concordo em partes… vamos dar tempo ao F-22… acredito que ele pode fazer uma limpa nos céus em um conflito próximo…

Maurício.

O F-22 pode até não ter abatido caças até aqui, mas eu acho que nem dá para comparar ele com um F-15, são caças de gerações diferentes, o F-15 brilha na tela de radar de um F-22 como uma árvore de natal, eu sou muito mais um F-22 para superioridade aérea do que um F-15, o F-15 continua sendo um baita caça, mas compare ele com aeronaves de sua época, não com um F-22 que está em um outro nível.

Aéreo

Nas gênesis do caça supersônico, na década de 50, a meta de projeto era atingir Mach-2 para interceptar alvos em altitude. Alguns projetos como o Mirage-III e Mig-21 também se revelaram úteis como caças táticos o que os levaram a uma sobrevida nas décadas seguintes. O F-104 não possuía estas características, teve uma vida operacional menor. O Draken é uma incógnita em relação a possuir as mesmas habilidades de emprego do M-III e Mig-21 ou se somente seria um interceptador como todos os caças desta época foram originalmente projetados. A geração seguinte foi marcada pela necessidade de corrigir alguns defeitos… Read more »

Palpiteiro

Parabéns ao aniversariante. Uma pena a McDonald não estar presente. Um projeto que entrou para a história da aviação com louvor.

Pra mim é o representante legítimo da Quarta geração !

Tutu

A McDonald está presente sim, ela foi comprada pela Boeing, mas de alguma forma foram seus executivos e sua cultura que persistiu em Seattle.

Palpiteiro

McDonnell, (gentilmente corrigido pelo Leandro) é de St Louis (F15) e Long Beach (C-17,MD-11).

Leandro Costa

McDonnell…

Cidadão das Sombras Falou

O carregador de piano.

Cansado

É uma data a ser comemorada mesmo. Se trata de uma aeronave histórica, digna de um Hall of Fame da aviação, se isso existisse.
O F-15 é uma máquina tão boa que consegue hoje, em 2022, ser mais importante que as aeronaves que veio para substituir e também mais importante que as aeronaves que foram criadas para substituí-lo!
Porque não conseguiram!
Incrível.

Gustavo

Vida longa ao Eagle! Pra mim, ele e o F-18 são os dois melhores caças dos EUA.

Nonato

Acho que a Boeing poderia dar um trato ainda maior no avião. Mexer mais. Talvez melhorar as asas, o design da fuselagem, usar materiais mais leves e resistentes, um motor mais moderno, mais econômico, Talvez com melhor desempenho. Melhorar a furtividade. Talvez usar tanques conformais. Pintura RAM. Talvez baias removíveis stealth. Reduzir o calor. E Reduzir preço e custo de manutenção. Talvez supercruise caso ainda não tenha. A despeito dos caças stealth e dos drone, acredito que o F 15 pode ser um pau para toda obra carregando o piano em muitas forças aéreas. Qualquer força aérea com 100 unidades… Read more »

Last edited 21 dias atrás by Nonato
Leandro Costa

Nonato, o F-15 usa tanques conformais desde praticamente o início de sua vida. Por mais que seja comum vermos apenas os F-15E com tanques conformais (chamavam de FAST pack), até F-15C’s usaram esses tanques (aqueles baseados em Keflavik).

Tenho certeza que essa nova geração usou matérias novos e mais leves. Também acho que a tinta que ele usa tem níveis de absorção de ondas de radar.

Também é bom lembrar que a Boeing ofereceu uma versão ‘semi-furtiva’ inclusive com baia de armamento interna, mas ninguém se interessou, porque provavelmente custaria bem mais caro e não justificaria os benefícios.

Luis Carlos

Não adianta.
Já mostra os sinais da idade.
Suas próprias linhas já demonstram isso.
Sua sorte é que só esteve engajado contra adversários contra os quais tinha ampla superioridade militar em todos os sentidos.

Victor Filipe

Se for levar ao pé da letra, isso deve ser dito de todos os caças de quarta geração. já que as “linhas” deles não apresentam furtividade. inclusive as aeronaves Russas… deve ser uma tristeza pra VKS. se tirar as aeronaves de quarta geração oque sobra pra ela? 12 Su-57 incluindo os protótipos? ai fica ruim em… Até a china ta bem superior com uns 200 J-20 prontos…

Hank Voight

O fato é que apesar da idade o F-15 continua espanhando destroços de caças russos por aí Xings!

