terça-feira, setembro 28, 2021

Gripen para o Brasil

Air Peace recebe o primeiro E2 do continente africano

Destaques

Alexandre Galante
Jornalista, designer, fotógrafo e piloto virtual - alexgalante@fordefesa.com.br

 

São José dos Campos, SP, 27 de janeiro de 2021 – A Air Peace, a maior companhia aérea da Nigéria e do Oeste da África, recebeu hoje a sua primeira aeronave E195-E2. O avião voará das instalações da Embraer, em São José dos Campos, interior de São Paulo, para se juntar à frota da Air Peace, na Nigéria.

A Air Peace se torna a primeira cliente na África a iniciar operações com o E2, a mais nova, eficiente e confortável aeronave do segmento. A companhia aérea também é a cliente global lançadora do design inovador premium de assentos escalonados da Embraer.

O jato entregue hoje é o primeiro de 13 pedidos firmes do E195-E2, com direito de compra adicional para 17 outras aeronaves. As encomendas foram anunciadas em março de 2019, e atualizadas com a conversão de mais três pedidos firmes durante o Dubai Air Show, em novembro de 2019. O valor total do negócio, com todos os direitos de compra exercidos, é de US$ 2,2 bilhões. As aeronaves estão configuradas em uma confortável disposição de classe dupla com 124 assentos.

O Presidente e CEO da Air Peace, Allen Onyema, disse: “O E195-E2 é perfeito para expandir nossas operações domésticas e regionais. Estamos conscientes do impressionante desempenho econômico da aeronave, assim como da sua configuração única, principais motivos que nos levaram a fazer um pedido desta aeronave. É também um feito histórico, já que a Air Peace será a primeira a operar esse modelo em toda a África. O E195-E2 irá nos ajudar ainda mais a concretizar nossa ambição de conectar não apenas a Nigéria inteira, mas todo o continente africano, promovendo voos de longa distância a partir da nossa sede, em Lagos. A aquisição nos permitirá executar nossa iniciativa de atender um grande número de cidades, que é sustentada por nosso objetivo de reduzir a sobrecarga do transporte aéreo africano”.

Cesar Pereira, vice-presidente da Embraer Aviação Comercial para Europa, Oriente Médio e África, disse: “Entregar novos jatos para nossos clientes é a atividade favorita de todos da Embraer. Fazer isso nas atuais circunstâncias é uma conquista para todos nós, à medida que estamos nos adaptando ao cenário de mudança. Este é um grande começo de ano para todos da Air Peace e Embraer”.

A Air Peace já opera oito aeronaves ERJ-145 e usará o E195-E2 para aumentar sua conectividade doméstica e regional. O E2 é capaz de realizá-la com baixo custo para passageiros e lucratividade para a companhia aérea, além de oferecer uma experiência de viagem superior. Esta rede aprimorada também ajudará a alimentar e sustentar as operações de longo alcance no centro de Lagos, bem como a rota para os Emirados Árabes Unidos lançada em 2019 e para a África do Sul lançada em dezembro de 2020.

Atualmente, há 206 aeronaves da Embraer operando na África, em 56 companhias aéreas e 29 países.

Sobre a Embraer

Empresa aeroespacial global com sede no Brasil, a Embraer atua nos segmentos de Aviação Comercial, Aviação Executiva, Defesa & Segurança e Aviação Agrícola. A Companhia projeta, desenvolve, fabrica e comercializa aeronaves e sistemas, além de fornecer Serviços & Suporte a clientes no pós-venda.

Desde sua fundação, em 1969, a Embraer já entregou mais de 8 mil aeronaves. Em média, a cada 10 segundos uma aeronave fabricada pela Embraer decola de algum lugar do mundo, transportando anualmente mais de 145 milhões de passageiros.

A Embraer é líder na fabricação de jatos comerciais de até 150 assentos e a principal exportadora de bens de alto valor agregado do Brasil. A empresa mantém unidades industriais, escritórios, centros de serviço e de distribuição de peças, entre outras atividades, nas Américas, África, Ásia e Europa.

DIVULGAÇÃO: Embraer

- Advertisement -

11 Comments

Subscribe
Notify of
guest
11 Comentários
oldest
newest most voted
Inline Feedbacks
View all comments
Otavio

Que esta entrega sirva de vitrine, demonstrando a eficiência do E2, perante a concorrência, buscando encantar novos clientes e aumentar as vendas. Parabéns EMBRAER.

Wellington Góes

Detalhe… Sem descontaço….

FernandoEMB

Parabéns a todos envolvidos… mais um entregue. As entregas, aos poucos vão ocorrendo. Mais um cliente dos E2. Em breve a KLM recebe seu primeiro E2. O primeiro deles já voou.

Leandro Costa

Fernando, quanto E2 a KLM comprou?

Matheus

A Air Peace tem uma encomenda que pode chegar a 30 unidades do E195 E2. A KLM tem um pedido que pode chegar a 35 unidades do E195 E2. Ela também tem o E175 e é um cliente em potencial da versão E2, Fernando, creio que semana que vem o primeiro da KLM segue pra Amsterdam. Show de bola, e sobre o E175 E2? Tem alguma novidade que pode revelar? O desenvolvimento parece estar lento. Era pra ter três protótipos voando…mas até agora só tem um. Creio que por conta da Scope Clause a Embraer esteja mais cautelosa. Agora no… Read more »

Fernando

Muita coisa deve ocorrer este ano. Aguardem.

Leandro Costa

Sempre aguardo ansioso por boas notícias da Embraer e normalmente não me decepciono.

João Adaime

A Embraer é o Brasil que dá certo. Precisamos de mais empresas deste nível.

Sagaz

Discurso viralata, na verdade o “Brasil que dá errado” é a política, clero do funcionalisno, estatais, etc A exceção não é a regra.

JuggerBR

Bela aeronave, deu vontade de viajar nela, alias, de viajar em qualquer aeronave… Tá f… essa incerteza do futuro.

Last edited 8 meses atrás by Alexandre Galante
nonato

Um fato interessante é que essa empresa não operava ejets, ainda. E já compram 13 E2. E começaram voos mais longos recentemente. Sucesso à empresa. Demonstra a confiança no avião. O objetivo da Embraer não é ser a maior, mas ter uma fatia do mercado. Ser um player. Estar próxima dos grandes, sem pretensão de tomar o lugar de ninguém. Comer pelas beiradas. Com isso gerando emprego, trazendo divisas. Quando o negócio com a Boeing foi anunciado torci para que acontecesse algo que impossibilitasse o negócio. Fosse uma rejeição por órgãos reguladores, desistência da Boeing… Acabaram vindo o problema com… Read more »

Últimas Notícias

Zhuhai Airshow 2021: Apresentação do caça stealth Chengdu J-20

Pela primeira vez, o caça J-20 da Força Aérea do Exército de Libertação Popular da China (PLAAF) equipado com...
- Advertisement -
- Advertisement -