Enquanto isso o Flanker só fica fazendo pirueta em show aéreo😉

Cansado

A ideia do Nonato é impraticável por uma simples razão: o custo da hora de vôo do F-15 é proibitivo para a maioria das forças aéreas do mundo. Segundo dados do DoD esse custo, para a USAF, falando do F-15E, sai por volta de US$ 17 mil Para se ter uma ideia em comparação, esse custo em um F-18F fica por volta de US$ 12 mil e de um F-16C por volta de US$ 8 mil (os dados que tenho são de 2018, mas se alguma coisa mudou desde então, certamente foi para pior…) Por conta disso é que a… Read more »

Last edited 21 dias atrás by Cansado
Nonato

Colega, vários países usam F 15.
Estados Unidos, Japão, Arabia Saudita, Israel.
Não se ouve falar de queixas sobre hora de voo.
Falo de carregar piano num sentido de caça de superioridade aérea para o “dia-a-dia”, deixando F 22 e F 35 para ocasiões especiais.
Em termos de “dia-a-dia” mesmo, só se for o F 16, o gripen e o supertucano para patrulhar em ambiente teoricamente sem nenhuma ameaça em tempos de paz.

Jefferson Henrique

Pra mim, o melhor caça de qualquer geração já criado e comprovado em combate até hoje.
Caça de gente grande. Somente na Guerra do Golfo a USAF deslocou 126 F-15C para a Arábia Saudita, operavam com toda a infraestrutura de inteligência, REVO, AWACS que a USAF e a OTAN poderiam fornecer.
Simplesmente não é o contato radar (se tiver chance de ocorrer) que eu gostaria de ter no meu MFD nem no meu RWR.

Guerra do Golfo (sistemasdearmas.com.br)

Last edited 21 dias atrás by Jefferson Henrique
Leandro Costa

Jefferson, de qualquer geração já complica as coisas hehehe. A concorrência passa à ser ENOOOOORME e fica ainda mais subjetivo 😁

Maurício.

Coloca qualquer F-15 contra um F-22 para missões de superioridade aérea para você ver que o F-15 não é o melhor caça de qualquer geração já criado…

A.Jocys

A primeira foto foi tirada de algum episódio de Ultraman? rss

Ricardo Machado

Eu vi na Internet um filme do Ultramam em que o “Hospedeiro” do Ultra era um Piloto de Caça F-15J (Japan) que caiu quando tentou interceptar um UFO entrando no Espaço Aéreo do Japão, procure, no final, quando JSDF esta tentando derrotar o “Kaiju” os F-15J aparecem para dar sua contribuição ao espetáculo (O Final nós Sabemos… ), procure, e tecnicamente melhor que aqueles que conhecemos no Séc XX.

Nonato

Na minha opinião, esses fabricantes não deveriam esperar licitações das forças armadas para desenvolver novos caças.
Deveriam estar sempre inovando, ter equipes exclusivas trabalhando com toda liberdade para inovar.
Criarem vários modelos e projetos.
E sempre divulgar os resultados ao publico ou às forças armadas.
Não faz sentido desenvolver às pressas um equipamento depois de iniciada uma licitação.
Não tem de ser caro eatar sempre inovando.

Ricardo Machado

Existe uma concentração Mundial em torno de diversas indústrias NÃO sem motivos, E CARO DE FAZER SEM UM MERCADO ASSEGURADO, veja a história do F-20 Tigershark, um BELÍSSIMO AVIÃO, e um dos meus favoritos, e não custou tanto assim, mas foi um empreendimento de RISCO, e no final, NÃO SE PAGOU. A Aviação está cheia de fabricantes que Fracassaram por motivos diversos, mas esse e UM DELES.

Últimas Notícias

B-52, JAS Gripen e F-35 em missão conjunta sobre a Noruega

Hoje cedo, caças suecos e noruegueses escoltaram bombardeiros estratégicos americanos B-52 sobre o território norueguês. Esta é a primeira...
Parceiro

LAAD 2023

- Advertisement -
- Advertisement -